17 de outubro de 2019 em Fortaleza

Requalificação da região do Lago Jacarey tem foco em pedestres e deslocamento não motorizado

Detalhes do projeto foram construídos junto com a comunidade frequentadora do entorno


pessoas sentadas em mesa falando ao microfone para plateia sentada à frente
"Para a intervenção, estudamos e compreendemos o Lago em todas as suas vertentes", disse o secretário executivo de Conservação e Serviços Públicos, Luís Alberto Sabóia
A Prefeitura de Fortaleza apresentou, nesta quinta-feira (17/10), em coletiva de imprensa no Paço Municipal, o projeto de requalificação da Praça do Lago Jacarey e seu entorno, uma das áreas com maior potencial de adensamento residencial, comercial e de serviços entre os bairros Cambeba e Cidade dos Funcionários (Regional VI). As novas intervenções, com foco em ações para pedestres e deslocamento não motorizado, visam melhorar a segurança viária na região, bastante demandada para a convivência, prática de exercícios, passeio, gastronomia e comércios diversos.

A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT) e a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), faz parte do Programa Mais Ação e do Programa de Apoio à Circulação de Pedestres, desenvolvido em parceria com a Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global, Secretaria da Infraestrutura (Seinf), Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), Coordenadoria das Regionais e Secretaria Regional VI.

Dentro do projeto, a principal intenção é destacar a importância do espaço público para a convivência das pessoas por meio de melhorias de infraestrutura urbanística, paisagística e de segurança de trânsito. Dessa forma, estão previstas diversas intervenções, como a ampliação da área da Praça do Lago Jacarey, por meio do alargamento do calçadão e troca do piso, requalificação de calçadas no entorno onde houver necessidade, recuperação de todo o canteiro central da Avenida Viena Weyne, reforma da academia existente na praça, implantação de travessias elevadas para pedestres, ciclovia, ciclofaixa, lixeiras subterrâneas, ecopontos e limpeza do lago, além de novo projeto de iluminação específico, drenagem, fresa e recape nas vias do entorno.

O secretário executivo de Conservação e Serviços Públicos, Luís Alberto Sabóia, que também é coordenador do PAITT, explica que os detalhes do projeto foram construídos junto com a comunidade frequentadora do entorno. “Os moradores têm um senso de pertencimento muito grande e isso ficou muito claro na reunião que fizemos e que teve muita adesão da população. Para a intervenção, estudamos e compreendemos o Lago em todas as suas vertentes e o que é importante para o comerciante, para o morador, para quem faz atividade física, para as famílias”, disse Sabóia.

O secretário ressalta, ainda, que toda a proposta foi específica para cada trecho: da Av. Desembargador Gonzaga até a Av. Joaquim Correia; da Av. Joaquim Correia até Av. Pedro Lazar; e da Av. Pedro Lazar até a Av. Washington Soares. Foram observados critérios como uso do solo, circulação viária, estacionamento, drenagem, iluminação pública, entre outros aspectos.

A titular da Regional VI, Darlene Braga, ressaltou também o papel da gestão pública em conciliar os interesses de forma a atingir a maior quantidade de pessoas para um bem comum. "Vemos aqui a grande importância desse projeto, que é comprometido e será funcional para a população, além de trazer um legado para a Cidade e de transformar a vida das pessoas, com maior desenvolvimento social e econômico e maior segurança", pontuou.

Praça do Lago Jacarey

O calçadão da Praça do Lago Jacarey será alargado em três extensões. Em sua área norte, pela Rua Alisson Batista de Medeiros; na área oeste, pela Rua Botelho Magalhães; e na área sul, pela Avenida Viena Weyne. Com isso, haverá o acréscimo de 2.300m² no calçadão da Praça, o que representa um aumento de cerca de 30% de área para pedestres. Além do aumento da área de praça, também estão previstas a troca do piso de pedra portuguesa, a reforma da academia e do parquinho, a limpeza do Lago, a implantação de travessias elevadas e um novo projeto de iluminação.

Melhorias para pedestres no entorno

Várias vias do entorno da praça receberão ações para melhorar o deslocamento de pedestres. Na Avenida Viena Weyne, no trecho entre as avenidas Joaquim de Figueiredo Correia e Pedro Lazar, haverá troca para pavimento intertravado na pista, reforma e alargamento do canteiro central, requalificação das calçadas e implantação de platôs elevados nos cruzamentos, sugerindo redução de velocidade para veículos e contemplando um espaço de cooper e passeio. Serão implantadas travessias elevadas e lombadas físicas em pontos específicos. No total, juntamente com a ampliação da Praça do Lago, serão mais de 4.000m² de novos espaços para pedestres.

Também será implantado novo semáforo com tempo para pedestres na esquina da Rua Marechal Lott com a Avenida Desembargador Gonzaga, com o objetivo de reduzir o número de acidentes identificado nesse local. Também haverá acréscimo de tempo para pedestres no semáforo da Avenida João Leonel, esquina com a Avenida Desembargador Gonzaga.

Infraestrutura cicloviária

Dentro do projeto, haverá implantação de mais 2,5km de infraestrutura cicloviária na região. Com isso, será implantada ciclofaixa na Avenida Viena Weyne, transformando-se em ciclovia no trecho em frente à Praça do Lago Jacarey, como parte do novo trecho de calçadão, além de ciclofaixas ao longo das ruas Marechal Lott, Cândido Portinari e Joaquim Frota, totalizando 2km de deslocamento exclusivo e seguro para ciclistas desde a ciclofaixa existente na Avenida Desembargador Gonzaga até a ciclovia da Avenida Washington Soares. Já a Rua Dr. José Furtado receberá cerca de 520m de ciclofaixa, ligando a ciclofaixa existente na Avenida Oliveira Paiva à nova ciclofaixa da Av. Viena Weyne. Vale mencionar que há uma estação do Mini Bicicletar na Praça do Lago Jacarey, oferecendo bicicletas compartilhadas infantis.

Melhoria na iluminação

Além do aumento da área da praça, também será implantado projeto para melhorar a iluminação de todo o entorno, com aumento da potência dos pontos de luz, com adequação ao fluxo de pedestres e do trânsito nas avenidas Viena Weyne, Engenheiro Agrônomo José Guimarães, Pedro Lazar e adjacências.

Nova rede de drenagem e recuperação de vias

Como forma de solucionar problemas recorrentes de alagamentos recentemente agravados com o afloramento de lençol em terreno próximo, está prevista a implantação de projeto de drenagem pluvial nas Ruas Cândido Portinari e Luiz Girão. Também serão realizadas obras de microdrenagem, fresa, recape e recuperação do pavimento no entorno.

Lixeiras subterrâneas e Ecopontos

Pela recorrência de descarte irregular de resíduos sólidos identificado em locais inadequados no entorno, está prevista a implantação de lixeiras subterrâneas ao longo da Avenida Viena Weyne, além de dois Ecopontos na região, oferecendo o benefício do Programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia pela troca de resíduos recicláveis.

Programa Mais Ação

O Mais Ação é o maior programa de investimentos na história da cidade de Fortaleza. Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, as ações da Prefeitura vão garantir, dentre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da ampliação do projeto Areninhas, implantação de binários, ciclofaixas e de melhorias voltadas ao transporte público municipal. A meta do programa é atender, no biênio 2019-2020, todas as Regionais da Capital.

Requalificação da região do Lago Jacarey tem foco em pedestres e deslocamento não motorizado

Detalhes do projeto foram construídos junto com a comunidade frequentadora do entorno

pessoas sentadas em mesa falando ao microfone para plateia sentada à frente
"Para a intervenção, estudamos e compreendemos o Lago em todas as suas vertentes", disse o secretário executivo de Conservação e Serviços Públicos, Luís Alberto Sabóia
A Prefeitura de Fortaleza apresentou, nesta quinta-feira (17/10), em coletiva de imprensa no Paço Municipal, o projeto de requalificação da Praça do Lago Jacarey e seu entorno, uma das áreas com maior potencial de adensamento residencial, comercial e de serviços entre os bairros Cambeba e Cidade dos Funcionários (Regional VI). As novas intervenções, com foco em ações para pedestres e deslocamento não motorizado, visam melhorar a segurança viária na região, bastante demandada para a convivência, prática de exercícios, passeio, gastronomia e comércios diversos.

A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT) e a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), faz parte do Programa Mais Ação e do Programa de Apoio à Circulação de Pedestres, desenvolvido em parceria com a Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global, Secretaria da Infraestrutura (Seinf), Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), Coordenadoria das Regionais e Secretaria Regional VI.

Dentro do projeto, a principal intenção é destacar a importância do espaço público para a convivência das pessoas por meio de melhorias de infraestrutura urbanística, paisagística e de segurança de trânsito. Dessa forma, estão previstas diversas intervenções, como a ampliação da área da Praça do Lago Jacarey, por meio do alargamento do calçadão e troca do piso, requalificação de calçadas no entorno onde houver necessidade, recuperação de todo o canteiro central da Avenida Viena Weyne, reforma da academia existente na praça, implantação de travessias elevadas para pedestres, ciclovia, ciclofaixa, lixeiras subterrâneas, ecopontos e limpeza do lago, além de novo projeto de iluminação específico, drenagem, fresa e recape nas vias do entorno.

O secretário executivo de Conservação e Serviços Públicos, Luís Alberto Sabóia, que também é coordenador do PAITT, explica que os detalhes do projeto foram construídos junto com a comunidade frequentadora do entorno. “Os moradores têm um senso de pertencimento muito grande e isso ficou muito claro na reunião que fizemos e que teve muita adesão da população. Para a intervenção, estudamos e compreendemos o Lago em todas as suas vertentes e o que é importante para o comerciante, para o morador, para quem faz atividade física, para as famílias”, disse Sabóia.

O secretário ressalta, ainda, que toda a proposta foi específica para cada trecho: da Av. Desembargador Gonzaga até a Av. Joaquim Correia; da Av. Joaquim Correia até Av. Pedro Lazar; e da Av. Pedro Lazar até a Av. Washington Soares. Foram observados critérios como uso do solo, circulação viária, estacionamento, drenagem, iluminação pública, entre outros aspectos.

A titular da Regional VI, Darlene Braga, ressaltou também o papel da gestão pública em conciliar os interesses de forma a atingir a maior quantidade de pessoas para um bem comum. "Vemos aqui a grande importância desse projeto, que é comprometido e será funcional para a população, além de trazer um legado para a Cidade e de transformar a vida das pessoas, com maior desenvolvimento social e econômico e maior segurança", pontuou.

Praça do Lago Jacarey

O calçadão da Praça do Lago Jacarey será alargado em três extensões. Em sua área norte, pela Rua Alisson Batista de Medeiros; na área oeste, pela Rua Botelho Magalhães; e na área sul, pela Avenida Viena Weyne. Com isso, haverá o acréscimo de 2.300m² no calçadão da Praça, o que representa um aumento de cerca de 30% de área para pedestres. Além do aumento da área de praça, também estão previstas a troca do piso de pedra portuguesa, a reforma da academia e do parquinho, a limpeza do Lago, a implantação de travessias elevadas e um novo projeto de iluminação.

Melhorias para pedestres no entorno

Várias vias do entorno da praça receberão ações para melhorar o deslocamento de pedestres. Na Avenida Viena Weyne, no trecho entre as avenidas Joaquim de Figueiredo Correia e Pedro Lazar, haverá troca para pavimento intertravado na pista, reforma e alargamento do canteiro central, requalificação das calçadas e implantação de platôs elevados nos cruzamentos, sugerindo redução de velocidade para veículos e contemplando um espaço de cooper e passeio. Serão implantadas travessias elevadas e lombadas físicas em pontos específicos. No total, juntamente com a ampliação da Praça do Lago, serão mais de 4.000m² de novos espaços para pedestres.

Também será implantado novo semáforo com tempo para pedestres na esquina da Rua Marechal Lott com a Avenida Desembargador Gonzaga, com o objetivo de reduzir o número de acidentes identificado nesse local. Também haverá acréscimo de tempo para pedestres no semáforo da Avenida João Leonel, esquina com a Avenida Desembargador Gonzaga.

Infraestrutura cicloviária

Dentro do projeto, haverá implantação de mais 2,5km de infraestrutura cicloviária na região. Com isso, será implantada ciclofaixa na Avenida Viena Weyne, transformando-se em ciclovia no trecho em frente à Praça do Lago Jacarey, como parte do novo trecho de calçadão, além de ciclofaixas ao longo das ruas Marechal Lott, Cândido Portinari e Joaquim Frota, totalizando 2km de deslocamento exclusivo e seguro para ciclistas desde a ciclofaixa existente na Avenida Desembargador Gonzaga até a ciclovia da Avenida Washington Soares. Já a Rua Dr. José Furtado receberá cerca de 520m de ciclofaixa, ligando a ciclofaixa existente na Avenida Oliveira Paiva à nova ciclofaixa da Av. Viena Weyne. Vale mencionar que há uma estação do Mini Bicicletar na Praça do Lago Jacarey, oferecendo bicicletas compartilhadas infantis.

Melhoria na iluminação

Além do aumento da área da praça, também será implantado projeto para melhorar a iluminação de todo o entorno, com aumento da potência dos pontos de luz, com adequação ao fluxo de pedestres e do trânsito nas avenidas Viena Weyne, Engenheiro Agrônomo José Guimarães, Pedro Lazar e adjacências.

Nova rede de drenagem e recuperação de vias

Como forma de solucionar problemas recorrentes de alagamentos recentemente agravados com o afloramento de lençol em terreno próximo, está prevista a implantação de projeto de drenagem pluvial nas Ruas Cândido Portinari e Luiz Girão. Também serão realizadas obras de microdrenagem, fresa, recape e recuperação do pavimento no entorno.

Lixeiras subterrâneas e Ecopontos

Pela recorrência de descarte irregular de resíduos sólidos identificado em locais inadequados no entorno, está prevista a implantação de lixeiras subterrâneas ao longo da Avenida Viena Weyne, além de dois Ecopontos na região, oferecendo o benefício do Programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia pela troca de resíduos recicláveis.

Programa Mais Ação

O Mais Ação é o maior programa de investimentos na história da cidade de Fortaleza. Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, as ações da Prefeitura vão garantir, dentre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da ampliação do projeto Areninhas, implantação de binários, ciclofaixas e de melhorias voltadas ao transporte público municipal. A meta do programa é atender, no biênio 2019-2020, todas as Regionais da Capital.