11 de agosto de 2017 em Meio ambiente

Prefeito Roberto Cláudio inaugura 31º Ecoponto de Fortaleza

Instalado no bairro Dias Macedo, equipamento é o oitavo a operar na Regional VI


prefeito roberto cláudio
Até o fim deste ano, a expectativa é de que Fortaleza esteja equipada com 50 Ecopontos estrategicamente distribuídos pelos bairros de todas as Regionais
O prefeito Roberto Cláudio inaugurou o 31º Ecoponto de Fortaleza na noite de quinta-feira (10/08). Instalado no bairro Dias Macedo, o equipamento é o oitavo a operar na Regional VI, incentivando o descarte seletivo de resíduos recicláveis, que proporcionam à população, a partir do Programa Recicla Fortaleza, crédito no Bilhete Único e desconto na conta de água e de energia.

Projetado e entregue em forma de contêiner, o novo Ecoponto é adequado ao recebimento de pequenas porções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de pneus, óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais. “Os Ecopontos oferecem vários ganhos. O primeiro é retirar o lixo da rua. O segundo é o lixo virar dinheiro para o cidadão. O terceiro é que este lixo reciclável vai para a indústria ou para cooperativas especializadas gerar emprego e renda. Aqui, é uma equação em que todo mundo ganha. Ganha a Cidade, que fica mais limpa, ganha a comunidade, ganha o cidadão e ganha o emprego e a renda, gerando oportunidade e desenvolvimento para a Cidade”, destacou o Prefeito.

O titular da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, João Pupo, ressaltou o sucesso do alcance do Programa Recicla Fortaleza, que já conta com 16 mil usuários cadastrados, engajados em reduzir os pontos de lixo da Capital. “Em geral, os Ecopontos são locados em lugares que abrigavam antigos pontos de lixo. Quando começou a gestão, eram 1.800 pontos de lixo. Esse esforço ousado reduziu este número para 1300. O Prefeito deu uma missão para as Regionais de cada uma delas retirar, pelo menos, 20 pontos de lixo por semestre. E este papel vem sendo cumprido, inclusive, por meio da urbanização dos espaços”, disse.

A política da Prefeitura de Fortaleza direcionada à gestão inteligente de resíduos sólidos já implantou, além deste, 30 outros ecopontos. Em pleno funcionamento, estão eles situados nos bairros Centro, Barra do Ceará, Vila Velha, Carlito Pamplona, Pirambu, São João do Tauape, Varjota, Cidade 2000, Praia do Futuro, Vicente Pinzon, Jóquei Clube, Pici, Bairro de Fátima, Vila Peri, Serrinha, Conjunto Esperança, Conjunto Ceará, Conjunto Ceará – 2ª Etapa, Conjunto Ceará – 4ª Etapa, José Walter, Aracapé, Granja Portugal, Jardim Cearense, Edson Queiroz, Cidade dos Funcionários, Jangurussu, Parque Dois Irmãos, Messejana, São Bento e Sapiranga.

A infraestrutura administrativa dos equipamentos, composta por segmentos de limpeza urbana, fiscalização e monitoramento, é fruto da parceria entre a Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle de Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (Acfor) e a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP).

Até o fim deste ano, a expectativa é de que Fortaleza esteja equipada com 50 Ecopontos estrategicamente distribuídos pelos bairros de todas as Regionais. O compromisso da Prefeitura de Fortaleza é de entregar, até o fim da atual gestão, pelo menos, um Ecoponto em cada bairro, totalizando 119 equipamentos similares.

Todos os Ecopontos funcionam de segunda-feira a sábado, sempre de 8h às 12h e de 14h às 17h. Para atender à população nos Ecopontos, funcionários da Ecofor Ambiental, concessionária da Prefeitura de Fortaleza, responsável pela gestão de resíduos sólidos urbanos, transmitem orientações, recebem o material e atestam a quantidade de resíduos depositados em cada contêiner.

João Neto, morador do Dias Macedo há 14 anos, avaliou positivamente a política de gerenciamento de resíduos recicláveis e a logística de funcionamento dos Ecopontos. “Cuidar da Cidade é dever de todos. A Prefeitura foi muito inteligente em implantar esses locais, que ficam abertos durante a maior parte do dia. Não tem desculpa. Antes ou depois do trabalho é possível passar aqui, deixar o lixo e ainda receber um dinheirinho. Nessa época de crise, ajuda a gente a pagar as contas e melhorar o orçamento”, comemorou.

Recicla Fortaleza

Nos Ecopontos, a população pode ter acesso ao benefício do programa Recicla Fortaleza, que gera desconto na conta de energia e crédito no Bilhete Único em troca de resíduos recicláveis, resultado de parceria entre a Prefeitura de Fortaleza, a Enel Distribuição Ceará (Enel) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

É simples ter acesso aos benefícios. Basta que o fortalezense procure um dos Ecopontos, levando a conta da Enel ou o Bilhete Único, para fazer o cadastro e receber o cartão Recicla Fortaleza. Daí, basta separar os resíduos recicláveis e levá-los até o equipamento para a pesagem, lembrando-se de armazená-los sem sobra de alimentos ou produtos para não atrair insetos e gerar mau cheiro. No Ecoponto, o cidadão confere a tabela de valores dos resíduos recicláveis, pois o crédito será calculado de acordo o peso e os tipos de materiais, considerando diretrizes mercadológicas.

Materiais que geram crédito no Recicla Fortaleza

Os materiais que vão gerar crédito na conta de energia são vidro, metal, papel, plástico e outros, como na divisão abaixo:

Vidro
- Embalagens de vidro, café solúvel e maionese, e garrafas de cerveja, refrigerantes e aguardente.

Metal (Exceto Cobre)
- Ferros em geral, parafusos, latas de cerveja e refrigerantes, aço inox, antimônio, baterias de carro e moto, chumbo e bronze.

Papel
- Papelão, jornais, livros, cadernos, papel branco e papel misto.

Plástico
- Garrafas de refrigerantes (PET), filme, PVC, mangueira, sacolas, embalagens de água sanitária, margarina e detergente.

Outros
- Óleo de cozinha e embalagens Tetrapak (leite, sucos e achocolatados).

Prefeito Roberto Cláudio inaugura 31º Ecoponto de Fortaleza

Instalado no bairro Dias Macedo, equipamento é o oitavo a operar na Regional VI

prefeito roberto cláudio
Até o fim deste ano, a expectativa é de que Fortaleza esteja equipada com 50 Ecopontos estrategicamente distribuídos pelos bairros de todas as Regionais
O prefeito Roberto Cláudio inaugurou o 31º Ecoponto de Fortaleza na noite de quinta-feira (10/08). Instalado no bairro Dias Macedo, o equipamento é o oitavo a operar na Regional VI, incentivando o descarte seletivo de resíduos recicláveis, que proporcionam à população, a partir do Programa Recicla Fortaleza, crédito no Bilhete Único e desconto na conta de água e de energia.

Projetado e entregue em forma de contêiner, o novo Ecoponto é adequado ao recebimento de pequenas porções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de pneus, óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais. “Os Ecopontos oferecem vários ganhos. O primeiro é retirar o lixo da rua. O segundo é o lixo virar dinheiro para o cidadão. O terceiro é que este lixo reciclável vai para a indústria ou para cooperativas especializadas gerar emprego e renda. Aqui, é uma equação em que todo mundo ganha. Ganha a Cidade, que fica mais limpa, ganha a comunidade, ganha o cidadão e ganha o emprego e a renda, gerando oportunidade e desenvolvimento para a Cidade”, destacou o Prefeito.

O titular da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, João Pupo, ressaltou o sucesso do alcance do Programa Recicla Fortaleza, que já conta com 16 mil usuários cadastrados, engajados em reduzir os pontos de lixo da Capital. “Em geral, os Ecopontos são locados em lugares que abrigavam antigos pontos de lixo. Quando começou a gestão, eram 1.800 pontos de lixo. Esse esforço ousado reduziu este número para 1300. O Prefeito deu uma missão para as Regionais de cada uma delas retirar, pelo menos, 20 pontos de lixo por semestre. E este papel vem sendo cumprido, inclusive, por meio da urbanização dos espaços”, disse.

A política da Prefeitura de Fortaleza direcionada à gestão inteligente de resíduos sólidos já implantou, além deste, 30 outros ecopontos. Em pleno funcionamento, estão eles situados nos bairros Centro, Barra do Ceará, Vila Velha, Carlito Pamplona, Pirambu, São João do Tauape, Varjota, Cidade 2000, Praia do Futuro, Vicente Pinzon, Jóquei Clube, Pici, Bairro de Fátima, Vila Peri, Serrinha, Conjunto Esperança, Conjunto Ceará, Conjunto Ceará – 2ª Etapa, Conjunto Ceará – 4ª Etapa, José Walter, Aracapé, Granja Portugal, Jardim Cearense, Edson Queiroz, Cidade dos Funcionários, Jangurussu, Parque Dois Irmãos, Messejana, São Bento e Sapiranga.

A infraestrutura administrativa dos equipamentos, composta por segmentos de limpeza urbana, fiscalização e monitoramento, é fruto da parceria entre a Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle de Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (Acfor) e a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP).

Até o fim deste ano, a expectativa é de que Fortaleza esteja equipada com 50 Ecopontos estrategicamente distribuídos pelos bairros de todas as Regionais. O compromisso da Prefeitura de Fortaleza é de entregar, até o fim da atual gestão, pelo menos, um Ecoponto em cada bairro, totalizando 119 equipamentos similares.

Todos os Ecopontos funcionam de segunda-feira a sábado, sempre de 8h às 12h e de 14h às 17h. Para atender à população nos Ecopontos, funcionários da Ecofor Ambiental, concessionária da Prefeitura de Fortaleza, responsável pela gestão de resíduos sólidos urbanos, transmitem orientações, recebem o material e atestam a quantidade de resíduos depositados em cada contêiner.

João Neto, morador do Dias Macedo há 14 anos, avaliou positivamente a política de gerenciamento de resíduos recicláveis e a logística de funcionamento dos Ecopontos. “Cuidar da Cidade é dever de todos. A Prefeitura foi muito inteligente em implantar esses locais, que ficam abertos durante a maior parte do dia. Não tem desculpa. Antes ou depois do trabalho é possível passar aqui, deixar o lixo e ainda receber um dinheirinho. Nessa época de crise, ajuda a gente a pagar as contas e melhorar o orçamento”, comemorou.

Recicla Fortaleza

Nos Ecopontos, a população pode ter acesso ao benefício do programa Recicla Fortaleza, que gera desconto na conta de energia e crédito no Bilhete Único em troca de resíduos recicláveis, resultado de parceria entre a Prefeitura de Fortaleza, a Enel Distribuição Ceará (Enel) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

É simples ter acesso aos benefícios. Basta que o fortalezense procure um dos Ecopontos, levando a conta da Enel ou o Bilhete Único, para fazer o cadastro e receber o cartão Recicla Fortaleza. Daí, basta separar os resíduos recicláveis e levá-los até o equipamento para a pesagem, lembrando-se de armazená-los sem sobra de alimentos ou produtos para não atrair insetos e gerar mau cheiro. No Ecoponto, o cidadão confere a tabela de valores dos resíduos recicláveis, pois o crédito será calculado de acordo o peso e os tipos de materiais, considerando diretrizes mercadológicas.

Materiais que geram crédito no Recicla Fortaleza

Os materiais que vão gerar crédito na conta de energia são vidro, metal, papel, plástico e outros, como na divisão abaixo:

Vidro
- Embalagens de vidro, café solúvel e maionese, e garrafas de cerveja, refrigerantes e aguardente.

Metal (Exceto Cobre)
- Ferros em geral, parafusos, latas de cerveja e refrigerantes, aço inox, antimônio, baterias de carro e moto, chumbo e bronze.

Papel
- Papelão, jornais, livros, cadernos, papel branco e papel misto.

Plástico
- Garrafas de refrigerantes (PET), filme, PVC, mangueira, sacolas, embalagens de água sanitária, margarina e detergente.

Outros
- Óleo de cozinha e embalagens Tetrapak (leite, sucos e achocolatados).