Em Fortaleza, 734.454 pessoas receberam a 1ª dose da vacina contra Covid-19

11 de junho de 2021 em Saúde

Em Fortaleza, 734.454 pessoas receberam a 1ª dose da vacina contra Covid-19

A SMS está vacinando a população em geral de forma escalonada por idade, iniciando com pessoas de 59 anos até 18 anos, desde o dia 6 de junho


Fortaleza já aplicou 1.066.506 de doses contra a Covid-19, segundo balanço apresentado pela titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Ana Estela Leite, nesta sexta-feira (11/06). Ao todo, 734.454 fortalezenses receberam a primeira dose do imunizante, dentre as quais 332.053 foram vacinadas com a segunda dose.

A SMS está vacinando a população em geral de forma escalonada por idade, iniciando com pessoas de 59 anos até 18 anos, desde o dia 6 de junho. Nesta sexta-feira (11/06), a vacinação avançou para pessoas nascidas em 1980, ou seja, na faixa dos 41 anos.

Segundo a secretária da SMS, o processo ganhou maior rapidez devido à redução de exigências para receber a vacina nesta etapa.

“Entramos na população em geral e tem sido uma alegria para todos, pras nossas equipes de saúde que estão operacionalizando essa vacina, agora, de forma mais rápida porque os critérios necessários são apenas comprovação da idade e de residência em Fortaleza. Dessa forma, a gente tá avançando rapidamente”, comentou Ana Estela Leite.

Para ter acesso à vacina, é necessário realizar o cadastro na plataforma Saúde Digital (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br). A lista nominal dos agendados para receber as doses é divulgada no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br, diariamente.

Confira o número de vacinados de acordo com os grupos:

- trabalhadores da saúde - 114.261;
- idosos acima de 75 anos - 102.934;
- idosos de 60 a 74 anos - 245.249;
- forças de segurança, salvamento e funcionários do Sistema de Privação de Liberdade - 17.033;
- pessoas com comorbidade, gestantes, puérperas e pessoas com deficiência grave - 144.423;
- pessoas em situação de rua - 745;
- trabalhadores da educação - 50.784;
- trabalhadores do transporte aéreo - 1.133;
- trabalhadores portuários - 1.293;
- população em geral - 55.090;

De acordo com a titular da SMS, gestantes e puérperas estão sendo agendadas para a vacinação de forma contínua.

Idosos acima de 60 anos que não foram agendados

A secretária também alerta para que idosos acima de 60 anos, moradores do município de Fortaleza e cadastrados no Saúde Digital, que não tiverem sido agendados, procurem um dos 53 centros de vacinação da Capital para receberem as doses.

“Idoso é um grupo de extremo risco, onde se concentra a maior taxa de mortalidade e gravidade da doença. Então, não perca a oportunidade”, reforçou.

O mesmo vale para quem está com prazo da 2ª dose da AstraZeneca vencida. Já para quem tem 2ª dose da CoronaVac em atraso, a orientação é aguardar a Prefeitura lançar nova data.

O intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina CoronaVac é de 28 dias. Já para os imunizantes da Pfizer e AstraZeneca, o intervalo é de 12 semanas entre as doses, informou a secretária.

“Quando você tiver sua segunda dose agendada, compareça, ela é tão ou mais importante do que a primeira. Ela é necessária para completar a imunização”, frisou Ana Estela.

Mutirão

A Prefeitura de Fortaleza iniciou um trabalho de busca ativa, nesta quinta-feira (10/06) com apoio do banco de dados da Secretaria Municipal da Educação (SME), da Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS) e da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, para auxiliar quem ainda não conseguiu realizar o cadastro para a vacinação.

O projeto foi lançado pelo prefeito de Fortaleza, José Sarto, e também prevê um mutirão presencial, iniciado nesta segunda-feira (14/06), nos 27 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), nos Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cucas) Jangurussu e José Walter, e no Centro Cultural Canindezinho.

Confira onde procurar auxílio para realizar o cadastro no Saúde Digital:

- Cuca Jangurussu (Avenida Castelo de Castro s/n - Jangurrusu)
- Cuca José Walter (Rua 69 - 2ª etapa - José Walter)
- Centro Cultural Canindezinho (Avenida Osório de Paiva, 6297 - Canindezinho)

- CRAS Jacarecanga (Rua Senador Alencar, 1540 - Jacarecanga)
- CRAS Barra do Ceará (Rua Cândido Castelo Branco, s/n – Barra do Ceará)
- CRAS Mucuripe (Rua Professor Luís Costa, 142 – Mucuripe)
- CRAS Serviluz (Avenida Zezé Diogo, 1038 - Serviluz)
- CRAS Lagamar (Rua Sabino Monte, 4506 – São João do Tauape/Lagamar)
- CRAS Praia do Futuro (Rua Clovis Arrais Maia, 6430 - Praia do Futuro)
- CRAS Bela Vista (Rua Mario de Andrade, 496-A - Bela Vista)
- CRAS João XXIII (Rua Visconde do Cauipe, 200 - João XXIII)
- CRAS Presidente Kennedy (Conjunto Castelo Branco, s/n Quadra F - Presidente Kennedy)
- CRAS Antônio Bezerra (Rua Cândido Maia, 245 – Antônio Bezerra)
- CRAS Quintino Cunha (Rua Ilha do Bote, 334 – Quintino Cunha)
- CRAS Vila União (Rua do Avião, s/n - Vila União)
- CRAS Serrinha (Rua Inácio Parente, 100 - Serrinha)
- CRAS Couto Fernandes (Avenida João Pessoa, 4474 - Damas)
- CRAS Granja Portugal (Rua Humberto Lomeu, 1130 – Granja Portugal)
- CRAS Aracapé (Rua Poliana, s/n - Mondubim)
- CRAS Canindezinho (Rua Coronel José Maurício, 405 - Canindezinho)
- CRAS Bom Jardim (Rua Coronel João Correia, 2023 - Bom Jardim)
- CRAS Mondubim (Avenida Waldir Diogo, 840 - Mondubim)
- CRAS Genibaú (Avenida I, 340, 3ª Etapa – Conjunto Ceará)
- CRAS Conjunto Esperança (Rua 103, 195 – Conjunto Esperança)
- CRAS Conjunto Palmeiras (Rua Iracema, 1860 - Conjunto Palmeiras)
- CRAS Jardim das Oliveiras (Rua Major Otacílio Afonso de Souza, 61 - Jardim das Oliveiras)
- CRAS Castelão (Avenida Alberto Craveiro, 1480 - Boa Vista)
- CRAS João Paulo II (Rua 10, n° 75 - Barroso)
- CRAS Dendê (Rua Adolfo Moreira de Carvalho, 96 - Dendê)
- CRAS Messejana (Rua Edmilson Coelho, 1720 - Curió)

Em Fortaleza, 734.454 pessoas receberam a 1ª dose da vacina contra Covid-19

A SMS está vacinando a população em geral de forma escalonada por idade, iniciando com pessoas de 59 anos até 18 anos, desde o dia 6 de junho

Fortaleza já aplicou 1.066.506 de doses contra a Covid-19, segundo balanço apresentado pela titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Ana Estela Leite, nesta sexta-feira (11/06). Ao todo, 734.454 fortalezenses receberam a primeira dose do imunizante, dentre as quais 332.053 foram vacinadas com a segunda dose.

A SMS está vacinando a população em geral de forma escalonada por idade, iniciando com pessoas de 59 anos até 18 anos, desde o dia 6 de junho. Nesta sexta-feira (11/06), a vacinação avançou para pessoas nascidas em 1980, ou seja, na faixa dos 41 anos.

Segundo a secretária da SMS, o processo ganhou maior rapidez devido à redução de exigências para receber a vacina nesta etapa.

“Entramos na população em geral e tem sido uma alegria para todos, pras nossas equipes de saúde que estão operacionalizando essa vacina, agora, de forma mais rápida porque os critérios necessários são apenas comprovação da idade e de residência em Fortaleza. Dessa forma, a gente tá avançando rapidamente”, comentou Ana Estela Leite.

Para ter acesso à vacina, é necessário realizar o cadastro na plataforma Saúde Digital (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br). A lista nominal dos agendados para receber as doses é divulgada no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br, diariamente.

Confira o número de vacinados de acordo com os grupos:

- trabalhadores da saúde - 114.261;
- idosos acima de 75 anos - 102.934;
- idosos de 60 a 74 anos - 245.249;
- forças de segurança, salvamento e funcionários do Sistema de Privação de Liberdade - 17.033;
- pessoas com comorbidade, gestantes, puérperas e pessoas com deficiência grave - 144.423;
- pessoas em situação de rua - 745;
- trabalhadores da educação - 50.784;
- trabalhadores do transporte aéreo - 1.133;
- trabalhadores portuários - 1.293;
- população em geral - 55.090;

De acordo com a titular da SMS, gestantes e puérperas estão sendo agendadas para a vacinação de forma contínua.

Idosos acima de 60 anos que não foram agendados

A secretária também alerta para que idosos acima de 60 anos, moradores do município de Fortaleza e cadastrados no Saúde Digital, que não tiverem sido agendados, procurem um dos 53 centros de vacinação da Capital para receberem as doses.

“Idoso é um grupo de extremo risco, onde se concentra a maior taxa de mortalidade e gravidade da doença. Então, não perca a oportunidade”, reforçou.

O mesmo vale para quem está com prazo da 2ª dose da AstraZeneca vencida. Já para quem tem 2ª dose da CoronaVac em atraso, a orientação é aguardar a Prefeitura lançar nova data.

O intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina CoronaVac é de 28 dias. Já para os imunizantes da Pfizer e AstraZeneca, o intervalo é de 12 semanas entre as doses, informou a secretária.

“Quando você tiver sua segunda dose agendada, compareça, ela é tão ou mais importante do que a primeira. Ela é necessária para completar a imunização”, frisou Ana Estela.

Mutirão

A Prefeitura de Fortaleza iniciou um trabalho de busca ativa, nesta quinta-feira (10/06) com apoio do banco de dados da Secretaria Municipal da Educação (SME), da Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS) e da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, para auxiliar quem ainda não conseguiu realizar o cadastro para a vacinação.

O projeto foi lançado pelo prefeito de Fortaleza, José Sarto, e também prevê um mutirão presencial, iniciado nesta segunda-feira (14/06), nos 27 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), nos Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cucas) Jangurussu e José Walter, e no Centro Cultural Canindezinho.

Confira onde procurar auxílio para realizar o cadastro no Saúde Digital:

- Cuca Jangurussu (Avenida Castelo de Castro s/n - Jangurrusu)
- Cuca José Walter (Rua 69 - 2ª etapa - José Walter)
- Centro Cultural Canindezinho (Avenida Osório de Paiva, 6297 - Canindezinho)

- CRAS Jacarecanga (Rua Senador Alencar, 1540 - Jacarecanga)
- CRAS Barra do Ceará (Rua Cândido Castelo Branco, s/n – Barra do Ceará)
- CRAS Mucuripe (Rua Professor Luís Costa, 142 – Mucuripe)
- CRAS Serviluz (Avenida Zezé Diogo, 1038 - Serviluz)
- CRAS Lagamar (Rua Sabino Monte, 4506 – São João do Tauape/Lagamar)
- CRAS Praia do Futuro (Rua Clovis Arrais Maia, 6430 - Praia do Futuro)
- CRAS Bela Vista (Rua Mario de Andrade, 496-A - Bela Vista)
- CRAS João XXIII (Rua Visconde do Cauipe, 200 - João XXIII)
- CRAS Presidente Kennedy (Conjunto Castelo Branco, s/n Quadra F - Presidente Kennedy)
- CRAS Antônio Bezerra (Rua Cândido Maia, 245 – Antônio Bezerra)
- CRAS Quintino Cunha (Rua Ilha do Bote, 334 – Quintino Cunha)
- CRAS Vila União (Rua do Avião, s/n - Vila União)
- CRAS Serrinha (Rua Inácio Parente, 100 - Serrinha)
- CRAS Couto Fernandes (Avenida João Pessoa, 4474 - Damas)
- CRAS Granja Portugal (Rua Humberto Lomeu, 1130 – Granja Portugal)
- CRAS Aracapé (Rua Poliana, s/n - Mondubim)
- CRAS Canindezinho (Rua Coronel José Maurício, 405 - Canindezinho)
- CRAS Bom Jardim (Rua Coronel João Correia, 2023 - Bom Jardim)
- CRAS Mondubim (Avenida Waldir Diogo, 840 - Mondubim)
- CRAS Genibaú (Avenida I, 340, 3ª Etapa – Conjunto Ceará)
- CRAS Conjunto Esperança (Rua 103, 195 – Conjunto Esperança)
- CRAS Conjunto Palmeiras (Rua Iracema, 1860 - Conjunto Palmeiras)
- CRAS Jardim das Oliveiras (Rua Major Otacílio Afonso de Souza, 61 - Jardim das Oliveiras)
- CRAS Castelão (Avenida Alberto Craveiro, 1480 - Boa Vista)
- CRAS João Paulo II (Rua 10, n° 75 - Barroso)
- CRAS Dendê (Rua Adolfo Moreira de Carvalho, 96 - Dendê)
- CRAS Messejana (Rua Edmilson Coelho, 1720 - Curió)