05 de dezembro de 2019 em Juventude

Prefeitura de Fortaleza lançou Semana de Direitos Humanos da Rede Cuca 2019

O seminário de lançamento aconteceu quarta-feira (04/12), no Cuca Jangurussu


peça de divulgação
Abertura da Semana de Direitos Humanos lotou o cineteatro do Cuca Jangurussu

A Prefeitura de Fortaleza promoveu , por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), o seminário de lançamento da Semana de Diretos Humanos da Rede Cuca 2019. A abertura da semana, que tem como tema “gente que luta por dignidade”, aconteceu no cineteatro da Rede Cuca Jangurussu, na última quarta-feira (04/12), às 14h.

O seminário de lançamento, denominado “Dignidade e desigualdade: as veredas da América Latina”, contou com os convidados Duda Salabert, que é professora, ambientalista, ativista pelos direitos humanos e a primeira candidata trans ao Senado (MG); Ricardo Borges Martins, coordenador nacional do pacto pela democracia; e o Doutor Hugo Mendonça, promotor de justiça e coordenador do caocidadania.

Duda Salabert veio de Minas Gerais conhecer a Rede Cuca. “Em Belo Horizonte, tem o Centro de Referência da Juventude, que é um espaço que se assemelha ao Cuca, no entanto, não tem o investimento que tem na Rede Cuca. E por falta de investimento, lá não têm essas linguagens que vocês trabalham aqui como fotografia, música, teatro, libras. Então, não atrai tanto a juventude. E aqui vocês qualificam as pessoas para o mercado de trabalho. Isso é muito importante!”, contou.

"O que eu vi aqui foi o brilho no olhar de muita gente, e isso traduz uma paixão pelo espaço. Isso mostra que é possível ver a política pública transformar espaços, e isso vocês são referência para o Brasil e para o mundo. Não existe no Brasil um local com tamanha participação da comunidade como eu vi aqui agora”, concluiu a palestrante.

A Semana de Direitos Humanos acontece entre os dias 03 e 07 de dezembro. A programação conta com seis eixos: dignidade é paz, dignidade é cidadania, dignidade é ter trabalho, dignidade é ter saúde dignidade é arte e dignidade é identidade.

Clique aqui e confira a programação completa


Prefeitura de Fortaleza lançou Semana de Direitos Humanos da Rede Cuca 2019

O seminário de lançamento aconteceu quarta-feira (04/12), no Cuca Jangurussu

peça de divulgação
Abertura da Semana de Direitos Humanos lotou o cineteatro do Cuca Jangurussu

A Prefeitura de Fortaleza promoveu , por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), o seminário de lançamento da Semana de Diretos Humanos da Rede Cuca 2019. A abertura da semana, que tem como tema “gente que luta por dignidade”, aconteceu no cineteatro da Rede Cuca Jangurussu, na última quarta-feira (04/12), às 14h.

O seminário de lançamento, denominado “Dignidade e desigualdade: as veredas da América Latina”, contou com os convidados Duda Salabert, que é professora, ambientalista, ativista pelos direitos humanos e a primeira candidata trans ao Senado (MG); Ricardo Borges Martins, coordenador nacional do pacto pela democracia; e o Doutor Hugo Mendonça, promotor de justiça e coordenador do caocidadania.

Duda Salabert veio de Minas Gerais conhecer a Rede Cuca. “Em Belo Horizonte, tem o Centro de Referência da Juventude, que é um espaço que se assemelha ao Cuca, no entanto, não tem o investimento que tem na Rede Cuca. E por falta de investimento, lá não têm essas linguagens que vocês trabalham aqui como fotografia, música, teatro, libras. Então, não atrai tanto a juventude. E aqui vocês qualificam as pessoas para o mercado de trabalho. Isso é muito importante!”, contou.

"O que eu vi aqui foi o brilho no olhar de muita gente, e isso traduz uma paixão pelo espaço. Isso mostra que é possível ver a política pública transformar espaços, e isso vocês são referência para o Brasil e para o mundo. Não existe no Brasil um local com tamanha participação da comunidade como eu vi aqui agora”, concluiu a palestrante.

A Semana de Direitos Humanos acontece entre os dias 03 e 07 de dezembro. A programação conta com seis eixos: dignidade é paz, dignidade é cidadania, dignidade é ter trabalho, dignidade é ter saúde dignidade é arte e dignidade é identidade.

Clique aqui e confira a programação completa