02 de setembro de 2019 em Social

Prefeito Roberto Cláudio inaugura nova Pousada Social para população em situação de rua

O equipamento, instalado no Centro da Cidade, é o segundo similar entregue pela atual gestão


Prefeito sentado em beliche e pessoas sorrindo em pé ao redor
" Aqui, 100 pessoas poderão ter um abrigo noturno com estrutura adequada ao pernoite para dormir, alimentar-se e tomar banho", disse o Prefeito

O prefeito Roberto Cláudio inaugurou, na tarde desta segunda-feira (02/09), a Pousada Social para Pessoas em Situação de Rua Meire Hellen de Oliveira Jardim. O equipamento, instalado no Centro da Cidade, é o segundo similar entregue pela atual gestão e reforça as políticas executadas pela Prefeitura de Fortaleza direcionadas à minimização de vulnerabilidades sociais.

A unidade funcionará, diariamente, das 20h às 8h e oferecerá acolhida noturna, segura e temporária a homens, mulheres e famílias acompanhadas pelo Centro de Convivência e pelos Centros de Referência para População em Situação de Rua (Centros Pop), localizados no Centro e no Benfica. Para a finalidade, 100 vagas serão ofertadas.

“Estamos ampliando possibilidades para quem hoje vive na rua. Aqui, 100 pessoas poderão ter um abrigo noturno com estrutura adequada ao pernoite para dormir, alimentar-se e tomar banho. Além de acolher com humanidade, estamos montando uma base da própria Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social para que as necessidades de cada um deles possam ser efetivamente encaminhadas, dirigidas e acompanhadas. A partir disso, essas pessoas poderão ser, voluntariamente, assistidas por outros serviços públicos da Prefeitura para sair dessa situação”, afirmou o Prefeito, que, na ocasião, esteve acompanhado por vereadores, secretários municipais, lideranças políticas e comunitárias.

Homem de costas passando a mão em cima de cama
A unidade funcionará, diariamente, das 20h às 8h e oferecerá acolhida noturna, segura e temporária a homens, mulheres e famílias

O titular da SDHDS, Elpídio Nogueira, destacou a pluralidade de ações que vêm sendo desenvolvidas pela Prefeitura em prol da inclusão social e da dignidade humana em Fortaleza. “O prefeito Roberto Cláudio tem recomendado, desde o início da gestão, um cuidado maior a quem tem um menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Além da atenção especial às pessoas em situação de rua, isso se manifesta por meio das creches, dos postos de saúde e de diversas outras iniciativas. Nós inauguramos recentemente um Refeitório Social, onde se oferecem 400 alimentações por dia de forma gratuita. Também temos ações para incluir essa parcela da população na vida da Cidade, levando à Arena Castelão, ao Ceará Show, à Bienal do Livro e promovendo sua participação no Carnaval de Fortaleza, no Bloco Turma do Papelão, que já acontece há dois anos”, elencou.

Na oportunidade, o Secretário apontou, ainda, outras iniciativas relevantes, a exemplo do Projeto Novos Caminhos, ação voltada à reinserção social de usuários de álcool, crack e outras drogas que vivem em situação de rua, por meio de cursos de qualificação profissional. “A segunda etapa do Projeto será lançada este ano com recursos do Governo Federal. Dessa forma, será possível ampliar o número de vagas ofertadas”, adiantou Elpídio, garantindo que a SDHDS continuará trabalhando no âmbito das abordagens qualificadas e responsáveis, considerando a diversidade e a individualidade de cada ser.

Pousadas Sociais em Fortaleza

Além da Pousada Social recém-inaugurada, o Município conta com outra unidade localizada na Rua Solón Pinheiro, também no Centro, disponibilizando 100 vagas diárias. De acordo com o prefeito Roberto Cláudio, até o fim deste ano, a oferta do número de vagas deverá ser expandida. “Serão mais 40 vagas disponibilizadas, sendo 20 em cada equipamento. Com isso, a gente vai dotar a Cidade de uma estrutura de 240 espaços em pousadas sociais para pessoas que vivem em situação de rua”, assegurou.

A rede socioassistencial especializada à população de rua de Fortaleza conta ainda com dois Centros Pop, Centro de Convivência e Abrigos.

Sobre a homenageada

Natural da cidade de Volta Redonda (RJ), Meire Hellen veio a Fortaleza ainda criança, na companhia do pai, Marcos Almeida Jardim. Viveu em situação de rua e, por meio da equipe de abordagem social realizada na Cidade, foi encaminhada para os serviços oferecidos pelo Centro de Referência para População em Situação de Rua (Centro Pop). Participou do Projetos Novos Caminhos e trabalhou com a venda de água mineral na Avenida Duque de Caxias.

Prefeito Roberto Cláudio inaugura nova Pousada Social para população em situação de rua

O equipamento, instalado no Centro da Cidade, é o segundo similar entregue pela atual gestão

Prefeito sentado em beliche e pessoas sorrindo em pé ao redor
" Aqui, 100 pessoas poderão ter um abrigo noturno com estrutura adequada ao pernoite para dormir, alimentar-se e tomar banho", disse o Prefeito

O prefeito Roberto Cláudio inaugurou, na tarde desta segunda-feira (02/09), a Pousada Social para Pessoas em Situação de Rua Meire Hellen de Oliveira Jardim. O equipamento, instalado no Centro da Cidade, é o segundo similar entregue pela atual gestão e reforça as políticas executadas pela Prefeitura de Fortaleza direcionadas à minimização de vulnerabilidades sociais.

A unidade funcionará, diariamente, das 20h às 8h e oferecerá acolhida noturna, segura e temporária a homens, mulheres e famílias acompanhadas pelo Centro de Convivência e pelos Centros de Referência para População em Situação de Rua (Centros Pop), localizados no Centro e no Benfica. Para a finalidade, 100 vagas serão ofertadas.

“Estamos ampliando possibilidades para quem hoje vive na rua. Aqui, 100 pessoas poderão ter um abrigo noturno com estrutura adequada ao pernoite para dormir, alimentar-se e tomar banho. Além de acolher com humanidade, estamos montando uma base da própria Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social para que as necessidades de cada um deles possam ser efetivamente encaminhadas, dirigidas e acompanhadas. A partir disso, essas pessoas poderão ser, voluntariamente, assistidas por outros serviços públicos da Prefeitura para sair dessa situação”, afirmou o Prefeito, que, na ocasião, esteve acompanhado por vereadores, secretários municipais, lideranças políticas e comunitárias.

Homem de costas passando a mão em cima de cama
A unidade funcionará, diariamente, das 20h às 8h e oferecerá acolhida noturna, segura e temporária a homens, mulheres e famílias

O titular da SDHDS, Elpídio Nogueira, destacou a pluralidade de ações que vêm sendo desenvolvidas pela Prefeitura em prol da inclusão social e da dignidade humana em Fortaleza. “O prefeito Roberto Cláudio tem recomendado, desde o início da gestão, um cuidado maior a quem tem um menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Além da atenção especial às pessoas em situação de rua, isso se manifesta por meio das creches, dos postos de saúde e de diversas outras iniciativas. Nós inauguramos recentemente um Refeitório Social, onde se oferecem 400 alimentações por dia de forma gratuita. Também temos ações para incluir essa parcela da população na vida da Cidade, levando à Arena Castelão, ao Ceará Show, à Bienal do Livro e promovendo sua participação no Carnaval de Fortaleza, no Bloco Turma do Papelão, que já acontece há dois anos”, elencou.

Na oportunidade, o Secretário apontou, ainda, outras iniciativas relevantes, a exemplo do Projeto Novos Caminhos, ação voltada à reinserção social de usuários de álcool, crack e outras drogas que vivem em situação de rua, por meio de cursos de qualificação profissional. “A segunda etapa do Projeto será lançada este ano com recursos do Governo Federal. Dessa forma, será possível ampliar o número de vagas ofertadas”, adiantou Elpídio, garantindo que a SDHDS continuará trabalhando no âmbito das abordagens qualificadas e responsáveis, considerando a diversidade e a individualidade de cada ser.

Pousadas Sociais em Fortaleza

Além da Pousada Social recém-inaugurada, o Município conta com outra unidade localizada na Rua Solón Pinheiro, também no Centro, disponibilizando 100 vagas diárias. De acordo com o prefeito Roberto Cláudio, até o fim deste ano, a oferta do número de vagas deverá ser expandida. “Serão mais 40 vagas disponibilizadas, sendo 20 em cada equipamento. Com isso, a gente vai dotar a Cidade de uma estrutura de 240 espaços em pousadas sociais para pessoas que vivem em situação de rua”, assegurou.

A rede socioassistencial especializada à população de rua de Fortaleza conta ainda com dois Centros Pop, Centro de Convivência e Abrigos.

Sobre a homenageada

Natural da cidade de Volta Redonda (RJ), Meire Hellen veio a Fortaleza ainda criança, na companhia do pai, Marcos Almeida Jardim. Viveu em situação de rua e, por meio da equipe de abordagem social realizada na Cidade, foi encaminhada para os serviços oferecidos pelo Centro de Referência para População em Situação de Rua (Centro Pop). Participou do Projetos Novos Caminhos e trabalhou com a venda de água mineral na Avenida Duque de Caxias.