12 de agosto de 2021 em Gestão

Sepog apresenta novo modelo de Governança em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) para equipes da área

O novo modelo é uma das prioridades da atual gestão


A Secretaria do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog) reuniu todos os coordenadores de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) da Prefeitura para integrar a equipe e apresentar o novo modelo de governança da área, que é prioridade para a atual gestão. As diretrizes propõem avanços com a padronização de processos, tecnologias e infraestrutura, a eficiência e segurança de sistemas, otimizando compras e compartilhando recursos, inclusive humanos, e a formação de uma grande rede com estratégia unificada para atender às políticas de governo.

“Ter segurança em todos os sistemas da Prefeitura e a integração de informações e dados são algumas metas que já orientam os trabalhos que vêm sendo desenvolvidos. Outro ponto importante é que a área de TIC demanda a cooperação entre as TIs dos órgãos. Vivenciamos isso no Vacine Já, que foi executado pela Saúde, Sepog e Citinova”, afirmou o titular da Sepog, Marcelo Pinheiro, na abertura da reunião.

A Sepog é o órgão responsável pela políticas corporativas da área. Nesse primeiro semestre, a pasta realizou o levantamento detalhado de sistemas, dados e infraestrutura dos órgãos por meio do Infotic (sistema criado especificamente para isso), o que resultou num diagnóstico individual. Agora, a Coordenadoria de Gestão Corporativa de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cogect) e a Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cotec) elaboram uma agenda estratégica com apoio dos órgãos para escolher a melhor metodologia de execução. Na segunda quinzena de agosto, a Sepog iniciará uma rodada de conversas individuais com os técnicos de cada órgão.

“A intenção é unificar, no que diz respeito a TIs, sistemas e informações. Nossa atuação será conjunta, em rede. As tomadas de decisões que afetam os órgãos serão feitas em diálogo com titulares, coordenadores e técnicos de cada órgão. Porém, de acordo com o novo modelo de governança matricial, as TIs responderão à Sepog. Queremos investir na qualificação técnica com um programa específico de treinamentos, reforçar a coordenação e, por consequência, a integração de ações, sistemas e das próprias equipes” explicou o secretário executivo, Valternilo Bezerra, que coordena o projeto de Governança em TIC.

O encontro aconteceu na quarta-feira (11/08), no auditório da Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace), seguindo todos os protocolos de segurança contra Covid-19. Na semana anterior (04/08), houve reunião virtual com todos os titulares da administração direta e indireta, coordenada pela Secretaria de Governo, no intuito de mobilizar a alta gestão para a importância do TIC na estratégia da Prefeitura.

Sepog apresenta novo modelo de Governança em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) para equipes da área

O novo modelo é uma das prioridades da atual gestão

A Secretaria do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog) reuniu todos os coordenadores de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) da Prefeitura para integrar a equipe e apresentar o novo modelo de governança da área, que é prioridade para a atual gestão. As diretrizes propõem avanços com a padronização de processos, tecnologias e infraestrutura, a eficiência e segurança de sistemas, otimizando compras e compartilhando recursos, inclusive humanos, e a formação de uma grande rede com estratégia unificada para atender às políticas de governo.

“Ter segurança em todos os sistemas da Prefeitura e a integração de informações e dados são algumas metas que já orientam os trabalhos que vêm sendo desenvolvidos. Outro ponto importante é que a área de TIC demanda a cooperação entre as TIs dos órgãos. Vivenciamos isso no Vacine Já, que foi executado pela Saúde, Sepog e Citinova”, afirmou o titular da Sepog, Marcelo Pinheiro, na abertura da reunião.

A Sepog é o órgão responsável pela políticas corporativas da área. Nesse primeiro semestre, a pasta realizou o levantamento detalhado de sistemas, dados e infraestrutura dos órgãos por meio do Infotic (sistema criado especificamente para isso), o que resultou num diagnóstico individual. Agora, a Coordenadoria de Gestão Corporativa de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cogect) e a Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cotec) elaboram uma agenda estratégica com apoio dos órgãos para escolher a melhor metodologia de execução. Na segunda quinzena de agosto, a Sepog iniciará uma rodada de conversas individuais com os técnicos de cada órgão.

“A intenção é unificar, no que diz respeito a TIs, sistemas e informações. Nossa atuação será conjunta, em rede. As tomadas de decisões que afetam os órgãos serão feitas em diálogo com titulares, coordenadores e técnicos de cada órgão. Porém, de acordo com o novo modelo de governança matricial, as TIs responderão à Sepog. Queremos investir na qualificação técnica com um programa específico de treinamentos, reforçar a coordenação e, por consequência, a integração de ações, sistemas e das próprias equipes” explicou o secretário executivo, Valternilo Bezerra, que coordena o projeto de Governança em TIC.

O encontro aconteceu na quarta-feira (11/08), no auditório da Escola Superior do Parlamento Cearense (Unipace), seguindo todos os protocolos de segurança contra Covid-19. Na semana anterior (04/08), houve reunião virtual com todos os titulares da administração direta e indireta, coordenada pela Secretaria de Governo, no intuito de mobilizar a alta gestão para a importância do TIC na estratégia da Prefeitura.