Vila das Artes lança série de oficinas "Dançando na Vila"

19 de julho de 2021 em Cultura

Vila das Artes lança série de oficinas "Dançando na Vila"

Ao todo, 11 oficinas conduzidas por professores do curso básico de dança da instituição são ofertadas


A Escola Pública de Dança da Vila das Artes abre inscrições para as oficinas da ação "Dançando na Vila". São 11 oficinas que abarcam os mais diferentes temas ligados ao universo da Dança. As aulas ocorrem por meio de videoconferências, entre os dias 19 e 30 deste mês de julho. A ficha de inscrições se encontra disponível em www.linktr.ee/viladasartes.

Clique aqui para se inscrever

A coordenadora da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, Marina Carleial, fala sobre a açao. "Trata-se de mais uma série de oficinas que incrementam a programação de férias da Vila. São temas muito diversos, como hip-hop, dança a dois, videodança, alongamento e diversos outros, todos conduzidos por nosso querido time de professores do Curso de Formação Básica em Dança da escola", explica Marina.

Confira o detalhamento da programação abaixo.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Programação

Semana 1
19 a 23/07

- "A Psicologia da Dança", com Amanda Teixeira e Francisca Talitta Muniz Saboya (Psicóloga - CRP 11/04620)
Oficina destinada aos que desejam aprimorar desenvolvimento e desempenho na dança por meio do conhecimento e intervenção de aspectos psicológicos a serem considerados na atividade do bailarino ou bailarina. Serão trabalhados os aspectos psicológicos envolvidos no desempenho de bailarinos; o autoconhecimento e a potencialização da performance no palco; e temas como ansiedade, estresse, memória, cognição, motivação e controle emocional.
Data: Segunda-feira (19/07)
Hora: das 13h30 às 15h30

- "Alongamento", com Dandara Matos
O alongamento muscular é de suma importância para a manutenção da qualidade de vida e melhora da aptidão física. Tratam-se de movimentos que dão mais elasticidade e aumentam a amplitude muscular, aliviando possíveis tensões e dores. A oficina visa promover a prática do alongamento e sensibilizar quanto à necessidade da realização frequente desse tipo de exercício.
Data: Segunda e Quarta-feira (19 e 21/07)
Hora: das 18h às 19h

- "Elementos da Música", com Makito Vieira
A oficina é um convite a explorar os elementos básicos que compõe a música e nos possibilitam ampliar a nossa percepção e compreensão musical.
Data: Terça e Sexta-feira (20 e 23/07)
Hora: das 18h às 20h

- "Dança e Fotografia", com Dayana Ferreira
Supor caminhos entre imagem pousada e movimento dançado no desejo de exercitar o olhar sobre imagens que dançam e movimentos que pousam. Uma brincadeira de sensibilização entre a câmera, a luz, os corpos, os movimentos e contexto virtual.
Data: Quarta-feira (21/07)
Hora: das 18h às 20h

- "Preparação para as Pontas", com Amanda Teixeira
Na oficina, serão trabalhados exercícios para o equilíbrio entre força e estimulação articular dos pés, para auxiliar no trabalho de pontas.
Data: Quinta-feira (22/07)
Hora: das 18h às 19h

Semana 2
26 a 30/07

- "Videodança: Quadros para Videodançar", com Dayana Ferreira
O que é Videodança? É uma dança filmada no formato de vídeo? É um vídeo que contém cenas de Dança? Qualquer vídeo que tenha cenas de dança é Videodança? Quais as possíveis respostas para nos motivar para criação? Esta oficina é um mergulho na prática e nas conexões com o contexto virtual.
Data: Segunda a Sexta-feira (26 a 30/07)
Hora: das 9h às 11h

- "PBT - Progressing Ballet Technique", com Amanda Teixeira
Progressing Ballet Technique (PBT) é um método desenvolvido exclusivamente para bailarinos para melhorar a força muscular, impulsão, o famoso "en dehors", intensificar a percepção no trabalho de controle do corpo, estimular a respiração para o comando do movimento, entre outras coisas. O diferencial desta oficina é abordagem na sequência de uma aula de ballet, potencializando o que durante a prática geralmente não há tempo de o professor reforçar.
Data: Segunda, Quarta e Sexta-feira (26, 28 e 30/07)
Hora: das 10h às 11h

- "Danças Populares Regionais", com Beatriz Leão
Um passeio pelas diferentes nuances da cultura popular tradicional em suas danças no Brasil, seu papel e presença na vida dos brincantes.
Data: Terça e Quinta-feira (27 e 29/07)
Hora: das 10h às 11h

- "Pas de Deux", com Amanda Teixeira e Daniel Lessa
Através de uma análise historiográfica das origens do Ballet, será oferecido uma oficina de "Pas de Deux" que se concentra em elencar obras do repertório relativo a essa modalidade de dança, como forma de se entender a evolução da arte de se dançar a dois, desde as origens do ballet de corte, passando pelo repertório romântico e acadêmico, até a chegada dessa arte no mundo moderno e contemporâneo.
Data: Segunda a Sexta-feira (26 a 30/07)
Hora: das 14h às 16h

- "Hip Hop Dance: Corpo Festa e Possibilidades de Criação", com Coreano
Introdução rítmica e técnica do Hip Hop Dance, para sensibilizar os sentidos e a criatividade a partir do próprio pulso corporal, o ‘’corpo festa’’. Serão investigadas danças sociais, para o desenvolvimento de sensibilidade musical e motora, possibilitando descobertas pessoais dos próprios movimentos, das próprias sensações.
Data: Segunda, Quarta e Sexta-feira (26, 28 e 30/07)
Hora: das 16h às 18h

- "Análise de Movimento nas Danças Urbanas", com Angela Souza e Coreano
A proposta da oficina é estudar conceitos do Sistema Laban, considerando as categorias de "esforço", "corpo" e "espaço", a partir da experimentação dos movimentos e passos das danças urbanas.
Data: Quinta-feira (29/07)
Horário: das 16h às 18h

Sobre os facilitadores
ANGELA SOUZA atua como professora, pesquisadora, parecerista e na criação e produção em dança. É Mestre em Dança pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Cursou Pós-Graduação Lato Sensu em Sistema Laban/Bartenieff. Tem uma formação diversificada no campo da Dança e foi aluna coreógrafa do Colégio de Dança do Ceará.

AMANDA TEIXEIRA Formação técnica em dança, e pelas escolas de ballet clássica de Fortaleza tais como ugo Bianch, Madiana Romcy, trabalha na sala de aula com ballet clássico á 27 onde 6 deles na Vila das artes. Para além da dança clássica atualmente trabalha com o método de PBT e analista corporal e comportamental.

BEATRIZ LEÃO é professora de Danças Tradicionais e Populares no curso de formação básica em dança da Escola Pública de Dança da Vila das Artes. Possui Licenciatura em Educação Física através da Universidade Federal do Ceará (UFC). Atua no grupo Oré Anacã, grupo de dança popular da UFC, nas áreas de pesquisa, ensino/aprendizagem, montagens, ensaios e apresentações de danças tradicionais brasileiras

COREANO é artista, dançarino, pesquisador em dança e DJ. Atua como professor no Curso de Formação Básica em Dança na Escola Pública de Dança da Vila das Artes. É formado na 6º turma do Curso técnico em dança da Escola Porto Iracema das Artes.

DANDARA MATOS é bailarina e professora, pós-graduada em Educação Física e especialista em metodologia do ensino da Dança. Atualmente integra o corpo docente de algumas escolas na cidade, como a Escola Pública de Dança da Vila das Artes.

DANIEL LESSA é ex-bailarino do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, formado por expoentes do Ballet Clássico no Brasil, como Tatiana Leskova, Halina Biernacka, Toshie Kobayashi e Emílio Martins. Estudou pelo método da Royal Academy of Dancing (RAD). É graduado em Educação Física pela Universidade Estadual do Ceará (UECE) e Pós-Graduado em Treinamento Esportivo pela mesma instituição.

DAYANE FERREIRA é artista da Dança, capoeirista, artesã e macumbeira. Bacharela em Dança pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e licencianda pela mesma instituição, é formada pelo Curso Técnico em Dança do Ceará pelo IACC e SESC/SENAC. Integra o Nodo Coletivo: Mediação Cultural e Criativa, criado na Colômbia em 2018 e é coordenadora pedagógica do UmaRuma de Educação em Dança. É uma das coordenadoras do projeto Vai dar Videodança. Integra o corpo docente do Curso de Formação Básica em Dança da Escola Pública de Dança da Vila das Artes desde 2017. É desenvolvedora da pesquisa "Vadiação: Veículo de Criação da Capoeirança". É também professora, coreografa, diretora e curadora de diferentes escolas e festivais.

MAKITO VIEIRA é músico, multi-instrumentista e brincante. Vem desde 2000 mergulhando no universo da música, tendo estudado com destacados músicos da cena cearense, como Tarcísio Sardinha, Liduino Pitombeira e Alfredo Barros. É formado pela Instituto Adventista de Tecnologia (IATEC) como produtor musical e está concluindo o curso de Bach em Composição na Universidade Estadual do Ceará (UECE). Atualmente é músico do Quinteto Agreste, integra a Trupe do Riso, é educador musical no Instituto Chico Mota e na Vila das Artes. Tem uma carreira solo como músico/brincante em que apresenta seu show Costura Fina.

TALITTA SABOYA é graduada em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Tem formação em Terapia Comportamental (CEMP), em coach (SBCoaching), em Arteterapia (IEMB) e é Mestre em Psicologia (UFC). Possui experiência nas áreas organizacional, educacional e clínica, em que desenvolve atividades em avaliação, desenvolvimento, inclusão, grupos e carreira. Participou do grupo BCAD no período de 1996 a 1999 e atualmente é bailarina em formação pelo Ballet Hugo Bianchi.


Serviço

Oficinas Dançando na Vila
Inscrições em www.linktr.ee/viladasartes
Gratuito

Vila das Artes lança série de oficinas "Dançando na Vila"

Ao todo, 11 oficinas conduzidas por professores do curso básico de dança da instituição são ofertadas

A Escola Pública de Dança da Vila das Artes abre inscrições para as oficinas da ação "Dançando na Vila". São 11 oficinas que abarcam os mais diferentes temas ligados ao universo da Dança. As aulas ocorrem por meio de videoconferências, entre os dias 19 e 30 deste mês de julho. A ficha de inscrições se encontra disponível em www.linktr.ee/viladasartes.

Clique aqui para se inscrever

A coordenadora da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, Marina Carleial, fala sobre a açao. "Trata-se de mais uma série de oficinas que incrementam a programação de férias da Vila. São temas muito diversos, como hip-hop, dança a dois, videodança, alongamento e diversos outros, todos conduzidos por nosso querido time de professores do Curso de Formação Básica em Dança da escola", explica Marina.

Confira o detalhamento da programação abaixo.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Programação

Semana 1
19 a 23/07

- "A Psicologia da Dança", com Amanda Teixeira e Francisca Talitta Muniz Saboya (Psicóloga - CRP 11/04620)
Oficina destinada aos que desejam aprimorar desenvolvimento e desempenho na dança por meio do conhecimento e intervenção de aspectos psicológicos a serem considerados na atividade do bailarino ou bailarina. Serão trabalhados os aspectos psicológicos envolvidos no desempenho de bailarinos; o autoconhecimento e a potencialização da performance no palco; e temas como ansiedade, estresse, memória, cognição, motivação e controle emocional.
Data: Segunda-feira (19/07)
Hora: das 13h30 às 15h30

- "Alongamento", com Dandara Matos
O alongamento muscular é de suma importância para a manutenção da qualidade de vida e melhora da aptidão física. Tratam-se de movimentos que dão mais elasticidade e aumentam a amplitude muscular, aliviando possíveis tensões e dores. A oficina visa promover a prática do alongamento e sensibilizar quanto à necessidade da realização frequente desse tipo de exercício.
Data: Segunda e Quarta-feira (19 e 21/07)
Hora: das 18h às 19h

- "Elementos da Música", com Makito Vieira
A oficina é um convite a explorar os elementos básicos que compõe a música e nos possibilitam ampliar a nossa percepção e compreensão musical.
Data: Terça e Sexta-feira (20 e 23/07)
Hora: das 18h às 20h

- "Dança e Fotografia", com Dayana Ferreira
Supor caminhos entre imagem pousada e movimento dançado no desejo de exercitar o olhar sobre imagens que dançam e movimentos que pousam. Uma brincadeira de sensibilização entre a câmera, a luz, os corpos, os movimentos e contexto virtual.
Data: Quarta-feira (21/07)
Hora: das 18h às 20h

- "Preparação para as Pontas", com Amanda Teixeira
Na oficina, serão trabalhados exercícios para o equilíbrio entre força e estimulação articular dos pés, para auxiliar no trabalho de pontas.
Data: Quinta-feira (22/07)
Hora: das 18h às 19h

Semana 2
26 a 30/07

- "Videodança: Quadros para Videodançar", com Dayana Ferreira
O que é Videodança? É uma dança filmada no formato de vídeo? É um vídeo que contém cenas de Dança? Qualquer vídeo que tenha cenas de dança é Videodança? Quais as possíveis respostas para nos motivar para criação? Esta oficina é um mergulho na prática e nas conexões com o contexto virtual.
Data: Segunda a Sexta-feira (26 a 30/07)
Hora: das 9h às 11h

- "PBT - Progressing Ballet Technique", com Amanda Teixeira
Progressing Ballet Technique (PBT) é um método desenvolvido exclusivamente para bailarinos para melhorar a força muscular, impulsão, o famoso "en dehors", intensificar a percepção no trabalho de controle do corpo, estimular a respiração para o comando do movimento, entre outras coisas. O diferencial desta oficina é abordagem na sequência de uma aula de ballet, potencializando o que durante a prática geralmente não há tempo de o professor reforçar.
Data: Segunda, Quarta e Sexta-feira (26, 28 e 30/07)
Hora: das 10h às 11h

- "Danças Populares Regionais", com Beatriz Leão
Um passeio pelas diferentes nuances da cultura popular tradicional em suas danças no Brasil, seu papel e presença na vida dos brincantes.
Data: Terça e Quinta-feira (27 e 29/07)
Hora: das 10h às 11h

- "Pas de Deux", com Amanda Teixeira e Daniel Lessa
Através de uma análise historiográfica das origens do Ballet, será oferecido uma oficina de "Pas de Deux" que se concentra em elencar obras do repertório relativo a essa modalidade de dança, como forma de se entender a evolução da arte de se dançar a dois, desde as origens do ballet de corte, passando pelo repertório romântico e acadêmico, até a chegada dessa arte no mundo moderno e contemporâneo.
Data: Segunda a Sexta-feira (26 a 30/07)
Hora: das 14h às 16h

- "Hip Hop Dance: Corpo Festa e Possibilidades de Criação", com Coreano
Introdução rítmica e técnica do Hip Hop Dance, para sensibilizar os sentidos e a criatividade a partir do próprio pulso corporal, o ‘’corpo festa’’. Serão investigadas danças sociais, para o desenvolvimento de sensibilidade musical e motora, possibilitando descobertas pessoais dos próprios movimentos, das próprias sensações.
Data: Segunda, Quarta e Sexta-feira (26, 28 e 30/07)
Hora: das 16h às 18h

- "Análise de Movimento nas Danças Urbanas", com Angela Souza e Coreano
A proposta da oficina é estudar conceitos do Sistema Laban, considerando as categorias de "esforço", "corpo" e "espaço", a partir da experimentação dos movimentos e passos das danças urbanas.
Data: Quinta-feira (29/07)
Horário: das 16h às 18h

Sobre os facilitadores
ANGELA SOUZA atua como professora, pesquisadora, parecerista e na criação e produção em dança. É Mestre em Dança pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Cursou Pós-Graduação Lato Sensu em Sistema Laban/Bartenieff. Tem uma formação diversificada no campo da Dança e foi aluna coreógrafa do Colégio de Dança do Ceará.

AMANDA TEIXEIRA Formação técnica em dança, e pelas escolas de ballet clássica de Fortaleza tais como ugo Bianch, Madiana Romcy, trabalha na sala de aula com ballet clássico á 27 onde 6 deles na Vila das artes. Para além da dança clássica atualmente trabalha com o método de PBT e analista corporal e comportamental.

BEATRIZ LEÃO é professora de Danças Tradicionais e Populares no curso de formação básica em dança da Escola Pública de Dança da Vila das Artes. Possui Licenciatura em Educação Física através da Universidade Federal do Ceará (UFC). Atua no grupo Oré Anacã, grupo de dança popular da UFC, nas áreas de pesquisa, ensino/aprendizagem, montagens, ensaios e apresentações de danças tradicionais brasileiras

COREANO é artista, dançarino, pesquisador em dança e DJ. Atua como professor no Curso de Formação Básica em Dança na Escola Pública de Dança da Vila das Artes. É formado na 6º turma do Curso técnico em dança da Escola Porto Iracema das Artes.

DANDARA MATOS é bailarina e professora, pós-graduada em Educação Física e especialista em metodologia do ensino da Dança. Atualmente integra o corpo docente de algumas escolas na cidade, como a Escola Pública de Dança da Vila das Artes.

DANIEL LESSA é ex-bailarino do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, formado por expoentes do Ballet Clássico no Brasil, como Tatiana Leskova, Halina Biernacka, Toshie Kobayashi e Emílio Martins. Estudou pelo método da Royal Academy of Dancing (RAD). É graduado em Educação Física pela Universidade Estadual do Ceará (UECE) e Pós-Graduado em Treinamento Esportivo pela mesma instituição.

DAYANE FERREIRA é artista da Dança, capoeirista, artesã e macumbeira. Bacharela em Dança pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e licencianda pela mesma instituição, é formada pelo Curso Técnico em Dança do Ceará pelo IACC e SESC/SENAC. Integra o Nodo Coletivo: Mediação Cultural e Criativa, criado na Colômbia em 2018 e é coordenadora pedagógica do UmaRuma de Educação em Dança. É uma das coordenadoras do projeto Vai dar Videodança. Integra o corpo docente do Curso de Formação Básica em Dança da Escola Pública de Dança da Vila das Artes desde 2017. É desenvolvedora da pesquisa "Vadiação: Veículo de Criação da Capoeirança". É também professora, coreografa, diretora e curadora de diferentes escolas e festivais.

MAKITO VIEIRA é músico, multi-instrumentista e brincante. Vem desde 2000 mergulhando no universo da música, tendo estudado com destacados músicos da cena cearense, como Tarcísio Sardinha, Liduino Pitombeira e Alfredo Barros. É formado pela Instituto Adventista de Tecnologia (IATEC) como produtor musical e está concluindo o curso de Bach em Composição na Universidade Estadual do Ceará (UECE). Atualmente é músico do Quinteto Agreste, integra a Trupe do Riso, é educador musical no Instituto Chico Mota e na Vila das Artes. Tem uma carreira solo como músico/brincante em que apresenta seu show Costura Fina.

TALITTA SABOYA é graduada em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Tem formação em Terapia Comportamental (CEMP), em coach (SBCoaching), em Arteterapia (IEMB) e é Mestre em Psicologia (UFC). Possui experiência nas áreas organizacional, educacional e clínica, em que desenvolve atividades em avaliação, desenvolvimento, inclusão, grupos e carreira. Participou do grupo BCAD no período de 1996 a 1999 e atualmente é bailarina em formação pelo Ballet Hugo Bianchi.


Serviço

Oficinas Dançando na Vila
Inscrições em www.linktr.ee/viladasartes
Gratuito