16 de dezembro de 2020 em Habitação

Atividade de trabalho social leva crianças e adolescentes do Residencial Heloneida Studart para conhecer o Zoológico Municipal

288 famílias são acompanhadas pelo trabalho social no residencial Heloneida Studart


Todos tiveram temperatura aferida na entrada do equipamento
A ação teve um número limitado de participantes e obedeceu aos critérios de saúde e prevenção da Covid-19

Ação paralela à política de habitação em Fortaleza, o trabalho social coordenado pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor) segue sendo realizado no residencial Heloneida Studart, no bairro Bom Jardim (Regional V). Desta vez, a atividade que faz parte do eixo “Educação Ambiental e Patrimonial” levou crianças e adolescentes para conhecer o Parque Zoológico Municipal Sargento Prata no Passaré.

“Esta atividade teve por objetivo viabilizar a integração comunitária com a natureza e foi destinada as crianças e adolescentes em virtude do quantitativo dos moradores do residencial, ou seja, 60% do público do empreendimento é dessa faixa etária”, explica a assistente social da Habitafor, Mirella Fiuza.

Ela também explicou que a visita foi agendada previamente com os responsáveis do zoológico para que houvesse uma preparação. “Além dessa visita, estão previstas outras duas que serão realizadas nos meses subsequentes, respeitando todos os protocolos de prevenção à convid-19”, finaliza a assistente social.

O trabalho social com as 288 famílias do Residencial Heloneida Studart teve início em agosto e tem duração 12 meses.

Mais

O eixo do trabalho social realizado pela Habitafor junto aos moradores dos residenciais é parte da assistência prestada às famílias no antes, durante e pós-entrega dos empreendimentos. Além de gerar conhecimentos acerca de direitos elementares, essas iniciativas também promovem formações voltadas para o convívio social, mercado de trabalho, empreendedorismo e renda. Essas ações já beneficiaram mais de 23 mil famílias em diversas áreas da Cidade.

Atividade de trabalho social leva crianças e adolescentes do Residencial Heloneida Studart para conhecer o Zoológico Municipal

288 famílias são acompanhadas pelo trabalho social no residencial Heloneida Studart

Todos tiveram temperatura aferida na entrada do equipamento
A ação teve um número limitado de participantes e obedeceu aos critérios de saúde e prevenção da Covid-19

Ação paralela à política de habitação em Fortaleza, o trabalho social coordenado pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor) segue sendo realizado no residencial Heloneida Studart, no bairro Bom Jardim (Regional V). Desta vez, a atividade que faz parte do eixo “Educação Ambiental e Patrimonial” levou crianças e adolescentes para conhecer o Parque Zoológico Municipal Sargento Prata no Passaré.

“Esta atividade teve por objetivo viabilizar a integração comunitária com a natureza e foi destinada as crianças e adolescentes em virtude do quantitativo dos moradores do residencial, ou seja, 60% do público do empreendimento é dessa faixa etária”, explica a assistente social da Habitafor, Mirella Fiuza.

Ela também explicou que a visita foi agendada previamente com os responsáveis do zoológico para que houvesse uma preparação. “Além dessa visita, estão previstas outras duas que serão realizadas nos meses subsequentes, respeitando todos os protocolos de prevenção à convid-19”, finaliza a assistente social.

O trabalho social com as 288 famílias do Residencial Heloneida Studart teve início em agosto e tem duração 12 meses.

Mais

O eixo do trabalho social realizado pela Habitafor junto aos moradores dos residenciais é parte da assistência prestada às famílias no antes, durante e pós-entrega dos empreendimentos. Além de gerar conhecimentos acerca de direitos elementares, essas iniciativas também promovem formações voltadas para o convívio social, mercado de trabalho, empreendedorismo e renda. Essas ações já beneficiaram mais de 23 mil famílias em diversas áreas da Cidade.