14 de setembro de 2019 em Fortaleza

Prefeito Roberto Cláudio entrega reforma da Praça do Liceu

Espaço público no bairro Jacarecanga recebeu diversas intervenções estruturais e a instalação do projeto Leitura na Praça


Prefeito falando ao microfone para pessoas em pé assistindo e quiosque de livros em primeiro plano
Para Roberto Cláudio, a recuperação da praça é uma forma de celebrar a memória e a história do equipamento, um dos mais antigos da Cidade

O prefeito Roberto Cláudio entregou, na noite desta sexta-feira (13/09), a requalificação da Praça Gustavo Barroso (Praça do Liceu), localizada no bairro Jacarecanga. O espaço recebeu uma série de intervenções, como a recuperação de todo o piso e alambrados, além de nova iluminação.

As obras também incluíram a instalação de piso tátil, novas redes, grades e tabelas de basquete na quadra poliesportiva, pintura do piso e a reforma das mesas de ping-pong e de tabuleiros. A iniciativa promoveu ainda a recuperação da Academia ao Ar Livre, do parquinho infantil e das rampas já existentes. Uma pista de cooper foi construída e novas rampas de acessibilidade foram instaladas.

Para Roberto Cláudio, a recuperação da praça é uma forma de celebrar a memória e a história do equipamento, um dos mais antigos da Cidade. “Poucos bairros de Fortaleza carregam tanto afeto e tanta história como a Jacarecanga. E poucos espaços têm tantas memórias e testemunhou tantos fatos ao longo da história da Capital como esta praça”, disse o Prefeito enfatizando que o espaço público é destinado à comunidade para a convivência fraterna.

Pai e filha sentados segurando livros e sorrindo para a foto
O servidor público Marcelo Farias e a filha Maria Eduarda

Além de trabalhar para deixar o equipamento em condições atraentes para a população, o titular da Secretaria Regional do Centro, Adail Fontenele, destacou a importância histórica do espaço e que esta é a sexta praça a receber o projeto Leitura na Praça, cujo objetivo é despertar o interesse da comunidade pela leitura. “A praça merecia uma reforma desse naipe. Esperamos atender a curiosidade das crianças na primeira infância que têm necessitado desse tipo de atividade”, afirmou.

Os quiosques de leitura são formados por estruturas metálicas fixas em espaços públicos e serão distribuídos nas sete Regionais. Com visual lúdico, o Projeto idealizado pela primeira-dama, Carol Bezerra, é direcionado ao público infantojuvenil. Cada quiosque recebe cerca de 400 livros com títulos variados. Os exemplares abordam temas como solidariedade, cidadania, autoestima, vínculos familiares, sonhos e criatividade.

O servidor público Marcelo Farias conta que a filha Maria Eduarda, de 8 anos, costuma ler em outros ambientes, mas agora, com a reforma e a oportunidade do Leitura na Praça, este tende a se tornar um hábito ainda mais cotidiano. "Eu acho importante, pois traz cultura para as crianças nas praças. É um projeto realmente muito interessante e que eu quero incentivar", disse.

Saiba mais

Localizado no bairro Jacarecanga, entre as ruas Guilherme Rocha, Oto de Alencar e a Avenida Philomeno Gomes, até o início de 1881, o equipamento, era conhecido como Praça do Jacarecanga, por causa do riacho que corria nas proximidades. Posteriormente, recebeu o nome de Dr. Miguel Fernandes Vieira, primeiro chefe de polícia do Ceará, e, finalmente, em dezembro de 1960, passou a se chamar Gustavo Barroso, em homenagem ao professor, político e escritor cearense.

Prefeito Roberto Cláudio entrega reforma da Praça do Liceu

Espaço público no bairro Jacarecanga recebeu diversas intervenções estruturais e a instalação do projeto Leitura na Praça

Prefeito falando ao microfone para pessoas em pé assistindo e quiosque de livros em primeiro plano
Para Roberto Cláudio, a recuperação da praça é uma forma de celebrar a memória e a história do equipamento, um dos mais antigos da Cidade

O prefeito Roberto Cláudio entregou, na noite desta sexta-feira (13/09), a requalificação da Praça Gustavo Barroso (Praça do Liceu), localizada no bairro Jacarecanga. O espaço recebeu uma série de intervenções, como a recuperação de todo o piso e alambrados, além de nova iluminação.

As obras também incluíram a instalação de piso tátil, novas redes, grades e tabelas de basquete na quadra poliesportiva, pintura do piso e a reforma das mesas de ping-pong e de tabuleiros. A iniciativa promoveu ainda a recuperação da Academia ao Ar Livre, do parquinho infantil e das rampas já existentes. Uma pista de cooper foi construída e novas rampas de acessibilidade foram instaladas.

Para Roberto Cláudio, a recuperação da praça é uma forma de celebrar a memória e a história do equipamento, um dos mais antigos da Cidade. “Poucos bairros de Fortaleza carregam tanto afeto e tanta história como a Jacarecanga. E poucos espaços têm tantas memórias e testemunhou tantos fatos ao longo da história da Capital como esta praça”, disse o Prefeito enfatizando que o espaço público é destinado à comunidade para a convivência fraterna.

Pai e filha sentados segurando livros e sorrindo para a foto
O servidor público Marcelo Farias e a filha Maria Eduarda

Além de trabalhar para deixar o equipamento em condições atraentes para a população, o titular da Secretaria Regional do Centro, Adail Fontenele, destacou a importância histórica do espaço e que esta é a sexta praça a receber o projeto Leitura na Praça, cujo objetivo é despertar o interesse da comunidade pela leitura. “A praça merecia uma reforma desse naipe. Esperamos atender a curiosidade das crianças na primeira infância que têm necessitado desse tipo de atividade”, afirmou.

Os quiosques de leitura são formados por estruturas metálicas fixas em espaços públicos e serão distribuídos nas sete Regionais. Com visual lúdico, o Projeto idealizado pela primeira-dama, Carol Bezerra, é direcionado ao público infantojuvenil. Cada quiosque recebe cerca de 400 livros com títulos variados. Os exemplares abordam temas como solidariedade, cidadania, autoestima, vínculos familiares, sonhos e criatividade.

O servidor público Marcelo Farias conta que a filha Maria Eduarda, de 8 anos, costuma ler em outros ambientes, mas agora, com a reforma e a oportunidade do Leitura na Praça, este tende a se tornar um hábito ainda mais cotidiano. "Eu acho importante, pois traz cultura para as crianças nas praças. É um projeto realmente muito interessante e que eu quero incentivar", disse.

Saiba mais

Localizado no bairro Jacarecanga, entre as ruas Guilherme Rocha, Oto de Alencar e a Avenida Philomeno Gomes, até o início de 1881, o equipamento, era conhecido como Praça do Jacarecanga, por causa do riacho que corria nas proximidades. Posteriormente, recebeu o nome de Dr. Miguel Fernandes Vieira, primeiro chefe de polícia do Ceará, e, finalmente, em dezembro de 1960, passou a se chamar Gustavo Barroso, em homenagem ao professor, político e escritor cearense.