04 de outubro de 2019 em Turismo

Aeroporto de Fortaleza apresenta 74% de crescimento no número de passageiros internacionais no ano

Incremento foi o maior do País, seguido pelo aeroporto de Brasília, com 41% de aumento


Fortaleza foi a cidade com maior crescimento no número de passageiros internacionais nos oito primeiros meses deste ano, com um incremento de 74%. Ao todo, 181,5 mil estrangeiros entraram no País pelo Aeroporto Pinto Martins (Fraport Airport), vindos principalmente dos Estados Unidos, França e Holanda. Em 2018, esse número foi de 104,3 mil considerando o mesmo período. Os dados são da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Brasília, que ficou em segundo lugar, teve aumento de 41%, passando de 154,2 mil visitantes internacionais em 2018 para 217,9 mil em 2019. Na terceira posição, Salvador apresentou crescimento de 5,2%, sendo que o número de passageiros internacionais foi de 148,5 mil em 2018 e de 156,1 mil em 2019.

“Fortaleza tem se destacado cada vez mais como destino internacional, crescendo acima da média nacional. Isso está diretamente ligado à instalação do hub aéreo, mas também, como gosto de ressaltar, a um trabalho conjunto com o Governo do Estado de promoção do destino, investimento em infraestrutura e capacitação”, considera o secretário do Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira.

Recentemente, a Secretaria do Turismo de Fortaleza (Setfor) marcou presença, divulgando os atrativos da Capital cearense na Abav Expo 2019, em São Paulo. Esta semana, participa da IFTM Top Resa, Feira Internacional B2B de Turismo da França, em Paris. A partir deste sábado (05/10) e até terça-feira (08/10), promove Fortaleza na FIT América Latina, em Buenos Aires.

“Quanto ao número de visitantes, a tendência é de crescer ainda mais, considerando que há novos voos a serem implantados ou em negociação”, acrescenta Alexandre Pereira.

Nesta semana, a Air Europa apresentou oficialmente na Espanha e no Brasil o voo direto conectando Fortaleza e Madri e que passa a operar a partir de 20 de dezembro, com duas frequências semanais. A partir de junho de 2020, serão três voos por semana.

Aeroporto de Fortaleza apresenta 74% de crescimento no número de passageiros internacionais no ano

Incremento foi o maior do País, seguido pelo aeroporto de Brasília, com 41% de aumento

Fortaleza foi a cidade com maior crescimento no número de passageiros internacionais nos oito primeiros meses deste ano, com um incremento de 74%. Ao todo, 181,5 mil estrangeiros entraram no País pelo Aeroporto Pinto Martins (Fraport Airport), vindos principalmente dos Estados Unidos, França e Holanda. Em 2018, esse número foi de 104,3 mil considerando o mesmo período. Os dados são da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Brasília, que ficou em segundo lugar, teve aumento de 41%, passando de 154,2 mil visitantes internacionais em 2018 para 217,9 mil em 2019. Na terceira posição, Salvador apresentou crescimento de 5,2%, sendo que o número de passageiros internacionais foi de 148,5 mil em 2018 e de 156,1 mil em 2019.

“Fortaleza tem se destacado cada vez mais como destino internacional, crescendo acima da média nacional. Isso está diretamente ligado à instalação do hub aéreo, mas também, como gosto de ressaltar, a um trabalho conjunto com o Governo do Estado de promoção do destino, investimento em infraestrutura e capacitação”, considera o secretário do Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira.

Recentemente, a Secretaria do Turismo de Fortaleza (Setfor) marcou presença, divulgando os atrativos da Capital cearense na Abav Expo 2019, em São Paulo. Esta semana, participa da IFTM Top Resa, Feira Internacional B2B de Turismo da França, em Paris. A partir deste sábado (05/10) e até terça-feira (08/10), promove Fortaleza na FIT América Latina, em Buenos Aires.

“Quanto ao número de visitantes, a tendência é de crescer ainda mais, considerando que há novos voos a serem implantados ou em negociação”, acrescenta Alexandre Pereira.

Nesta semana, a Air Europa apresentou oficialmente na Espanha e no Brasil o voo direto conectando Fortaleza e Madri e que passa a operar a partir de 20 de dezembro, com duas frequências semanais. A partir de junho de 2020, serão três voos por semana.