GABPREF - Gabinete do Prefeito

retrato do prefeito José Sarto

José Sarto

José Sarto Nogueira Moreira nasceu em Acopiara, no dia 13 de fevereiro de 1959. Mudou-se para Fortaleza com a família quando tinha um ano de idade. Cresceu e estudou na periferia da Capital. É casado com a enfermeira Natália Herculano, pai de Priscila, Jéssica, Letícia e Sarto, e avô de Mila, Georgia, Cauã e Joshua.

Neto da parteira Dona Nenem e filho da enfermeira Dona Alice, Sarto formou-se em Medicina pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e especializou-se em ginecologia e obstetrícia. Tem uma trajetória profissional marcada pela atuação em bairros da periferia. Foi o primeiro médico plantonista do Gonzaguinha da Barra do Ceará e realizou milhares de partos. Dedicou-se também ao trabalho humanitário no Fundo Cristão para Crianças.

No exercício da medicina, conheceu de perto as necessidades da população e decidiu entrar na vida pública a fim de ajudar ainda mais as pessoas. A carreira política iniciou em 1988, quando foi eleito pela primeira vez vereador de Fortaleza. Quatro anos depois, após ser reeleito, tornou-se presidente da Câmara Municipal de Fortaleza. Elegeu-se para o primeiro mandato de deputado estadual em 1994 e continuou assumindo posições estratégicas na política cearense.

Ao longo de sete mandatos na Assembleia Legislativa do Ceará, foi líder do Governo Cid Gomes, presidiu as comissões de Constituição, Justiça e Redação e de Educação, compôs a Mesa Diretora da Casa no biênio 2011/2012, como primeiro vice-presidente, quando Roberto Cláudio era o presidente. Foi também vice-líder do Governo Camilo Santana e presidente da Comissão de Fiscalização e Controle. Ainda como deputado estadual, foi eleito presidente do Parlamento cearense para o biênio 2019-2020, numa gestão comprometida com a modernização da Casa e valorização dos servidores. Esteve ao lado do governador Camilo Santana na aprovação de leis que beneficiaram os cearenses especialmente nas áreas de saúde, educação, segurança, mobilidade urbana e habitação.

Em 2019, chegou a assumir interinamente o Governo do Estado em duas ocasiões. Em 2020, exerceu protagonismo na gestão da crise imposta pela Covid-19, garantindo a aprovação de matérias relevantes para conter os efeitos da pandemia, incluindo as de proteção social da população mais vulnerável. Também compôs o Comitê Cearense de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus. Em 2020, foi eleito prefeito de Fortaleza, com o compromisso de reduzir desigualdades e contribuir para a construção de uma cidade cada vez mais humana, moderna, inclusiva e igualitária.