08 de setembro de 2021 em Turismo

Prefeitura de Fortaleza lança selo Pet Friendly para estabelecimentos comerciais

A capital cearense é a primeira cidade brasileira a investir no turismo pet friendly


prefeito com seu cachorro de estimação no colo enquanto fala ao microfone
Segundo Sarto, o selo Pet Friendly é uma forma inovadora de atrair os turistas por Fortaleza ser a primeira cidade do Brasil que adota a medida de acolher os pets (Foto: Rodrigo Carvalho)

O prefeito José Sarto lançou, nesta quarta-feira (08/09), no Estoril, o projeto Fortaleza Pet Friendly. A política pública de turismo, pioneira em todo o Brasil, é voltada para incentivar os estabelecimentos comerciais e turísticos, como restaurantes e hotéis, a adotar ações que zelam pela higiene e pela segurança de animais de estimação, clientes e colaboradores.

Veja a lista de estabelecimentos pet friendly

Desenvolvida pela Secretaria Municipal do Turismo (Setfor), em parceria com a Coordenadoria Especial de Proteção Animal (Coepa), ligada à Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), e com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado do Ceará (Sebrae/CE), a iniciativa coloca em prática a ideia de que moradores e turistas desfrutem de Fortaleza na companhia de seus pets. Dessa forma, poderão saber de forma antecipada quais são os locais que permitem a entrada de animais e os pontos de atendimento veterinário, tanto público quanto privado.

“O selo evidenciará os ambientes propícios para aqueles que vêm à Capital com seus animais de estimação. É o que há de mais moderno no mundo todo, é uma forma inovadora de atrair os turistas por sermos a primeira cidade do Brasil que adota a medida de acolher os pets. Quem viaja e possui um pet sabe muito bem que eles são companheiros de todas as horas”, disse o Prefeito.

O titular da Setfor, Alexandre Pereira, destacou que a pasta tem entrado em contato com empresas e entidades para estimular a adoção do conceito pet friendly na cidade. É o caso, por exemplo, do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), que entra com o Top Bus como parceiro Pet Friendly.

“As pessoas na pandemia criaram uma afinidade maior por seus pets, que, muitas vezes, são fatores decisivos para o planejamento de uma viagem. Vemos isso como uma grande oportunidade e, além dos serviços públicos de acolhimento e proteção animal que a Prefeitura já disponibiliza, articulamos com o Sindiônibus, os shoppings e mais de 100 restaurantes já passarão a ser Pet Friendly a partir da próxima semana”, afirmou.

O Secretário ressaltou que os trabalhadores serão capacitados por meio do Sebrae/CE para que possam receber adequadamente os animais de estimação. “Dessa forma, Fortaleza sai na frente, e é uma medida para nós, fortalezenses, se tornando também uma política ótima para quem vier nos visitar”, completou.

O selo Pet Friendly será distribuído aos estabelecimentos por meio da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis–CE (ABIH-CE) e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Ceará (Abrasel-CE).

Ivana Bezerra, empresária do ramo de hotelaria e membro da gestão da ABIH-CE, enfatizou que o carinho e a atenção pelos animais deve ser o mesmo que já é destinado aos hóspedes.

“Já somos pet Ffiendly há cerca de 10 anos e sabemos que as pessoas que têm bichos de estimação os vêem como parte da família. Temos hóspedes que nos escolhem porque recebemos os animais. Saber que não somente os hotéis, mas vários outros estabelecimentos da cidade terão essa estrutura, é um grande diferencial”, declarou.

Estrutura de acolhimento

O prefeito Sarto destacou que Fortaleza possui, ainda, uma grande infraestrutura voltada para o acolhimento e a proteção animal, incluindo os VetMóveis e a Clínica Veterinária do Passaré, atendendo a demanda crescente por vacinação e outros cuidados de forma gratuita.

Além disso, a Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covis) participa da Campanha Nacional de Encoleiramento dos Cães para o Controle de Calazar no último mês de agosto, com previsão da entrega de 90 mil coleiras de proteção contra a leishmaniose na Capital.

A distribuição será feita por meio de busca ativa pelos Agentes de Endemias, que visitarão as residências de tutores de animais cadastrados na Prefeitura e foi iniciada em 35 bairros do Município com maior incidência de Calazar, conforme com recomendação do Ministério da Saúde.

Saiba mais

No Brasil, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), existem mais 140 milhões de animais de companhia, dos quais mais de 55 milhões são cães e quase 25 milhões são gatos.

De acordo com o Instituto Pet Brasil (IPB), o segmento cresceu 13,5% em 2020 no país com relação a 2019. O movimento foi 6,8% acima do esperado para o primeiro semestre do ano passado, tornando o Brasil o terceiro maior mercado pet do mundo, atrás dos Estados Unidos e da China.

Prefeitura de Fortaleza lança selo Pet Friendly para estabelecimentos comerciais

A capital cearense é a primeira cidade brasileira a investir no turismo pet friendly

prefeito com seu cachorro de estimação no colo enquanto fala ao microfone
Segundo Sarto, o selo Pet Friendly é uma forma inovadora de atrair os turistas por Fortaleza ser a primeira cidade do Brasil que adota a medida de acolher os pets (Foto: Rodrigo Carvalho)

O prefeito José Sarto lançou, nesta quarta-feira (08/09), no Estoril, o projeto Fortaleza Pet Friendly. A política pública de turismo, pioneira em todo o Brasil, é voltada para incentivar os estabelecimentos comerciais e turísticos, como restaurantes e hotéis, a adotar ações que zelam pela higiene e pela segurança de animais de estimação, clientes e colaboradores.

Veja a lista de estabelecimentos pet friendly

Desenvolvida pela Secretaria Municipal do Turismo (Setfor), em parceria com a Coordenadoria Especial de Proteção Animal (Coepa), ligada à Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), e com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado do Ceará (Sebrae/CE), a iniciativa coloca em prática a ideia de que moradores e turistas desfrutem de Fortaleza na companhia de seus pets. Dessa forma, poderão saber de forma antecipada quais são os locais que permitem a entrada de animais e os pontos de atendimento veterinário, tanto público quanto privado.

“O selo evidenciará os ambientes propícios para aqueles que vêm à Capital com seus animais de estimação. É o que há de mais moderno no mundo todo, é uma forma inovadora de atrair os turistas por sermos a primeira cidade do Brasil que adota a medida de acolher os pets. Quem viaja e possui um pet sabe muito bem que eles são companheiros de todas as horas”, disse o Prefeito.

O titular da Setfor, Alexandre Pereira, destacou que a pasta tem entrado em contato com empresas e entidades para estimular a adoção do conceito pet friendly na cidade. É o caso, por exemplo, do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), que entra com o Top Bus como parceiro Pet Friendly.

“As pessoas na pandemia criaram uma afinidade maior por seus pets, que, muitas vezes, são fatores decisivos para o planejamento de uma viagem. Vemos isso como uma grande oportunidade e, além dos serviços públicos de acolhimento e proteção animal que a Prefeitura já disponibiliza, articulamos com o Sindiônibus, os shoppings e mais de 100 restaurantes já passarão a ser Pet Friendly a partir da próxima semana”, afirmou.

O Secretário ressaltou que os trabalhadores serão capacitados por meio do Sebrae/CE para que possam receber adequadamente os animais de estimação. “Dessa forma, Fortaleza sai na frente, e é uma medida para nós, fortalezenses, se tornando também uma política ótima para quem vier nos visitar”, completou.

O selo Pet Friendly será distribuído aos estabelecimentos por meio da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis–CE (ABIH-CE) e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Ceará (Abrasel-CE).

Ivana Bezerra, empresária do ramo de hotelaria e membro da gestão da ABIH-CE, enfatizou que o carinho e a atenção pelos animais deve ser o mesmo que já é destinado aos hóspedes.

“Já somos pet Ffiendly há cerca de 10 anos e sabemos que as pessoas que têm bichos de estimação os vêem como parte da família. Temos hóspedes que nos escolhem porque recebemos os animais. Saber que não somente os hotéis, mas vários outros estabelecimentos da cidade terão essa estrutura, é um grande diferencial”, declarou.

Estrutura de acolhimento

O prefeito Sarto destacou que Fortaleza possui, ainda, uma grande infraestrutura voltada para o acolhimento e a proteção animal, incluindo os VetMóveis e a Clínica Veterinária do Passaré, atendendo a demanda crescente por vacinação e outros cuidados de forma gratuita.

Além disso, a Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covis) participa da Campanha Nacional de Encoleiramento dos Cães para o Controle de Calazar no último mês de agosto, com previsão da entrega de 90 mil coleiras de proteção contra a leishmaniose na Capital.

A distribuição será feita por meio de busca ativa pelos Agentes de Endemias, que visitarão as residências de tutores de animais cadastrados na Prefeitura e foi iniciada em 35 bairros do Município com maior incidência de Calazar, conforme com recomendação do Ministério da Saúde.

Saiba mais

No Brasil, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), existem mais 140 milhões de animais de companhia, dos quais mais de 55 milhões são cães e quase 25 milhões são gatos.

De acordo com o Instituto Pet Brasil (IPB), o segmento cresceu 13,5% em 2020 no país com relação a 2019. O movimento foi 6,8% acima do esperado para o primeiro semestre do ano passado, tornando o Brasil o terceiro maior mercado pet do mundo, atrás dos Estados Unidos e da China.