06 de julho de 2022 em Economia

Prefeitura entrega 933 certificados para concludentes do Programa Fortaleza + Futuro

O programa é realizado pela SDE em parceria com a Fiec, promovendo capacitação e empreendedorismo


grupo de pessoas posa para a foto
Solenidade ocorreu nesta quarta-feira (06/07), no Teatro São José, com a presença do vice-prefeito Élcio Batista (Foto: Marcos Moura)

A Prefeitura de Fortaleza e o Sistema da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) realizaram, nesta quarta-feira (06/07), no Teatro São José, a entrega de 933 certificados aos estudantes concludentes de diversos cursos profissionalizantes gratuitos ofertados pelo Programa Fortaleza + Futuro. A iniciativa é realizada pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE) em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

O vice-prefeito de Fortaleza, Élcio Batista, destacou que o programa Fortaleza + Futuro proporciona oportunidades educacionais e econômicas para que os cidadãos fortalezenses possam transformar suas vidas e também alavancar o desenvolvimento social e econômico da cidade.

“Não existe desenvolvimento sem economia, e não existe economia sem educação. Neste programa, estamos promovendo a educação e, principalmente, a capacitação profissional, para que as pessoas possam transformar suas vidas e exercer cidadania”, ressaltou o vice-prefeito.

Ao todo, o programa conta com 223 turmas em aulas presenciais nas três unidades do Senai em Fortaleza, nos bairros Jacarecanga, Parangaba e Barra do Ceará, além de turmas na modalidade EAD (Ensino à Distância). O objetivo do Fortaleza + Futuro é beneficiar 6.265 estudantes, que terão acesso à qualificação profissional em 11 eixos: meio ambiente; gastronomia e produção de alimentos; produção cultural, design e vestuário; informação e comunicação - tecnologia da informação; infraestrutura e construção civil; energia renovável; refrigeração; manutenção em geral e gestão.

Emilie Rocha, estudante de 18 anos, concluiu o curso de instalação e reparação de redes de computadores e celebrou os conhecimentos adquiridos. “Acho muito interessante quando nos deparamos com coisas que não temos a menor noção e passamos a entender. Foi isso que o curso fez por mim, eu não tinha conhecimento nenhum em informática e, hoje, já posso fazer esses serviços”.

Já Humberto Teles, 23 anos, é concludente do curso de logística de produção e não vê a hora de ingressar no mercado de trabalho. “O curso foi muito interessante, e essa é uma área que eu desejo exercer mais pra frente e espero conseguir um lugar no mercado. Os professores foram todos muito bons e tive orientações para entender mais sobre o assunto e que me ajudarão no futuro”.

Para o presidente da Fiec, Ricardo Cavalcante, o programa Fortaleza + Futuro desenvolve talentos para a indústria e também para outras áreas do mercado de trabalho e do empreendedorismo.

“Essa é uma iniciativa muito importante. Ao todo, o Senai vai capacitar mais de 6000 fortalezenses nas mais diversas áreas: gastronomia, serviços gerais, TI e outros. Isso faz com que tenhamos pessoas capacitadas para o mercado de trabalho não só para a indústria, mas formando micro e pequenos empreendedores”, informou Ricardo Cavalcante.

Élcio Batista também celebrou a parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e a Fiec na promoção de desenvolvimento social e econômico na capital cearense.

“Essa parceria é muito importante, pois a Fiec e o Senai têm muita expertise e comunicação com as empresas que vão absorver essa mão de obra. A parceria gera mais eficiência e também promove melhor networking. As parcerias são importantes para, no curto, médio e longo prazos, possamos ter uma cidade com pessoas muito capacitadas e que possamos encontrar e desenvolver talentos”.

Para Rodrigo Nogueira, titular da SDE, o programa é uma oportunidade que deve ser abraçada pelo cidadão fortalezense e reforçou o convite para a população participar dos programas promovidos pela Prefeitura.

“Nós temos apostado muito nas parcerias com a Fiec e com o Senai. Hoje, estamos aqui para entregar mais de 900 diplomas do Fortaleza + Futuro, que já é um dos maiores programas de capacitação do Brasil. E convido a todos, que precisam se recolocar no mercado de trabalho ou se aperfeiçoar, procurar o programa, pois com certeza, terá uma boa capacitação técnica”, convocou o secretário.

Os 41 cursos realizados pelo Senai Ceará são oferecidos para a população de Fortaleza acima de 16 anos e vão possibilitar a formação da mão de obra qualificada para o mercado de trabalho. As capacitações são gratuitas, com carga horária entre 16h/a e 160h/a, financiadas pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

O Programa Fortaleza + Futuro começou no dia 28 de março deste ano. Quem estiver interessado, mas ainda não se matriculou pode garantir uma vaga em qualquer um dos 41 cursos profissionalizantes. Para isso, basta se inscrever no site Mais Futuro.

Prefeitura entrega 933 certificados para concludentes do Programa Fortaleza + Futuro

O programa é realizado pela SDE em parceria com a Fiec, promovendo capacitação e empreendedorismo

grupo de pessoas posa para a foto
Solenidade ocorreu nesta quarta-feira (06/07), no Teatro São José, com a presença do vice-prefeito Élcio Batista (Foto: Marcos Moura)

A Prefeitura de Fortaleza e o Sistema da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) realizaram, nesta quarta-feira (06/07), no Teatro São José, a entrega de 933 certificados aos estudantes concludentes de diversos cursos profissionalizantes gratuitos ofertados pelo Programa Fortaleza + Futuro. A iniciativa é realizada pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE) em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

O vice-prefeito de Fortaleza, Élcio Batista, destacou que o programa Fortaleza + Futuro proporciona oportunidades educacionais e econômicas para que os cidadãos fortalezenses possam transformar suas vidas e também alavancar o desenvolvimento social e econômico da cidade.

“Não existe desenvolvimento sem economia, e não existe economia sem educação. Neste programa, estamos promovendo a educação e, principalmente, a capacitação profissional, para que as pessoas possam transformar suas vidas e exercer cidadania”, ressaltou o vice-prefeito.

Ao todo, o programa conta com 223 turmas em aulas presenciais nas três unidades do Senai em Fortaleza, nos bairros Jacarecanga, Parangaba e Barra do Ceará, além de turmas na modalidade EAD (Ensino à Distância). O objetivo do Fortaleza + Futuro é beneficiar 6.265 estudantes, que terão acesso à qualificação profissional em 11 eixos: meio ambiente; gastronomia e produção de alimentos; produção cultural, design e vestuário; informação e comunicação - tecnologia da informação; infraestrutura e construção civil; energia renovável; refrigeração; manutenção em geral e gestão.

Emilie Rocha, estudante de 18 anos, concluiu o curso de instalação e reparação de redes de computadores e celebrou os conhecimentos adquiridos. “Acho muito interessante quando nos deparamos com coisas que não temos a menor noção e passamos a entender. Foi isso que o curso fez por mim, eu não tinha conhecimento nenhum em informática e, hoje, já posso fazer esses serviços”.

Já Humberto Teles, 23 anos, é concludente do curso de logística de produção e não vê a hora de ingressar no mercado de trabalho. “O curso foi muito interessante, e essa é uma área que eu desejo exercer mais pra frente e espero conseguir um lugar no mercado. Os professores foram todos muito bons e tive orientações para entender mais sobre o assunto e que me ajudarão no futuro”.

Para o presidente da Fiec, Ricardo Cavalcante, o programa Fortaleza + Futuro desenvolve talentos para a indústria e também para outras áreas do mercado de trabalho e do empreendedorismo.

“Essa é uma iniciativa muito importante. Ao todo, o Senai vai capacitar mais de 6000 fortalezenses nas mais diversas áreas: gastronomia, serviços gerais, TI e outros. Isso faz com que tenhamos pessoas capacitadas para o mercado de trabalho não só para a indústria, mas formando micro e pequenos empreendedores”, informou Ricardo Cavalcante.

Élcio Batista também celebrou a parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e a Fiec na promoção de desenvolvimento social e econômico na capital cearense.

“Essa parceria é muito importante, pois a Fiec e o Senai têm muita expertise e comunicação com as empresas que vão absorver essa mão de obra. A parceria gera mais eficiência e também promove melhor networking. As parcerias são importantes para, no curto, médio e longo prazos, possamos ter uma cidade com pessoas muito capacitadas e que possamos encontrar e desenvolver talentos”.

Para Rodrigo Nogueira, titular da SDE, o programa é uma oportunidade que deve ser abraçada pelo cidadão fortalezense e reforçou o convite para a população participar dos programas promovidos pela Prefeitura.

“Nós temos apostado muito nas parcerias com a Fiec e com o Senai. Hoje, estamos aqui para entregar mais de 900 diplomas do Fortaleza + Futuro, que já é um dos maiores programas de capacitação do Brasil. E convido a todos, que precisam se recolocar no mercado de trabalho ou se aperfeiçoar, procurar o programa, pois com certeza, terá uma boa capacitação técnica”, convocou o secretário.

Os 41 cursos realizados pelo Senai Ceará são oferecidos para a população de Fortaleza acima de 16 anos e vão possibilitar a formação da mão de obra qualificada para o mercado de trabalho. As capacitações são gratuitas, com carga horária entre 16h/a e 160h/a, financiadas pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

O Programa Fortaleza + Futuro começou no dia 28 de março deste ano. Quem estiver interessado, mas ainda não se matriculou pode garantir uma vaga em qualquer um dos 41 cursos profissionalizantes. Para isso, basta se inscrever no site Mais Futuro.