27 de janeiro de 2021 em Saúde

Idosos recebem primeira dose de vacinação contra a Covid-19 em casa

Retorno às atividades e visitas a pessoas queridas são esperados por aqueles que fazem parte do grupo de maior risco


dona adília é vacinada
Dona Adília Maria Elisiário, de 90 anos, espera poder sair novamente para ir ao supermercado ou ir à missa (Fotos: Thiago Gaspar)

Ficar em casa é a regra chave para se proteger do coronavírus. Mas para a dona Adília Maria Elisiário, de 90 anos, o momento é de esperança pelos dias em que poderá sair novamente para ir ao supermercado ou ir à missa, atividades que costumava exercer rotineiramente.

“Eu fiquei muito preocupada com essa doença, mas agora já me sinto mais tranquila, pois uma parte já está feita”, afirmou a idosa, uma das contempladas neste primeiro dia de vacinação domiciliar em Fortaleza.

Nesta quarta-feira (27/01), 97 pessoas acima de 75 anos que já possuíam agendamento prévio receberam a primeira dose da vacina Oxford/AstraZeneca. Um total de 10 equipes da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) se dividiu em rotas diferentes pela cidade, levando a primeira etapa da imunização ao conforto do lar dos beneficiados.

A partir da próxima semana, cerca de 70 equipes distribuídas pelos bairros estarão em campo em todo o município, com capacidade para visitar mais de dois mil domicílios por dia, conferindo maior celeridade à ação, conforme divulgado em coletiva pela secretária da Saúde do Município, Ana Estela Leite. 

Quem também recebeu a equipe com bastante ansiedade foi o senhor Danilo Eugênio, de 80 anos. Desde março em casa, ele não vê a hora de poder sair à rua novamente. “Estou feliz demais, aliviado e esperando o período de pandemia passar”, disse. A segunda dose será administrada três meses após a primeira.

Maria do Socorro Figueiredo recebe o cartão de vacina de uma enfermeira
Maria do Socorro Figueiredo, 80 anos: expectativa de voltar a trabalhar com decorações e visitar pessoas queridas

Já a Maria do Socorro Figueiredo, de 80 anos, também parcialmente imunizada, espera dias melhores, nos quais poderá voltar a trabalhar com decorações e visitar pessoas queridas. “Eu gosto de sair, bater perna, ver meus amigos. Passei meu aniversário apenas com o pessoal de casa. Mas a sensação agora é de tranquilidade”, contou,

Neste lote de vacinas, um total de 25.460 idosos acima de 75 anos devem ser beneficiados, número que poderá aumentar conforme a chegada de novos imunizantes. O público faz parte da primeira fase do Plano de Vacinação de Fortaleza.

O agendamento para este grupo segue sendo realizado pelo aplicativo Mais Saúde Fortaleza (disponível para iOS e Google Play) e pelo site Vacine Já.

Assista a cobertura da TV Terra do Sol do primeiro dia de vacinação domiciliar.


Idosos recebem primeira dose de vacinação contra a Covid-19 em casa

Retorno às atividades e visitas a pessoas queridas são esperados por aqueles que fazem parte do grupo de maior risco

dona adília é vacinada
Dona Adília Maria Elisiário, de 90 anos, espera poder sair novamente para ir ao supermercado ou ir à missa (Fotos: Thiago Gaspar)

Ficar em casa é a regra chave para se proteger do coronavírus. Mas para a dona Adília Maria Elisiário, de 90 anos, o momento é de esperança pelos dias em que poderá sair novamente para ir ao supermercado ou ir à missa, atividades que costumava exercer rotineiramente.

“Eu fiquei muito preocupada com essa doença, mas agora já me sinto mais tranquila, pois uma parte já está feita”, afirmou a idosa, uma das contempladas neste primeiro dia de vacinação domiciliar em Fortaleza.

Nesta quarta-feira (27/01), 97 pessoas acima de 75 anos que já possuíam agendamento prévio receberam a primeira dose da vacina Oxford/AstraZeneca. Um total de 10 equipes da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) se dividiu em rotas diferentes pela cidade, levando a primeira etapa da imunização ao conforto do lar dos beneficiados.

A partir da próxima semana, cerca de 70 equipes distribuídas pelos bairros estarão em campo em todo o município, com capacidade para visitar mais de dois mil domicílios por dia, conferindo maior celeridade à ação, conforme divulgado em coletiva pela secretária da Saúde do Município, Ana Estela Leite. 

Quem também recebeu a equipe com bastante ansiedade foi o senhor Danilo Eugênio, de 80 anos. Desde março em casa, ele não vê a hora de poder sair à rua novamente. “Estou feliz demais, aliviado e esperando o período de pandemia passar”, disse. A segunda dose será administrada três meses após a primeira.

Maria do Socorro Figueiredo recebe o cartão de vacina de uma enfermeira
Maria do Socorro Figueiredo, 80 anos: expectativa de voltar a trabalhar com decorações e visitar pessoas queridas

Já a Maria do Socorro Figueiredo, de 80 anos, também parcialmente imunizada, espera dias melhores, nos quais poderá voltar a trabalhar com decorações e visitar pessoas queridas. “Eu gosto de sair, bater perna, ver meus amigos. Passei meu aniversário apenas com o pessoal de casa. Mas a sensação agora é de tranquilidade”, contou,

Neste lote de vacinas, um total de 25.460 idosos acima de 75 anos devem ser beneficiados, número que poderá aumentar conforme a chegada de novos imunizantes. O público faz parte da primeira fase do Plano de Vacinação de Fortaleza.

O agendamento para este grupo segue sendo realizado pelo aplicativo Mais Saúde Fortaleza (disponível para iOS e Google Play) e pelo site Vacine Já.

Assista a cobertura da TV Terra do Sol do primeiro dia de vacinação domiciliar.