05 de agosto de 2022 em Saúde

Fortaleza inicia campanhas nacionais contra poliomielite e de multivacinação de crianças e adolescentes

As campanhas têm o propósito de manter o país livre da poliomielite e empreender esforços para atualizar a caderneta vacinal das crianças e adolescentes


A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dará inicio nesta segunda-feira (08/08), à Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite para crianças com até 4 anos, 11 meses e 29 dias, e à Campanha de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente com até 15 anos de idade. A aplicação das vacinas acontece nos 116 postos de saúde da capital, de segunda a sexta-feira, das 7h30 ás 18h30.

Reduzir o risco de reintrodução da poliomielite no país e garantir que crianças e adolescentes recebam todas as vacinas recomendadas pelo Plano Nacional de Imunização (PNI) são os objetivos das campanhas. “É importante que os pais e responsáveis levem os filhos até os postos de saúde para receber as vacinas e, assim, atualizar a situação vacinal. Não podemos ficar suscetíveis às doenças, como a paralisia infantil e tantas outras que podemos evitar por meio de vacinas seguras e que são oferecidas gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde”, reforça Vanessa Soldatelli, coordenadora de Imunização de Fortaleza.

Soldatelli explica ainda que a vacina contra poliomelite da campanha é a VOP (vacinal oral), aplicada nas crianças com esquema vacinal completo com a Vacina Inativada da Poliomelite (VIP - vacinas injetáveis), que são administradas com 2, 4 e 6 meses de idade. “Por ser uma campanha de atualização do esquema vacinal, não há meta definida. O intuito é que todas as crianças fiquem protegidas”.

Vacinação contra a poliomielite

Público-alvo: crianças de 1 ano à 4 anos

Vacina Oral Poliomielite (VOP): para crianças de um a quatro anos, de forma indiscriminada, desde que já tenham recebido as três doses de VIP do esquema básico.

Entenda o esquema vacinal:

1ª dose: aos 2 meses através de injeção (VIP);
2ª dose: aos 4 meses através de injeção (VIP);
3ª dose: aos 6 meses através da injeção (VIP);
1º reforço: 15 meses (1 ano e 3 meses) por meio da vacina oral (VOP)
2º reforço: menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), por meio da vacina oral (VOP)

Multivacinação para atualização de caderneta de vacinação

Público-alvo: crianças e adolescentes de até 14 anos, 11 meses e 29 dias

A campanha de multivacinação contemplará as crianças e adolescentes menores  até 14 anos 11 meses e 29 dias, não vacinados ou com esquemas vacinais incompletos, de acordo com o Calendário Nacional de Vacinação.

Vacinas disponibilizadas para crianças

BCG; Hepatite B; Poliomielite (VIP – inativada e VOP - atenuada); Rotavírus; Pentavalente; Pneumocócica 10; Meningocócica C (conjugada); Febre Amarela; Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba, Rubéola); Varicela; Hepatite A; Tríplice Bacteriana (Difteria, Tétano e Coqueluche); Papilomavírus humano (HPV).

Vacinas disponibilizadas para adolescentes

Hepatite B; Dupla bacteriana (Difteria e Tétano); Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba, Rubéola); Papilomavírus humano (HPV) e Meningocócica ACWY (conjugada), conforme esquema vacinal.

Serviço
Período da campanha: 8 de agosto a 9 de setembro
Atendimento: segunda a sexta-feira
Horário: 7h30 às 18h30
Local: 116 postos de saúde de Fortaleza

Fortaleza inicia campanhas nacionais contra poliomielite e de multivacinação de crianças e adolescentes

As campanhas têm o propósito de manter o país livre da poliomielite e empreender esforços para atualizar a caderneta vacinal das crianças e adolescentes

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), dará inicio nesta segunda-feira (08/08), à Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite para crianças com até 4 anos, 11 meses e 29 dias, e à Campanha de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente com até 15 anos de idade. A aplicação das vacinas acontece nos 116 postos de saúde da capital, de segunda a sexta-feira, das 7h30 ás 18h30.

Reduzir o risco de reintrodução da poliomielite no país e garantir que crianças e adolescentes recebam todas as vacinas recomendadas pelo Plano Nacional de Imunização (PNI) são os objetivos das campanhas. “É importante que os pais e responsáveis levem os filhos até os postos de saúde para receber as vacinas e, assim, atualizar a situação vacinal. Não podemos ficar suscetíveis às doenças, como a paralisia infantil e tantas outras que podemos evitar por meio de vacinas seguras e que são oferecidas gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde”, reforça Vanessa Soldatelli, coordenadora de Imunização de Fortaleza.

Soldatelli explica ainda que a vacina contra poliomelite da campanha é a VOP (vacinal oral), aplicada nas crianças com esquema vacinal completo com a Vacina Inativada da Poliomelite (VIP - vacinas injetáveis), que são administradas com 2, 4 e 6 meses de idade. “Por ser uma campanha de atualização do esquema vacinal, não há meta definida. O intuito é que todas as crianças fiquem protegidas”.

Vacinação contra a poliomielite

Público-alvo: crianças de 1 ano à 4 anos

Vacina Oral Poliomielite (VOP): para crianças de um a quatro anos, de forma indiscriminada, desde que já tenham recebido as três doses de VIP do esquema básico.

Entenda o esquema vacinal:

1ª dose: aos 2 meses através de injeção (VIP);
2ª dose: aos 4 meses através de injeção (VIP);
3ª dose: aos 6 meses através da injeção (VIP);
1º reforço: 15 meses (1 ano e 3 meses) por meio da vacina oral (VOP)
2º reforço: menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), por meio da vacina oral (VOP)

Multivacinação para atualização de caderneta de vacinação

Público-alvo: crianças e adolescentes de até 14 anos, 11 meses e 29 dias

A campanha de multivacinação contemplará as crianças e adolescentes menores  até 14 anos 11 meses e 29 dias, não vacinados ou com esquemas vacinais incompletos, de acordo com o Calendário Nacional de Vacinação.

Vacinas disponibilizadas para crianças

BCG; Hepatite B; Poliomielite (VIP – inativada e VOP - atenuada); Rotavírus; Pentavalente; Pneumocócica 10; Meningocócica C (conjugada); Febre Amarela; Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba, Rubéola); Varicela; Hepatite A; Tríplice Bacteriana (Difteria, Tétano e Coqueluche); Papilomavírus humano (HPV).

Vacinas disponibilizadas para adolescentes

Hepatite B; Dupla bacteriana (Difteria e Tétano); Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba, Rubéola); Papilomavírus humano (HPV) e Meningocócica ACWY (conjugada), conforme esquema vacinal.

Serviço
Período da campanha: 8 de agosto a 9 de setembro
Atendimento: segunda a sexta-feira
Horário: 7h30 às 18h30
Local: 116 postos de saúde de Fortaleza