27 de dezembro de 2019 em Educação

Prefeitura de Fortaleza inaugura 25ª Escola de Tempo Integral no Curió

A nova unidade, que é a segunda entregue neste mês, vai atender 420 alunos e ampliar tempo integral em Fortaleza


Alunos Escola Municipal de Tempo Integral
Escola dispõe de salas de aulas temáticas, laboratórios, biblioteca, ginásio, entre outros espaços

O prefeito Roberto Cláudio e a secretária da Educação, Dalila Saldanha, inauguram, nesta sábado (28/12), às 9h, a nova Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Laís Rodrigues de Almeida, no bairro Curió (Regional VI). A unidade, a segunda inaugurada pela gestão municipal neste mês, atenderá cerca de 420 alunos, do 6º ao 9º ano. No último dia 12 de dezembro, a população do bairro Planalto Ayrton Senna recebeu a ETI Leonel de Moura Brizola.

A unidade teve investimento total de R$ 9.166.880,58, oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) - R$ 5.401.450,81 - e do Tesouro Municipal – R$ 3.005.429,77. O valor total inclui, ainda, o investimento da Prefeitura de R$ 760 mil para a aquisição de equipamentos.

O novo equipamento possui área total de 4.794,77 m². A escola dispõe de 12 salas de aulas temáticas, três laboratórios, biblioteca, cozinha, refeitório, auditório, diretoria, secretaria, coordenação pedagógica e coordenação de área, sala do professor diretor de turma, sala dos professores, pátio com projeto paisagístico, ginásio (com quadra poliesportiva coberta, arquibancadas e alambrados), vestiários e depósitos.

Com a Escola Municipal de Tempo Integral Laís Rodrigues de Almeida, a Rede Municipal de Ensino chega a 25 ETIs - antes de 2013, não contava com nenhum equipamento do tipo. Nas escolas desta modalidade, os estudantes vivenciam rotinas e práticas para uma formação interdisciplinar, com o apoio de equipes pedagógicas de formação especializada. Na rotina, os alunos contam com três refeições diárias e acompanhamento pessoal realizado pelos Professores Diretores de Turma, além de disciplinas que pautam temas como protagonismo e projeto de vida, disciplinas eletivas escolhidas por professores e alunos, e atividades laboratoriais de Informática, Biologia, Química, Física e Matemática.

Tempo Integral

Fortaleza é primeiro lugar em cobertura percentual no Brasil de matrículas de tempo integral, de acordo com dados preliminares divulgados pelo Censo Escolar da Educação Básica 2019. Com o avanço no número de matrículas, Fortaleza possui hoje 41,3% dos seus alunos estudando em tempo integral. Em números absolutos, ocupa ainda o posto de segunda capital no País, com 86.121 matrículas, superando São Paulo (73.807). O primeiro lugar é ocupado pelo Rio de Janeiro, que possui 197.357 matrículas em tempo integral. Os municípios de Belo Horizonte (52.599) e Curitiba (48.648) ocupam a quarta e quinta posição, respectivamente, segundo o levantamento.

O Censo Escolar de 2018 já tinha apontado a capital cearense como destaque, ocupando o posto de 3ª capital do Brasil, com 67.417 matrículas, que correspondia a 31,5% da Rede Municipal atendida em tempo integral. A meta é que em 2020 Fortaleza tenha 50% dos seus alunos na modalidade em tempo integral.

Serviço
Inauguração da Escola Municipal de Tempo Integral Laís Rodrigues de Almeida
Data: 28/12 (sábado)
Horário: 9h
Local: Rua Odilon Guimarães, 1773 - Curió

Prefeitura de Fortaleza inaugura 25ª Escola de Tempo Integral no Curió

A nova unidade, que é a segunda entregue neste mês, vai atender 420 alunos e ampliar tempo integral em Fortaleza

Alunos Escola Municipal de Tempo Integral
Escola dispõe de salas de aulas temáticas, laboratórios, biblioteca, ginásio, entre outros espaços

O prefeito Roberto Cláudio e a secretária da Educação, Dalila Saldanha, inauguram, nesta sábado (28/12), às 9h, a nova Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Laís Rodrigues de Almeida, no bairro Curió (Regional VI). A unidade, a segunda inaugurada pela gestão municipal neste mês, atenderá cerca de 420 alunos, do 6º ao 9º ano. No último dia 12 de dezembro, a população do bairro Planalto Ayrton Senna recebeu a ETI Leonel de Moura Brizola.

A unidade teve investimento total de R$ 9.166.880,58, oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) - R$ 5.401.450,81 - e do Tesouro Municipal – R$ 3.005.429,77. O valor total inclui, ainda, o investimento da Prefeitura de R$ 760 mil para a aquisição de equipamentos.

O novo equipamento possui área total de 4.794,77 m². A escola dispõe de 12 salas de aulas temáticas, três laboratórios, biblioteca, cozinha, refeitório, auditório, diretoria, secretaria, coordenação pedagógica e coordenação de área, sala do professor diretor de turma, sala dos professores, pátio com projeto paisagístico, ginásio (com quadra poliesportiva coberta, arquibancadas e alambrados), vestiários e depósitos.

Com a Escola Municipal de Tempo Integral Laís Rodrigues de Almeida, a Rede Municipal de Ensino chega a 25 ETIs - antes de 2013, não contava com nenhum equipamento do tipo. Nas escolas desta modalidade, os estudantes vivenciam rotinas e práticas para uma formação interdisciplinar, com o apoio de equipes pedagógicas de formação especializada. Na rotina, os alunos contam com três refeições diárias e acompanhamento pessoal realizado pelos Professores Diretores de Turma, além de disciplinas que pautam temas como protagonismo e projeto de vida, disciplinas eletivas escolhidas por professores e alunos, e atividades laboratoriais de Informática, Biologia, Química, Física e Matemática.

Tempo Integral

Fortaleza é primeiro lugar em cobertura percentual no Brasil de matrículas de tempo integral, de acordo com dados preliminares divulgados pelo Censo Escolar da Educação Básica 2019. Com o avanço no número de matrículas, Fortaleza possui hoje 41,3% dos seus alunos estudando em tempo integral. Em números absolutos, ocupa ainda o posto de segunda capital no País, com 86.121 matrículas, superando São Paulo (73.807). O primeiro lugar é ocupado pelo Rio de Janeiro, que possui 197.357 matrículas em tempo integral. Os municípios de Belo Horizonte (52.599) e Curitiba (48.648) ocupam a quarta e quinta posição, respectivamente, segundo o levantamento.

O Censo Escolar de 2018 já tinha apontado a capital cearense como destaque, ocupando o posto de 3ª capital do Brasil, com 67.417 matrículas, que correspondia a 31,5% da Rede Municipal atendida em tempo integral. A meta é que em 2020 Fortaleza tenha 50% dos seus alunos na modalidade em tempo integral.

Serviço
Inauguração da Escola Municipal de Tempo Integral Laís Rodrigues de Almeida
Data: 28/12 (sábado)
Horário: 9h
Local: Rua Odilon Guimarães, 1773 - Curió