18 de maio de 2018 em Saúde

Prefeitura de Fortaleza promove atividades de combate à hanseníase

A abertura acontece no Vapt Vupt de Messejana, nesta segunda-feira (21/05), às 8h


Atendimento
Em Fortaleza, durante o ano 2017, foram diagnosticados 583 casos da doença

A Prefeitura de Fortaleza realiza, entre os dias 21 a 25 de maio, diversas atividades educativas em alusão à “Semana Estadual de Combate à Hanseníase”. A abertura, em parceria com o Governo do Estado do Ceará, acontece no Vapt Vupt de Messejana, nesta segunda-feira (21/05), às 8h, com distribuição de material informativo e orientações quanto à doença.
 
A Secretaria Municipal da Saúde (SMS), por meio dos postos de saúde, promoverá avaliações dos pacientes, agendamento de consultas médicas para os casos suspeitos, ações educativas nas salas de espera das unidades, além de treinamento para os profissionais. Na terça-feira (22/05), a partir das 8h, no posto de saúde Graciliano Muniz, no Conjunto Esperança, por exemplo, serão realizadas abordagens educativas aos usuários, realização de palestras e apresentação de vídeos aos usuários.
 
Durante toda a semana, as unidades estarão intensificando, ainda, a busca ativa de sintomáticos dermatológicos, com o objetivo de identificar precocemente as pessoas que apresentam sinais da hanseníase. Entre os sintomas está o surgimento de manchas brancas ou avermelhadas, geralmente com perda da sensibilidade; sensação de formigamento, fisgadas ou dormência nas extremidades; além de caroços e placas em qualquer local do corpo.
 
Para a assessora da área técnica de hanseníase da SMS, Natália Régia Farias, esse período torna-se uma oportunidade para ampliar a divulgação dos sintomas da doença e esclarecer sobre o diagnóstico e tratamento adequado. “A hanseníase tem cura e o tratamento é feito gratuitamente em todos os postos de saúde de Fortaleza. É importante que a população esteja atenta para os sinais da doença e procure pelo atendimento o quanto antes, pois em alguns casos, o paciente pode desenvolver alguma incapacidade”, explica.
 
A programação envolve ainda atividades no Mercado São Sebastião (22/05), Terminal da Parangaba (23/05) e Vapt Vupt de Antônio Bezerra (24/05).
 
Saiba Mais - A hanseníase é uma doença infectocontagiosa causada por um bacilo denominado Mycobacterium leprae, transmitida por meio de secreções nasais, tosse e espirro. Em Fortaleza, durante o ano 2017, foram diagnosticados 583 casos da doença.
 
Serviço
Semana Estadual de Combate à Hanseníase
Data: 21 a 25 de maio
Local: Postos de Saúde de Fortaleza, Mercado São Sebastião, Terminal da Parangaba e Vapt Vupt de Messejana e Antônio Bezerra

Prefeitura de Fortaleza promove atividades de combate à hanseníase

A abertura acontece no Vapt Vupt de Messejana, nesta segunda-feira (21/05), às 8h

Atendimento
Em Fortaleza, durante o ano 2017, foram diagnosticados 583 casos da doença

A Prefeitura de Fortaleza realiza, entre os dias 21 a 25 de maio, diversas atividades educativas em alusão à “Semana Estadual de Combate à Hanseníase”. A abertura, em parceria com o Governo do Estado do Ceará, acontece no Vapt Vupt de Messejana, nesta segunda-feira (21/05), às 8h, com distribuição de material informativo e orientações quanto à doença.
 
A Secretaria Municipal da Saúde (SMS), por meio dos postos de saúde, promoverá avaliações dos pacientes, agendamento de consultas médicas para os casos suspeitos, ações educativas nas salas de espera das unidades, além de treinamento para os profissionais. Na terça-feira (22/05), a partir das 8h, no posto de saúde Graciliano Muniz, no Conjunto Esperança, por exemplo, serão realizadas abordagens educativas aos usuários, realização de palestras e apresentação de vídeos aos usuários.
 
Durante toda a semana, as unidades estarão intensificando, ainda, a busca ativa de sintomáticos dermatológicos, com o objetivo de identificar precocemente as pessoas que apresentam sinais da hanseníase. Entre os sintomas está o surgimento de manchas brancas ou avermelhadas, geralmente com perda da sensibilidade; sensação de formigamento, fisgadas ou dormência nas extremidades; além de caroços e placas em qualquer local do corpo.
 
Para a assessora da área técnica de hanseníase da SMS, Natália Régia Farias, esse período torna-se uma oportunidade para ampliar a divulgação dos sintomas da doença e esclarecer sobre o diagnóstico e tratamento adequado. “A hanseníase tem cura e o tratamento é feito gratuitamente em todos os postos de saúde de Fortaleza. É importante que a população esteja atenta para os sinais da doença e procure pelo atendimento o quanto antes, pois em alguns casos, o paciente pode desenvolver alguma incapacidade”, explica.
 
A programação envolve ainda atividades no Mercado São Sebastião (22/05), Terminal da Parangaba (23/05) e Vapt Vupt de Antônio Bezerra (24/05).
 
Saiba Mais - A hanseníase é uma doença infectocontagiosa causada por um bacilo denominado Mycobacterium leprae, transmitida por meio de secreções nasais, tosse e espirro. Em Fortaleza, durante o ano 2017, foram diagnosticados 583 casos da doença.
 
Serviço
Semana Estadual de Combate à Hanseníase
Data: 21 a 25 de maio
Local: Postos de Saúde de Fortaleza, Mercado São Sebastião, Terminal da Parangaba e Vapt Vupt de Messejana e Antônio Bezerra

Sms