27 de maio de 2020 em Cultura

Cineclube Vila das Artes exibe filme em homenagem ao cineasta Eduardo Coutinho

"O homem que comprou o mundo", longa-metragem de estreia do diretor, terá exibição online seguida por debate transmitido ao vivo


.

O Cineclube Vila das Artes promove, às 17h desta quinta-feira (28/05), a segunda edição das "Sessões de Quarentena", versão online do cineclube com transmissão ao vivo por meio do canal da Vila na plataforma de vídeos YouTube. O filme a ser exibido é "O homem que comprou o mundo" (1968), de Eduardo Coutinho. A sessão é seguida por debate mediado por Kamilla Medeiros, curadora da sessão e idealizadora do Cineclube Âncora.

Acesse a Vila das Artes no Youtube se inscreva no canal 

Participam do debate os convidados Carlos Alberto Mattos, crítico, pesquisador de cinema, cocurador da Ocupação Eduardo Coutinho e autor do livro "Sete Faces de Eduardo Coutinho"; e o realizador audiovisual e bacharel em Ciências Sociais Cesar Mota.

"Coutinho iniciou seu caminho cinematográfico no cinema de ficção e depois se aventurou no documentário para televisão e cinema, onde se consagrou como um dos mais importantes documentaristas do Brasil e, quiçá, do planeta", aponta Kamilla Medeiros. "A ideia de exibir seu longa de estreia surge como uma dupla homenagem, pois o cineasta teria completado 87 anos no dia 11 deste mês de maio, e Flávio Migliaccio, nosso protagonista do filme, faleceu há pouco, no começo do mês", explica a cineclubista.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, coordenado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sinopse
Aventura policial cômica muito movimentada, "O homem que comprou o mundo" conta a história de José Guerra, um humilde cidadão brasileiro que recebe um cheque de um hindu, no valor de dez trilhões de dólares. As autoridades exigem o dinheiro e ordenam que José seja isolado numa fortaleza.

Vila na Rede
Em seu mais novo formato, o Cineclube Vila das Artes realiza semanalmente as "Sessões de Quarentena". A cada edição, cineclubistas integrados ao Cineclubes Organizados do Ceará (CicloCE) são convidados a realizar curadoria e mediação de sessões temáticas que serão transmitidas ao vivo no canal da Vila das Artes no Youtube.

Toda a programação online da Vila das Artes faz parte do projeto "Vila na Rede", iniciativa que visa a manutenção das atividades do equipamento cultural e oferece alternativas culturais que podem ser apreciadas no conforto de casa, durante o período de distanciamento social recomendado devido à pandemia da Covid-19.

Serviço
Cineclube Vila das Artes - 2ª "Sessões de Quarentena", com a exibição do filme "O homem que comprou o mundo" e debate ao vivo em seguida
Data: 28/05 (Quinta-feira)
Hora: 17h
Local: Canal da Vila das artes no Youtube

Cineclube Vila das Artes exibe filme em homenagem ao cineasta Eduardo Coutinho

"O homem que comprou o mundo", longa-metragem de estreia do diretor, terá exibição online seguida por debate transmitido ao vivo

.

O Cineclube Vila das Artes promove, às 17h desta quinta-feira (28/05), a segunda edição das "Sessões de Quarentena", versão online do cineclube com transmissão ao vivo por meio do canal da Vila na plataforma de vídeos YouTube. O filme a ser exibido é "O homem que comprou o mundo" (1968), de Eduardo Coutinho. A sessão é seguida por debate mediado por Kamilla Medeiros, curadora da sessão e idealizadora do Cineclube Âncora.

Acesse a Vila das Artes no Youtube se inscreva no canal 

Participam do debate os convidados Carlos Alberto Mattos, crítico, pesquisador de cinema, cocurador da Ocupação Eduardo Coutinho e autor do livro "Sete Faces de Eduardo Coutinho"; e o realizador audiovisual e bacharel em Ciências Sociais Cesar Mota.

"Coutinho iniciou seu caminho cinematográfico no cinema de ficção e depois se aventurou no documentário para televisão e cinema, onde se consagrou como um dos mais importantes documentaristas do Brasil e, quiçá, do planeta", aponta Kamilla Medeiros. "A ideia de exibir seu longa de estreia surge como uma dupla homenagem, pois o cineasta teria completado 87 anos no dia 11 deste mês de maio, e Flávio Migliaccio, nosso protagonista do filme, faleceu há pouco, no começo do mês", explica a cineclubista.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, coordenado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sinopse
Aventura policial cômica muito movimentada, "O homem que comprou o mundo" conta a história de José Guerra, um humilde cidadão brasileiro que recebe um cheque de um hindu, no valor de dez trilhões de dólares. As autoridades exigem o dinheiro e ordenam que José seja isolado numa fortaleza.

Vila na Rede
Em seu mais novo formato, o Cineclube Vila das Artes realiza semanalmente as "Sessões de Quarentena". A cada edição, cineclubistas integrados ao Cineclubes Organizados do Ceará (CicloCE) são convidados a realizar curadoria e mediação de sessões temáticas que serão transmitidas ao vivo no canal da Vila das Artes no Youtube.

Toda a programação online da Vila das Artes faz parte do projeto "Vila na Rede", iniciativa que visa a manutenção das atividades do equipamento cultural e oferece alternativas culturais que podem ser apreciadas no conforto de casa, durante o período de distanciamento social recomendado devido à pandemia da Covid-19.

Serviço
Cineclube Vila das Artes - 2ª "Sessões de Quarentena", com a exibição do filme "O homem que comprou o mundo" e debate ao vivo em seguida
Data: 28/05 (Quinta-feira)
Hora: 17h
Local: Canal da Vila das artes no Youtube