29 de dezembro de 2020 em Esporte e Lazer

Prefeitura de Fortaleza entrega 73ª Areninha da Capital

Instalado no Campo do Palito, equipamento fortalece as melhorias realizadas na região da Rosalina


várias pessoas de máscara posando para a foto
“Além da Areninha, estamos entregando toda a urbanização do entorno", afirmou o Prefeito
O Campo do Palito, situado na comunidade da Rosalina, deu lugar à 73ª Areninha de Fortaleza. Por meio da urbanização e da requalificação de campos de futebol em áreas vulneráveis do Município, novas oportunidades vêm surgindo diante das crianças e dos jovens fortalezenses. Na manhã desta terça-feira (29/12), o prefeito Roberto Cláudio esteve no local para a entrega oficial do equipamento. Em virtude das orientações sanitárias, a visita foi restrita para conter aglomerações e evitar a disseminação da Covid-19.

A iniciativa reúne esforços da Prefeitura e do Governo do Estado do Ceará por meio do Programa Juntos por Fortaleza. Para oferecer um ambiente seguro de lazer, convivência social e formação cidadã, diversas estruturas foram incorporadas e disponibilizadas ao acesso popular. Nessa perspectiva, a praça esportiva recém-inaugurada dispõe de gramado sintético, refletores, projeto paisagístico, mobiliários urbanos, academia ao ar livre e parque infantil.

Superior a R $1,3 milhão, o investimento direcionado à infraestrutura implantada será revertido em benefícios intersetoriais. A ocupação saudável do espaço, a reorganização comunitária e a formação de novos atletas destacam-se entre as repercussões esperadas.

“Além da Areninha, estamos entregando toda a urbanização do entorno. Aqui, as ruas eram todas de areia. Esse conjunto de transformações servirá ao lazer, ao esporte, à juventude, à economia local e, principalmente, à qualidade de vida comunitária. Tão importante quanto mudar realidades para melhor é zelar pelos equipamentos públicos. Esperamos que muitos jovens passem por aqui e garantam um futuro com mais oportunidades", declarou o Prefeito.

Projeto Atleta Cidadão

Nas Areninhas, são implantados núcleos e projetos esportivos oriundos da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Secel), em parceria com a Fetriece, como o Atleta Cidadão. A iniciativa oferece todo o material necessário à prática do futebol e contempla pessoas inclusas na faixa etária compreendida entre 8 e 29 anos.

As inscrições são realizadas mediante preenchimento de formulário e repasse de informações indispensáveis. Para fins de otimização, os horários das atividades são definidos de acordo com a demanda comunitária.

Hoje, 10 mil crianças são beneficiadas pela iniciativa, que já chegou a 155 núcleos por toda a Cidade.

Intervenções paralelas

Paralelamente, as imediações da região vêm sendo contempladas com diversas obras de drenagem, pavimentação e esgotamento sanitário. “Por meio do Proinfra, estamos conseguindo urbanizar vias da periferia. Isso garantirá mais saúde, mais facilidade aos deslocamentos e maior qualidade de vida a quem vive aqui. É preciso destacar a luta da comunidade, dos vereadores e dos líderes comunitários”, concluiu Roberto Cláudio.

Prefeitura de Fortaleza entrega 73ª Areninha da Capital

Instalado no Campo do Palito, equipamento fortalece as melhorias realizadas na região da Rosalina

várias pessoas de máscara posando para a foto
“Além da Areninha, estamos entregando toda a urbanização do entorno", afirmou o Prefeito
O Campo do Palito, situado na comunidade da Rosalina, deu lugar à 73ª Areninha de Fortaleza. Por meio da urbanização e da requalificação de campos de futebol em áreas vulneráveis do Município, novas oportunidades vêm surgindo diante das crianças e dos jovens fortalezenses. Na manhã desta terça-feira (29/12), o prefeito Roberto Cláudio esteve no local para a entrega oficial do equipamento. Em virtude das orientações sanitárias, a visita foi restrita para conter aglomerações e evitar a disseminação da Covid-19.

A iniciativa reúne esforços da Prefeitura e do Governo do Estado do Ceará por meio do Programa Juntos por Fortaleza. Para oferecer um ambiente seguro de lazer, convivência social e formação cidadã, diversas estruturas foram incorporadas e disponibilizadas ao acesso popular. Nessa perspectiva, a praça esportiva recém-inaugurada dispõe de gramado sintético, refletores, projeto paisagístico, mobiliários urbanos, academia ao ar livre e parque infantil.

Superior a R $1,3 milhão, o investimento direcionado à infraestrutura implantada será revertido em benefícios intersetoriais. A ocupação saudável do espaço, a reorganização comunitária e a formação de novos atletas destacam-se entre as repercussões esperadas.

“Além da Areninha, estamos entregando toda a urbanização do entorno. Aqui, as ruas eram todas de areia. Esse conjunto de transformações servirá ao lazer, ao esporte, à juventude, à economia local e, principalmente, à qualidade de vida comunitária. Tão importante quanto mudar realidades para melhor é zelar pelos equipamentos públicos. Esperamos que muitos jovens passem por aqui e garantam um futuro com mais oportunidades", declarou o Prefeito.

Projeto Atleta Cidadão

Nas Areninhas, são implantados núcleos e projetos esportivos oriundos da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Secel), em parceria com a Fetriece, como o Atleta Cidadão. A iniciativa oferece todo o material necessário à prática do futebol e contempla pessoas inclusas na faixa etária compreendida entre 8 e 29 anos.

As inscrições são realizadas mediante preenchimento de formulário e repasse de informações indispensáveis. Para fins de otimização, os horários das atividades são definidos de acordo com a demanda comunitária.

Hoje, 10 mil crianças são beneficiadas pela iniciativa, que já chegou a 155 núcleos por toda a Cidade.

Intervenções paralelas

Paralelamente, as imediações da região vêm sendo contempladas com diversas obras de drenagem, pavimentação e esgotamento sanitário. “Por meio do Proinfra, estamos conseguindo urbanizar vias da periferia. Isso garantirá mais saúde, mais facilidade aos deslocamentos e maior qualidade de vida a quem vive aqui. É preciso destacar a luta da comunidade, dos vereadores e dos líderes comunitários”, concluiu Roberto Cláudio.