17 de dezembro de 2019 em Social

Prefeitura inaugura 16º quiosque do Leitura na Praça no Álvaro Weyne

O espaço é o quarto da Regional I a receber o projeto


grupo de pessoas na frente de um quiosque de leitura
Inauguração ocorreu na noite de segunda-feira (16/12)

A Prefeitura de Fortaleza inaugurou, nesta segunda-feira (16/12), o 16º quiosque de leitura na Cidade, na praça Assis Bezerra, no bairro Álvaro Weyne. O espaço é o quarto da Regional I a receber o projeto Leitura na Praça. A inauguração contou com programação cultural, contação de história e apresentação de palhaço.

A ação, idealizada pela primeira-dama de Fortaleza Carol Bezerra, tem o objetivo de despertar o interesse das crianças e adolescentes pela leitura. São aproximadamente 400 livros infantojuvenis, com títulos variados que abordam temas como solidariedade, ecologia, cidadania, sonhos e criatividade. Ao todo, serão 60 quiosques espalhados pela cidade.

Conforme a secretária executiva da Cultura, Paola Braga, todos os livros do quiosque têm um propósito, de modo a trazer informação e ajudar na construção das crianças. "Principalmente que possa, também, aproximar os pais e cuidadores. É preciso aproveitar esse equipamento, os livros estão aqui disponíveis para que se tenha o momento de leitura com o filho, neto, sobrinho".

O adotante da praça e do projeto, André Matos, pontua que a leitura leva as crianças para outro universo. "A criança que lê escuta e fala melhor. O livro é uma imersão que faz com que ela comece criar um hábito muito mais saudável do que estar conectado à internet, por exemplo".

mulher e criança posam para a foto segurando um livro
Bruna de Oliveira com a filha Rebeca, de 4 anos

A secretária Bruna de Oliveira, mãe da Rebeca, de 4 anos, achou interessante a iniciativa para que as crianças possam conhecer mais sobre o mundo da leitura. "A leitura abre outras formas de pensamento, o aprendizado vai mais além e a imaginação flui", disse.

Saiba Mais

As evidências científicas atestam que a leitura é um dos principais estímulos para o desenvolvimento da criança na sua primeira infância. Além de auxiliar o processo de aquisição da linguagem, amplia o vínculo afetivo entre pais e filhos e fortalece a estrutura psíquica e emocional da criança – possibilitando a constituição de um vínculo seguro para a autonomia e relacionamento social.

Prefeitura inaugura 16º quiosque do Leitura na Praça no Álvaro Weyne

O espaço é o quarto da Regional I a receber o projeto

grupo de pessoas na frente de um quiosque de leitura
Inauguração ocorreu na noite de segunda-feira (16/12)

A Prefeitura de Fortaleza inaugurou, nesta segunda-feira (16/12), o 16º quiosque de leitura na Cidade, na praça Assis Bezerra, no bairro Álvaro Weyne. O espaço é o quarto da Regional I a receber o projeto Leitura na Praça. A inauguração contou com programação cultural, contação de história e apresentação de palhaço.

A ação, idealizada pela primeira-dama de Fortaleza Carol Bezerra, tem o objetivo de despertar o interesse das crianças e adolescentes pela leitura. São aproximadamente 400 livros infantojuvenis, com títulos variados que abordam temas como solidariedade, ecologia, cidadania, sonhos e criatividade. Ao todo, serão 60 quiosques espalhados pela cidade.

Conforme a secretária executiva da Cultura, Paola Braga, todos os livros do quiosque têm um propósito, de modo a trazer informação e ajudar na construção das crianças. "Principalmente que possa, também, aproximar os pais e cuidadores. É preciso aproveitar esse equipamento, os livros estão aqui disponíveis para que se tenha o momento de leitura com o filho, neto, sobrinho".

O adotante da praça e do projeto, André Matos, pontua que a leitura leva as crianças para outro universo. "A criança que lê escuta e fala melhor. O livro é uma imersão que faz com que ela comece criar um hábito muito mais saudável do que estar conectado à internet, por exemplo".

mulher e criança posam para a foto segurando um livro
Bruna de Oliveira com a filha Rebeca, de 4 anos

A secretária Bruna de Oliveira, mãe da Rebeca, de 4 anos, achou interessante a iniciativa para que as crianças possam conhecer mais sobre o mundo da leitura. "A leitura abre outras formas de pensamento, o aprendizado vai mais além e a imaginação flui", disse.

Saiba Mais

As evidências científicas atestam que a leitura é um dos principais estímulos para o desenvolvimento da criança na sua primeira infância. Além de auxiliar o processo de aquisição da linguagem, amplia o vínculo afetivo entre pais e filhos e fortalece a estrutura psíquica e emocional da criança – possibilitando a constituição de um vínculo seguro para a autonomia e relacionamento social.