03 de outubro de 2017 em Fortaleza

Prefeito Roberto Cláudio participa do Programa Paulo Oliveira e destaca avanços e projetos

O gestor também respondeu a perguntas dos ouvintes


Entrevista
Na entrevista, foram abordadas ações voltadas à saúde, assistência social, urbanização, educaçãon e outros temas (Foto: Marcos Moura)
O prefeito Roberto Cláudio concedeu, na manhã desta terça-feira (03/10), entrevista ao Programa Paulo Oliveira, da Rádio Verdes Mares (Verdinha 810). O gestor respondeu a perguntas de ouvintes, destacou os avanços conquistados ao longo da gestão e apresentou projetos que serão desenvolvidos em diversas áreas prioritárias.

Durante a entrevista, foram abordadas ações voltadas à saúde, assistência social, urbanização, educação, entretenimento, geração de emprego, renda e expansão da visibilidade da capital cearense no cenário nacional e internacional.

Questionado sobre a requalificação da Rua José Avelino, cuja inauguração acontecerá na próxima sexta-feira (06/10), Roberto Cláudio avaliou positivamente o cenário de mudanças promovidas pela Prefeitura de Fortaleza, ressaltando que, a partir da revitalização, surgirá um novo momento, dotado de novas oportunidades para o setor do atacarejo têxtil na Capital.

“Nós resolvemos 95% dos problemas que predominavam na Rua José Avelino. A gente tinha uma feira de rua com milhares, cerca de 4, 5 mil barracas ocupando as ruas da Cidade, fechando trânsito, gerando lixo e diversos problemas para a Cidade. A obra será entregue toda sinalizada. Estou apostando que a nova José Avelino e a nova Alberto Nepomuceno serão o pontapé inicial de uma progressiva e contínua revitalização do Centro da Cidade”, destacou o gestor.

Na ocasião, Roberto Cláudio esclareceu de que forma vêm sendo desenvolvidas ações em prol da população em seus mais variados segmentos.

Unidade de Acolhimento para Dependentes Químicos
O Prefeito ressaltou a ampliação da política de assistência a usuários de álcool, crack e outras drogas que desejam se submeter a tratamentos específicos. De acordo com o gestor, Fortaleza contará, até o fim deste ano, com três novas casas de acolhimento, adequadas à internação voluntária de médio e longo prazo. O equipamento, que está instalado no bairro Dias Macedo, será entregue nesta terça-feira (03/10). Está prevista, para o próximo mês, a inauguração de outra unidade na Leste Oeste, e uma terceira casa será inaugurada em dezembro deste ano na Cidade 2000.

“Os internos terão acompanhamento multiprofissional por meio de atendimento psicossocial, de terapia ocupacional e de outras atividades para que eles tenham o mesmo tratamento que um jovem, filho da classe média ou rico, tem numa clínica onde fica internado por quatro ou seis meses para se recuperar”, afirmou o Prefeito.

Até o próximo ano, serão sete Unidades de Acolhimento, seis Caps AD e quatro residências terapêuticas direcionadas ao tratamento e à reinserção social de dependentes químicos em Fortaleza.

Plano Municipal de Saúde Mental
Aprofundando os diálogos sobre o cenário da Saúde Mental em Fortaleza, o Prefeito adiantou que, nesta quinta-feira (05/06), será apresentado o Plano Municipal de Saúde Mental, cujo escopo se concentra em três ações primordiais:

- Captação, por meio da realização de concursos públicos, de reforços no tocante aos recursos humanos. Para isso, serão lançados, pela Prefeitura de Fortaleza, dois editais. O primeiro deles, previsto ainda para este ano, recrutará médicos psiquiatras e clínicos gerais. O segundo, previsto para o próximo ano, ampliará o quadro de demais profissionais da saúde, como psicólogos e terapeutas ocupacionais.

- Realização de reformas e melhorias infraestruturais nas sedes dos Caps ainda neste ano.

- Regularização do estoque de medicamentos nos Caps, a exemplo das ações já desprendidas em prol das farmácias dos postos de saúde, que já contam com o abastecimento regularizado. Segundo o Prefeito, a transição está prevista para até o primeiro trimestre do próximo ano.

“Com essas melhorias, profissionais, estrutura e medicamento dos Caps, a gente vai garantir maior acesso à saúde mental. O acolhimento aos dependentes químicos e a reestruturação da nossa rede de saúde mental são ações importantíssimas de atenção primária à saúde e de criação de uma rede de acolhimento”, considerou o Prefeito, destacando, ainda, que, neste fim de semana, será realizado o Seminário de Planejamento de Saúde de Fortaleza, iniciativa que visa ao planejamento e à busca por ações inovadoras para a área da saúde.

“Participarão do evento professores universitários, pesquisadores, entidades profissionais de fora do Estado e do País para realizar um plano de ações modernas que já foram consagradas pelo mundo. É preciso trazer um novo olhar sobre a Saúde de Fortaleza. Planejar como gastar melhor, o que priorizar, entender o que vem sendo feito mundo afora, buscando inovações, como fizemos na mobilidade urbana e na educação”, completou.

Hub da Airfrance e Concessão do Aeroporto para a Fraport
Ressaltando o momento de transformação de oportunidades na Cidade e no Estado, Roberto Cláudio falou sobre as conquistas voltadas à expansão da visibilidade da capital cearense no cenário nacional e internacional, a exemplo da conquista do Hub da AirFrance, que viabilizará, a partir do próximo ano, cinco voos semanais para a Europa, e da concessão do Aeroporto Internacional Pinto Martins à Fraport, empresa alemã que o administrará pelos próximos 30 anos.

“Com essa realidade, você passa a ter, em Fortaleza, uma centralidade de voos e de destinos. Isso abre fronteiras comerciais, acadêmicas e culturais com o mundo. Nós já somos o maior PIB do Nordeste brasileiro e a Capital do Nordeste com maior área de influência em outros Municípios da Região. São mais de 700 Municípios sendo influenciados econômica e socialmente por Fortaleza. E passaremos a ser o mais significativo destino aéreo do Nordeste brasileiro. Temos tudo para nos tornar a grande Capital do turismo e da economia do Nordeste”, avaliou Roberto Cláudio.

Pólo Gastronômico da Varjota
Questionado sobre as ações direcionadas ao lazer e às experiências gastronômicas locais, o Prefeito garantiu que, após a licitação, será implantado, a partir do ano que vem, Pólo Gastronômico da Varjota. “O novo Polo, que tem um desenho muito parecido com o de Gramado, contará com piso será todo intertravado, com calçadas largas, padronizadas e acessíveis, com postes em ferro fundido e com espaço reduzido para estacionamento”, antecipou.

Duplicação da Avenida Sargento Hermínio
O Prefeito, atendendo ao pedido da população, renovou o compromisso de concluir, a partir do próximo ano, a duplicação da Avenida Sargento Hermínio Sampaio, totalizando mais 2 Km de intervenção até a fábrica Guararapes.

Escolas em Tempo Integral
As Escolas em Tempo Integral, marca registrada da gestão do prefeito Roberto Cláudio, foram postas em pauta durante a entrevista. O gestor comemorou a marca de quase 60 mil matrículas em tempo integral, equivalentes a 1/3 do total de matrículas municipais.

“A criança matriculada em tempo integral está protegida, passa o dia inteiro na escola, se alimenta, estimula a curiosidade científica e intelectual, aprende novas coisas e acaba despertando para outros tipos de interesse. Lá, se tem esporte, cultura, tecnologia, ensino e rede social de boa influência que a Escola exerce sobre o jovem, que volta para casa, ao final do dia, para estudar, descansar e dormir”, disse.

Na oportunidade, Roberto Cláudio anunciou que, só neste ano, estarão em pleno funcionamento 26 Centros de Educação Infantil. O início do ano letivo do próximo ano contará com, pelo menos, três novas escolas de Tempo Integral de ensino fundamental.

Prefeito Roberto Cláudio participa do Programa Paulo Oliveira e destaca avanços e projetos

O gestor também respondeu a perguntas dos ouvintes

Entrevista
Na entrevista, foram abordadas ações voltadas à saúde, assistência social, urbanização, educaçãon e outros temas (Foto: Marcos Moura)
O prefeito Roberto Cláudio concedeu, na manhã desta terça-feira (03/10), entrevista ao Programa Paulo Oliveira, da Rádio Verdes Mares (Verdinha 810). O gestor respondeu a perguntas de ouvintes, destacou os avanços conquistados ao longo da gestão e apresentou projetos que serão desenvolvidos em diversas áreas prioritárias.

Durante a entrevista, foram abordadas ações voltadas à saúde, assistência social, urbanização, educação, entretenimento, geração de emprego, renda e expansão da visibilidade da capital cearense no cenário nacional e internacional.

Questionado sobre a requalificação da Rua José Avelino, cuja inauguração acontecerá na próxima sexta-feira (06/10), Roberto Cláudio avaliou positivamente o cenário de mudanças promovidas pela Prefeitura de Fortaleza, ressaltando que, a partir da revitalização, surgirá um novo momento, dotado de novas oportunidades para o setor do atacarejo têxtil na Capital.

“Nós resolvemos 95% dos problemas que predominavam na Rua José Avelino. A gente tinha uma feira de rua com milhares, cerca de 4, 5 mil barracas ocupando as ruas da Cidade, fechando trânsito, gerando lixo e diversos problemas para a Cidade. A obra será entregue toda sinalizada. Estou apostando que a nova José Avelino e a nova Alberto Nepomuceno serão o pontapé inicial de uma progressiva e contínua revitalização do Centro da Cidade”, destacou o gestor.

Na ocasião, Roberto Cláudio esclareceu de que forma vêm sendo desenvolvidas ações em prol da população em seus mais variados segmentos.

Unidade de Acolhimento para Dependentes Químicos
O Prefeito ressaltou a ampliação da política de assistência a usuários de álcool, crack e outras drogas que desejam se submeter a tratamentos específicos. De acordo com o gestor, Fortaleza contará, até o fim deste ano, com três novas casas de acolhimento, adequadas à internação voluntária de médio e longo prazo. O equipamento, que está instalado no bairro Dias Macedo, será entregue nesta terça-feira (03/10). Está prevista, para o próximo mês, a inauguração de outra unidade na Leste Oeste, e uma terceira casa será inaugurada em dezembro deste ano na Cidade 2000.

“Os internos terão acompanhamento multiprofissional por meio de atendimento psicossocial, de terapia ocupacional e de outras atividades para que eles tenham o mesmo tratamento que um jovem, filho da classe média ou rico, tem numa clínica onde fica internado por quatro ou seis meses para se recuperar”, afirmou o Prefeito.

Até o próximo ano, serão sete Unidades de Acolhimento, seis Caps AD e quatro residências terapêuticas direcionadas ao tratamento e à reinserção social de dependentes químicos em Fortaleza.

Plano Municipal de Saúde Mental
Aprofundando os diálogos sobre o cenário da Saúde Mental em Fortaleza, o Prefeito adiantou que, nesta quinta-feira (05/06), será apresentado o Plano Municipal de Saúde Mental, cujo escopo se concentra em três ações primordiais:

- Captação, por meio da realização de concursos públicos, de reforços no tocante aos recursos humanos. Para isso, serão lançados, pela Prefeitura de Fortaleza, dois editais. O primeiro deles, previsto ainda para este ano, recrutará médicos psiquiatras e clínicos gerais. O segundo, previsto para o próximo ano, ampliará o quadro de demais profissionais da saúde, como psicólogos e terapeutas ocupacionais.

- Realização de reformas e melhorias infraestruturais nas sedes dos Caps ainda neste ano.

- Regularização do estoque de medicamentos nos Caps, a exemplo das ações já desprendidas em prol das farmácias dos postos de saúde, que já contam com o abastecimento regularizado. Segundo o Prefeito, a transição está prevista para até o primeiro trimestre do próximo ano.

“Com essas melhorias, profissionais, estrutura e medicamento dos Caps, a gente vai garantir maior acesso à saúde mental. O acolhimento aos dependentes químicos e a reestruturação da nossa rede de saúde mental são ações importantíssimas de atenção primária à saúde e de criação de uma rede de acolhimento”, considerou o Prefeito, destacando, ainda, que, neste fim de semana, será realizado o Seminário de Planejamento de Saúde de Fortaleza, iniciativa que visa ao planejamento e à busca por ações inovadoras para a área da saúde.

“Participarão do evento professores universitários, pesquisadores, entidades profissionais de fora do Estado e do País para realizar um plano de ações modernas que já foram consagradas pelo mundo. É preciso trazer um novo olhar sobre a Saúde de Fortaleza. Planejar como gastar melhor, o que priorizar, entender o que vem sendo feito mundo afora, buscando inovações, como fizemos na mobilidade urbana e na educação”, completou.

Hub da Airfrance e Concessão do Aeroporto para a Fraport
Ressaltando o momento de transformação de oportunidades na Cidade e no Estado, Roberto Cláudio falou sobre as conquistas voltadas à expansão da visibilidade da capital cearense no cenário nacional e internacional, a exemplo da conquista do Hub da AirFrance, que viabilizará, a partir do próximo ano, cinco voos semanais para a Europa, e da concessão do Aeroporto Internacional Pinto Martins à Fraport, empresa alemã que o administrará pelos próximos 30 anos.

“Com essa realidade, você passa a ter, em Fortaleza, uma centralidade de voos e de destinos. Isso abre fronteiras comerciais, acadêmicas e culturais com o mundo. Nós já somos o maior PIB do Nordeste brasileiro e a Capital do Nordeste com maior área de influência em outros Municípios da Região. São mais de 700 Municípios sendo influenciados econômica e socialmente por Fortaleza. E passaremos a ser o mais significativo destino aéreo do Nordeste brasileiro. Temos tudo para nos tornar a grande Capital do turismo e da economia do Nordeste”, avaliou Roberto Cláudio.

Pólo Gastronômico da Varjota
Questionado sobre as ações direcionadas ao lazer e às experiências gastronômicas locais, o Prefeito garantiu que, após a licitação, será implantado, a partir do ano que vem, Pólo Gastronômico da Varjota. “O novo Polo, que tem um desenho muito parecido com o de Gramado, contará com piso será todo intertravado, com calçadas largas, padronizadas e acessíveis, com postes em ferro fundido e com espaço reduzido para estacionamento”, antecipou.

Duplicação da Avenida Sargento Hermínio
O Prefeito, atendendo ao pedido da população, renovou o compromisso de concluir, a partir do próximo ano, a duplicação da Avenida Sargento Hermínio Sampaio, totalizando mais 2 Km de intervenção até a fábrica Guararapes.

Escolas em Tempo Integral
As Escolas em Tempo Integral, marca registrada da gestão do prefeito Roberto Cláudio, foram postas em pauta durante a entrevista. O gestor comemorou a marca de quase 60 mil matrículas em tempo integral, equivalentes a 1/3 do total de matrículas municipais.

“A criança matriculada em tempo integral está protegida, passa o dia inteiro na escola, se alimenta, estimula a curiosidade científica e intelectual, aprende novas coisas e acaba despertando para outros tipos de interesse. Lá, se tem esporte, cultura, tecnologia, ensino e rede social de boa influência que a Escola exerce sobre o jovem, que volta para casa, ao final do dia, para estudar, descansar e dormir”, disse.

Na oportunidade, Roberto Cláudio anunciou que, só neste ano, estarão em pleno funcionamento 26 Centros de Educação Infantil. O início do ano letivo do próximo ano contará com, pelo menos, três novas escolas de Tempo Integral de ensino fundamental.