06 de março de 2018 em Mobilidade

Prefeitura de Fortaleza inicia sistema Bicicletar Corporativo com estímulo ao uso de bikes na gestão pública e privada

Para marcar o início da operação, um grupo de colaboradores pedalou na manhã desta terça-feira (06/03) nas novas bicicletas, saindo da Setfor em direção ao Paço Municipal


Bike do Bicicletar Corporativo
O Bicicletar Corporativo surge voltado aos colaboradores da gestão municipal, com o propósito de estimular empresas e instituições  a adotarem a prática diária do ciclismo (Foto: Marcos Moura)

A Prefeitura de Fortaleza iniciou, na manhã desta terça-feira (06/03), a operação do novo sistema Bicicletar Corporativo, dando mais um passo na direção de tornar a cidade a capital mais ciclável do Brasil. Para marcar o início da operação, um grupo de colaboradores pedalou nas novas bicicletas, saindo da Secretaria Municipal do Turismo de Fortaleza (Setfor) em direção ao Paço Municipal, onde o secretário-executivo de Conservação e Serviços Públicos, Luiz Alberto Sabóia, apresentou todos os detalhes do novo sistema.

Inserido no âmbito da parceria Cidades Saudáveis, que envolve 50 cidades no mundo e é apoiada pela Bloomberg Philanthropies e a Organização Mundial de Saúde (OMS), o novo sistema de bicicletas compartilhadas de Fortaleza surge voltado para colaboradores da gestão municipal, tendo como propósito estimular empresas e instituições a adotarem a prática diária do ciclismo.

Coordenado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o Bicicletar Corporativo nasce em caráter de piloto, com o objetivo de conscientizar empresas e instituições da Cidade a promoverem ações de estímulo ao ciclismo com seus funcionários e clientes. Dessa forma, o Bicicletar Corporativo é inovador, sendo também um dos exemplos de iniciativas que incentivam os colaboradores municipais a adotarem o ciclismo como prática diária.

O novo sistema utiliza a tecnologia denominada dockless (sem estação) para o travamento e retirada da bicicleta. Os pontos de retirada e devolução são geridos virtualmente, e as travas encontram-se nas próprias bikes.

Para isso, o sistema conta com uma nova tecnologia, com painéis para a captação e armazenamento de energia solar para o gerenciamento da rede. Além disso, as bicicletas contam com equipamento de GPS, cuja tecnologia vai permitir, em tempo real, a localização das bicicletas via satélite.

O sistema Bicicletar Corporativo tem início em caráter de piloto, oferecendo 40 bicicletas distribuídas em seis pontos de retirada e devolução, sendo um ponto em execução, estando localizados em órgãos da Prefeitura de Fortaleza. São eles:

1 – Paço Municipal;
2 – Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP);
3 – Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC);
4 – Secretaria Regional I (SER I);
5 – Secretaria Municipal de Turismo (Setfor);
6 – Instituto Dr. José Frota (IJF) – em execução.

O secretário Luiz Alberto Sabóia, que também é coordenador do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), explicou as vantagens que o Bicicletar Corporativo traz para a gestão municipal e empresarial. “Este novo sistema é uma política de mobilidade corporativa que busca estimular empresas e instituições a implantarem seus próprios sistemas de compartilhamento de bicicletas. Nesse casso, o Bicicletar Corporativo possibilitará aos usuários passarem até 20 horas com a bicicleta, para que tanto possam fazer deslocamentos durante o expediente de trabalho, como idas a reuniões ou vistorias externas, quanto possibilitar o deslocamento de ida e volta de casa ao trabalho. A intenção é que empresas e instituições em seus mais variados ramos de atuação na Cidade também adotem a bicicleta como meio de transporte, fazendo com que se reduza a poluição atmosférica e que os deslocamentos se tornem mais ágeis”, diz Sabóia.

Todo o sistema é operado pela empresa Serttel, responsável por dar manutenção técnica nos equipamentos, e é patrocinado pelo projeto Cidades Saudáveis com o apoio da Bloomberg Philanthropies. Assim como acontece com os sistemas de compartilhamento de bicicletas e carros elétricos (Bicicletar, Bicicleta Integrada, Mini Bicicletar e VAMO Fortaleza), a gestão pública municipal não tem nenhum ônus financeiro com o sistema Bicicletar Corporativo.

Cadastro e regras de utilização
Os cadastros podem ser realizados pelo site do Bicicletar Corporativo (www.bicicletarcorporativo.com.br), e os usuários devem fornecer e-mail, CPF, endereço e número de celular válido para a realização do cadastro, no sentido de confirmação de vínculo com a Prefeitura Municipal de Fortaleza. O usuário poderá ficar com a Bicicleta por um período máximo de 20 horas e, se desejar retirar novamente a bicicleta ao término do período, deverá devolver a bike normalmente e aguardar 1 hora para a próxima retirada. O cadastro para utilização será válido por um ano, podendo ser renovado.

Caso a bicicleta seja retirada após às 17h de uma sexta-feira ou véspera de feriados, a bike pode ser devolvida até às 9h do dia próximo dia útil. Após o período de 20 horas, se a bicicleta não for devolvida, a penalidade é de 24h de cadastro bloqueado para cada 60 minutos de uso excedente. O sistema funciona todos os dias das 5h às 23h59 para retirada de Bicicletas, mas a devolução pode ser feita a qualquer horário do dia em qualquer ponto de retirada e devolução.

A bicicleta poderá ser presa em qualquer lugar, porém as viagens só serão iniciadas ou encerradas nos pontos de retirada e devolução. Caso o usuário prenda uma bicicleta fora de um desses pontos de retirada e devolução, seu passe não será encerrado, fazendo com que o tempo de uso permaneça ativo.

Para atendimento ao usuário, será disponibilizada Central de Atendimento pelo telefone 4003-9594 e também pelo Whatsapp (+55 11 9 5087-8448). Todas as informações no sistema podem ser obtidas por meio dos canais de atendimento, do site do sistema e do aplicativo móvel “Bicicletar Corporativo”, disponível para Android e iOS. Em caso de algum imprevisto na bicicleta, o usuário deve comunicar imediatamente a Central de Atendimento para que seja acionada a assistência técnica.

Benefícios
O projeto é motivado pelos benefícios provenientes do uso da bicicleta na Capital, tanto para a saúde pública quanto para a mobilidade urbana. Segundo dados da OMS e da Prefeitura de Fortaleza, cerca de 62% da poluição atmosférica de Fortaleza é proveniente dos carros. Além disso, um estilo de vida sedentário aumenta as chances de desenvolvimento de doenças cardíacas, câncer e diabetes. O Bicicletar Corporativo vem como um exemplo de boas práticas para o ciclismo urbano, que pode inspirar empresas e instituições públicas e privadas a estimularem o uso da bicicleta, gerando benefício para saúde de seus funcionários.

Prefeitura de Fortaleza inicia sistema Bicicletar Corporativo com estímulo ao uso de bikes na gestão pública e privada

Para marcar o início da operação, um grupo de colaboradores pedalou na manhã desta terça-feira (06/03) nas novas bicicletas, saindo da Setfor em direção ao Paço Municipal

Bike do Bicicletar Corporativo
O Bicicletar Corporativo surge voltado aos colaboradores da gestão municipal, com o propósito de estimular empresas e instituições  a adotarem a prática diária do ciclismo (Foto: Marcos Moura)

A Prefeitura de Fortaleza iniciou, na manhã desta terça-feira (06/03), a operação do novo sistema Bicicletar Corporativo, dando mais um passo na direção de tornar a cidade a capital mais ciclável do Brasil. Para marcar o início da operação, um grupo de colaboradores pedalou nas novas bicicletas, saindo da Secretaria Municipal do Turismo de Fortaleza (Setfor) em direção ao Paço Municipal, onde o secretário-executivo de Conservação e Serviços Públicos, Luiz Alberto Sabóia, apresentou todos os detalhes do novo sistema.

Inserido no âmbito da parceria Cidades Saudáveis, que envolve 50 cidades no mundo e é apoiada pela Bloomberg Philanthropies e a Organização Mundial de Saúde (OMS), o novo sistema de bicicletas compartilhadas de Fortaleza surge voltado para colaboradores da gestão municipal, tendo como propósito estimular empresas e instituições a adotarem a prática diária do ciclismo.

Coordenado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o Bicicletar Corporativo nasce em caráter de piloto, com o objetivo de conscientizar empresas e instituições da Cidade a promoverem ações de estímulo ao ciclismo com seus funcionários e clientes. Dessa forma, o Bicicletar Corporativo é inovador, sendo também um dos exemplos de iniciativas que incentivam os colaboradores municipais a adotarem o ciclismo como prática diária.

O novo sistema utiliza a tecnologia denominada dockless (sem estação) para o travamento e retirada da bicicleta. Os pontos de retirada e devolução são geridos virtualmente, e as travas encontram-se nas próprias bikes.

Para isso, o sistema conta com uma nova tecnologia, com painéis para a captação e armazenamento de energia solar para o gerenciamento da rede. Além disso, as bicicletas contam com equipamento de GPS, cuja tecnologia vai permitir, em tempo real, a localização das bicicletas via satélite.

O sistema Bicicletar Corporativo tem início em caráter de piloto, oferecendo 40 bicicletas distribuídas em seis pontos de retirada e devolução, sendo um ponto em execução, estando localizados em órgãos da Prefeitura de Fortaleza. São eles:

1 – Paço Municipal;
2 – Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP);
3 – Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC);
4 – Secretaria Regional I (SER I);
5 – Secretaria Municipal de Turismo (Setfor);
6 – Instituto Dr. José Frota (IJF) – em execução.

O secretário Luiz Alberto Sabóia, que também é coordenador do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), explicou as vantagens que o Bicicletar Corporativo traz para a gestão municipal e empresarial. “Este novo sistema é uma política de mobilidade corporativa que busca estimular empresas e instituições a implantarem seus próprios sistemas de compartilhamento de bicicletas. Nesse casso, o Bicicletar Corporativo possibilitará aos usuários passarem até 20 horas com a bicicleta, para que tanto possam fazer deslocamentos durante o expediente de trabalho, como idas a reuniões ou vistorias externas, quanto possibilitar o deslocamento de ida e volta de casa ao trabalho. A intenção é que empresas e instituições em seus mais variados ramos de atuação na Cidade também adotem a bicicleta como meio de transporte, fazendo com que se reduza a poluição atmosférica e que os deslocamentos se tornem mais ágeis”, diz Sabóia.

Todo o sistema é operado pela empresa Serttel, responsável por dar manutenção técnica nos equipamentos, e é patrocinado pelo projeto Cidades Saudáveis com o apoio da Bloomberg Philanthropies. Assim como acontece com os sistemas de compartilhamento de bicicletas e carros elétricos (Bicicletar, Bicicleta Integrada, Mini Bicicletar e VAMO Fortaleza), a gestão pública municipal não tem nenhum ônus financeiro com o sistema Bicicletar Corporativo.

Cadastro e regras de utilização
Os cadastros podem ser realizados pelo site do Bicicletar Corporativo (www.bicicletarcorporativo.com.br), e os usuários devem fornecer e-mail, CPF, endereço e número de celular válido para a realização do cadastro, no sentido de confirmação de vínculo com a Prefeitura Municipal de Fortaleza. O usuário poderá ficar com a Bicicleta por um período máximo de 20 horas e, se desejar retirar novamente a bicicleta ao término do período, deverá devolver a bike normalmente e aguardar 1 hora para a próxima retirada. O cadastro para utilização será válido por um ano, podendo ser renovado.

Caso a bicicleta seja retirada após às 17h de uma sexta-feira ou véspera de feriados, a bike pode ser devolvida até às 9h do dia próximo dia útil. Após o período de 20 horas, se a bicicleta não for devolvida, a penalidade é de 24h de cadastro bloqueado para cada 60 minutos de uso excedente. O sistema funciona todos os dias das 5h às 23h59 para retirada de Bicicletas, mas a devolução pode ser feita a qualquer horário do dia em qualquer ponto de retirada e devolução.

A bicicleta poderá ser presa em qualquer lugar, porém as viagens só serão iniciadas ou encerradas nos pontos de retirada e devolução. Caso o usuário prenda uma bicicleta fora de um desses pontos de retirada e devolução, seu passe não será encerrado, fazendo com que o tempo de uso permaneça ativo.

Para atendimento ao usuário, será disponibilizada Central de Atendimento pelo telefone 4003-9594 e também pelo Whatsapp (+55 11 9 5087-8448). Todas as informações no sistema podem ser obtidas por meio dos canais de atendimento, do site do sistema e do aplicativo móvel “Bicicletar Corporativo”, disponível para Android e iOS. Em caso de algum imprevisto na bicicleta, o usuário deve comunicar imediatamente a Central de Atendimento para que seja acionada a assistência técnica.

Benefícios
O projeto é motivado pelos benefícios provenientes do uso da bicicleta na Capital, tanto para a saúde pública quanto para a mobilidade urbana. Segundo dados da OMS e da Prefeitura de Fortaleza, cerca de 62% da poluição atmosférica de Fortaleza é proveniente dos carros. Além disso, um estilo de vida sedentário aumenta as chances de desenvolvimento de doenças cardíacas, câncer e diabetes. O Bicicletar Corporativo vem como um exemplo de boas práticas para o ciclismo urbano, que pode inspirar empresas e instituições públicas e privadas a estimularem o uso da bicicleta, gerando benefício para saúde de seus funcionários.