10 de fevereiro de 2022 em Fortaleza

Em parceria com Instituto Sueco, Prefeitura lança projeto Parada Segura

Prefeito Sarto recebeu comitiva da Suécia para consolidar implantação da iniciativa, que prevê 200 paradas de ônibus com tecnologias para uma maior segurança dos usuários


Sarto conversa com os representantes da Suécia
Sarto destacou que o encontro foi fundamental para fortalecer a parceria e até expandi-la para outras áreas, como resíduos sólidos e inovações tecnológicas (Foto: Kiko Silva)

O prefeito José Sarto recebeu, nesta quinta-feira (10/02), no Paço Municipal, o ministro-conselheiro da Embaixada da Suécia no Brasil, Sten Engdahl, o cônsul honorário da Suécia no Ceará, Marcos Aurélio Soares de Castro, e a representante da Impact Hub Brasil, Deise Nicoletto; para a efetivação de nova parceria com o Instituto Sueco para o programa Parada Segura. A iniciativa prevê, até o final da gestão, a construção de 200 pontos de ônibus com videomonitoramento, wi-fi, melhoria na iluminação, acessibilidade e ações de segurança cidadã para garantir maior segurança aos usuários de transporte público.

De acordo com Sarto, nove estruturas do programa Parada Segura serão implantadas em fase piloto. Ele destacou que o encontro foi fundamental para fortalecer a parceria e até expandi-la para outras áreas, como resíduos sólidos e inovações tecnológicas. "Também queremos ampliar a parceria para o manejo de resíduos sólidos. A Suécia possui uma longa história e expertise nesse assunto", afirmou.

O primeiro equipamento do projeto-piloto, localizado no Bairro de Fátima, deve ser entregue ainda neste mês de fevereiro. Após a implantação dos primeiros nove equipamentos, os órgãos responsáveis farão uma avaliação do funcionamento para a ampliação com melhorias nos 200 pontos. O projeto possui coordenação da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova) em parceria com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), a Secretaria da Gestão Regional (Seger), a Secretaria de Infraestrutura (Seinf), a Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) e a Secretaria da Segurança Cidadã (Sesec).

obra da parada inteligente
O primeiro equipamento do projeto-piloto deve ser entregue em fevereiro (Foto: Marcos Moura)

Conforme o presidente da Citinova, Luiz Alberto Sabóia, o projeto é um compromisso de campanha do prefeito Sarto, cuja parceria para a implantação é fundamental. “Iniciamos um diálogo com os representantes da Suécia para trazer as melhores práticas para o contexto de Fortaleza. Tecnologia, mobilidade urbana, segurança viária e resíduos sólidos são temas que podem dar frutos para a cidade com essa nova relação”, declarou Luiz Alberto.

O cônsul honorário da Embaixada da Suécia no Ceará, Marcos Aurélio Soares de Castro, frisou que a expectativa é que este seja o primeiro projeto entre tantos que possam surgir. “O ministro conselheiro da Embaixada está testemunhando o que a cidade tem a oferecer, de modo que possamos interagir. Ao longo de 20 anos, temos feito iniciativas positivas e a Suécia tem sido uma parceria importante. Não apenas receber, mas também trocar valores e produtos e desenvolver grandes planos”.

Nesta quinta-feira, os representantes suecos participaram da conferência virtual do projeto “Urban Challenges - Tornando o Transporte Público Seguro para Todos”, realizada com gestores do Brasil, Colômbia, México e Suécia. O Urban Challenges é uma iniciativa do Instituto Sueco, em parceria com a Impact Hub Stockholm e a Impact Hub Network na América Latina, com foco no ODS 11, que tem como objetivo tornar as cidades inclusivas, seguras, resilientes e sustentáveis.

Em parceria com Instituto Sueco, Prefeitura lança projeto Parada Segura

Prefeito Sarto recebeu comitiva da Suécia para consolidar implantação da iniciativa, que prevê 200 paradas de ônibus com tecnologias para uma maior segurança dos usuários

Sarto conversa com os representantes da Suécia
Sarto destacou que o encontro foi fundamental para fortalecer a parceria e até expandi-la para outras áreas, como resíduos sólidos e inovações tecnológicas (Foto: Kiko Silva)

O prefeito José Sarto recebeu, nesta quinta-feira (10/02), no Paço Municipal, o ministro-conselheiro da Embaixada da Suécia no Brasil, Sten Engdahl, o cônsul honorário da Suécia no Ceará, Marcos Aurélio Soares de Castro, e a representante da Impact Hub Brasil, Deise Nicoletto; para a efetivação de nova parceria com o Instituto Sueco para o programa Parada Segura. A iniciativa prevê, até o final da gestão, a construção de 200 pontos de ônibus com videomonitoramento, wi-fi, melhoria na iluminação, acessibilidade e ações de segurança cidadã para garantir maior segurança aos usuários de transporte público.

De acordo com Sarto, nove estruturas do programa Parada Segura serão implantadas em fase piloto. Ele destacou que o encontro foi fundamental para fortalecer a parceria e até expandi-la para outras áreas, como resíduos sólidos e inovações tecnológicas. "Também queremos ampliar a parceria para o manejo de resíduos sólidos. A Suécia possui uma longa história e expertise nesse assunto", afirmou.

O primeiro equipamento do projeto-piloto, localizado no Bairro de Fátima, deve ser entregue ainda neste mês de fevereiro. Após a implantação dos primeiros nove equipamentos, os órgãos responsáveis farão uma avaliação do funcionamento para a ampliação com melhorias nos 200 pontos. O projeto possui coordenação da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova) em parceria com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), a Secretaria da Gestão Regional (Seger), a Secretaria de Infraestrutura (Seinf), a Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) e a Secretaria da Segurança Cidadã (Sesec).

obra da parada inteligente
O primeiro equipamento do projeto-piloto deve ser entregue em fevereiro (Foto: Marcos Moura)

Conforme o presidente da Citinova, Luiz Alberto Sabóia, o projeto é um compromisso de campanha do prefeito Sarto, cuja parceria para a implantação é fundamental. “Iniciamos um diálogo com os representantes da Suécia para trazer as melhores práticas para o contexto de Fortaleza. Tecnologia, mobilidade urbana, segurança viária e resíduos sólidos são temas que podem dar frutos para a cidade com essa nova relação”, declarou Luiz Alberto.

O cônsul honorário da Embaixada da Suécia no Ceará, Marcos Aurélio Soares de Castro, frisou que a expectativa é que este seja o primeiro projeto entre tantos que possam surgir. “O ministro conselheiro da Embaixada está testemunhando o que a cidade tem a oferecer, de modo que possamos interagir. Ao longo de 20 anos, temos feito iniciativas positivas e a Suécia tem sido uma parceria importante. Não apenas receber, mas também trocar valores e produtos e desenvolver grandes planos”.

Nesta quinta-feira, os representantes suecos participaram da conferência virtual do projeto “Urban Challenges - Tornando o Transporte Público Seguro para Todos”, realizada com gestores do Brasil, Colômbia, México e Suécia. O Urban Challenges é uma iniciativa do Instituto Sueco, em parceria com a Impact Hub Stockholm e a Impact Hub Network na América Latina, com foco no ODS 11, que tem como objetivo tornar as cidades inclusivas, seguras, resilientes e sustentáveis.