08 de dezembro de 2021 em Mobilidade

Etufor apoia campanha Justiça pela Mulher nos ônibus da Capital

Campanha do Tribunal de Justica do Ceará alerta sobre o enfrentamento à violência doméstica


cartaz dentro um ônibus
O período de veiculação dos cartazes coincide com os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) apoia a iniciativa do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) de enfrentamento à violência doméstica. Os terminais e a frota de ônibus da cidade receberam os cartazes da campanha Justiça pela Mulher com a finalidade de divulgar os canais de denúncia. O material, que conta com a participação do sanfoneiro Waldonys como embaixador da campanha, traz orientações sobre o combate à violência doméstica.

O período de veiculação dos cartazes coincide com os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, uma mobilização mundial voltada para a erradicação da violência de gênero, e com o Dia da Justiça.
Nesta terça-feira (07/12), no Fórum Clóvis Beviláqua, aconteceu uma reunião com presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira, o embaixador da campanha, Waldonys e o presidente da Etufor, David Bezerra. Também participaram do encontro a desembargadora Marlúcia de Araújo Bezerra, que está à frente da Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do TJCE, e as juízas Rosa Mendonça e Teresa Germana Lopes de Azevedo, titulares do 1º e do 2º Juizados da Mulher de Fortaleza, respectivamente.

Para a presidente do TJCE, Nailde Bezerra, a violência doméstica teve um aumento durante a pandemia e o Poder Judiciário não pode ficar distante da população, dessa mulher que sofreu ou sofre uma agressão. A campanha chega aos ônibus da capital nesta nova fase da campanha, que vem sendo difundida desde agosto, para encerrar o ano com mais uma iniciativa contra a violência doméstica.

“Sabemos que no transporte coletivo há uma circulação de centenas de milhares de usuários e talvez uma parte dessas usuárias sejam vítimas da violência e não se sintam seguras em fazer a denúncia. Na medida em que o Poder Judiciário, em conjunto com o município de Fortaleza, através da Etufor, divulga cartazes estimulando essa denúncia, queremos que aquelas mulheres que hoje estão sem coragem ou então as pessoas que presenciam esse tipo de violência façam a denúncia por meio da Central de Atendimento à Mulher, pelo 180 ou à Polícia, pelo 190”, ressaltou o presidente da Etufor, David Bezerra.

Já o sanfoneiro Waldonys considera uma responsabilidade muito grande ter sido escolhido para ser embaixador de uma campanha tão séria. A gente tem de mergulhar de cabeça, porque a violência contra a mulher é um problema que atinge muitas classes. É importante que a gente conscientize as pessoas a denunciar, a procurar ajuda. Para ele, levar esta mensagem pra outros artistas, para os meus fãs o deixa muito feliz, destacou.

Etufor apoia campanha Justiça pela Mulher nos ônibus da Capital

Campanha do Tribunal de Justica do Ceará alerta sobre o enfrentamento à violência doméstica

cartaz dentro um ônibus
O período de veiculação dos cartazes coincide com os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) apoia a iniciativa do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) de enfrentamento à violência doméstica. Os terminais e a frota de ônibus da cidade receberam os cartazes da campanha Justiça pela Mulher com a finalidade de divulgar os canais de denúncia. O material, que conta com a participação do sanfoneiro Waldonys como embaixador da campanha, traz orientações sobre o combate à violência doméstica.

O período de veiculação dos cartazes coincide com os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, uma mobilização mundial voltada para a erradicação da violência de gênero, e com o Dia da Justiça.
Nesta terça-feira (07/12), no Fórum Clóvis Beviláqua, aconteceu uma reunião com presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira, o embaixador da campanha, Waldonys e o presidente da Etufor, David Bezerra. Também participaram do encontro a desembargadora Marlúcia de Araújo Bezerra, que está à frente da Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do TJCE, e as juízas Rosa Mendonça e Teresa Germana Lopes de Azevedo, titulares do 1º e do 2º Juizados da Mulher de Fortaleza, respectivamente.

Para a presidente do TJCE, Nailde Bezerra, a violência doméstica teve um aumento durante a pandemia e o Poder Judiciário não pode ficar distante da população, dessa mulher que sofreu ou sofre uma agressão. A campanha chega aos ônibus da capital nesta nova fase da campanha, que vem sendo difundida desde agosto, para encerrar o ano com mais uma iniciativa contra a violência doméstica.

“Sabemos que no transporte coletivo há uma circulação de centenas de milhares de usuários e talvez uma parte dessas usuárias sejam vítimas da violência e não se sintam seguras em fazer a denúncia. Na medida em que o Poder Judiciário, em conjunto com o município de Fortaleza, através da Etufor, divulga cartazes estimulando essa denúncia, queremos que aquelas mulheres que hoje estão sem coragem ou então as pessoas que presenciam esse tipo de violência façam a denúncia por meio da Central de Atendimento à Mulher, pelo 180 ou à Polícia, pelo 190”, ressaltou o presidente da Etufor, David Bezerra.

Já o sanfoneiro Waldonys considera uma responsabilidade muito grande ter sido escolhido para ser embaixador de uma campanha tão séria. A gente tem de mergulhar de cabeça, porque a violência contra a mulher é um problema que atinge muitas classes. É importante que a gente conscientize as pessoas a denunciar, a procurar ajuda. Para ele, levar esta mensagem pra outros artistas, para os meus fãs o deixa muito feliz, destacou.