09 de fevereiro de 2018 em Social

Pessoas em Situação de Rua desfilam pela primeira vez em bloco carnavalesco na Domingos Olímpio

Iniciativa tem o objetivo de promover a inclusão social


Domingos Olímpio
O desfile acontecerá na terça-feira (13/02), a partir das 15h30, na Avenida Domingos Olímpio (Foto: Marcos Moura)
O Bloco A Turma do Papelão, formado por pessoas em situação de rua, desfila pela primeira vez no Carnaval de Fortaleza nesta terça-feira (13/02), às 15h30, na Avenida Domingos Olímpio.

A iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, em parceria com o Instituto Maria da Hora, tem o objetivo de promover a inclusão social e garantir o aceso dos usuários nos espaços de destaque.

O bloco é formado por 52 pessoas que fazem parte dos serviços ofertados pelos ​​Centros de Referência Especializados para População em Situação de Rua (Centro Pop) – Unidades Centro e Benfica, Centro de Convivência para Pessoas em Situação de Rua, Pousada Social, Casa de passagem e Abrigos de Homens e Família, equipamentos veiculados à SDHDS, além de usuários de serviços disponibilizados por Organizações Não-Governamentais (ONGs) e entidades parceiras.

Atualmente, Fortaleza conta com duas unidades do Centro Pop, (Centro e Benfica) e um Centro de Convivência para Pessoas em Situação de Rua, que funcionam de segunda a sexta-feira de 8h às 17h. Os equipamentos são espaços de referência para que qualquer pessoa em situação de rua possa procurar serviços de acesso à documentação oficial, Cadastro Único para Programas Sociais, atividades socioeducativas e artísticas.

O atendimento especializado é feito por uma equipe multiprofissional que auxilia na resolução das suas demandas. No equipamento, os usuários realizam ainda a higiene pessoal, lavam suas roupas e utilizam o equipamento como referência de endereço, além de participarem de oficinas e grupos.

Pessoas em Situação de Rua desfilam pela primeira vez em bloco carnavalesco na Domingos Olímpio

Iniciativa tem o objetivo de promover a inclusão social

Domingos Olímpio
O desfile acontecerá na terça-feira (13/02), a partir das 15h30, na Avenida Domingos Olímpio (Foto: Marcos Moura)
O Bloco A Turma do Papelão, formado por pessoas em situação de rua, desfila pela primeira vez no Carnaval de Fortaleza nesta terça-feira (13/02), às 15h30, na Avenida Domingos Olímpio.

A iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, em parceria com o Instituto Maria da Hora, tem o objetivo de promover a inclusão social e garantir o aceso dos usuários nos espaços de destaque.

O bloco é formado por 52 pessoas que fazem parte dos serviços ofertados pelos ​​Centros de Referência Especializados para População em Situação de Rua (Centro Pop) – Unidades Centro e Benfica, Centro de Convivência para Pessoas em Situação de Rua, Pousada Social, Casa de passagem e Abrigos de Homens e Família, equipamentos veiculados à SDHDS, além de usuários de serviços disponibilizados por Organizações Não-Governamentais (ONGs) e entidades parceiras.

Atualmente, Fortaleza conta com duas unidades do Centro Pop, (Centro e Benfica) e um Centro de Convivência para Pessoas em Situação de Rua, que funcionam de segunda a sexta-feira de 8h às 17h. Os equipamentos são espaços de referência para que qualquer pessoa em situação de rua possa procurar serviços de acesso à documentação oficial, Cadastro Único para Programas Sociais, atividades socioeducativas e artísticas.

O atendimento especializado é feito por uma equipe multiprofissional que auxilia na resolução das suas demandas. No equipamento, os usuários realizam ainda a higiene pessoal, lavam suas roupas e utilizam o equipamento como referência de endereço, além de participarem de oficinas e grupos.