23 de dezembro de 2019 em Gestão

Prefeito Roberto Cláudio atualiza cronograma de obras e investimentos para 2020

Em reunião com secretários municipais, Gestor definiu ações prioritárias em diversas áreas


Prefeito sentado à mesa ao lado de secretários
Durante o encontro, estiveram presentes gestores de diversas secretarias municipais
O prefeito Roberto Cláudio coordenou, na tarde desta segunda-feira (23/12), reunião com secretários municipais para atualizar o cronograma de investimentos oriundos do Programa Mais Ação. Durante o encontro, realizado no Paço Municipal, foram definidas ações prioritárias para garantir a execução de obras nas áreas da saúde, educação, proteção social, cultura, esporte e lazer, mobilidade, infraestrutura e urbanização.

Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, as ações da Prefeitura vão garantir, entre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da implantação de binários, ciclofaixas e melhorias voltadas ao transporte público municipal. O pacote inclui, ainda, a construção de novas Areninhas, a expansão da assistência à saúde animal e a ampliação da rede de Ecopontos. A iniciativa deve contemplar todas as Regionais da Capital.

De acordo com o secretário Municipal de Governo de Fortaleza, Samuel Dias, a Prefeitura traçou o prognóstico para o primeiro semestre de 2020. “Até março, diversas obras, em diversas áreas, deverão ser concluídas. Já estão previstas muitas inaugurações, incluindo Areninhas, Escolas de Tempo Integral, Centros de Educação Infantil, além de obras de pavimentação”, destacou.

Samuel Dias enfatizou, ainda, a relevância do monitoramento do cronograma de execuções. “Este é o momento de avaliar os processos que demandam atenção. Nosso objetivo é iniciar todas as ações previstas pelo Programa Mais Ação até o primeiro semestre de 2020 para concluir e entregar, até o fim da gestão, o maior número possível de projetos”, afirmou.

Durante a reunião, na qual estiveram presentes gestores da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), Secretaria Municipal de Governo (Segov), Chefia de Gabinete, Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Secretaria Municipal da Educação (SME), Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), o prefeito Roberto Cláudio destacou que o intuito do encontro é garantir o cronograma para a conclusão das obras e entregar benefícios capazes de transformar positivamente, sobretudo, as áreas mais vulneráveis da Cidade.

Mais de R$500 milhões estão sendo investidos, especificamente, em obras de pavimentação, drenagem e saneamento básico em territórios periféricos. “Esse recurso é inédito na história da Cidade e irá oferecer dignidade e qualidade de vida a muitos fortalezenses”, finalizou Samuel Dias.

Programa Mais Ação

Os recursos, da ordem de R$ 1,5 bilhão, são resultado do financiamento de seis bancos nacionais e internacionais, como Caixa Econômica Federal, Santander, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e Banco Mundial.

Prefeito Roberto Cláudio atualiza cronograma de obras e investimentos para 2020

Em reunião com secretários municipais, Gestor definiu ações prioritárias em diversas áreas

Prefeito sentado à mesa ao lado de secretários
Durante o encontro, estiveram presentes gestores de diversas secretarias municipais
O prefeito Roberto Cláudio coordenou, na tarde desta segunda-feira (23/12), reunião com secretários municipais para atualizar o cronograma de investimentos oriundos do Programa Mais Ação. Durante o encontro, realizado no Paço Municipal, foram definidas ações prioritárias para garantir a execução de obras nas áreas da saúde, educação, proteção social, cultura, esporte e lazer, mobilidade, infraestrutura e urbanização.

Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, as ações da Prefeitura vão garantir, entre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da implantação de binários, ciclofaixas e melhorias voltadas ao transporte público municipal. O pacote inclui, ainda, a construção de novas Areninhas, a expansão da assistência à saúde animal e a ampliação da rede de Ecopontos. A iniciativa deve contemplar todas as Regionais da Capital.

De acordo com o secretário Municipal de Governo de Fortaleza, Samuel Dias, a Prefeitura traçou o prognóstico para o primeiro semestre de 2020. “Até março, diversas obras, em diversas áreas, deverão ser concluídas. Já estão previstas muitas inaugurações, incluindo Areninhas, Escolas de Tempo Integral, Centros de Educação Infantil, além de obras de pavimentação”, destacou.

Samuel Dias enfatizou, ainda, a relevância do monitoramento do cronograma de execuções. “Este é o momento de avaliar os processos que demandam atenção. Nosso objetivo é iniciar todas as ações previstas pelo Programa Mais Ação até o primeiro semestre de 2020 para concluir e entregar, até o fim da gestão, o maior número possível de projetos”, afirmou.

Durante a reunião, na qual estiveram presentes gestores da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), Secretaria Municipal de Governo (Segov), Chefia de Gabinete, Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Secretaria Municipal da Educação (SME), Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), o prefeito Roberto Cláudio destacou que o intuito do encontro é garantir o cronograma para a conclusão das obras e entregar benefícios capazes de transformar positivamente, sobretudo, as áreas mais vulneráveis da Cidade.

Mais de R$500 milhões estão sendo investidos, especificamente, em obras de pavimentação, drenagem e saneamento básico em territórios periféricos. “Esse recurso é inédito na história da Cidade e irá oferecer dignidade e qualidade de vida a muitos fortalezenses”, finalizou Samuel Dias.

Programa Mais Ação

Os recursos, da ordem de R$ 1,5 bilhão, são resultado do financiamento de seis bancos nacionais e internacionais, como Caixa Econômica Federal, Santander, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e Banco Mundial.