16 de junho de 2017 em Educação

Prefeito Roberto Cláudio inaugura Centro de Educação Infantil no Jangurussu

Unidade vai atender cerca de 230 crianças entre 1 e 5 anos


CEI
Equipamento dispõe de dez salas de aula com banheiros adaptados, brinquedoteca, playground, entre outros espaços (Foto: Marcos Moura)
O prefeito Roberto Cláudio inaugurou, na manhã desta sexta-feira (16/06), o Centro de Educação Infantil José de Ribamar Moraes, no bairro Jangurussu. A nova unidade vai atender cerca de 230 crianças entre 1 e 5 anos de idade. Os estudantes até 3 anos terão carga horária em tempo integral com direito a cinco refeições. Os outros alunos estudarão na pré-escola, que será oferecida nos dois turnos.

A creche possui área total de 2.800 m², com 1.510,23 m² de área construída, e dispõe de dez salas de aula com banheiros adaptados, secretaria/coordenação, diretoria, sala de professores, cozinha, refeitório, copa, lavanderia com depósito para material de limpeza, fraldário, despensa e lactário. O projeto contempla ainda brinquedoteca (sala multiuso), área de lazer com playground e solarium.

A unidade é a primeira da Rede de Ensino Municipal a receber uma criança com microcefalia. Ruan tem 1 ano e 6 meses, e a mãe, a dona de Casa Natália Sousa, está na expectativa para o início das aulas. “Estávamos na fase de nos preocupar e conversar sobre esse processo de inclusão nas escolas. Quando eu soube que essa escola, perto da minha casa, tinha estrutura para receber meu filho, eu nem acreditei. Espero que isso ajude ainda mais no desenvolvimento dele”, disse. Para a secretária da Educação, Dalila Saldanha, a inclusão é um passo importante na ampliação das políticas públicas da Prefeitura. “Estamos atendendo uma demanda desta área porque existia uma fila de espera. Além disso, estamos ampliando as políticas públicas de inclusão, de acolher e proteger todas as crianças, independentemente das suas origens e das suas dificuldades”, destacou a Secretária.

O equipamento faz parte do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância) e teve um investimento total de R$ 2.336.367,23, sendo R$ 467.951,62 oriundos do Município. “Toda a realidade social deste entorno está sendo modificada. Faltava uma escola para dar educação de qualidade nas primeiras fases da vida. Ao final do mês, entregaremos outro equipamento igual no bairro Álvaro Weyne”, explicou o prefeito Roberto Cláudio.

A obra faz parte de uma série de intervenções feitas pela Prefeitura de Fortaleza ao longo da gestão. A escola fica ao lado da Areninha Sítio São João, inaugurada em junho do ano passado. Na primeira gestão, o prefeito Roberto Cláudio entregou a Avenida Catolé, que faz ligação da Avenida Valparaíso ao Quarto Anel Viário de Fortaleza e, ainda, a requalificação da Avenida Valparaíso, que agora conta com duas faixas, ciclofaixas, canteiro central e novas calçadas. Na área da habitação, até setembro, 5.400 casas populares nos condomínios Alameda das Palmeiras e José Euclides serão entregues aos moradores sorteados da Região.

Com a inauguração do CEI José de Ribamar Moraes, entre equipamentos construídos, reformados, municipalizados e conveniados, a Prefeitura de Fortaleza chega a 91 unidades de Educação Infantil entregues à população fortalezense. “Nunca vi uma estrutura como esta. Eu trabalho o dia todo e agora posso ir tranquila, porque sei que minha filha será bem cuidada”, disse a corretora Denise Sales, mãe da Maria Clara.

Prefeito Roberto Cláudio inaugura Centro de Educação Infantil no Jangurussu

Unidade vai atender cerca de 230 crianças entre 1 e 5 anos

CEI
Equipamento dispõe de dez salas de aula com banheiros adaptados, brinquedoteca, playground, entre outros espaços (Foto: Marcos Moura)
O prefeito Roberto Cláudio inaugurou, na manhã desta sexta-feira (16/06), o Centro de Educação Infantil José de Ribamar Moraes, no bairro Jangurussu. A nova unidade vai atender cerca de 230 crianças entre 1 e 5 anos de idade. Os estudantes até 3 anos terão carga horária em tempo integral com direito a cinco refeições. Os outros alunos estudarão na pré-escola, que será oferecida nos dois turnos.

A creche possui área total de 2.800 m², com 1.510,23 m² de área construída, e dispõe de dez salas de aula com banheiros adaptados, secretaria/coordenação, diretoria, sala de professores, cozinha, refeitório, copa, lavanderia com depósito para material de limpeza, fraldário, despensa e lactário. O projeto contempla ainda brinquedoteca (sala multiuso), área de lazer com playground e solarium.

A unidade é a primeira da Rede de Ensino Municipal a receber uma criança com microcefalia. Ruan tem 1 ano e 6 meses, e a mãe, a dona de Casa Natália Sousa, está na expectativa para o início das aulas. “Estávamos na fase de nos preocupar e conversar sobre esse processo de inclusão nas escolas. Quando eu soube que essa escola, perto da minha casa, tinha estrutura para receber meu filho, eu nem acreditei. Espero que isso ajude ainda mais no desenvolvimento dele”, disse. Para a secretária da Educação, Dalila Saldanha, a inclusão é um passo importante na ampliação das políticas públicas da Prefeitura. “Estamos atendendo uma demanda desta área porque existia uma fila de espera. Além disso, estamos ampliando as políticas públicas de inclusão, de acolher e proteger todas as crianças, independentemente das suas origens e das suas dificuldades”, destacou a Secretária.

O equipamento faz parte do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância) e teve um investimento total de R$ 2.336.367,23, sendo R$ 467.951,62 oriundos do Município. “Toda a realidade social deste entorno está sendo modificada. Faltava uma escola para dar educação de qualidade nas primeiras fases da vida. Ao final do mês, entregaremos outro equipamento igual no bairro Álvaro Weyne”, explicou o prefeito Roberto Cláudio.

A obra faz parte de uma série de intervenções feitas pela Prefeitura de Fortaleza ao longo da gestão. A escola fica ao lado da Areninha Sítio São João, inaugurada em junho do ano passado. Na primeira gestão, o prefeito Roberto Cláudio entregou a Avenida Catolé, que faz ligação da Avenida Valparaíso ao Quarto Anel Viário de Fortaleza e, ainda, a requalificação da Avenida Valparaíso, que agora conta com duas faixas, ciclofaixas, canteiro central e novas calçadas. Na área da habitação, até setembro, 5.400 casas populares nos condomínios Alameda das Palmeiras e José Euclides serão entregues aos moradores sorteados da Região.

Com a inauguração do CEI José de Ribamar Moraes, entre equipamentos construídos, reformados, municipalizados e conveniados, a Prefeitura de Fortaleza chega a 91 unidades de Educação Infantil entregues à população fortalezense. “Nunca vi uma estrutura como esta. Eu trabalho o dia todo e agora posso ir tranquila, porque sei que minha filha será bem cuidada”, disse a corretora Denise Sales, mãe da Maria Clara.