24 de agosto de 2013 em Saúde

Campanha atualiza cartões de vacinas até o dia 30 de agosto

Todas as crianças menores de cinco anos de idade devem ser levadas aos postos de vacinação para que a caderneta seja avaliada


A vacinação também será realizada, nesse sábado (24/08), nos postos e minipostos

Foi lançada, na manhã dessa sexta-feira (23/08), a Campanha Nacional de Multivacinação em Fortaleza e em todos os municípios do Estado do Ceará. Entre os dias 23 e 30 de agosto, todas as crianças menores de cinco anos de idade devem ser levadas aos postos de vacinação para que a caderneta seja avaliada e o esquema vacinal atualizado, de acordo com a situação encontrada. A vacinação também será realizada, nesse sábado (24/08), nos postos e minipostos.

A Campanha Nacional de Multivacinação segue até o dia 30 de agosto em todo o País. Os pais e responsáveis devem comparecer aos postos com as crianças menores de cinco anos e suas respectivas cadernetas de vacinação para que seja realizada a atualização de acordo com os esquemas preconizados pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Segundo a secretária de Saúde, Socorro Martins, é muito importante que os pais verifiquem as cadernetas de vacinas dos filhos com até cinco anos. “Se houver alguma vacina defasada é preciso levar a criança ao posto de saúde até o dia 30 para atualização, pois assim, evitamos uma série de problemas para os nossos pequenos”.

Estarão disponíveis as seguintes vacinas: tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba), oral contra o rotavírus, pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, Hib + Hepatite B), DTP (difteria, tétano e coqueluche), hepatite B, pneumocócica 10 valente (invasivas e não-invasivas), meningocócica conjugada tipo C e poliomielite.

O secretário de Saúde do Ceará, Arruda Bastos, destacou a importância de vacinar e de atualizar as cadernetas. “Crianças vacinadas são crianças protegidas. E não basta só vacinar contra essa ou aquela doença. Os pais devem levar os filhos aos postos para que as vacinas que estão faltando nas cadernetas sejam aplicadas”, finalizou.

Também participaram da solenidade de abertura da campanha o coordenador de Promoção e Proteção à Saúde da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Sesa),  Manoel Fonsêca; o coordenador da Vigilância Ambiental da SMS, Nélio Morais; a coordenadora de imunização de Fortaleza, Vanessa Saldateli; a coordenadora de imunização da Sesa, Ana Vilma Braga; e o diretor do Centro de Saúde do Meireles, Edilson Melo.

Campanha atualiza cartões de vacinas até o dia 30 de agosto

Todas as crianças menores de cinco anos de idade devem ser levadas aos postos de vacinação para que a caderneta seja avaliada

A vacinação também será realizada, nesse sábado (24/08), nos postos e minipostos

Foi lançada, na manhã dessa sexta-feira (23/08), a Campanha Nacional de Multivacinação em Fortaleza e em todos os municípios do Estado do Ceará. Entre os dias 23 e 30 de agosto, todas as crianças menores de cinco anos de idade devem ser levadas aos postos de vacinação para que a caderneta seja avaliada e o esquema vacinal atualizado, de acordo com a situação encontrada. A vacinação também será realizada, nesse sábado (24/08), nos postos e minipostos.

A Campanha Nacional de Multivacinação segue até o dia 30 de agosto em todo o País. Os pais e responsáveis devem comparecer aos postos com as crianças menores de cinco anos e suas respectivas cadernetas de vacinação para que seja realizada a atualização de acordo com os esquemas preconizados pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Segundo a secretária de Saúde, Socorro Martins, é muito importante que os pais verifiquem as cadernetas de vacinas dos filhos com até cinco anos. “Se houver alguma vacina defasada é preciso levar a criança ao posto de saúde até o dia 30 para atualização, pois assim, evitamos uma série de problemas para os nossos pequenos”.

Estarão disponíveis as seguintes vacinas: tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba), oral contra o rotavírus, pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, Hib + Hepatite B), DTP (difteria, tétano e coqueluche), hepatite B, pneumocócica 10 valente (invasivas e não-invasivas), meningocócica conjugada tipo C e poliomielite.

O secretário de Saúde do Ceará, Arruda Bastos, destacou a importância de vacinar e de atualizar as cadernetas. “Crianças vacinadas são crianças protegidas. E não basta só vacinar contra essa ou aquela doença. Os pais devem levar os filhos aos postos para que as vacinas que estão faltando nas cadernetas sejam aplicadas”, finalizou.

Também participaram da solenidade de abertura da campanha o coordenador de Promoção e Proteção à Saúde da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Sesa),  Manoel Fonsêca; o coordenador da Vigilância Ambiental da SMS, Nélio Morais; a coordenadora de imunização de Fortaleza, Vanessa Saldateli; a coordenadora de imunização da Sesa, Ana Vilma Braga; e o diretor do Centro de Saúde do Meireles, Edilson Melo.