24 de junho de 2022 em Saúde

Fortaleza amplia vacinação contra a influenza para o público geral a partir de segunda-feira (27/06)

A influenza, assim como a Covid-19, é uma infecção viral aguda que provoca sintomas de síndrome gripal


A partir desta segunda-feira (27/06), fortalezenses a partir de seis meses de idade podem receber a vacina contra a influenza nos postos de saúde de Fortaleza, das 8h às 17h. Para ter direito ao imunizante, é necessário apresentar documento oficial com foto. De segunda a sexta-feira, todos os postos realizam a aplicação da vacina. Aos finais de semana, os postos Paulo Marcelo e Messejana funcionam das 8h às 17h para vacinação.

Endereços dos postos de saúde

Até esta quinta-feira (23/06), 340.566 pessoas dos grupos prioritários buscaram os postos para receber a vacina, o que representa 38% da meta. “A vacina contra a influenza é tão importante quanto a da Covid-19. Por isso, é extremamente necessário que a população busque os postos de saúde, para evitar um aumento no número de casos semelhante ao que ocorreu no fim do ano passado”, alerta Ana Estela Leite, titular da Saúde de Fortaleza.

A vacina contra a Influenza atua contra os vírus Influenza A (H1N1 e H3N2) e B. O imunobiológico de 2022 sofreu alteração na cepa H3N2, conforme o vírus circulante no ano anterior. O vírus da influenza, assim como o da Covid-19, é uma infecção viral aguda que provoca sintomas de síndrome gripal.

A vacina pode ser administrada simultaneamente a outras, incluindo a vacina contra a Covid-19, com exceção das crianças de 5 a 11 anos. Nestes casos, de acordo com o Ministério da Saúde, deve-se priorizar a vacina contra a Covid-19 e aguardar 15 dias para aplicação do imunobiológico contra a influenza na faixa etária indicada.

Vacinação contra o sarampo

A campanha de vacinação de seguimento contra o sarampo, iniciada de maneira conjunta à da influenza, será concluída nesta sexta-feira (24/06). De abril até ontem (23/06), 104.893 pessoas receberam a vacina, sendo 67.018 crianças, o que corresponde a 38% da meta.

Mesmo após a conclusão da campanha, a vacina contra o sarampo continua disponível nos postos de saúde. Em crianças, a vacina é aplicada aos seis meses (dose zero), 12 meses (primeira dose) e 15 meses (segunda dose). Adultos que não possuem o esquema completo de duas doses também podem se dirigir aos postos para aplicação.

Fortaleza amplia vacinação contra a influenza para o público geral a partir de segunda-feira (27/06)

A influenza, assim como a Covid-19, é uma infecção viral aguda que provoca sintomas de síndrome gripal

A partir desta segunda-feira (27/06), fortalezenses a partir de seis meses de idade podem receber a vacina contra a influenza nos postos de saúde de Fortaleza, das 8h às 17h. Para ter direito ao imunizante, é necessário apresentar documento oficial com foto. De segunda a sexta-feira, todos os postos realizam a aplicação da vacina. Aos finais de semana, os postos Paulo Marcelo e Messejana funcionam das 8h às 17h para vacinação.

Endereços dos postos de saúde

Até esta quinta-feira (23/06), 340.566 pessoas dos grupos prioritários buscaram os postos para receber a vacina, o que representa 38% da meta. “A vacina contra a influenza é tão importante quanto a da Covid-19. Por isso, é extremamente necessário que a população busque os postos de saúde, para evitar um aumento no número de casos semelhante ao que ocorreu no fim do ano passado”, alerta Ana Estela Leite, titular da Saúde de Fortaleza.

A vacina contra a Influenza atua contra os vírus Influenza A (H1N1 e H3N2) e B. O imunobiológico de 2022 sofreu alteração na cepa H3N2, conforme o vírus circulante no ano anterior. O vírus da influenza, assim como o da Covid-19, é uma infecção viral aguda que provoca sintomas de síndrome gripal.

A vacina pode ser administrada simultaneamente a outras, incluindo a vacina contra a Covid-19, com exceção das crianças de 5 a 11 anos. Nestes casos, de acordo com o Ministério da Saúde, deve-se priorizar a vacina contra a Covid-19 e aguardar 15 dias para aplicação do imunobiológico contra a influenza na faixa etária indicada.

Vacinação contra o sarampo

A campanha de vacinação de seguimento contra o sarampo, iniciada de maneira conjunta à da influenza, será concluída nesta sexta-feira (24/06). De abril até ontem (23/06), 104.893 pessoas receberam a vacina, sendo 67.018 crianças, o que corresponde a 38% da meta.

Mesmo após a conclusão da campanha, a vacina contra o sarampo continua disponível nos postos de saúde. Em crianças, a vacina é aplicada aos seis meses (dose zero), 12 meses (primeira dose) e 15 meses (segunda dose). Adultos que não possuem o esquema completo de duas doses também podem se dirigir aos postos para aplicação.