11 de abril de 2022 em Servidor

Servidores ganham incentivo para cursar Mestrado em Economia na UFC

Esta é a segunda turma de mestrado da UFC com participação massiva de servidores da Prefeitura de Fortaleza


Uma segunda turma de mestrado da Universidade Federal do Ceará (UFC), iniciada em 2022, tem presença significativa de servidores da Prefeitura de Fortaleza. O Mestrado Profissional em Economia do Setor Público (MESP) conta com 11 servidores municipais, todos analistas de gestão e planejamento lotados na Secretaria do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), na Controladoria e Ouvidoria Geral do Município (CGM), no Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor) e na Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma).

Os próprios servidores tiveram a iniciativa de se inscrever no mestrado que começou em março e ganharam um incentivo de 50% no valor da mensalidade por meio da política de desenvolvimento de pessoas e capacitação, coordenado pela Sepog, que define a política de gestão de pessoas para todo o Município. “Sem o incentivo da Prefeitura, provavelmente muitos dos participantes não teriam condições financeiras de fazê-lo no momento”, reforça o analista de planejamento, orçamento e gestão, Henrique Tabosa, que integra a turma.

O curso é realizado pela Pós-Graduação em Economia da UFC, o CAEN, e atende à demanda da sociedade por uma capacitação profissional de natureza diferenciada daquela do mestrado acadêmico tradicional, atendendo um público de graduados em áreas diversas de conhecimento.

Nesse caso, o curso é voltado para gestores e servidores públicos com foco nos novos papéis que as organizações precisam desempenhar de forma cada vez mais inovadora e integrada, um diferencial relevante nos tempos de grandes desafios. Entre as matérias obrigatórias, a grade contempla disciplina de política tributária, orçamento e finanças públicas e avaliação de políticas públicas.

“O mestrado para mim, enquanto economista, irá aprofundar meu conhecimento no setor público e a capacidade de avaliação da efetividade e integridade das políticas públicas. É um ganho significativo para servidores e para o Município, impactando na melhoria das entregas e no valor público gerado pela secretaria”, comemora Regilania Silva, analista de planejamento e gestão da Sepog, uma das alunas da turma. A formação tem duração de dois anos, com aulas noturnas e online.

A Prefeitura também integra o mestrado profissional em Administração e Controladoria da UFC, com 23 servidores. A turma também teve início esse ano e tem duração de dois anos, com aulas noturnas e online.

Servidores ganham incentivo para cursar Mestrado em Economia na UFC

Esta é a segunda turma de mestrado da UFC com participação massiva de servidores da Prefeitura de Fortaleza

Uma segunda turma de mestrado da Universidade Federal do Ceará (UFC), iniciada em 2022, tem presença significativa de servidores da Prefeitura de Fortaleza. O Mestrado Profissional em Economia do Setor Público (MESP) conta com 11 servidores municipais, todos analistas de gestão e planejamento lotados na Secretaria do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), na Controladoria e Ouvidoria Geral do Município (CGM), no Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor) e na Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma).

Os próprios servidores tiveram a iniciativa de se inscrever no mestrado que começou em março e ganharam um incentivo de 50% no valor da mensalidade por meio da política de desenvolvimento de pessoas e capacitação, coordenado pela Sepog, que define a política de gestão de pessoas para todo o Município. “Sem o incentivo da Prefeitura, provavelmente muitos dos participantes não teriam condições financeiras de fazê-lo no momento”, reforça o analista de planejamento, orçamento e gestão, Henrique Tabosa, que integra a turma.

O curso é realizado pela Pós-Graduação em Economia da UFC, o CAEN, e atende à demanda da sociedade por uma capacitação profissional de natureza diferenciada daquela do mestrado acadêmico tradicional, atendendo um público de graduados em áreas diversas de conhecimento.

Nesse caso, o curso é voltado para gestores e servidores públicos com foco nos novos papéis que as organizações precisam desempenhar de forma cada vez mais inovadora e integrada, um diferencial relevante nos tempos de grandes desafios. Entre as matérias obrigatórias, a grade contempla disciplina de política tributária, orçamento e finanças públicas e avaliação de políticas públicas.

“O mestrado para mim, enquanto economista, irá aprofundar meu conhecimento no setor público e a capacidade de avaliação da efetividade e integridade das políticas públicas. É um ganho significativo para servidores e para o Município, impactando na melhoria das entregas e no valor público gerado pela secretaria”, comemora Regilania Silva, analista de planejamento e gestão da Sepog, uma das alunas da turma. A formação tem duração de dois anos, com aulas noturnas e online.

A Prefeitura também integra o mestrado profissional em Administração e Controladoria da UFC, com 23 servidores. A turma também teve início esse ano e tem duração de dois anos, com aulas noturnas e online.