06 de julho de 2019 em Fortaleza

Prefeito Roberto Cláudio atualiza cronograma de obras e investimentos do Programa Mais Ação

Mais de 700 obras em áreas prioritárias serão realizadas no biênio 2019-2020 com investimentos que superam R$ 1,5 bilhão


Prefeito e secretários sentados à mesa conversando
Durante o encontro, foram definidas ações para garantir a execução de obras nos setores da saúde, educação, proteção social, cultura, esporte e lazer, mobilidade, infraestrutura e urbanização

O prefeito Roberto Cláudio coordenou, na manhã deste sábado (06/07), reunião com secretários municipais para atualizar o cronograma de investimentos oriundos do Programa Mais Ação. Durante o encontro, realizado no Paço Municipal, foram definidas ações prioritárias para garantir a execução de obras nas áreas da saúde, educação, proteção social, cultura, esporte e lazer, mobilidade, infraestrutura e urbanização.

Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, as ações da Prefeitura vão garantir, dentre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da implantação de binários, de ciclofaixas e de melhorias voltadas ao transporte público municipal. O pacote inclui, ainda, a construção de 47 novas Areninhas, a expansão da assistência à saúde animal e a ampliação da rede de Ecopontos.

A iniciativa deve contemplar, no biênio 2019-2020, todas as Regionais da Capital. Boa parte das ações já está licitada e as obras começam neste mês de julho. A outra parte dos investimentos será iniciada ao longo do segundo semestre deste ano.

Durante a reunião, na qual estiveram presentes gestores da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), Secretaria Municipal de Governo (Segov), Chefia de Gabinete, Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Secretaria Municipal da Educação (SME), Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), o prefeito Roberto Cláudio destacou que o intuito do encontro é garantir o cronograma para a conclusão das obras e entregar benefícios capazes de transformar positivamente, sobretudo, as áreas mais vulneráveis da Cidade.

“Neste sábado pela manhã, estivemos reunidos com uma equipe de gestores diretamente envolvidos no Programa Mais Ação. Com o objetivo de detalhar diretrizes de lançamento e monitoramento, a população começará a sentir o projeto dentro dos bairros. Nosso trabalho envolve a conclusão de projetos, o lançamento de licitações e de obras, além de estabelecer os cronogramas de execução desses investimentos sociais. Dessa forma, iremos garantir benefícios intersetoriais aos fortalezenses”, reforçou o Prefeito.

Investimentos

Os recursos, da ordem de R$ 1,5 bilhão, são resultado do financiamento de seis bancos nacionais e internacionais, como Caixa Econômica Federal, Santander, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e Banco Mundial.

Prefeito Roberto Cláudio atualiza cronograma de obras e investimentos do Programa Mais Ação

Mais de 700 obras em áreas prioritárias serão realizadas no biênio 2019-2020 com investimentos que superam R$ 1,5 bilhão

Prefeito e secretários sentados à mesa conversando
Durante o encontro, foram definidas ações para garantir a execução de obras nos setores da saúde, educação, proteção social, cultura, esporte e lazer, mobilidade, infraestrutura e urbanização

O prefeito Roberto Cláudio coordenou, na manhã deste sábado (06/07), reunião com secretários municipais para atualizar o cronograma de investimentos oriundos do Programa Mais Ação. Durante o encontro, realizado no Paço Municipal, foram definidas ações prioritárias para garantir a execução de obras nas áreas da saúde, educação, proteção social, cultura, esporte e lazer, mobilidade, infraestrutura e urbanização.

Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, as ações da Prefeitura vão garantir, dentre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da implantação de binários, de ciclofaixas e de melhorias voltadas ao transporte público municipal. O pacote inclui, ainda, a construção de 47 novas Areninhas, a expansão da assistência à saúde animal e a ampliação da rede de Ecopontos.

A iniciativa deve contemplar, no biênio 2019-2020, todas as Regionais da Capital. Boa parte das ações já está licitada e as obras começam neste mês de julho. A outra parte dos investimentos será iniciada ao longo do segundo semestre deste ano.

Durante a reunião, na qual estiveram presentes gestores da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), Secretaria Municipal de Governo (Segov), Chefia de Gabinete, Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Secretaria Municipal da Educação (SME), Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), o prefeito Roberto Cláudio destacou que o intuito do encontro é garantir o cronograma para a conclusão das obras e entregar benefícios capazes de transformar positivamente, sobretudo, as áreas mais vulneráveis da Cidade.

“Neste sábado pela manhã, estivemos reunidos com uma equipe de gestores diretamente envolvidos no Programa Mais Ação. Com o objetivo de detalhar diretrizes de lançamento e monitoramento, a população começará a sentir o projeto dentro dos bairros. Nosso trabalho envolve a conclusão de projetos, o lançamento de licitações e de obras, além de estabelecer os cronogramas de execução desses investimentos sociais. Dessa forma, iremos garantir benefícios intersetoriais aos fortalezenses”, reforçou o Prefeito.

Investimentos

Os recursos, da ordem de R$ 1,5 bilhão, são resultado do financiamento de seis bancos nacionais e internacionais, como Caixa Econômica Federal, Santander, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e Banco Mundial.