19 de outubro de 2017 em Mobilidade

Prefeito Roberto Cláudio anuncia pacote de intervenções viárias na Avenida Leste-Oeste

As ações vão privilegiar a travessia de pedestres para reduzir o número de acidentes e mortes na área


prefeito roberto cláudio
"Nosso objetivo é preservar vidas e esse conjunto de intervenções vai trazer mais segurança viária, especialmente, para quem mora no entorno", explicou Roberto Cláudio
O prefeito Roberto Cláudio anunciou, na manhã desta quinta-feira (19/10), um Plano de Segurança Viária para reduzir acidentes na Av. Leste-Oeste. O conjunto de intervenções inclui novos semáforos, readequação de canteiros, implantação de binários e ciclofaixa.

A via é a terceira em número de mortes no trânsito na Capital e a primeira quando as vítimas são os pedestres. Um estudo feito pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) mostra que, nos últimos dez anos, 106 pessoas morreram na Av. Leste-Oeste, o que equivale a uma morte por mês. 66% das vítimas eram pedestres. Somente no ano passado, foram registradas oito mortes ao longo da avenida, todas decorrentes de atropelamento. “Temos dois grandes motivos para iniciar pela Avenida Leste-Oeste. O primeiro, e mais importante, é preservar vidas e esse conjunto de intervenções vai trazer mais segurança viária, especialmente, para quem mora no entorno. A segunda motivação é a urbanização da Avenida, dando continuidade à implantação de ecopontos e ecopolos em uma das mais importantes vias de entrada e saída de Fortaleza”, afirmou o Prefeito.

Seis novos semáforos com tempo para pedestres serão implantados na Av. Leste-Oeste com as seguintes vias: Pedro Américo, Alves de Lima, Francisco Calaça, Graça Aranha, Seis Companheiros e Ceci, sendo os dois últimos exclusivos para pedestres. Além disso, os semáforos já existentes nas avenidas Pasteur e Robert Kennedy passarão a contar com estágio exclusivo para pedestres. “Estamos falando de uma das áreas mais densas de Fortaleza e que concentra a passagem de muitos carros. Além disso, ela não foi desenhada para privilegiar ciclistas ou pedestres, por isso vamos implantar os semáforos para pedestres, inclusive com botoeira sonora para deficientes visuais”, explicou o secretário de Conservação e Serviços Públicos, Luiz Eduardo Sabóia. Fortaleza registra hoje mais de um milhão de veículos.

Ainda dentro do pacote de intervenções, será implantada a continuação da ciclofaixa na Av. Leste-Oeste, sendo uma ciclofaixa unidirecional em cada lado do canteiro, entre a Avenida Pasteur e a Rua Ceci, totalizando 3,2km de nova infraestrutura cicloviária para a região. A ação tem apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária. Em virtude das intervenções, alguns pontos de parada serão redimensionados para se aproximar dos novos semáforos para pedestres. As intervenções devem ser executadas em duas etapas, com início previsto ainda para o mês de outubro.

O pacote ainda prevê o fechamento de canteiros centrais, retirada das esquerdas Norte e Sul na Av. Dr. Theberge e a implantação de dois binários: ruas Pedro Américo/Alves de Lima e ruas Francisco Calaço/Graça Aranha. Com base nos estudos técnicos elaborados pela AMC, a Rua Pedro Américo terá sentido sertão/praia e a Rua Alves de Lima concentrará todo o fluxo veicular no sentido praia/sertão, no trecho compreendido entre as avenidas Leste-Oeste e Francisco Sá. Já a Rua Francisco Calaça passa a ter sentido sertão/praia, enquanto a Rua Graça Aranha terá sentido praia/sertão. Para viabilizar os binários, serão instalados dois novos semáforos nos cruzamento da Av. Francisco Sá com Graça Aranha e Francisco Calaça. Ambos contarão com estágio exclusivo para pedestres.

A Avenida Leste-Oeste corta cinco bairros de Fortaleza. O conjunto de ações para melhorar a segurança viária está sendo discutido com os moradores da Região. Outras duas reuniões já estão agendadas para explicar detalhes do projeto. “Nessa interação sempre surgem boas ideias, por isso é importante que a gente converse com quem entende as dificuldades e embora o projeto esteja pronto, nada impede que alterações sejam feitas nas ruas secundárias”, afirmou Sabóia.

Outras ações

Além das intervenções na Leste-Oeste, as obras no entorno do Terminal do Siqueira para melhorar o trânsito na área serão finalizadas em novembro. Até dezembro, será concluída a terceira etapa das intervenções próximas ao Terminal de Messejana. No mesmo período, inicia-se a operação binário na Maraponga e na Avenida José Leon.

Prefeito Roberto Cláudio anuncia pacote de intervenções viárias na Avenida Leste-Oeste

As ações vão privilegiar a travessia de pedestres para reduzir o número de acidentes e mortes na área

prefeito roberto cláudio
"Nosso objetivo é preservar vidas e esse conjunto de intervenções vai trazer mais segurança viária, especialmente, para quem mora no entorno", explicou Roberto Cláudio
O prefeito Roberto Cláudio anunciou, na manhã desta quinta-feira (19/10), um Plano de Segurança Viária para reduzir acidentes na Av. Leste-Oeste. O conjunto de intervenções inclui novos semáforos, readequação de canteiros, implantação de binários e ciclofaixa.

A via é a terceira em número de mortes no trânsito na Capital e a primeira quando as vítimas são os pedestres. Um estudo feito pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) mostra que, nos últimos dez anos, 106 pessoas morreram na Av. Leste-Oeste, o que equivale a uma morte por mês. 66% das vítimas eram pedestres. Somente no ano passado, foram registradas oito mortes ao longo da avenida, todas decorrentes de atropelamento. “Temos dois grandes motivos para iniciar pela Avenida Leste-Oeste. O primeiro, e mais importante, é preservar vidas e esse conjunto de intervenções vai trazer mais segurança viária, especialmente, para quem mora no entorno. A segunda motivação é a urbanização da Avenida, dando continuidade à implantação de ecopontos e ecopolos em uma das mais importantes vias de entrada e saída de Fortaleza”, afirmou o Prefeito.

Seis novos semáforos com tempo para pedestres serão implantados na Av. Leste-Oeste com as seguintes vias: Pedro Américo, Alves de Lima, Francisco Calaça, Graça Aranha, Seis Companheiros e Ceci, sendo os dois últimos exclusivos para pedestres. Além disso, os semáforos já existentes nas avenidas Pasteur e Robert Kennedy passarão a contar com estágio exclusivo para pedestres. “Estamos falando de uma das áreas mais densas de Fortaleza e que concentra a passagem de muitos carros. Além disso, ela não foi desenhada para privilegiar ciclistas ou pedestres, por isso vamos implantar os semáforos para pedestres, inclusive com botoeira sonora para deficientes visuais”, explicou o secretário de Conservação e Serviços Públicos, Luiz Eduardo Sabóia. Fortaleza registra hoje mais de um milhão de veículos.

Ainda dentro do pacote de intervenções, será implantada a continuação da ciclofaixa na Av. Leste-Oeste, sendo uma ciclofaixa unidirecional em cada lado do canteiro, entre a Avenida Pasteur e a Rua Ceci, totalizando 3,2km de nova infraestrutura cicloviária para a região. A ação tem apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária. Em virtude das intervenções, alguns pontos de parada serão redimensionados para se aproximar dos novos semáforos para pedestres. As intervenções devem ser executadas em duas etapas, com início previsto ainda para o mês de outubro.

O pacote ainda prevê o fechamento de canteiros centrais, retirada das esquerdas Norte e Sul na Av. Dr. Theberge e a implantação de dois binários: ruas Pedro Américo/Alves de Lima e ruas Francisco Calaço/Graça Aranha. Com base nos estudos técnicos elaborados pela AMC, a Rua Pedro Américo terá sentido sertão/praia e a Rua Alves de Lima concentrará todo o fluxo veicular no sentido praia/sertão, no trecho compreendido entre as avenidas Leste-Oeste e Francisco Sá. Já a Rua Francisco Calaça passa a ter sentido sertão/praia, enquanto a Rua Graça Aranha terá sentido praia/sertão. Para viabilizar os binários, serão instalados dois novos semáforos nos cruzamento da Av. Francisco Sá com Graça Aranha e Francisco Calaça. Ambos contarão com estágio exclusivo para pedestres.

A Avenida Leste-Oeste corta cinco bairros de Fortaleza. O conjunto de ações para melhorar a segurança viária está sendo discutido com os moradores da Região. Outras duas reuniões já estão agendadas para explicar detalhes do projeto. “Nessa interação sempre surgem boas ideias, por isso é importante que a gente converse com quem entende as dificuldades e embora o projeto esteja pronto, nada impede que alterações sejam feitas nas ruas secundárias”, afirmou Sabóia.

Outras ações

Além das intervenções na Leste-Oeste, as obras no entorno do Terminal do Siqueira para melhorar o trânsito na área serão finalizadas em novembro. Até dezembro, será concluída a terceira etapa das intervenções próximas ao Terminal de Messejana. No mesmo período, inicia-se a operação binário na Maraponga e na Avenida José Leon.