09 de fevereiro de 2020 em Cultura

Pré-Carnaval chega ao terceiro sábado com muita animação na capital cearense

Foliões curtiram a festa nos polos da Mocinha e Largo dos Tremembés


pessoas na rua em frente a palco com banda tocando e bares ao fundo
Foliões curtem a festa no polo da Mocinha

Neste sábado (08/02), os foliões de Fortaleza curtiram o terceiro fim de semana do Ciclo Carnavalesco 2020. A Mocinha e o Largo dos Tremembés foram dois dos 12 polos que animaram fortalezenses e turistas. No primeiro, o Bloco Não Ispaia Sinão Ienche já considerado patrimônio cultural do Pré-Carnaval da Cidade, arrastou uma multidão de simpatizantes.

senhora sorrindo para a foto com braços para cima e flores na cabeça
"É época de tirar a fantasia do armário e ir pra rua”, comentou a aposentada Regina Costa

A aposentada Regina Costa espera o ano inteiro por essa época do ano. Segundo a foliã, esse é o momento de reunir os amigos, a família, deixar a vergonha de lado e ir para a rua curtir a animação. “Eu amo o Carnaval, acho que é a maior manifestação popular de alegria para extravasar o que a gente é, o que tem de verdadeiro, a nossa essência. É época de tirar a fantasia do armário e ir pra rua”, comentou a aposentada.

Já no Largo dos Tremembés, o público se reuniu para curtir as apresentações de Nick Sol e do Bloco das Travestidas. Foliões de todas as idades fizeram a festa, como foi o caso da Evelyn, de 2 anos, e Eloá, de 6, que foram acompanhar a mãe, a costureira Eveline Gomes. “Eu trago elas desde essa idade para elas conhecerem o que é realmente um pré-carnaval. Elas se divertem, eu me divirto e tudo isso com segurança”, destacou Eveline.

rapaz de lado segurando acessórios de carnaval olhando para a câmera
Wagner Oliveira, vendedor ambulante

O Ciclo Carnavalesco é um evento importante para quem quer se divertir e também para quem vai trabalhar. Wagner Oliveira trabalha como vendedor ambulante credenciado na festa e afirma que os eventos de Pré e Carnaval são um impulso para a economia da Cidade. “Durante todo o ano, eu trabalho com mercadorias que fazem a diversão das pessoas, mas no Carnaval as vendas crescem muito. É muito bom para o nosso bolso. O melhor período é esse”, comentou Wagner, que vende acessórios carnavalescos.

Com o tema “Fortaleza em Cantos e Cores de Chico”, o Ciclo Carnavalesco faz uma homenagem ao artista Chico da Silva, por sua importância na história da arte em Fortaleza e em comemoração ao seu 110º aniversário. O Pré-Carnaval é uma realização da Prefeitura de Fortaleza realizada por meio da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), com patrocínio oficial da Skol Puro Malte.

Pré-Carnaval chega ao terceiro sábado com muita animação na capital cearense

Foliões curtiram a festa nos polos da Mocinha e Largo dos Tremembés

pessoas na rua em frente a palco com banda tocando e bares ao fundo
Foliões curtem a festa no polo da Mocinha

Neste sábado (08/02), os foliões de Fortaleza curtiram o terceiro fim de semana do Ciclo Carnavalesco 2020. A Mocinha e o Largo dos Tremembés foram dois dos 12 polos que animaram fortalezenses e turistas. No primeiro, o Bloco Não Ispaia Sinão Ienche já considerado patrimônio cultural do Pré-Carnaval da Cidade, arrastou uma multidão de simpatizantes.

senhora sorrindo para a foto com braços para cima e flores na cabeça
"É época de tirar a fantasia do armário e ir pra rua”, comentou a aposentada Regina Costa

A aposentada Regina Costa espera o ano inteiro por essa época do ano. Segundo a foliã, esse é o momento de reunir os amigos, a família, deixar a vergonha de lado e ir para a rua curtir a animação. “Eu amo o Carnaval, acho que é a maior manifestação popular de alegria para extravasar o que a gente é, o que tem de verdadeiro, a nossa essência. É época de tirar a fantasia do armário e ir pra rua”, comentou a aposentada.

Já no Largo dos Tremembés, o público se reuniu para curtir as apresentações de Nick Sol e do Bloco das Travestidas. Foliões de todas as idades fizeram a festa, como foi o caso da Evelyn, de 2 anos, e Eloá, de 6, que foram acompanhar a mãe, a costureira Eveline Gomes. “Eu trago elas desde essa idade para elas conhecerem o que é realmente um pré-carnaval. Elas se divertem, eu me divirto e tudo isso com segurança”, destacou Eveline.

rapaz de lado segurando acessórios de carnaval olhando para a câmera
Wagner Oliveira, vendedor ambulante

O Ciclo Carnavalesco é um evento importante para quem quer se divertir e também para quem vai trabalhar. Wagner Oliveira trabalha como vendedor ambulante credenciado na festa e afirma que os eventos de Pré e Carnaval são um impulso para a economia da Cidade. “Durante todo o ano, eu trabalho com mercadorias que fazem a diversão das pessoas, mas no Carnaval as vendas crescem muito. É muito bom para o nosso bolso. O melhor período é esse”, comentou Wagner, que vende acessórios carnavalescos.

Com o tema “Fortaleza em Cantos e Cores de Chico”, o Ciclo Carnavalesco faz uma homenagem ao artista Chico da Silva, por sua importância na história da arte em Fortaleza e em comemoração ao seu 110º aniversário. O Pré-Carnaval é uma realização da Prefeitura de Fortaleza realizada por meio da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), com patrocínio oficial da Skol Puro Malte.