120 cruzamentos terão nova sinalização na Granja Lisboa

10 de março de 2020 em Mobilidade

120 cruzamentos terão nova sinalização na Granja Lisboa

O projeto será iniciado nesta terça-feira (10/03) e deve ser concluído em abril


Dando continuidade à elaboração de um pacote de intervenções de segurança viária em bairros da cidade que registram alta taxa de acidentalidade, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) implanta, a partir desta terça-feira (10/03), nova sinalização em 120 cruzamentos na Granja Lisboa. De 2015 a 2018 foram registrados 905 acidentes no local, sendo 96 atropelamentos. Um total de 26 pessoas morreram e 687 ficaram feridas neste período. 

Está prevista a instalação de dois novos semáforos no cruzamento da Av. Oscar Araripe X Rua Ari Maia e Av. Oscar Araripe X Rua Sargento João Pinheiro. Além dos equipamentos, serão colocadas 12 travessias elevadas para assegurar um ir e vir mais seguro aos pedestres, oito lombadas físicas e implantação do projeto de esquina segura no cruzamento da Rua Sargento João Pinheiro com Rua Bom Jesus que consiste na renovação da sinalização e fiscalização. 

Como parte das medidas, ciclistas também serão contemplados e poderão caminhar com segurança ao longo dos 5,9 km de infraestrutura cicloviária. Haverá recapeamento nas principais vias: Rua Cel. Fabriciano, Rua Pato Branco, Rua Francisco Paiva x Rua Cel. João Correia, Rua Ari Maia x Rua João XXIII e Rua Geraldo Barbosa. 

As mudanças também incluem permissão de estacionamento do lado direito nas vias Oscar Araripe e Oscar França, prolongamento de calçada verde em toda a extensão das mesmas e implantação de placas de sinalização indicando a velocidade de 40 km/h nestas ruas. A medida segue as diretrizes do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) que estabelece esse limite a vias coletoras. 

Haverá ainda o projeto “Caminhos da Escola” no entorno do Centro De Educação Infantil Professora Lireda Facó. O programa tem como objetivo garantir a segurança viária de crianças nos seus deslocamentos diários por meio da implantação de intervenções em áreas escolares. Será implementada, por exemplo, sinalização horizontal e vertical diferenciada com indicativo de velocidade de 30 km/h e faixa elevada. 

A previsão é que as intervenções sejam concluídas na primeira quinzena de abril. Messejana foi o primeiro bairro a receber o mutirão de serviços da AMC. O próximo será o Montese. São escolhidos os pontos que registram mais acidentes aliado à quantidade de solicitações de sinalização ao órgão. 

120 cruzamentos terão nova sinalização na Granja Lisboa

O projeto será iniciado nesta terça-feira (10/03) e deve ser concluído em abril

Dando continuidade à elaboração de um pacote de intervenções de segurança viária em bairros da cidade que registram alta taxa de acidentalidade, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) implanta, a partir desta terça-feira (10/03), nova sinalização em 120 cruzamentos na Granja Lisboa. De 2015 a 2018 foram registrados 905 acidentes no local, sendo 96 atropelamentos. Um total de 26 pessoas morreram e 687 ficaram feridas neste período. 

Está prevista a instalação de dois novos semáforos no cruzamento da Av. Oscar Araripe X Rua Ari Maia e Av. Oscar Araripe X Rua Sargento João Pinheiro. Além dos equipamentos, serão colocadas 12 travessias elevadas para assegurar um ir e vir mais seguro aos pedestres, oito lombadas físicas e implantação do projeto de esquina segura no cruzamento da Rua Sargento João Pinheiro com Rua Bom Jesus que consiste na renovação da sinalização e fiscalização. 

Como parte das medidas, ciclistas também serão contemplados e poderão caminhar com segurança ao longo dos 5,9 km de infraestrutura cicloviária. Haverá recapeamento nas principais vias: Rua Cel. Fabriciano, Rua Pato Branco, Rua Francisco Paiva x Rua Cel. João Correia, Rua Ari Maia x Rua João XXIII e Rua Geraldo Barbosa. 

As mudanças também incluem permissão de estacionamento do lado direito nas vias Oscar Araripe e Oscar França, prolongamento de calçada verde em toda a extensão das mesmas e implantação de placas de sinalização indicando a velocidade de 40 km/h nestas ruas. A medida segue as diretrizes do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) que estabelece esse limite a vias coletoras. 

Haverá ainda o projeto “Caminhos da Escola” no entorno do Centro De Educação Infantil Professora Lireda Facó. O programa tem como objetivo garantir a segurança viária de crianças nos seus deslocamentos diários por meio da implantação de intervenções em áreas escolares. Será implementada, por exemplo, sinalização horizontal e vertical diferenciada com indicativo de velocidade de 30 km/h e faixa elevada. 

A previsão é que as intervenções sejam concluídas na primeira quinzena de abril. Messejana foi o primeiro bairro a receber o mutirão de serviços da AMC. O próximo será o Montese. São escolhidos os pontos que registram mais acidentes aliado à quantidade de solicitações de sinalização ao órgão.