03 de agosto de 2019 em Saúde

Prefeito Roberto Cláudio assina ordem de serviço para reforma do Frotinha da Parangaba

Hospital ganhará um novo centro cirúrgico, ampliando em 100% a sua capacidade


Prefeito ao centro sorrindo e segurando documento junto com pessoas ao redor
A ação faz parte do programa de reestruturação da rede hospitalar municipal com obras de reforma, ampliação e construção de novas unidades em Fortaleza
O prefeito Roberto Cláudio assinou, na manhã deste sábado (03/08), a ordem de serviço para a reforma do Hospital Distrital Maria José Barroso de Oliveira, o Frotinha da Parangaba. A ação faz parte do programa de reestruturação da rede hospitalar municipal com obras de reforma, ampliação e construção de novas unidades em Fortaleza.

A intervenção abrange uma área de 4.918 m² e está orçada em R$ 5.870.887,59. O Hospital terá novo centro cirúrgico, ampliando em 100% a sua capacidade, passando de duas para quatro salas de cirurgia. Também serão ampliados os leitos de recuperação, de observação, de enfermaria, de UTI e de reanimação, com 37 novas unidades, cerca de 40% a capacidade instalada do equipamento, além de uma nova Central de Material e Esterilização (CME).  

De acordo com Roberto Cláudio, trata-se de uma obra muito esperada e cujo projeto foi adaptado à necessidade da rede municipal. O Gestor ressalta que a rede dos Frotinhas pode atender parte da demanda do Instituto Doutor José Frota (IJF), caso haja capacidade de resolver procedimentos de média complexidade. Para isso, é preciso uma lógica assistencial que aumente a produtividade do hospital, justamente o objetivo das atuais intervenções. 

“A gente está ampliando o Hospital, mas com racionalidade. E após a entrega da reforma, o Frotinha da Parangaba vai conseguir internar, operar mais, além de reduzir o tempo de espera, aumentando não apenas o volume, mas a qualidade do serviço”, reforçou o Prefeito.

Segundo, a titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), Manuela Nogueira, a conclusão do bloco anexo está prevista para agosto de 2020, mas o andamento deve ser célere, já que as obras não estão sendo realizadas em etapas. "Com o novo prédio funcionando, poderemos fazer alguma intervenção no bloco principal. Quanto mais rápido a gente finalizar a obra, mais rápido serão entregues os leitos e os centros cirúrgicos para a rede hospitalar", disse.

O Frotinha da Parangaba realiza, mensalmente, cerca de 4 mil atendimentos de urgência e emergência em clínica médica, cirúrgica e traumatológica, além de uma média de 310 cirurgias por mês. Entre os serviços ofertados, estão exames laboratoriais, gráficos e por imagem, o que totaliza aproximadamente 11,5 mil procedimentos.

O coordenador de Hospitais e Unidades Especializadas da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Romel Araújo, lembra que no momento todas as unidades da SMS estão passando por ampliações e reformas. No caso da Parangaba, com o novo anexo, será resolvido principalmente o atendimento da emergência, pequeno para a demanda atual. "Nossos hospitais secundários respondem plenamente pelas demandas que temos na rede. Com as reformas dos últimos anos, estamos ofertando mais consultas, mais exames, mais internações, melhorando a qualificação do atendimento com segurança e celeridade para os pacientes", destacou.

Reestruturação da rede hospitalar

O programa de obras e intervenções na rede hospitalar municipal iniciado na gestão do prefeito Roberto Cláudio já entregou melhorias nos Frotinhas de Antônio Bezerra e Messejana e nos Gonzaguinhas de Messejana e Barra do Ceará, bem como no Hospital Nossa Senhora da Conceição.

No Frotinha de Antônio Bezerra, houve reforma e ampliação das enfermarias, que passaram de 54 para 70 leitos. No Frotinha de Messejana, foram feitas a troca da subestação de energia, a climatização de dois postos de enfermagem e a criação de 11 novos leitos, ampliando a capacidade do hospital para 71.

Na área obstétrica, que contempla os hospitais maternidades, foram revitalizados 18 leitos do Gonzaguinha de Messejana, além da reforma da coberta, revisão das instalações elétricas e reforma do centro cirúrgico do Gonzaguinha da Barra do Ceará, enquanto que o Gonzaguinha do José Walter está recebendo reforma da coberta. O Hospital Nossa Senhora da Conceição ganhou seis novas salas de pré-parto, parto e pós-parto, além de 12 novos leitos de observação e 10 novos leitos de cuidados intermediários.

Saiba mais

O Frotinha da Parangaba foi inaugurado em 6 de outubro de 1977, sendo a primeira unidade de descentralização do Instituto José Frota (IJF). O terreno foi doado pela Fundação São Sebastião, criada por Maria José Barroso de Oliveira, dando origem ao nome da unidade hospitalar.

Prefeito Roberto Cláudio assina ordem de serviço para reforma do Frotinha da Parangaba

Hospital ganhará um novo centro cirúrgico, ampliando em 100% da sua capacidade

O prefeito Roberto Cláudio assinou, neste sábado (03/08), a ordem de serviço para a reforma do Hospital Distrital Maria José Barroso de Oliveira, o Frotinha da Parangaba. A ação faz parte do programa de reestruturação da rede hospitalar municipal com obras de reforma, de ampliação e de construção de novas unidades em Fortaleza.

A  intervenção abrange área de 4.918 m², orçada em R$ 5.870.887,59. O Hospital terá novo centro cirúrgico, ampliando em 100% da sua capacidade, passando de duas para quatro salas de cirurgia. Também serão ampliados os leitos de recuperação, de observação, de enfermaria, de UTU e de reanimação, com 37 novas unidades, cerca de 40% a capacidade instalada do Equipamento, além de uma nova central de material e esterilização (CME).  

Conforme o prefeito Roberto Cláudio, esta é uma obra muito esperada e cujo projeto foi adaptado à necessidade da rede municipal. Ele ressalta que a rede dos Frotinhas podem atender parte da demanda do Instituto Doutor José Frota (IJF) caso haja capacidade de resolver procedimentos de média complexidade. Para isso, é preciso de uma lógica assistencial que aumente a produtividade do hospital, justamente o objetivo das atuais intervenções. 

“A gente está ampliando o Hospital, mas com racionalidade, e após a entrega da reforma, o Frotinha da Parangaba vai conseguir internar, operar mais, além de reduzir o tempo de espera, aumentando não apenas o volume, mas a qualidade do serviço”, reforçou o prefeito.

Além disso, de acordo com a titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), A conclusão do bloco anexo está prevista para agosto de 2020, mas o andamento deve ser célere já que as obras não estão sendo realizadas em etapas. "Com o novo prédio funcionando, poderemos fazer alguma intervenção no bloco principal. Quanto mais rápido a gente finalizar a obra, mais rápido serão entregues os leitos e os centros cirúrgicos para a rede hospitalar", disse.

O Frotinha da Parangaba realiza, mensalmente, cerca de 4 mil atendimentos de urgência e emergência em clínica médica, cirúrgica e traumatológica, além de uma média de 310 cirurgias por mês. Entre os serviços ofertados estão exames laboratoriais, gráficos e por imagem, o que totaliza uma média de 11,5 mil procedimentos.

O coordenador de Hospitais e Unidades Especializadas da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Romel Araújo, lembra que atualmente todas as unidades da SMS estão passando por ampliações e reformas. No caso da Parangaba, com o novo anexo, será resolvido principalmente o atendimento da emergência, pequeno para a demanda atual. "Nossos hospitais secundários respondem plenamente pelas demandas que temos na rede. Com as reformas dos últimos anos, estamos ofertando mais consultas, mais exames, mais internações, melhorando a qualificação do atendimento com segurança e celeridade para os pacientes", pontuou.


Reestruturação da rede hospitalar

O programa de obras e intervenções na rede hospitalar municipal iniciado na gestão do prefeito Roberto Cláudio já entregou melhorias nos Frotinhas de Antônio Bezerra e Messejana e nos Gonzaguinhas de Messejana e Barra do Ceará, bem como no Hospital Nossa Senhora da Conceição.

No Frotinha de Antônio Bezerra, houve reforma e ampliação das enfermarias, que passaram de 54 para 70 leitos. No Frotinha de Messejana, foram feitas a substituição da subestação de energia, a climatização de dois postos de enfermagem e a criação de 11 novos leitos, ampliando a capacidade do hospital para 71.

Na área obstétrica, que contempla os hospitais maternidades, foram revitalizados 18 leitos do Gonzaguinha de Messejana, além da reforma da coberta, revisão das instalações elétricas e reforma do centro cirúrgico do Gonzaguinha da Barra do Ceará enquanto que o Gonzaguinha do José Walter, encontra-se em reforma da coberta da unidade. O Hospital Nossa Senhora da Conceição recebeu seis novas salas de pré parto, parto e pós parto, além de 12 novos leitos de observação e 10 novos leitos de cuidados intermediários.

Saiba mais

O Frotinha da Parangaba foi inaugurado em 6 de outubro de 1977, sendo a primeira unidade de descentralização do Instituto José Frota (IJF). O terreno foi doado pela Fundação São Sebastião, criada por Maria José Barroso de Oliveira, dando origem ao nome da unidade hospitalar.

Prefeito Roberto Cláudio assina ordem de serviço para reforma do Frotinha da Parangaba

Hospital ganhará um novo centro cirúrgico, ampliando em 100% a sua capacidade

Prefeito ao centro sorrindo e segurando documento junto com pessoas ao redor
A ação faz parte do programa de reestruturação da rede hospitalar municipal com obras de reforma, ampliação e construção de novas unidades em Fortaleza
O prefeito Roberto Cláudio assinou, na manhã deste sábado (03/08), a ordem de serviço para a reforma do Hospital Distrital Maria José Barroso de Oliveira, o Frotinha da Parangaba. A ação faz parte do programa de reestruturação da rede hospitalar municipal com obras de reforma, ampliação e construção de novas unidades em Fortaleza.

A intervenção abrange uma área de 4.918 m² e está orçada em R$ 5.870.887,59. O Hospital terá novo centro cirúrgico, ampliando em 100% a sua capacidade, passando de duas para quatro salas de cirurgia. Também serão ampliados os leitos de recuperação, de observação, de enfermaria, de UTI e de reanimação, com 37 novas unidades, cerca de 40% a capacidade instalada do equipamento, além de uma nova Central de Material e Esterilização (CME).  

De acordo com Roberto Cláudio, trata-se de uma obra muito esperada e cujo projeto foi adaptado à necessidade da rede municipal. O Gestor ressalta que a rede dos Frotinhas pode atender parte da demanda do Instituto Doutor José Frota (IJF), caso haja capacidade de resolver procedimentos de média complexidade. Para isso, é preciso uma lógica assistencial que aumente a produtividade do hospital, justamente o objetivo das atuais intervenções. 

“A gente está ampliando o Hospital, mas com racionalidade. E após a entrega da reforma, o Frotinha da Parangaba vai conseguir internar, operar mais, além de reduzir o tempo de espera, aumentando não apenas o volume, mas a qualidade do serviço”, reforçou o Prefeito.

Segundo, a titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), Manuela Nogueira, a conclusão do bloco anexo está prevista para agosto de 2020, mas o andamento deve ser célere, já que as obras não estão sendo realizadas em etapas. "Com o novo prédio funcionando, poderemos fazer alguma intervenção no bloco principal. Quanto mais rápido a gente finalizar a obra, mais rápido serão entregues os leitos e os centros cirúrgicos para a rede hospitalar", disse.

O Frotinha da Parangaba realiza, mensalmente, cerca de 4 mil atendimentos de urgência e emergência em clínica médica, cirúrgica e traumatológica, além de uma média de 310 cirurgias por mês. Entre os serviços ofertados, estão exames laboratoriais, gráficos e por imagem, o que totaliza aproximadamente 11,5 mil procedimentos.

O coordenador de Hospitais e Unidades Especializadas da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Romel Araújo, lembra que no momento todas as unidades da SMS estão passando por ampliações e reformas. No caso da Parangaba, com o novo anexo, será resolvido principalmente o atendimento da emergência, pequeno para a demanda atual. "Nossos hospitais secundários respondem plenamente pelas demandas que temos na rede. Com as reformas dos últimos anos, estamos ofertando mais consultas, mais exames, mais internações, melhorando a qualificação do atendimento com segurança e celeridade para os pacientes", destacou.

Reestruturação da rede hospitalar

O programa de obras e intervenções na rede hospitalar municipal iniciado na gestão do prefeito Roberto Cláudio já entregou melhorias nos Frotinhas de Antônio Bezerra e Messejana e nos Gonzaguinhas de Messejana e Barra do Ceará, bem como no Hospital Nossa Senhora da Conceição.

No Frotinha de Antônio Bezerra, houve reforma e ampliação das enfermarias, que passaram de 54 para 70 leitos. No Frotinha de Messejana, foram feitas a troca da subestação de energia, a climatização de dois postos de enfermagem e a criação de 11 novos leitos, ampliando a capacidade do hospital para 71.

Na área obstétrica, que contempla os hospitais maternidades, foram revitalizados 18 leitos do Gonzaguinha de Messejana, além da reforma da coberta, revisão das instalações elétricas e reforma do centro cirúrgico do Gonzaguinha da Barra do Ceará, enquanto que o Gonzaguinha do José Walter está recebendo reforma da coberta. O Hospital Nossa Senhora da Conceição ganhou seis novas salas de pré-parto, parto e pós-parto, além de 12 novos leitos de observação e 10 novos leitos de cuidados intermediários.

Saiba mais

O Frotinha da Parangaba foi inaugurado em 6 de outubro de 1977, sendo a primeira unidade de descentralização do Instituto José Frota (IJF). O terreno foi doado pela Fundação São Sebastião, criada por Maria José Barroso de Oliveira, dando origem ao nome da unidade hospitalar.

Prefeito Roberto Cláudio assina ordem de serviço para reforma do Frotinha da Parangaba

Hospital ganhará um novo centro cirúrgico, ampliando em 100% da sua capacidade

O prefeito Roberto Cláudio assinou, neste sábado (03/08), a ordem de serviço para a reforma do Hospital Distrital Maria José Barroso de Oliveira, o Frotinha da Parangaba. A ação faz parte do programa de reestruturação da rede hospitalar municipal com obras de reforma, de ampliação e de construção de novas unidades em Fortaleza.

A  intervenção abrange área de 4.918 m², orçada em R$ 5.870.887,59. O Hospital terá novo centro cirúrgico, ampliando em 100% da sua capacidade, passando de duas para quatro salas de cirurgia. Também serão ampliados os leitos de recuperação, de observação, de enfermaria, de UTU e de reanimação, com 37 novas unidades, cerca de 40% a capacidade instalada do Equipamento, além de uma nova central de material e esterilização (CME).  

Conforme o prefeito Roberto Cláudio, esta é uma obra muito esperada e cujo projeto foi adaptado à necessidade da rede municipal. Ele ressalta que a rede dos Frotinhas podem atender parte da demanda do Instituto Doutor José Frota (IJF) caso haja capacidade de resolver procedimentos de média complexidade. Para isso, é preciso de uma lógica assistencial que aumente a produtividade do hospital, justamente o objetivo das atuais intervenções. 

“A gente está ampliando o Hospital, mas com racionalidade, e após a entrega da reforma, o Frotinha da Parangaba vai conseguir internar, operar mais, além de reduzir o tempo de espera, aumentando não apenas o volume, mas a qualidade do serviço”, reforçou o prefeito.

Além disso, de acordo com a titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), A conclusão do bloco anexo está prevista para agosto de 2020, mas o andamento deve ser célere já que as obras não estão sendo realizadas em etapas. "Com o novo prédio funcionando, poderemos fazer alguma intervenção no bloco principal. Quanto mais rápido a gente finalizar a obra, mais rápido serão entregues os leitos e os centros cirúrgicos para a rede hospitalar", disse.

O Frotinha da Parangaba realiza, mensalmente, cerca de 4 mil atendimentos de urgência e emergência em clínica médica, cirúrgica e traumatológica, além de uma média de 310 cirurgias por mês. Entre os serviços ofertados estão exames laboratoriais, gráficos e por imagem, o que totaliza uma média de 11,5 mil procedimentos.

O coordenador de Hospitais e Unidades Especializadas da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Romel Araújo, lembra que atualmente todas as unidades da SMS estão passando por ampliações e reformas. No caso da Parangaba, com o novo anexo, será resolvido principalmente o atendimento da emergência, pequeno para a demanda atual. "Nossos hospitais secundários respondem plenamente pelas demandas que temos na rede. Com as reformas dos últimos anos, estamos ofertando mais consultas, mais exames, mais internações, melhorando a qualificação do atendimento com segurança e celeridade para os pacientes", pontuou.


Reestruturação da rede hospitalar

O programa de obras e intervenções na rede hospitalar municipal iniciado na gestão do prefeito Roberto Cláudio já entregou melhorias nos Frotinhas de Antônio Bezerra e Messejana e nos Gonzaguinhas de Messejana e Barra do Ceará, bem como no Hospital Nossa Senhora da Conceição.

No Frotinha de Antônio Bezerra, houve reforma e ampliação das enfermarias, que passaram de 54 para 70 leitos. No Frotinha de Messejana, foram feitas a substituição da subestação de energia, a climatização de dois postos de enfermagem e a criação de 11 novos leitos, ampliando a capacidade do hospital para 71.

Na área obstétrica, que contempla os hospitais maternidades, foram revitalizados 18 leitos do Gonzaguinha de Messejana, além da reforma da coberta, revisão das instalações elétricas e reforma do centro cirúrgico do Gonzaguinha da Barra do Ceará enquanto que o Gonzaguinha do José Walter, encontra-se em reforma da coberta da unidade. O Hospital Nossa Senhora da Conceição recebeu seis novas salas de pré parto, parto e pós parto, além de 12 novos leitos de observação e 10 novos leitos de cuidados intermediários.

Saiba mais

O Frotinha da Parangaba foi inaugurado em 6 de outubro de 1977, sendo a primeira unidade de descentralização do Instituto José Frota (IJF). O terreno foi doado pela Fundação São Sebastião, criada por Maria José Barroso de Oliveira, dando origem ao nome da unidade hospitalar.