Mais de 34 mil veículos são abordados em ações de combate à Covid-19

01 de abril de 2021 em Mobilidade

Mais de 34 mil veículos são abordados em ações de combate à Covid-19

Agentes de trânsito e orientadores também dão suporte aos locais de vacinação


A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realizou 194 comandos operacionais entre blitz educativa e de fiscalização, de 5 a 30 de março, período que corresponde ao isolamento social rígido. As ações resultaram em mais de 34 mil veículos abordados, sendo 20.127 automóveis, 13.577 motocicletas e 297 ônibus. O objetivo é conscientizar sobre a importância do cumprimento às medidas preventivas de combate à Covid-19.

Em conjunto com a Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), o efetivo tem intensificado a mobilização nas barreiras sanitárias para controlar o fluxo de veículos nos principais pontos de entrada e saída da cidade. Cerca de 14 mil pessoas já foram orientadas ao passar pelos referidos bloqueios.

Paralelo a essa atividade, os agentes de trânsito e orientadores dão suporte aos locais de vacinação disciplinando as filas e facilitando o acesso das pessoas com mobilidade reduzida. "A nossa missão é salvar vidas dentro e fora do trânsito. Por isso estamos nas ruas: para garantir a segurança de todos através da fiscalização, educação, monitoramento ou simplesmente pelo apoio dado os idosos durante a vacina", esclarece Juliana Coelho, superintendente da AMC.

Monitoramento

A AMC acompanha diariamente o comportamento do fluxo de veículos na cidade. No lockdown, a redução no volume de tráfego se manteve em torno de 30%. As regiões do Centro e da grande Aldeota registraram maior percentual de queda na circulação.

Mais de 34 mil veículos são abordados em ações de combate à Covid-19

Agentes de trânsito e orientadores também dão suporte aos locais de vacinação

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realizou 194 comandos operacionais entre blitz educativa e de fiscalização, de 5 a 30 de março, período que corresponde ao isolamento social rígido. As ações resultaram em mais de 34 mil veículos abordados, sendo 20.127 automóveis, 13.577 motocicletas e 297 ônibus. O objetivo é conscientizar sobre a importância do cumprimento às medidas preventivas de combate à Covid-19.

Em conjunto com a Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), o efetivo tem intensificado a mobilização nas barreiras sanitárias para controlar o fluxo de veículos nos principais pontos de entrada e saída da cidade. Cerca de 14 mil pessoas já foram orientadas ao passar pelos referidos bloqueios.

Paralelo a essa atividade, os agentes de trânsito e orientadores dão suporte aos locais de vacinação disciplinando as filas e facilitando o acesso das pessoas com mobilidade reduzida. "A nossa missão é salvar vidas dentro e fora do trânsito. Por isso estamos nas ruas: para garantir a segurança de todos através da fiscalização, educação, monitoramento ou simplesmente pelo apoio dado os idosos durante a vacina", esclarece Juliana Coelho, superintendente da AMC.

Monitoramento

A AMC acompanha diariamente o comportamento do fluxo de veículos na cidade. No lockdown, a redução no volume de tráfego se manteve em torno de 30%. As regiões do Centro e da grande Aldeota registraram maior percentual de queda na circulação.