18 de maio de 2020 em Saúde

Prefeitura prorroga inscrições do programa Uma Força para a Cultura

Profissionais que compõem a cadeia cultural produtiva do Município podem se inscrever até 31 de maio


prefeito em pé falando para filmadora em sua frente
"Nós não temos medido esforços e não vamos abrir mão de apoiar a população que vive em maior vulnerabilidade”, afirmou o Prefeito

A Prefeitura de Fortaleza, em virtude da pandemia causada pelo novo coronavírus, segue investindo em medidas assistenciais direcionadas à população mais vulnerável da Capital. O prefeito Roberto Cláudio atualizou, nesta segunda-feira (18/05), em transmissão ao vivo pelas redes sociais, o andamento de ações sociais em vigor.

Ao longo do dia, o Gestor coordenou reuniões com o intuito de monitorar o andamento das políticas implantadas e em implantação diante do quadro pandêmico.

“Há um papel extraordinário nas ações de prevenção, de isolamento e de assistência à saúde. Mas é preciso entender que uma pandemia como esta traz consequências econômicas graves que afetam aqueles que mais precisam. Dentro de todas as limitações que os municípios têm passado, inclusive, com perda efetiva de receita, nós não temos medido esforços e não vamos abrir mão de apoiar a população que vive em maior vulnerabilidade”, introduziu.

Todos com Máscara

Roberto Cláudio apresentou o alcance do projeto Todos com Máscara, que visa à distribuição gratuita de máscaras têxteis à população e reúne esforços da Prefeitura de Fortaleza e do Governo do Estado, em articulação com a iniciativa privada.

Para a finalidade, 1.600 costureiras foram selecionadas. “Essa iniciativa cumpre um duplo papel. Além de estimular a economia na ponta, garante o acesso da população a um equipamento de proteção individual de qualidade. Até o fim deste mês, três milhões de máscaras terão sido distribuídas. Deste total, 1,7 milhão já foram confeccionadas e entregues. Até 31 de maio, serão distribuídas mais 1,3 milhão”, contabilizou.

Kits de Alimentação

Os alunos regularmente matriculados na Rede Municipal de Ensino, em virtude da suspensão temporária das aulas presenciais, têm sido beneficiados por meio da entrega de kits de alimentação. “A Prefeitura tem conseguido realizar essas entregas de forma tranquila, serena, sem aglomerações. Os contatos com as famílias dos estudantes para a definição dos dias e dos horários dos kits estão sendo realizados por telefone, mensagem ou via WhatsApp. Nós queremos assegurar a alimentação saudável dessas crianças e desses jovens e temos recebido lindos registros relacionados a esta iniciativa”, declarou Roberto Cláudio.

Comida em Casa

Na oportunidade, o Prefeito destacou o alcance do projeto Comida em Casa, que distribui cestas básicas a famílias vulneráveis de Fortaleza. A ação contempla beneficiários do Bolsa Família sem filhos matriculados na Rede Pública de Ensino, taxistas, mototaxistas e motoristas de transportes escolares.

A segunda etapa do benefício, que ocorre em 295 escolas municipais selecionadas, acontece até esta terça-feira (19/05). “Todo mundo que recebeu a primeira cesta básica foi contactado e está recebendo a segunda cesta. Estamos nos comunicando com os que não receberam para garantir a estes duas cestas básicas: uma referente ao mês de abril e outra referente ao mês de maio”, comunicou o Gestor, que destacou que, até o momento, 61% da população beneficiária fora alcançada pela busca ativa realizada pela Prefeitura.

As cestas remanescentes serão estocadas nas sedes das Secretarias Regionais. “Aqueles que, eventualmente, têm direito e não receberam poderão buscá-las nesses locais”, orientou.

Os motoristas de aplicativos atuantes, exclusivamente, no ramo seguem contemplados. “Os contatos, iniciados em 15 de maio, irão definir os locais de entrega das cestas a motoristas de aplicativo que exerçam essa única atividade econômica. O benefício também inclui carroceiros e catadores de materiais recicláveis”, explicou.

Renda em Casa

No tocante à renda auxiliar disponibilizada a feirantes, ambulantes e autônomos, o Gestor esclareceu a logística implantada pela Prefeitura. “Aqueles que estão cadastrados junto ao Município, mediante o fornecimento de dados bancários, já estão recebendo o benefício equivalente a R$ 100 mensais. Para facilitar o pagamento e evitar aglomerações em agências bancárias, o benefício depositado contempla os meses de abril e de maio, totalizando R$ 200”, informou, alertando que, até o momento, apenas 30% dos beneficiários preencheram devidamente o cadastro.

Uma Força para a Cultura

Diante dos impactos econômicos causados pela pandemia vigente, o Município lançou, na última terça-feira (12/05), edital destinado a artistas populares em situação de vulnerabilidade. A iniciativa objetiva contemplar a cadeia cultural produtiva do Município por meio do pagamento emergencial de R$ 200, equivalentes aos meses de abril e de maio.

Conforme informado pelo Prefeito, para receber o auxílio, os profissionais devem cumprir os requisitos previstos em regulamento e realizar, até o dia 31 de maio, cadastro clicando aqui, informando todos os dados solicitados.

Até o momento, 2.188 pessoas garantiram a inscrição. “A partir desta terça-feira (19/05), os depósitos equivalentes à primeira leva de cadastrados enquadrados nos critérios deverão ser realizados pela Prefeitura de Fortaleza”, antecipou o Roberto Cláudio.

Cartão Missão Infância

Para garantir renda auxiliar destinada a crianças de 0 a 3 anos em situação de vulnerabilidade socioeconômica, a Prefeitura de Fortaleza está assegurando o pagamento de R$ 100 mensais por criança a cerca de 8 mil famílias. “Entendemos o papel da transferência de renda em um momento delicado como este. A iniciativa beneficia o desenvolvimento de crianças na primeiríssima infância por meio do Cartão Missão Infância”, anunciou.

Bolsa Jovem

Mesmo diante do quadro pandêmico, o pagamento do Bolsa Jovem segue em exercício. A iniciativa, destinada à juventude, reconhece talentos esportivos, culturais e empreendedores. “O benefício, que varia de R$ 300 a R$ 1.200, continua sendo pago mensalmente a jovens selecionados por rigoroso edital”, garantiu.

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais

Prefeitura prorroga inscrições do programa Uma Força para a Cultura

Profissionais que compõem a cadeia cultural produtiva do Município podem se inscrever até 31 de maio

prefeito em pé falando para filmadora em sua frente
"Nós não temos medido esforços e não vamos abrir mão de apoiar a população que vive em maior vulnerabilidade”, afirmou o Prefeito

A Prefeitura de Fortaleza, em virtude da pandemia causada pelo novo coronavírus, segue investindo em medidas assistenciais direcionadas à população mais vulnerável da Capital. O prefeito Roberto Cláudio atualizou, nesta segunda-feira (18/05), em transmissão ao vivo pelas redes sociais, o andamento de ações sociais em vigor.

Ao longo do dia, o Gestor coordenou reuniões com o intuito de monitorar o andamento das políticas implantadas e em implantação diante do quadro pandêmico.

“Há um papel extraordinário nas ações de prevenção, de isolamento e de assistência à saúde. Mas é preciso entender que uma pandemia como esta traz consequências econômicas graves que afetam aqueles que mais precisam. Dentro de todas as limitações que os municípios têm passado, inclusive, com perda efetiva de receita, nós não temos medido esforços e não vamos abrir mão de apoiar a população que vive em maior vulnerabilidade”, introduziu.

Todos com Máscara

Roberto Cláudio apresentou o alcance do projeto Todos com Máscara, que visa à distribuição gratuita de máscaras têxteis à população e reúne esforços da Prefeitura de Fortaleza e do Governo do Estado, em articulação com a iniciativa privada.

Para a finalidade, 1.600 costureiras foram selecionadas. “Essa iniciativa cumpre um duplo papel. Além de estimular a economia na ponta, garante o acesso da população a um equipamento de proteção individual de qualidade. Até o fim deste mês, três milhões de máscaras terão sido distribuídas. Deste total, 1,7 milhão já foram confeccionadas e entregues. Até 31 de maio, serão distribuídas mais 1,3 milhão”, contabilizou.

Kits de Alimentação

Os alunos regularmente matriculados na Rede Municipal de Ensino, em virtude da suspensão temporária das aulas presenciais, têm sido beneficiados por meio da entrega de kits de alimentação. “A Prefeitura tem conseguido realizar essas entregas de forma tranquila, serena, sem aglomerações. Os contatos com as famílias dos estudantes para a definição dos dias e dos horários dos kits estão sendo realizados por telefone, mensagem ou via WhatsApp. Nós queremos assegurar a alimentação saudável dessas crianças e desses jovens e temos recebido lindos registros relacionados a esta iniciativa”, declarou Roberto Cláudio.

Comida em Casa

Na oportunidade, o Prefeito destacou o alcance do projeto Comida em Casa, que distribui cestas básicas a famílias vulneráveis de Fortaleza. A ação contempla beneficiários do Bolsa Família sem filhos matriculados na Rede Pública de Ensino, taxistas, mototaxistas e motoristas de transportes escolares.

A segunda etapa do benefício, que ocorre em 295 escolas municipais selecionadas, acontece até esta terça-feira (19/05). “Todo mundo que recebeu a primeira cesta básica foi contactado e está recebendo a segunda cesta. Estamos nos comunicando com os que não receberam para garantir a estes duas cestas básicas: uma referente ao mês de abril e outra referente ao mês de maio”, comunicou o Gestor, que destacou que, até o momento, 61% da população beneficiária fora alcançada pela busca ativa realizada pela Prefeitura.

As cestas remanescentes serão estocadas nas sedes das Secretarias Regionais. “Aqueles que, eventualmente, têm direito e não receberam poderão buscá-las nesses locais”, orientou.

Os motoristas de aplicativos atuantes, exclusivamente, no ramo seguem contemplados. “Os contatos, iniciados em 15 de maio, irão definir os locais de entrega das cestas a motoristas de aplicativo que exerçam essa única atividade econômica. O benefício também inclui carroceiros e catadores de materiais recicláveis”, explicou.

Renda em Casa

No tocante à renda auxiliar disponibilizada a feirantes, ambulantes e autônomos, o Gestor esclareceu a logística implantada pela Prefeitura. “Aqueles que estão cadastrados junto ao Município, mediante o fornecimento de dados bancários, já estão recebendo o benefício equivalente a R$ 100 mensais. Para facilitar o pagamento e evitar aglomerações em agências bancárias, o benefício depositado contempla os meses de abril e de maio, totalizando R$ 200”, informou, alertando que, até o momento, apenas 30% dos beneficiários preencheram devidamente o cadastro.

Uma Força para a Cultura

Diante dos impactos econômicos causados pela pandemia vigente, o Município lançou, na última terça-feira (12/05), edital destinado a artistas populares em situação de vulnerabilidade. A iniciativa objetiva contemplar a cadeia cultural produtiva do Município por meio do pagamento emergencial de R$ 200, equivalentes aos meses de abril e de maio.

Conforme informado pelo Prefeito, para receber o auxílio, os profissionais devem cumprir os requisitos previstos em regulamento e realizar, até o dia 31 de maio, cadastro clicando aqui, informando todos os dados solicitados.

Até o momento, 2.188 pessoas garantiram a inscrição. “A partir desta terça-feira (19/05), os depósitos equivalentes à primeira leva de cadastrados enquadrados nos critérios deverão ser realizados pela Prefeitura de Fortaleza”, antecipou o Roberto Cláudio.

Cartão Missão Infância

Para garantir renda auxiliar destinada a crianças de 0 a 3 anos em situação de vulnerabilidade socioeconômica, a Prefeitura de Fortaleza está assegurando o pagamento de R$ 100 mensais por criança a cerca de 8 mil famílias. “Entendemos o papel da transferência de renda em um momento delicado como este. A iniciativa beneficia o desenvolvimento de crianças na primeiríssima infância por meio do Cartão Missão Infância”, anunciou.

Bolsa Jovem

Mesmo diante do quadro pandêmico, o pagamento do Bolsa Jovem segue em exercício. A iniciativa, destinada à juventude, reconhece talentos esportivos, culturais e empreendedores. “O benefício, que varia de R$ 300 a R$ 1.200, continua sendo pago mensalmente a jovens selecionados por rigoroso edital”, garantiu.

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais