04 de dezembro de 2019 em Habitação

Prefeitura realiza loteamento de apartamentos vinculados ao projeto Vila do Mar

A ação se estende até quinta-feira (05/11) e é voltada, exclusivamente, para as famílias que tiveram as suas documentações validadas


Os 264 novos apartamentos deverão ser entregues até janeiro de 2020
Ao todo, 504 famílias serão beneficiadas com moradias no residencial Vila do Mar III

A Prefeitura de Fortaleza realizad, por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor), o processo de loteamento das famílias aptas a receber apartamentos na segunda etapa do residencial Vila do Mar III. A ação teve início nesta terça-feira (03/12) e se estende até quinta-feira (05/12), no Centro de Cidadania e Direitos Humanos governador Virgílio Távora, no bairro Cristo Redentor. Ao todo, 264 famílias serão beneficiadas com moradia no empreendimento, localizado na Barra do Ceará (Regional I).

O loteamento é uma das etapas para a entrega dos projetos habitacionais conduzidos pelo Município. “Após, o processo de loteamento, na próxima semana, as famílias poderão fazer a vistoria, na qual verificam as condições do imóvel e solicitam a correção de possíveis pendências”, afirma uma das assistentes sociais que acompanham o projeto, Cynthia Caldas.

Mais

O Vila do Mar é um projeto de requalificação urbanística orçado em R$ 140 milhões, que inclui intervenções estruturais e sociais nos bairros Pirambu, Cristo Redentor e Barra do Ceará. Prevê a construção de três lotes de residenciais totalizando 852 unidades habitacionais, das quais 588 já foram entregues, além de contar com ações de regularização fundiária, melhorias habitacionais, urbanização e a requalificação da orla.

O Residencial Vila do Mar III vai beneficiar 504 famílias oriundas de intervenções urbanísticas vinculadas ao Projeto Vila do Mar. Cada apartamento possui dois quartos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro e varanda, distribuídos em 49m². A primeira etapa, com 240 apartamentos, foi entregue pelo prefeito Roberto Cláudio em dezembro do ano passado. A Prefeitura investiu R$ 8 milhões de recursos próprios e o restante, no valor de R$ 5,7 milhões, será financiado pela Caixa Econômica Federal.

 

Prefeitura realiza loteamento de apartamentos vinculados ao projeto Vila do Mar

A ação se estende até quinta-feira (05/11) e é voltada, exclusivamente, para as famílias que tiveram as suas documentações validadas

Os 264 novos apartamentos deverão ser entregues até janeiro de 2020
Ao todo, 504 famílias serão beneficiadas com moradias no residencial Vila do Mar III

A Prefeitura de Fortaleza realizad, por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor), o processo de loteamento das famílias aptas a receber apartamentos na segunda etapa do residencial Vila do Mar III. A ação teve início nesta terça-feira (03/12) e se estende até quinta-feira (05/12), no Centro de Cidadania e Direitos Humanos governador Virgílio Távora, no bairro Cristo Redentor. Ao todo, 264 famílias serão beneficiadas com moradia no empreendimento, localizado na Barra do Ceará (Regional I).

O loteamento é uma das etapas para a entrega dos projetos habitacionais conduzidos pelo Município. “Após, o processo de loteamento, na próxima semana, as famílias poderão fazer a vistoria, na qual verificam as condições do imóvel e solicitam a correção de possíveis pendências”, afirma uma das assistentes sociais que acompanham o projeto, Cynthia Caldas.

Mais

O Vila do Mar é um projeto de requalificação urbanística orçado em R$ 140 milhões, que inclui intervenções estruturais e sociais nos bairros Pirambu, Cristo Redentor e Barra do Ceará. Prevê a construção de três lotes de residenciais totalizando 852 unidades habitacionais, das quais 588 já foram entregues, além de contar com ações de regularização fundiária, melhorias habitacionais, urbanização e a requalificação da orla.

O Residencial Vila do Mar III vai beneficiar 504 famílias oriundas de intervenções urbanísticas vinculadas ao Projeto Vila do Mar. Cada apartamento possui dois quartos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro e varanda, distribuídos em 49m². A primeira etapa, com 240 apartamentos, foi entregue pelo prefeito Roberto Cláudio em dezembro do ano passado. A Prefeitura investiu R$ 8 milhões de recursos próprios e o restante, no valor de R$ 5,7 milhões, será financiado pela Caixa Econômica Federal.