30 de maio de 2019 em Mobilidade

Terminal de Messejana recebe o quinto bicicletário de Fortaleza

Equipamento será implantado nesta sexta-feira (31/05), encerrando a programação do Maio Amarelo


Com o objetivo de proporcionar a integração entre o transporte coletivo e o modal bicicleta, a Prefeitura implanta nesta sexta-feira (31/05), o quinto bicicletário de Fortaleza, localizado no Terminal de Messejana. Os demais equipamentos estão instalados nos terminais Siqueira, Parangaba, Antônio Bezerra e Conjunto Ceará. A

Para implantar o novo bicicletário no bairro Messejana, foram levados em consideração a alta demanda de usuários e o diverso fluxo de passageiros devido à proximidade de um Terminal Rodoviário, um Vapt-vupt, além de estar próximo do centro comercial do referido bairro. A iniciativa faz parte das atividades de campanha de sensibilização dos usuários durante o Maio amarelo, realizada pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e pela Socicam, empresa que administra os terminais urbanos da cidade.

Para estacionar gratuitamente suas bicicletas com segurança, os usuários do transporte público devem dirigir-se ao Terminal, munidos de documentos de identificação (RG e CPF) e comprovante de endereço para realizar o cadastro prévio junto ao operador da Socicam. O cadastro pode ser feito pelo titular com até três dependentes. O horário de funcionamento é de 24h, sendo a bicicleta recebida e liberada pelo colaborador da Socicam. É permitido estacionar a bicicleta por até 48h.

Em pesquisa realizada em fevereiro de 2019, cerca de 95% dos usuários entrevistados avaliaram o serviço como bom ou ótimo, aprovando a iniciativa. Dentre os comentários dos usuários na pesquisa, muitos pedem que a oferta desse serviço seja ampliada para outros terminais. A integração com o ônibus é uma característica comum a 62% dos usuários entrevistados. Os dados confirmam a adesão dos passageiros que têm o deslocamento facilitado, já que podem utilizar a bicicleta de suas residências ou do trabalho em direção ao Terminal, favorecendo a economia e o cuidado com o meio ambiente. Aproximadamente, 75% dos entrevistados utilizam-no em seus deslocamentos para o trabalho. A ação potencializa o uso da bicicleta não apenas para fins de recreação ou esporte, mas, sobretudo, para trabalho e estudo, nos trajetos diários, já que cerca de 88% dos usuários utilizam o bicicletário pelo menos três vezes por semana.

Com o Programa de Expansão da Malha Cicloviária em amplo desenvolvimento, a Prefeitura de Fortaleza, somente no período da atual gestão, bateu um recorde histórico, ampliando em 277% a rede cicloviária na cidade. Dessa forma, a cidade, que tinha apenas 68,2 km de rede cicloviária ao final de 2012, hoje conta com os atuais 257,5 km de infraestrutura cicloviária, sendo 105,9 km de ciclovias, 147,5 km de ciclofaixas, 4 km de ciclorrotas e 0,1 km de passeio compartilhado

Terminal de Messejana recebe o quinto bicicletário de Fortaleza

Equipamento será implantado nesta sexta-feira (31/05), encerrando a programação do Maio Amarelo

Com o objetivo de proporcionar a integração entre o transporte coletivo e o modal bicicleta, a Prefeitura implanta nesta sexta-feira (31/05), o quinto bicicletário de Fortaleza, localizado no Terminal de Messejana. Os demais equipamentos estão instalados nos terminais Siqueira, Parangaba, Antônio Bezerra e Conjunto Ceará. A

Para implantar o novo bicicletário no bairro Messejana, foram levados em consideração a alta demanda de usuários e o diverso fluxo de passageiros devido à proximidade de um Terminal Rodoviário, um Vapt-vupt, além de estar próximo do centro comercial do referido bairro. A iniciativa faz parte das atividades de campanha de sensibilização dos usuários durante o Maio amarelo, realizada pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e pela Socicam, empresa que administra os terminais urbanos da cidade.

Para estacionar gratuitamente suas bicicletas com segurança, os usuários do transporte público devem dirigir-se ao Terminal, munidos de documentos de identificação (RG e CPF) e comprovante de endereço para realizar o cadastro prévio junto ao operador da Socicam. O cadastro pode ser feito pelo titular com até três dependentes. O horário de funcionamento é de 24h, sendo a bicicleta recebida e liberada pelo colaborador da Socicam. É permitido estacionar a bicicleta por até 48h.

Em pesquisa realizada em fevereiro de 2019, cerca de 95% dos usuários entrevistados avaliaram o serviço como bom ou ótimo, aprovando a iniciativa. Dentre os comentários dos usuários na pesquisa, muitos pedem que a oferta desse serviço seja ampliada para outros terminais. A integração com o ônibus é uma característica comum a 62% dos usuários entrevistados. Os dados confirmam a adesão dos passageiros que têm o deslocamento facilitado, já que podem utilizar a bicicleta de suas residências ou do trabalho em direção ao Terminal, favorecendo a economia e o cuidado com o meio ambiente. Aproximadamente, 75% dos entrevistados utilizam-no em seus deslocamentos para o trabalho. A ação potencializa o uso da bicicleta não apenas para fins de recreação ou esporte, mas, sobretudo, para trabalho e estudo, nos trajetos diários, já que cerca de 88% dos usuários utilizam o bicicletário pelo menos três vezes por semana.

Com o Programa de Expansão da Malha Cicloviária em amplo desenvolvimento, a Prefeitura de Fortaleza, somente no período da atual gestão, bateu um recorde histórico, ampliando em 277% a rede cicloviária na cidade. Dessa forma, a cidade, que tinha apenas 68,2 km de rede cicloviária ao final de 2012, hoje conta com os atuais 257,5 km de infraestrutura cicloviária, sendo 105,9 km de ciclovias, 147,5 km de ciclofaixas, 4 km de ciclorrotas e 0,1 km de passeio compartilhado