15 de março de 2019 em Fortaleza

Prefeitura de Fortaleza inicia 3º Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades

Ao longo de três dias de evento, serão compartilhadas experiências transformadoras em diversas áreas da administração pública


Evento
O prefeito Roberto Cláudio esclareceu que, a partir do diálogo construtivo, será aprimorada a capacidade técnica da gestão (Foto: Rodrigo Carvalho)
A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria de Relações Internacionais e Federativas (Cerif), deu início, na noite desta quinta-feira (14/03), ao 3º Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades. Durante a programação, que segue até o dia 16 de março no Centro de Eventos do Ceará, especialistas e líderes políticos nacionais e internacionais irão compartilhar experiências em diversas áreas da administração pública capazes de transformar positivamente cenários urbanos.

Confira aqui a programação completa 

Na ocasião, serão debatidas iniciativas exitosas implantadas em várias cidades do mundo. O objetivo é alinhar desafios e aprendizados com foco na sustentabilidade e na inovação. Durante a cerimônia de abertura, o prefeito Roberto Cláudio esclareceu que, a partir do diálogo construtivo, será aprimorada a capacidade técnica da gestão.

“Os desafios das cidades são comuns. Estamos aqui para compartilhar experiências, estabelecer parcerias e ter acesso a inovações que deram certo e podem ser valiosas à nossa realidade. Escolhas administrativas impactam a qualidade de vida das pessoas no âmbito da mobilidade, da saúde, da educação, da gestão de resíduos sólidos e de tantas áreas prioritárias. Por isso, a importância de se engajar o cidadão no processo. Ao longo desses três dias, iremos aprender para fazer mais e fazer melhor”, apontou o Prefeito, que, na ocasião, esteve acompanhado pela primeira-dama de Fortaleza, Carol Bezerra, além de secretários municipais, estaduais e diversas autoridades.

As diretrizes da iniciativa estão vinculadas à Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU). De acordo com a titular da Cerif, Patrícia Macêdo, o evento, realizado com sucesso há três edições, configura importante ferramenta de transformação social. “A solução para os problemas públicos se constrói pela união dos governos, da sociedade civil e da iniciativa privada em benefício de quem mais precisa. A gestão e a sociedade têm entendido a importância de se discutir a Cidade. Neste ano, tivemos mais de 1500 pessoas inscritas”, afirmou.

Para o secretário-chefe da Casa Civil do Estado do Ceará, Élcio Batista, Fortaleza é destaque no âmbito das cidades brasileiras sustentáveis. “Há muitos desafios, mas hoje Fortaleza inspira outras cidades e é referência para diversos lugares. Este seminário acontece em momento oportuno. A Capital está em processo de transformação. Por isso, é relevante trazer pessoas, debater e construir juntos”, considerou.

Painel Temático com Ciro Gomes
Durante a abertura do evento, o ex-ministro da Fazenda e da Integração Nacional, Ciro Gomes, discutiu o desenvolvimento brasileiro por meio do painel Cenário Político-Econômico Nacional. A jornalista Mônica Waldvogel fez a mediação.

“O atual cenário brasileiro exige muita compenetração da política. Não existe, fora da política, saída para um conjunto complexo de problemas. Isso se faz desde o trivial, do básico, que é garantir uma cidade limpa, corrigir os buracos que a chuva fez, acertar que as unidades e os profissionais de saúde funcionem e trabalham corretamente, mas é preciso mais do que isso. É preciso especular, ousar, transgredir para inovar institucionalmente e encontrar novos caminhos, sempre em direção a uma Cidade mais justa, mais fraterna e menos marcada pela violência”, declarou Ciro Gomes.

Publicação
Ainda no primeiro dia de programação, a Prefeitura de Fortaleza lançou o livro “Políticas Públicas Inovadoras para Cidades e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, com os temas tratados no último Seminário, realizado em 2018. A publicação consolida avanços alcançados na perspectiva.

Público estimado
Durante os três dias do evento, a expectativa do público participante é de 700 pessoas por dia, dentre secretários municipais e estaduais, servidores, agentes comunitários, colaboradores da gestão, além de representantes da sociedade civil e dos cenários políticos nacional e internacional.

Painéis temáticos
Nesta terceira edição, o evento apresentará sete painéis temáticos e, em cada um deles, serão expostas experiências inovadoras por três palestrantes (internacional, nacional e local) sobre os mais variados temas de interesse da administração pública relacionados aos ODS, como mobilidade urbana e segurança viária, sustentabilidade, governança, meio ambiente, inovação, educação, primeira infância, juventude, economia e sociedade.

Especialistas e líderes políticos nacionais e internacionais
O evento contará com a presença de líderes políticos internacionais, como Joan Clos, ex-prefeito de Barcelona; Nuno Crato, ex-ministro da Educação de Portugal, além do italiano Ennio Svitone, consultor independente que atuou no Unicef no Brasil, na Colômbia, Libéria e Nicarágua.

Alguns dos especialistas internacionais confirmados são Abdulgafoor M. Bachani, diretor do Departamento de Prevenção de Lesões da Universidade John Hopkins, nos Estados Unidos; e Norbert Schady, economista do Banco Mundial.

Dentre as participações nacionais, Sergio Avelleda, diretor do WRI no Brasil e ex-secretário de Transportes de São Paulo; Mozart Neves, diretor de articulação e inovação do Instituto Ayrton Senna, Guilherme Schettino, diretor do Instituto de Responsabilidade Social do Albert Einstein.

Responsabilidade ambiental
O Seminário Internacional de Políticas Públicas para Cidades segue uma política de responsabilidade ambiental, desde sua primeira edição, em 2017, com a ação de neutralização de carbono, além da utilização de copos ecológicos, papéis recicláveis e ecobags.

Parcerias
O 3º Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades conta com a parceria do Governo do Estado do Ceará, Banco Mundial, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Universidade Federal do Ceará, Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Grupo J Macêdo, Café Três Corações, Unifor, iProject TI, Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), Meu Copo Eco e Grêmio Recreativo Bloco Carnavalesco Unidos da Cachorra.

Prefeitura de Fortaleza inicia 3º Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades

Ao longo de três dias de evento, serão compartilhadas experiências transformadoras em diversas áreas da administração pública

Evento
O prefeito Roberto Cláudio esclareceu que, a partir do diálogo construtivo, será aprimorada a capacidade técnica da gestão (Foto: Rodrigo Carvalho)
A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria de Relações Internacionais e Federativas (Cerif), deu início, na noite desta quinta-feira (14/03), ao 3º Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades. Durante a programação, que segue até o dia 16 de março no Centro de Eventos do Ceará, especialistas e líderes políticos nacionais e internacionais irão compartilhar experiências em diversas áreas da administração pública capazes de transformar positivamente cenários urbanos.

Confira aqui a programação completa 

Na ocasião, serão debatidas iniciativas exitosas implantadas em várias cidades do mundo. O objetivo é alinhar desafios e aprendizados com foco na sustentabilidade e na inovação. Durante a cerimônia de abertura, o prefeito Roberto Cláudio esclareceu que, a partir do diálogo construtivo, será aprimorada a capacidade técnica da gestão.

“Os desafios das cidades são comuns. Estamos aqui para compartilhar experiências, estabelecer parcerias e ter acesso a inovações que deram certo e podem ser valiosas à nossa realidade. Escolhas administrativas impactam a qualidade de vida das pessoas no âmbito da mobilidade, da saúde, da educação, da gestão de resíduos sólidos e de tantas áreas prioritárias. Por isso, a importância de se engajar o cidadão no processo. Ao longo desses três dias, iremos aprender para fazer mais e fazer melhor”, apontou o Prefeito, que, na ocasião, esteve acompanhado pela primeira-dama de Fortaleza, Carol Bezerra, além de secretários municipais, estaduais e diversas autoridades.

As diretrizes da iniciativa estão vinculadas à Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU). De acordo com a titular da Cerif, Patrícia Macêdo, o evento, realizado com sucesso há três edições, configura importante ferramenta de transformação social. “A solução para os problemas públicos se constrói pela união dos governos, da sociedade civil e da iniciativa privada em benefício de quem mais precisa. A gestão e a sociedade têm entendido a importância de se discutir a Cidade. Neste ano, tivemos mais de 1500 pessoas inscritas”, afirmou.

Para o secretário-chefe da Casa Civil do Estado do Ceará, Élcio Batista, Fortaleza é destaque no âmbito das cidades brasileiras sustentáveis. “Há muitos desafios, mas hoje Fortaleza inspira outras cidades e é referência para diversos lugares. Este seminário acontece em momento oportuno. A Capital está em processo de transformação. Por isso, é relevante trazer pessoas, debater e construir juntos”, considerou.

Painel Temático com Ciro Gomes
Durante a abertura do evento, o ex-ministro da Fazenda e da Integração Nacional, Ciro Gomes, discutiu o desenvolvimento brasileiro por meio do painel Cenário Político-Econômico Nacional. A jornalista Mônica Waldvogel fez a mediação.

“O atual cenário brasileiro exige muita compenetração da política. Não existe, fora da política, saída para um conjunto complexo de problemas. Isso se faz desde o trivial, do básico, que é garantir uma cidade limpa, corrigir os buracos que a chuva fez, acertar que as unidades e os profissionais de saúde funcionem e trabalham corretamente, mas é preciso mais do que isso. É preciso especular, ousar, transgredir para inovar institucionalmente e encontrar novos caminhos, sempre em direção a uma Cidade mais justa, mais fraterna e menos marcada pela violência”, declarou Ciro Gomes.

Publicação
Ainda no primeiro dia de programação, a Prefeitura de Fortaleza lançou o livro “Políticas Públicas Inovadoras para Cidades e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, com os temas tratados no último Seminário, realizado em 2018. A publicação consolida avanços alcançados na perspectiva.

Público estimado
Durante os três dias do evento, a expectativa do público participante é de 700 pessoas por dia, dentre secretários municipais e estaduais, servidores, agentes comunitários, colaboradores da gestão, além de representantes da sociedade civil e dos cenários políticos nacional e internacional.

Painéis temáticos
Nesta terceira edição, o evento apresentará sete painéis temáticos e, em cada um deles, serão expostas experiências inovadoras por três palestrantes (internacional, nacional e local) sobre os mais variados temas de interesse da administração pública relacionados aos ODS, como mobilidade urbana e segurança viária, sustentabilidade, governança, meio ambiente, inovação, educação, primeira infância, juventude, economia e sociedade.

Especialistas e líderes políticos nacionais e internacionais
O evento contará com a presença de líderes políticos internacionais, como Joan Clos, ex-prefeito de Barcelona; Nuno Crato, ex-ministro da Educação de Portugal, além do italiano Ennio Svitone, consultor independente que atuou no Unicef no Brasil, na Colômbia, Libéria e Nicarágua.

Alguns dos especialistas internacionais confirmados são Abdulgafoor M. Bachani, diretor do Departamento de Prevenção de Lesões da Universidade John Hopkins, nos Estados Unidos; e Norbert Schady, economista do Banco Mundial.

Dentre as participações nacionais, Sergio Avelleda, diretor do WRI no Brasil e ex-secretário de Transportes de São Paulo; Mozart Neves, diretor de articulação e inovação do Instituto Ayrton Senna, Guilherme Schettino, diretor do Instituto de Responsabilidade Social do Albert Einstein.

Responsabilidade ambiental
O Seminário Internacional de Políticas Públicas para Cidades segue uma política de responsabilidade ambiental, desde sua primeira edição, em 2017, com a ação de neutralização de carbono, além da utilização de copos ecológicos, papéis recicláveis e ecobags.

Parcerias
O 3º Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades conta com a parceria do Governo do Estado do Ceará, Banco Mundial, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Universidade Federal do Ceará, Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Grupo J Macêdo, Café Três Corações, Unifor, iProject TI, Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), Meu Copo Eco e Grêmio Recreativo Bloco Carnavalesco Unidos da Cachorra.