16 de maio de 2018 em Juventude

Jovens da Rede Cuca são selecionados para imersão nos estúdios do Profissão Repórter

Os estudantes disputaram as vagas com 2.500 jovens de 11 cidades do Brasil


Os jovens da Rede Cuca Wagner Machado (26) e Bruno Jucá (19) foram selecionados para vivenciar uma semana de imersão nos estúdios do programa televisivo Profissão Repórter, em São Paulo.

Os alunos, participaram, em março, da oficina do “Globo Lab - Profissão Repórter 2018”, realizada na Rede Cuca Mondubim. Na oportunidade, receberam o desafio de produzir, em dupla, uma reportagem em vídeo. Ao todo, 2.500 jovens participaram das oficinas realizadas em 11 cidades do Brasil.

A palestra contou com a presença de Caio Cavechini e Eliane Scardovelli, do Programa Profissão Repórter. Os repórteres falaram da rotina de trabalho no programa e como a condução das matérias é fundamental para contar uma boa história.

Um total de 184 vídeos foram recebidos pela produção do programa e a reportagem sobre o “reggae do passinho”, produzida pelos jovens da Rede Cuca, teve lugar garantido entre as 10 reportagens selecionadas. Como premiação, durante o período de imersão, os jovens irão conhecer as rotinas da profissão e cocriar conteúdos audiovisuais com Caco Barcellos e a equipe do programa.

A notícia da seleção foi dada aos jovens pelo próprio jornalista Caco Barcellos. “Eu estava na correria do dia-a-dia quando o Caco Barcellos me ligou para dizer que fomos selecionados. A sensação foi de êxtase, uma alegria muito grande”, comemora Wagner.

Bruno ressalta que “a experiência no manuseio de equipamentos de audiovisual e edição de vídeo adquirida nas oficinas da Rede Cuca foram muito importantes na produção da reportagem”.

Os jovens participam de atividades na pista de skate, cursos nas áreas de fotografia e audiovisual. Neste ano, eles também foram aprovados no Edital ação Jovem, no qual deverão realizar oficinas na área de comunicação na Rede Cuca Mondubim.

Saiba mais

A Rede Cuca conta com três equipamentos localizados nos bairros Jangurussu, Mondubim e Barra do Ceará e oferece, todos os meses, uma média de cinco mil vagas entre as 21 modalidades esportivas e mais de 60 cursos distribuídos em oito áreas formação, para jovens entre 15 e 29 anos.

A Rede também traz para a periferia de Fortaleza a oportunidade de participação em eventos culturais como festivais, mostras, exposições, sessões de cinema e apresentação de espetáculos. Só em 2017, Rede Cuca registrou mais de 330 mil atendimentos.

Jovens da Rede Cuca são selecionados para imersão nos estúdios do Profissão Repórter

Os estudantes disputaram as vagas com 2.500 jovens de 11 cidades do Brasil

Os jovens da Rede Cuca Wagner Machado (26) e Bruno Jucá (19) foram selecionados para vivenciar uma semana de imersão nos estúdios do programa televisivo Profissão Repórter, em São Paulo.

Os alunos, participaram, em março, da oficina do “Globo Lab - Profissão Repórter 2018”, realizada na Rede Cuca Mondubim. Na oportunidade, receberam o desafio de produzir, em dupla, uma reportagem em vídeo. Ao todo, 2.500 jovens participaram das oficinas realizadas em 11 cidades do Brasil.

A palestra contou com a presença de Caio Cavechini e Eliane Scardovelli, do Programa Profissão Repórter. Os repórteres falaram da rotina de trabalho no programa e como a condução das matérias é fundamental para contar uma boa história.

Um total de 184 vídeos foram recebidos pela produção do programa e a reportagem sobre o “reggae do passinho”, produzida pelos jovens da Rede Cuca, teve lugar garantido entre as 10 reportagens selecionadas. Como premiação, durante o período de imersão, os jovens irão conhecer as rotinas da profissão e cocriar conteúdos audiovisuais com Caco Barcellos e a equipe do programa.

A notícia da seleção foi dada aos jovens pelo próprio jornalista Caco Barcellos. “Eu estava na correria do dia-a-dia quando o Caco Barcellos me ligou para dizer que fomos selecionados. A sensação foi de êxtase, uma alegria muito grande”, comemora Wagner.

Bruno ressalta que “a experiência no manuseio de equipamentos de audiovisual e edição de vídeo adquirida nas oficinas da Rede Cuca foram muito importantes na produção da reportagem”.

Os jovens participam de atividades na pista de skate, cursos nas áreas de fotografia e audiovisual. Neste ano, eles também foram aprovados no Edital ação Jovem, no qual deverão realizar oficinas na área de comunicação na Rede Cuca Mondubim.

Saiba mais

A Rede Cuca conta com três equipamentos localizados nos bairros Jangurussu, Mondubim e Barra do Ceará e oferece, todos os meses, uma média de cinco mil vagas entre as 21 modalidades esportivas e mais de 60 cursos distribuídos em oito áreas formação, para jovens entre 15 e 29 anos.

A Rede também traz para a periferia de Fortaleza a oportunidade de participação em eventos culturais como festivais, mostras, exposições, sessões de cinema e apresentação de espetáculos. Só em 2017, Rede Cuca registrou mais de 330 mil atendimentos.