Como parte da campanha “Maio Amarelo” e da “Semana de Segurança no Trânsito” da ONU, lançada pela Prefeitura de Fortaleza em parceria com a Bloomberg Philanthropies, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) está intensificando a fiscalização para coibir a prática arriscada de misturar álcool e direção e também o uso incorreto de capacetes. A força-tarefa, que envolve AMC, Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Guarda Municipal, acontece nesta sexta-feira (10/05), a partir das 18h.
 
O objetivo é chamar a atenção dos condutores a respeito da Lei Seca. Mesmo uma pequena dose de bebida alcoólica pode comprometer os reflexos e a concentração do motorista, contribuindo para a ocorrência de acidentes graves e fatais. Ano passado, 226 pessoas morreram no trânsito de Fortaleza.
 
Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), um condutor que desrespeita a lei com um copo de cerveja, por exemplo, tem três vezes mais chance de morrer em um acidente do que um condutor sóbrio. Portanto, ao aplicar as leis de trânsito, espera-se promover uma maior conscientização da população e o mais importante: preservar vidas.
 
Durante a fiscalização, equipes itinerantes percorrem áreas de grande acidentalidade viária coibindo a irregularidade. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) a tolerância de álcool é zero. Conduzir veículo automotor sob influência de álcool é uma infração de natureza gravíssima x10, multa no valor de R$ 2.934,70, recolhimento e suspensão da habilitação por 12 meses e retenção do veículo até apresentação de outro condutor habilitado apto a conduzir o veículo. Se a concentração for igual ou superior a 0,30 miligramas de álcool por litro de ar alveolar ou o motorista tenha sinais que indiquem alteração de capacidade psicomotora, o mesmo ainda poderá ser preso. A pena varia de seis meses a três anos.
 
Já no caso do uso incorreto ou não uso do capacete, para os motociclistas, o Art. 244 do CTB, diz que conduzir motocicleta, motoneta e ciclomotor sem usar capacete de segurança com viseira ou óculos de proteção e vestuário de acordo com as normas e especificações aprovadas pelo Conselho Nacional de Trânsito ou transportar o passageiro sem esse utensílio se configura como uma infração de natureza gravíssima, sete pontos no prontuário do condutor, multa no valor de R$ 293,47 e suspensão do direito de dirigir, além de recolhimento da habilitação.
 
História do Maio Amarelo
 
O movimento teve início por iniciativa do Observatório Nacional de Segurança Viária e desde então vem ganhando adeptos não só no Brasil, mas também em outros países. Assim como o “Outubro Rosa” e o “Novembro Azul” que tratam dos temas câncer de mama e próstata, o “Maio Amarelo” procura estimular ações voltadas à conscientização, ao amplo debate das responsabilidades e à avaliação de riscos sobre o comportamento de cada cidadão, dentro de seus deslocamentos diários no trânsito. A Prefeitura de Fortaleza é signatária do movimento desde 2015 e organiza ações de educação, mobilização, além de implementar infraestrutura de segurança em pontos estratégicos para prevenir acidentes de trânsito, principalmente com mortos e feridos.
 
Publicado em Mobilidade

A procissão de Nossa Senhora de Fétima, que sai da Igreja do Carmo em direção à Igreja de Fátima neste 13 de maio (segunda-feira), contará com o suporte operacional de 130 agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e operadores de tráfego.

A operação de trânsito para começa às 6 horas com a coibição de estacionamento nas ruas Oswaldo Studart, Paula Rodrigues e Mário Mamede, no entorno da Igreja de Fátima. Esse esquema se repetirá nos três turnos para garantir a fluidez das principais vias.

O controle de tráfego para acompanhar a procissão terá início no mesmo horário, na Igreja do Carmo. Desde cedo não será permitido estacionar nas ruas Major Facundo, Meton de Alencar e Barão de Aratanha, deixando a área livre para a concentração e deslocamento do público.

Dentre as interdições provisórias, está previsto o bloqueio da Rua Major Facundo (lateral da Igreja do Carmo). Em seguida, os agentes se preparam para acompanhar a procissão durante o percurso até a Igreja de Fátima, passando pelas ruas Major Facundo, Meton de Alencar, Barão de Aratanha e Av. 13 de Maio. Os bloqueios durante o trajeto serão temporários e a saída está prevista para 18 horas.

Durante a realização da missa campal, após a procissão, a Av. 13 de Maio terá a pista nos dois sentidos bloqueada, entre a Rua Barão de Aratanha e o viaduto da Av. Pontes Vieira. A AMC orienta que os desvios sejam feitos pela Av. Luciano Carneiro e Rua Mário Mamede (sentido Bairro de Fátima/Aldeota) e pela alça do viaduto da Av. Aguanambi e Av. Eduardo Girão (sentido Aldeota/Bairro de Fátima).

Transporte Coletivo

Em virtude do evento, será realizado o desvio dos transportes coletivos no horário previsto de 17h às 22h, obedecendo às orientações da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor). Linhas impactadas: 011-Circular I, 012-Circular II, 029-Parangaba/Náutico, 030-Siqueira/Papicu/13 de Maio, 075-Campus do Pici/Unifor, 088-Antônio Bezerra/Albert Sabin, 099-Siqueira /Mucuripe/Br de Studart, 501-Bairro de Fátima, 504 - Av. 13 de Maio/Rodoviária II, 602- Parque Pio XII/Ana Gonçalves, 605- José Walter/ Br 116/ Av. I, 606- José Walter/Br 116/ Av. N, 625-Parque Manibura/Borges de Melo, 685 - Messejana/Rodoviária, 725- Parque Santa Maria/Liceu (STPC), 755 - Conjunto Alvorada/North Shopping (STPC) e 855- Bezerra de Menezes/Washington Soares.

Publicado em Mobilidade

O “Queremos Deus” chega à 30ª edição neste domingo (17/02), com a expectativa de reunir mais de 20 mil pessoas no Estádio Presidente Vargas. Desta forma, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) definiu um plano especial de tráfego a fim de otimizar os deslocamentos no entorno da praça esportiva para facilitar o acesso do público ao evento, que já se firmou como parte do calendário religioso da cidade.

Um efetivo de 26 agentes de trânsito iniciará a operação às 7 horas da manhã com o monitoramento do trânsito no entorno do estádio e a partir das 13 horas será realizado o bloqueio das ruas Jorge Dummar, Eduardo Girão, Paulino Nogueira e Costa e Sousa, em suma para resguardar a integridade do público, sendo garantido apenas o acesso local dos moradores mediante o comprovante de endereço.

A AMC permanecerá no local até o término do evento. A orientação é que o público utilize táxi e transporte público para chegar até o estádio, visto que a frota de coletivos será reforçada com ônibus extras, segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor).

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) orienta a todos os passageiros a utilizarem as 25 linhas que circulam na região do Estádio Presidente Vargas.
Durante a celebração, a circulação dos ônibus será acompanhada em tempo real diretamente da central de monitoramento da Etufor, verificando a necessidade de reforço. Como o evento acontece no domingo, os passageiros poderão utilizar o benefício da Tarifa Social, passando a pagar R$ 2,80 (inteira) e R$ 1,30 (tarifa estudantil).

Linhas que passam pelo entorno próximo ao estádio Presidente Vargas:
011 - Circular I;
012 - Circular II;
013 - Aguanambi I;
014 - Aguanambi II;
029 - Parangaba/Náutico;
030 - Siqueira/Papicu/13 de Maio;
075 - Campus do Pici/Unifor;
077 - Parangaba/Mucuripe;
088 - Antônio Bezerra/Albert Sabin;
389 - Jovita Feitosa/Shopping Benfica;
403 - Parangaba/Centro/Expedicionários;
404 - Aeroporto/Benfica/Rodoviária;
405 - Parque Dois Irmãos/Expedicionários;
406 - Planalto Ayrton Senna/Expedicionários;
407 - José Walter/Expedicionários;
421 - Montese/Lagoa/Parangaba;
502 - Vila União
503 - Av. 13 de Maio I;
504 - Av. 13 de Maio II;
605 - José Walter/Br 116/Av. I;
606 - José Walter/Br 116/Av. N;
625 - Parque Manibura/Borges de Melo;
703 - Paupina/Pici
755 - Cj Alvorada/North Shopping
855 - B. de Menezes/Washington Soares

Publicado em Mobilidade

Para viabilizar a montagem das arquibancadas e a realização do desfile de Carnaval, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realizará a interdição provisória das faixas de tráfego junto ao canteiro central, nos dois sentidos, da Av. Domingos Olímpio a partir desta quinta-feira (14/02). Com isso, os equipamentos de fiscalização eletrônica instalados para coibir o desrespeito à faixa exclusiva de ônibus ficarão temporariamente desativados até o encerramento do período carnavalesco e essas faixas poderão ser utilizadas por todos os veículos.

A desativação ocorrerá nos dois sentidos, no trecho compreendido entre as avenidas Aguanambi e Universidade, onde será montada a arquibancada para o desfile carnavalesco. O funcionamento da fiscalização eletrônica no trecho será retomado na sexta-feira (08/03), após o período carnavalesco.

As opções de rota alternativa para o motorista que quiser evitar a Av. Domingos Olímpio são as avenidas Duque de Caxias, Pontes Vieira e 13 de Maio.

Publicado em Mobilidade

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) informa que a partir desta sexta-feira (01/02) as multas já poderão ser pagas de forma parcelada no cartão de crédito. Por enquanto, quem desejar efetuar o parcelamento pode procurar o depósito da AMC, na Av. Juscelino Kubitschek, no Passaré, e a Central de Atendimento do Benfica, que fica no terceiro andar do Shopping Benfica.

A medida tem como objetivo facilitar o pagamento de multas de trânsito e demais débitos relativos aos veículos por meio do uso de cartões de crédito ou débito. O pagamento de multas com cartões de crédito ou débito foi liberado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por meio da resolução 736/2018, publicada em julho do ano passado.

As empresas que fazem o parcelamento das dívidas são credenciaras junto ao Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN) para o parcelamento relativo a débitos de multas e dívidas expedidas pela AMC.

Além das dívidas com multas, a nova regulamentação possibilita que o proprietário quite outras dívidas relacionadas ao veículo, como diárias e remoções. O parcelamento das dívidas será feito totalmente entre a operadora do cartão e o proprietário do veículo.

Os encargos e eventuais diferenças de valores a serem cobrados por conta do parcelamento via cartão de crédito ou débito ficam a cargo do titular do cartão de crédito que aderir a
essa modalidade de pagamento.

Publicado em Mobilidade

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) deu início à implantação de faixas exclusivas de ônibus na região do Centro da Cidade. As vias beneficiadas são as ruas Castro e Silva e João Moreira. Quando concluídas as faixas, Fortaleza passará a contar com 113,2 km de faixas de uso exclusivo de ônibus. A medida tem como principal objetivo reduzir o tempo de deslocamento do transporte público e facilitar o acesso da população ao Centro de Fortaleza.

Na rua Castro e Silva, a nova faixa será implantada entre a R. Padre Mororó e Alberto Nepomuceno, cerca de 1,3km. Já na R. João Moreira, a implantação se dá entre a Av. Alberto Nepomuceno e R. General Sampaio, cerca de 0,5km. A próxima via a receber faixa exclusiva de ônibus será a Av. Imperador. Nestas vias, circulam diariamente 149 linhas de ônibus, beneficiando mais de 73 mil passageiros.

Além das faixas exclusivas na região, será também implantada ciclofaixa na rua Castro e Silva. Ela receberá 0,6km de ciclofaixa unidirecional, do lado esquerdo da via, entre as ruas General Sampaio e General Bezerril. A nova ciclofaixa se conectará à ciclofaixa da Av. Alberto Nepomuceno.

Com essa implantação, Fortaleza passará a ter 255,7 km de malha cicloviária, sendo 105,9 km de ciclovia, 145,7 km de ciclofaixa, 4 km de ciclorrota e 0,1 km de passeio compartilhado. A meta é chegar a 400 km de malha cicloviária ao final de 2020. As próximas ciclofaixas a serem implantadas serão na Av. Oliveira Paiva (Cid. dos Funcionários), Ruas Antônio Bandeira e Manuel Teófilo (Maraponga) e Av. Perimetral (Henrique Jorge).

Publicado em Mobilidade

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) intensificará, a partir desta quarta-feira (23/01), o controle de tráfego no entorno das principais instituições de ensino para garantir a segurança durante o embarque e desembarque de alunos, no início do período letivo. A operação tem como objetivo disciplinar o acesso às escolas, assegurando o respeito às normas de circulação e fluidez viária.

Durante a ação, haverá uma atenção especial à conduta dos passageiros quanto ao uso do cinto de segurança, da cadeirinha, bebê conforto, assento de elevação, manobras de conversão e uso do celular. Além disso, serão coibidas infrações de estacionamentos irregulares que acabam comprometendo a fluidez do trânsito no entorno das escolas.

Por dia, três escolas receberão a visita dos agentes do órgão, de 6h às 9h e de 11h às 12h, distribuídos em viaturas, motocicletas ou posto fixos, tendo como base de registros a Central de Atendimentos da AMC ou por meio de denúncias formalizadas pelos cidadãos fortalezenses.

Em paralelo, a partir da quarta-feira (23/01) a Gerência de Educação estará com o projeto “Volta às Aulas” que, por meio de abordagens lúdicas e educativas, conscientiza pais, estudantes e professores para uma convivência pacífica no trânsito.

As instituições interessadas em receber o apoio da AMC na organização do trânsito pode solicitar por meio do 190. Ao receber a demanda, a Autarquia planejará o atendimento, tendo como objetivo principal um trânsito mais seguro e fluido para todos.

Publicado em Mobilidade

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realiza, de 09 a 11/01 (quarta a sexta-feira),  o primeiro leilão de veículos deste ano. A frota é composta de carros e motocicletas que se encontram apreendidos há mais de dois meses no depósito do órgão, sem manifestação dos proprietários, conforme previsão legal contida no Art. 328 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

O leilão será realizado às 9h nas modalidades presencial no Pátio do Leiloeiro e online por meio deste link. As sessões ocorrem simultaneamente.

Poderão participar da concorrência pessoas físicas maiores de idade ou emancipadas que estejam portando documento de identidade, CPF e comprovante de endereço. No caso de empresas, é necessário que estas sejam devidamente inscritas no CNPJ e regulares junto ao INSS.

O lance varia de acordo com o tipo de veículo e condição do mesmo. Ao todo, serão leiloados 597 lotes, sendo 94 automóveis e 503 motocicletas. Os bens serão entregues no estado de preservação em que foram recolhidos, cabendo aos participantes estarem cientes das características dos mesmos. A visitação pública acontece 07 e 08/01 (segunda e terça-feira), das 8h às 16h.

Serviço
Leilão Público da AMC (presencial)
Datas: 09 a 11/01 (quarta a sexta-feira)
Horário: 9h
Local: Pátio do Leiloeiro - Rua Coronel Zacarias José de França, 255-A - Cajazeiras

Publicado em Mobilidade
Mais de 70 mil downloads já foram registrados
Mais de 70 mil downloads já foram registrados

Com quatro meses de implantação no novo sistema de Zona Azul Digital, a Prefeitura de Fortaleza já registra mais de 70 mil downloads. Esse número bastante expressivo mostra o quanto os condutores já se adaptaram à facilidade de adquirir o Cartão Azul Digital (CAD) por meio de um dos sete aplicativos disponíveis para operar o serviço. Até dezembro de 2018, 360.744 cartões eletrônicos foram vendidos e mais de 250 pontos de venda estão disponíveis na Cidade.

Atualmente, Fortaleza conta com 5.500 vagas e mais 1.000 vagas estão em análise para serem implantadas até o final deste ano. As próximas áreas a serem contempladas serão o Lago Jacarey e alguns pontos dos bairros de Fátima e Parquelândia. As vagas de Zona Azul são implantadas onde há o uso intensivo do solo para serviços ou comércio e é necessário para manter a democratização do uso do espaço público.

Todo o recurso arrecadado com a compra dos CADs será destinado para a ampliação e manutenção da infraestrutura cicloviária, que a princípio, será destinado para a aquisição de materiais para o reforço e ampliação da “Ciclofaixa de Lazer”, que ocorre todos os domingos. Além disso, com a arrecadação, serão implantados balizadores nas ciclofaixas de vias com o maior volume de tráfego, para reforçar a segurança dos ciclistas. O edital para a ampliação das estações do programa Bicicleta Compartilhada está sendo preparado e a previsão é de que até o final de janeiro esteja pronto.

Funcionamento do aplicativo

Os cartões de papel perderam a validade no dia 31 de dezembro de 2018. Passando a valer somente a Zona Azul Digital. Por meio do celular, é possível adquirir os créditos e controlar todos os processos e gastos com maior comodidade.

O procedimento é rápido, cabendo ao usuário realizar um cadastro inicial em que deve informar os dados pessoais e a placa do veículo. Após ser cadastrado, o condutor precisa adquirir o Cartão Azul Digital (CAD), que pode ser pago por meio de cartões de crédito, débito ou boleto. Em seguida é necessário apenas ativá-lo e já vai receber um comprovante confirmando que o processo deu certo.

Diferente do que é feito atualmente, não será necessário imprimir o comprovante nem colocá-lo no painel do veículo. À medida que o período for se esgotando o tempo poderá ser renovado à distância, pois um alerta avisará quando estiver expirando. Quem não possui smartphone ou tenha dificuldade no acesso à internet terá a opção de comprar o Cartão Azul Digital (CAD) nos Pontos de Venda Credenciados (PDVs) devidamente padronizados que estarão conectados à rede.

Tempo de permanência

O tempo de permanência nas vagas de Zona Azul será de uma ou duas horas, podendo ser prorrogado por igual período. Ainda existe a possibilidade de esse tempo ser de cinco horas, dependendo da área, não havendo prorrogação neste caso. Cada Cartão Azul Digital (CAD) custará R$ 2,00. No caso dos espaços em que é permitido prorrogar o tempo deve ser adquirido um segundo CAD.

Aplicativos
Estacionamento Digital
Digipare
ZAE Fortaleza Digital
ZUL Digital
FAZ - Zona Azul Fortaleza
Zona Azul Fortaleza
Zona Fácil

Vantagens em usar o Cartão Azul Digital (CAD):
- Pagar o preço oficial da tarifa - R$ 2,00;
- Economizar tempo;
- Não precisa manter o comprovante de pagamento no interior do veículo;
- Não é necessário retornar ao veículo para colocar o segundo CAD;
- Poder escolher entre várias empresas credenciadas e formas de pagamento disponíveis;
- É possível comprar o CAD individualmente ou em quantidades maiores para poder usar depois.

Publicado em Mobilidade

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), intensifica a fiscalização no trânsito durante a época das festas de fim de ano, no sentido de chamar a atenção dos condutores para a importância de não ingerir álcool e depois dirigir, que, historicamente, tem sido a maior problemática identificada nesta época.

Com o apoio da Iniciativa Bloomberg em Fortaleza, a AMC já realizou, de janeiro até o dia 19 de dezembro 70.416 exames. Somente neste mês, onde a campanha é intensificada, devido ao período de festividades, a AMC já realizou 103 blitzes relâmpago, sendo realizados 6.212 exames e 72 recusas. Desse total de recusas, a grande maioria eram pessoas do sexo masculino, representando 93%. As ações são programadas de acordo com os mapas de acidentalidade e também pelos números de bares e restaurantes numa determinada área. 

Com a temática da alcoolemia, nestas abordagens, os agentes utilizam instrumentos técnicos, como por exemplo os etilômetros, com o objetivo de fortalecer as ações de combate ao consumo de álcool e direção. As blitzes da Lei Seca acontecem nos três turnos, em diferentes pontos da Cidade, e ainda estão programadas mais outras até as primeiras semanas de janeiro.

O Relatório Anual de Segurança Viária – Edição 2017 revela que Fortaleza atingiu seu menor número de pessoas que perderam a vida dos últimos 15 anos. Especificamente ao longo de 2017, foram identificadas 256 mortes. Apenas em Dezembro de 2017, foram registradas 19 vítimas fatais no trânsito. A expectativa é que esse número seja menor esse ano como consequência das ações. Desde 2014 o número de mortes no trânsito caiu 35% graças a três quedas consecutivas a cada ano. Esse estudo é fundamental para orientar todos os eixos de atuação da política de segurança viária da gestão municipal, tanto na área de fiscalização, quanto no planejamento, execução de projetos de engenharia e de educação para o trânsito.

O superintendente da AMC, Arcelino Lima, explica que essa diminuição é reflexo das ações de mobilidade e segurança viária desenvolvidas pela Prefeitura de Fortaleza. “Hoje, todas as intervenções priorizam a segurança viária. Com a intensificação das abordagens nas blitzes, alertamos os condutores para os riscos de beber e dirigir. Além disso, temos ainda outras ações para evitar que vidas sejam perdidas por acidentes de trânsito como por meio de um projeto de engenharia de tráfego, uma simples abordagem educativa ou de fiscalização.”, destaca Arcelino.

Além das blitzes relâmpago nos três turnos, também está sendo realizada uma nova etapa da campanha educativa “Não arrisque. Nunca beba e dirija”, também com apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária. Com imagens fortes, o vídeo da campanha mostra que independente da quantidade de álcool ingerida, qualquer pessoa pode se envolver em uma tragédia no trânsito ao conduzir um veículo tendo ingerido bebida alcoólica.

Publicado em Mobilidade
Página 1 de 18