30 de dezembro de 2021 em Mobilidade

Prefeitura de Fortaleza reforça condições de segurança no tráfego na nova Beira-Mar

Intervenções garantem segurança e acessibilidade de pedestres, ciclistas e condutores


pedestres atravessando uma faixa elevada na beira-mar
Como parte do conjunto de intervenções de segurança viária, pedestres têm mais segurança com a implantação de 11 travessias elevadas (Foto: Marcos Moura)
Mais vagas de estacionamento para deficientes físicos e idosos, reforço na sinalização, implementação de ciclovia e ampliação da Zona Azul. A nova Avenida Beira-Mar tem mais segurança viária e acessibilidade graças a importantes projetos executados pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC).

Como parte do conjunto de intervenções de segurança viária, pedestres têm mais segurança com a implantação de 11 travessias elevadas. O projeto da Beira-Mar também ganhou dez platôs, que são destinados a reduzir todos os movimentos veiculares em uma interseção. Eles são construídos a partir da elevação da faixa de pedestre em todo o cruzamento para o nível da calçada.

Os ciclistas também foram beneficiados com a transformação de 3 km de ciclofaixa em ciclovia. Nos horários de pico, de 6h30 às 9h e de 16h às 18h30, passam cerca de 1.700 usuários de bike no local, o que significa uma média de 6 pessoas por minuto passeando ou praticando esporte em pedaladas. "A ciclovia é totalmente segregada do transporte motorizado, o que traz mais segurança para quem anda de bicicleta, atraindo mais famílias e crianças para utilizar o espaço", afirma o coordenador do núcleo de gestão cicloviária da AMC, Gustavo Pinheiro.

Além disso, foram renovados ou implantados mais de 8.200 m² de sinalização horizontal e 140 m² de sinalização vertical. Para dinamizar o fluxo de veículos, a nova Beira-Mar recebeu 156 novas vagas de estacionamento da Zona Azul. Também foram disponibilizadas 26 novas vagas para idosos e 24 para deficientes físicos.

"Com essas alterações, contribuímos para a segurança de todos que compartilham o trânsito, especialmente diminuindo a frequência e gravidade dos acidentes por meio de ações de moderação do tráfego", destaca a superintendente da AMC, Juliana Coelho.

Nova Beira-Mar

O novo desenho da Beira Mar prioriza a reforma dos espaços dedicados à circulação de pessoas e, com isso, beneficia o fortalezense e o turista que vem conhecer a cidade. A obra integra as ações do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur) em Fortaleza, convênio com o Ministério do Turismo. O trecho urbanizado inclui zonas pavimentadas para vias de tráfego de veículos, estacionamentos, passeios, ciclovias e calçadão para caminhadas.

Prefeitura de Fortaleza reforça condições de segurança no tráfego na nova Beira-Mar

Intervenções garantem segurança e acessibilidade de pedestres, ciclistas e condutores

pedestres atravessando uma faixa elevada na beira-mar
Como parte do conjunto de intervenções de segurança viária, pedestres têm mais segurança com a implantação de 11 travessias elevadas (Foto: Marcos Moura)
Mais vagas de estacionamento para deficientes físicos e idosos, reforço na sinalização, implementação de ciclovia e ampliação da Zona Azul. A nova Avenida Beira-Mar tem mais segurança viária e acessibilidade graças a importantes projetos executados pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC).

Como parte do conjunto de intervenções de segurança viária, pedestres têm mais segurança com a implantação de 11 travessias elevadas. O projeto da Beira-Mar também ganhou dez platôs, que são destinados a reduzir todos os movimentos veiculares em uma interseção. Eles são construídos a partir da elevação da faixa de pedestre em todo o cruzamento para o nível da calçada.

Os ciclistas também foram beneficiados com a transformação de 3 km de ciclofaixa em ciclovia. Nos horários de pico, de 6h30 às 9h e de 16h às 18h30, passam cerca de 1.700 usuários de bike no local, o que significa uma média de 6 pessoas por minuto passeando ou praticando esporte em pedaladas. "A ciclovia é totalmente segregada do transporte motorizado, o que traz mais segurança para quem anda de bicicleta, atraindo mais famílias e crianças para utilizar o espaço", afirma o coordenador do núcleo de gestão cicloviária da AMC, Gustavo Pinheiro.

Além disso, foram renovados ou implantados mais de 8.200 m² de sinalização horizontal e 140 m² de sinalização vertical. Para dinamizar o fluxo de veículos, a nova Beira-Mar recebeu 156 novas vagas de estacionamento da Zona Azul. Também foram disponibilizadas 26 novas vagas para idosos e 24 para deficientes físicos.

"Com essas alterações, contribuímos para a segurança de todos que compartilham o trânsito, especialmente diminuindo a frequência e gravidade dos acidentes por meio de ações de moderação do tráfego", destaca a superintendente da AMC, Juliana Coelho.

Nova Beira-Mar

O novo desenho da Beira Mar prioriza a reforma dos espaços dedicados à circulação de pessoas e, com isso, beneficia o fortalezense e o turista que vem conhecer a cidade. A obra integra as ações do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur) em Fortaleza, convênio com o Ministério do Turismo. O trecho urbanizado inclui zonas pavimentadas para vias de tráfego de veículos, estacionamentos, passeios, ciclovias e calçadão para caminhadas.