16 de abril de 2018 em Social

Comdica promove Conferências Livres dos Direitos da Criança e do Adolescente

Reuniões são preparatórias para a XI Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente


Conferencia
O evento traz como tema "Crianças e Adolescentes participando e propondo Política Pública"
O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) promove, até o dia 20 de abril, as Conferências Livres Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente do município de Fortaleza. Ao todo, serão 18 reuniões nas seis Regionais, com crianças e adolescentes de 10 a 17 anos. Os eventos tiveram início no dia 9 de abril.

Com o tema “Crianças e Adolescentes participando e propondo Política Pública”, são discutidos o fortalecimento dos espaços e formas de participação das crianças e dos adolescentes, bem como a contribuição aos temas relativos às políticas públicas, com foco na Política e no Plano Decenal de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.

“As Conferências representam a consolidação de 27 anos de vigência do Estatuto da Criança e do Adolescente e a forma mais legítima de se construir propostas que venham colaborar para a política da infância e da adolescência”, ressaltou a presidente do Comdica, Tânia Gurgel.

Conforme deliberação do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), as Conferências Livres são preparatórias para a XI Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, que será realizada em 2019 com o tema Proteção integral, diversidade e enfrentamento da violência.

Confira aqui a Resolução nº 37/2018

Confira aqui a programação das Conferências nas Regionais

Sobre o Comdica
O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) é um órgão controlador das ações em todos os níveis de defesa dos direitos da criança e do adolescente. Composto por um colegiado formado por organizações representativas do poder público e da sociedade civil quanto à problemática da criança e do adolescente, propõe ações de políticas públicas municipais que visem o cumprimento ao art. 227 da Constituição Federal, ao apoio à criança e ao adolescente, no concernente aos seus direitos fundamentais.

Comdica promove Conferências Livres dos Direitos da Criança e do Adolescente

Reuniões são preparatórias para a XI Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente

Conferencia
O evento traz como tema "Crianças e Adolescentes participando e propondo Política Pública"
O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) promove, até o dia 20 de abril, as Conferências Livres Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente do município de Fortaleza. Ao todo, serão 18 reuniões nas seis Regionais, com crianças e adolescentes de 10 a 17 anos. Os eventos tiveram início no dia 9 de abril.

Com o tema “Crianças e Adolescentes participando e propondo Política Pública”, são discutidos o fortalecimento dos espaços e formas de participação das crianças e dos adolescentes, bem como a contribuição aos temas relativos às políticas públicas, com foco na Política e no Plano Decenal de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.

“As Conferências representam a consolidação de 27 anos de vigência do Estatuto da Criança e do Adolescente e a forma mais legítima de se construir propostas que venham colaborar para a política da infância e da adolescência”, ressaltou a presidente do Comdica, Tânia Gurgel.

Conforme deliberação do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), as Conferências Livres são preparatórias para a XI Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, que será realizada em 2019 com o tema Proteção integral, diversidade e enfrentamento da violência.

Confira aqui a Resolução nº 37/2018

Confira aqui a programação das Conferências nas Regionais

Sobre o Comdica
O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) é um órgão controlador das ações em todos os níveis de defesa dos direitos da criança e do adolescente. Composto por um colegiado formado por organizações representativas do poder público e da sociedade civil quanto à problemática da criança e do adolescente, propõe ações de políticas públicas municipais que visem o cumprimento ao art. 227 da Constituição Federal, ao apoio à criança e ao adolescente, no concernente aos seus direitos fundamentais.