17 de abril de 2019 em Economia

Prefeito Roberto Cláudio lança 2º edição do projeto "Mulher Empreendedora"

Nesta edição, Projeto Mulher selecionará até 120 propostas de negócio. As inscrições estão abertas e seguem até o dia 22 de abril


várias pessoas num palco
Lançamento ocorreu no no Centro Cultural Belchior nesta quarta-feira (17/04)

O prefeito Roberto Cláudio lançou, nesta quarta-feira (17/04), no Centro Cultural Belchior, a 2ª edição do Projeto Mulher Empreendedora. A ação, coordenada pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE), visa estimular o empreendedorismo feminino, oferecendo financiamento, capacitação e consultoria técnica.

Nesta edição, o Projeto Mulher Empreendedora selecionará até 120 propostas de negócios. A iniciativa beneficiará grupos com duas ou três empreendedoras (não parentes de até 2º grau entre si), sendo obrigatório que o gestor principal seja mulher, acima de 18 anos. É necessário que os interessados sejam moradores e possuam o empreendimento em Fortaleza.

“A nossa ideia é dar autonomia às mulheres, responsáveis na grande maioria das vezes, por manter os lares brasileiros. Com esse projeto, queremos identificar em Fortaleza, mulheres que querem ou que já transformaram ideias em negócios para gerar renda e dar mais oportunidades de crescimento para elas”, destacou o prefeito Roberto Cláudio.

A artesã Marinete Monteiro posa para a foto
A artesã Marinete Monteiro foi uma das beneficiadas da primeira edição do Projeto Mulheres Empreendedoras

A última pesquisa do Sebrae aponta que no Brasil existem 24 milhões de negócios comandados por mulheres e 60% destes empreendimentos estão em fase inicial, com menos de dois anos no mercado. É o caso da artesã Marinete Monteiro, fotógrafa por 15 anos, ela teve que largar o emprego para cuidar da filha diagnóstica com câncer e passou a trabalhar em casa, confeccionando uniformes personalizados para chefs de cozinha. No ano passado, quando entrou na primeira edição do projeto, conseguiu o subsídio de R$ 15 mil e comprou três máquinas de costura. “Hoje, eu confecciono e tenho três mulheres responsáveis pelas vendas. Faço tudo orientada pelo meu coordenador que fez o plano de negócios. Vou começar a pagar o empréstimo e muito feliz porque esse negócio mudou a minha história”, disse.

A iniciativa possibilita o acesso ao financiamento orientado de até R$ 15 mil com capacitações e consultorias gerenciais, a partir de um contrato de empréstimo para desenvolver um plano de negócio. Os empreendimentos beneficiados pagarão apenas 60% do valor recebido, com carência de seis meses, dividido em 15 parcelas mensais sem juros.

“O empréstimo é facilitado e sem a análise de crédito comum em empréstimos bancários tradicionais. Também não temos aplicação de juros ou correção monetária. Nosso intuito é facilitar a vida das pessoas e ajudar no desenvolvimento da vida dessas mulheres”, explicou o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Mosiah Torgan.

Na primeira edição do projeto, 320 projetos foram analisados e 80 foram beneficiados com o empréstimo e o acompanhamento técnico. Boa parte dos negócios está voltada para confecção ou economia criativa comandada por mulheres entre 19 e 44 anos. As inscrições estão abertas e seguem até o dia 22 de abril.

Como se inscrever

Para se inscrever, basta acessar o link do Projeto Mulher Empreendedora, conferir o edital e realizar a inscrição, além da proposta do plano de negócio. Em seguida, entregar a documentação exigida no prazo estabelecido no edital na Central de Licitações de Fortaleza (CLFOR), na Rua do Rosário, nº 77 - Centro. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, de 8h às 12h e de 13h às 17h. Para mais informações basta ligar para o 0800 081 4141.

Veja aqui mais informações do Projeto

Protagonismo feminino

Para incentivar a geração de trabalho e renda para mulheres empreendedoras serão aceitos empreendimentos de diversas áreas, como confecção, alimentação, beleza, tecnologia da informação, dentre outras. Cada empreendimento receberá financiamento orientado para compra de máquinas, insumos e equipamentos. A ação também ofertará acompanhamento técnico por até 12 meses aos empreendimentos beneficiados.

Prefeito Roberto Cláudio lança 2º edição do projeto "Mulher Empreendedora"

Nesta edição, Projeto Mulher selecionará até 120 propostas de negócio. As inscrições estão abertas e seguem até o dia 22 de abril

várias pessoas num palco
Lançamento ocorreu no no Centro Cultural Belchior nesta quarta-feira (17/04)

O prefeito Roberto Cláudio lançou, nesta quarta-feira (17/04), no Centro Cultural Belchior, a 2ª edição do Projeto Mulher Empreendedora. A ação, coordenada pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE), visa estimular o empreendedorismo feminino, oferecendo financiamento, capacitação e consultoria técnica.

Nesta edição, o Projeto Mulher Empreendedora selecionará até 120 propostas de negócios. A iniciativa beneficiará grupos com duas ou três empreendedoras (não parentes de até 2º grau entre si), sendo obrigatório que o gestor principal seja mulher, acima de 18 anos. É necessário que os interessados sejam moradores e possuam o empreendimento em Fortaleza.

“A nossa ideia é dar autonomia às mulheres, responsáveis na grande maioria das vezes, por manter os lares brasileiros. Com esse projeto, queremos identificar em Fortaleza, mulheres que querem ou que já transformaram ideias em negócios para gerar renda e dar mais oportunidades de crescimento para elas”, destacou o prefeito Roberto Cláudio.

A artesã Marinete Monteiro posa para a foto
A artesã Marinete Monteiro foi uma das beneficiadas da primeira edição do Projeto Mulheres Empreendedoras

A última pesquisa do Sebrae aponta que no Brasil existem 24 milhões de negócios comandados por mulheres e 60% destes empreendimentos estão em fase inicial, com menos de dois anos no mercado. É o caso da artesã Marinete Monteiro, fotógrafa por 15 anos, ela teve que largar o emprego para cuidar da filha diagnóstica com câncer e passou a trabalhar em casa, confeccionando uniformes personalizados para chefs de cozinha. No ano passado, quando entrou na primeira edição do projeto, conseguiu o subsídio de R$ 15 mil e comprou três máquinas de costura. “Hoje, eu confecciono e tenho três mulheres responsáveis pelas vendas. Faço tudo orientada pelo meu coordenador que fez o plano de negócios. Vou começar a pagar o empréstimo e muito feliz porque esse negócio mudou a minha história”, disse.

A iniciativa possibilita o acesso ao financiamento orientado de até R$ 15 mil com capacitações e consultorias gerenciais, a partir de um contrato de empréstimo para desenvolver um plano de negócio. Os empreendimentos beneficiados pagarão apenas 60% do valor recebido, com carência de seis meses, dividido em 15 parcelas mensais sem juros.

“O empréstimo é facilitado e sem a análise de crédito comum em empréstimos bancários tradicionais. Também não temos aplicação de juros ou correção monetária. Nosso intuito é facilitar a vida das pessoas e ajudar no desenvolvimento da vida dessas mulheres”, explicou o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Mosiah Torgan.

Na primeira edição do projeto, 320 projetos foram analisados e 80 foram beneficiados com o empréstimo e o acompanhamento técnico. Boa parte dos negócios está voltada para confecção ou economia criativa comandada por mulheres entre 19 e 44 anos. As inscrições estão abertas e seguem até o dia 22 de abril.

Como se inscrever

Para se inscrever, basta acessar o link do Projeto Mulher Empreendedora, conferir o edital e realizar a inscrição, além da proposta do plano de negócio. Em seguida, entregar a documentação exigida no prazo estabelecido no edital na Central de Licitações de Fortaleza (CLFOR), na Rua do Rosário, nº 77 - Centro. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, de 8h às 12h e de 13h às 17h. Para mais informações basta ligar para o 0800 081 4141.

Veja aqui mais informações do Projeto

Protagonismo feminino

Para incentivar a geração de trabalho e renda para mulheres empreendedoras serão aceitos empreendimentos de diversas áreas, como confecção, alimentação, beleza, tecnologia da informação, dentre outras. Cada empreendimento receberá financiamento orientado para compra de máquinas, insumos e equipamentos. A ação também ofertará acompanhamento técnico por até 12 meses aos empreendimentos beneficiados.