11 de fevereiro de 2021 em Mobilidade

Prefeitura implanta nova ciclofaixa na Rua Nogueira Acioly

Serão 2,2 km de espaço exclusivo para circulação de ciclistas


a imagem mostra a sinalização horizontal, pintura de uma ciclofaixa, com a demarcação de onde as bicicletas podem circular
Após essa implantação, a cidade passa a contar com 355,5 km de malha cicloviária

A Prefeitura de Fortaleza deu início, nesta quinta-feira (11/02), à implantação de uma nova ciclofaixa na Rua Nogueira Acioly. Com 2,2 km de extensão, a infraestrutura será bidirecional e interligará os bairros Joaquim Távora, Centro e Praia de Iracema. A ação tem o objetivo de garantir deslocamentos mais seguros aos ciclistas. A previsão é que os trabalhos, executados pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), sejam concluídos até o fim deste mês. 

A ciclofaixa vai se conectar às existentes na Av. Antônio Sales, Rua João Brígido, Av. Duque de Caxias, Av. Santos Dumont e Av. Almirante Barroso. O trecho da praça em frente à Igreja de Cristo Rei e ao Colégio Militar, entretanto, receberá sinalização e ajustes de geometria somente após o término das obras da estação do metrô. 

Como parte do projeto que visa aumentar a segurança dos usuários que pedalam, será implantado um estágio para pedestres e ciclistas no semáforo situado no cruzamento da Rua Nogueira Acioly com Av. Heráclito Graça. 

Após essa implantação, a cidade passa a contar com 355,5 km de malha cicloviária. A gestão do prefeito José Sarto tem a meta de implantar mais 150 km de ciclovias e ciclofaixas, chegando a uma malha total de 500 km ao final de quatro anos. 

Segundo o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP Brasil), Fortaleza é a capital brasileira onde as pessoas vivem mais próximas à infraestrutura cicloviária, com 49% dos habitantes morando a menos de 300 metros de alguma ciclovia, ciclofaixa, ciclorrota ou passeio compartilhado.

Fiscalização 

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transitar com carro em ciclofaixa ou ciclovia é uma infração de natureza gravíssima com fator multiplicativo 3, somando sete pontos na carteira e multa no valor de R$ 880,41. Já estacionar nestas áreas corresponde a uma infração grave, cinco pontos no prontuário do condutor e multa de R$ 195,23.

Prefeitura implanta nova ciclofaixa na Rua Nogueira Acioly

Serão 2,2 km de espaço exclusivo para circulação de ciclistas

a imagem mostra a sinalização horizontal, pintura de uma ciclofaixa, com a demarcação de onde as bicicletas podem circular
Após essa implantação, a cidade passa a contar com 355,5 km de malha cicloviária

A Prefeitura de Fortaleza deu início, nesta quinta-feira (11/02), à implantação de uma nova ciclofaixa na Rua Nogueira Acioly. Com 2,2 km de extensão, a infraestrutura será bidirecional e interligará os bairros Joaquim Távora, Centro e Praia de Iracema. A ação tem o objetivo de garantir deslocamentos mais seguros aos ciclistas. A previsão é que os trabalhos, executados pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), sejam concluídos até o fim deste mês. 

A ciclofaixa vai se conectar às existentes na Av. Antônio Sales, Rua João Brígido, Av. Duque de Caxias, Av. Santos Dumont e Av. Almirante Barroso. O trecho da praça em frente à Igreja de Cristo Rei e ao Colégio Militar, entretanto, receberá sinalização e ajustes de geometria somente após o término das obras da estação do metrô. 

Como parte do projeto que visa aumentar a segurança dos usuários que pedalam, será implantado um estágio para pedestres e ciclistas no semáforo situado no cruzamento da Rua Nogueira Acioly com Av. Heráclito Graça. 

Após essa implantação, a cidade passa a contar com 355,5 km de malha cicloviária. A gestão do prefeito José Sarto tem a meta de implantar mais 150 km de ciclovias e ciclofaixas, chegando a uma malha total de 500 km ao final de quatro anos. 

Segundo o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP Brasil), Fortaleza é a capital brasileira onde as pessoas vivem mais próximas à infraestrutura cicloviária, com 49% dos habitantes morando a menos de 300 metros de alguma ciclovia, ciclofaixa, ciclorrota ou passeio compartilhado.

Fiscalização 

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transitar com carro em ciclofaixa ou ciclovia é uma infração de natureza gravíssima com fator multiplicativo 3, somando sete pontos na carteira e multa no valor de R$ 880,41. Já estacionar nestas áreas corresponde a uma infração grave, cinco pontos no prontuário do condutor e multa de R$ 195,23.