12 de março de 2019 em Cultura

Prefeitura de Fortaleza e Instituto do Ceará firmam parceria para projeto de Educação Patrimonial

O programa contempla alunos e professores das escolas da rede municipal de ensino


Solenidade dos 132 anos de fundação do Instituto do Ceará
O ato ocorreu durante solenidade dos 132 anos de fundação do Instituto do Ceará, na sede da institução

O secretário da Cultura de Fortaleza, Gilvan Paiva, e o presidente do Instituto do Ceará, Lúcio Alcântara, assinaram, na noite desta segunda-feira (11/03), termo de colaboração para desenvolvimento de programa de educação patrimonial para alunos e para professores das escolas da rede municipal de ensino. O ato ocorreu durante solenidade dos 132 anos de fundação do Instituto do Ceará, na sede do órgão.

A parceria entre as instituições foi possível via edital público lançado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor). O edital destina um montante de R$ 220.850,00 para a proposta selecionada, observada a ordem de melhor classificação, tendo sido contemplado o Programa de Educação Patrimonial do Instituto do Ceará - Histórico, Geográfico e Antropológico.

A proposta prevê 252 visitas de alunos e de professores ao Instituto do Ceará, nos próximos seis meses, onde serão disponibilizados ônibus a cerca de 12.600 alunos. Pretende-se ainda desenvolver material didático, a fim de garantir a implementação do conteúdo de memória, história local e patrimônio cultural nas escolas municipais de Fortaleza.

A ação atende aos usuários das escolas da rede municipal de ensino, prioritariamente alunos do ensino fundamental, além de promover ações formativas de educação patrimonial para os professores, na área de conservação e restauro.

Prefeitura de Fortaleza e Instituto do Ceará firmam parceria para projeto de Educação Patrimonial

O programa contempla alunos e professores das escolas da rede municipal de ensino

Solenidade dos 132 anos de fundação do Instituto do Ceará
O ato ocorreu durante solenidade dos 132 anos de fundação do Instituto do Ceará, na sede da institução

O secretário da Cultura de Fortaleza, Gilvan Paiva, e o presidente do Instituto do Ceará, Lúcio Alcântara, assinaram, na noite desta segunda-feira (11/03), termo de colaboração para desenvolvimento de programa de educação patrimonial para alunos e para professores das escolas da rede municipal de ensino. O ato ocorreu durante solenidade dos 132 anos de fundação do Instituto do Ceará, na sede do órgão.

A parceria entre as instituições foi possível via edital público lançado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor). O edital destina um montante de R$ 220.850,00 para a proposta selecionada, observada a ordem de melhor classificação, tendo sido contemplado o Programa de Educação Patrimonial do Instituto do Ceará - Histórico, Geográfico e Antropológico.

A proposta prevê 252 visitas de alunos e de professores ao Instituto do Ceará, nos próximos seis meses, onde serão disponibilizados ônibus a cerca de 12.600 alunos. Pretende-se ainda desenvolver material didático, a fim de garantir a implementação do conteúdo de memória, história local e patrimônio cultural nas escolas municipais de Fortaleza.

A ação atende aos usuários das escolas da rede municipal de ensino, prioritariamente alunos do ensino fundamental, além de promover ações formativas de educação patrimonial para os professores, na área de conservação e restauro.