A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde do Ceará (Sesa), realizará, nos próximos dias, um estudo sobre o impacto do coronavírus na capital cearense. Os materiais de análise serão 9.900 testes rápidos para o diagnóstico da Covid-19, que serão colhidos em domicílio.

Com a pesquisa, os profissionais vão estimar o percentual de fortalezenses com anticorpos para o novo coronavírus, estimar o percentual de infecções assintomáticas ou subclínicas, obter cálculos mais precisos da letalidade da doença e analisar a velocidade de expansão da infecção ao longo do tempo.

Para a secretária de Saúde do Município, Joana Maciel, essa operação será fundamental para definir os próximos passos do enfrentamento à Covid-19. “Esse trabalho se reveste de extrema importância nesse momento que nós estamos na epidemia, no próprio instante em que ele vai nos mostrar a nossa taxa de ataque. O que quer dizer o percentual da população que já está imunizada. Isso vai fazer com que a gente possa ser orientando para as próximas medidas. Como é que a gente vai fazer a nossa retomada, como é que a gente vai se comportar enquanto sociedade e sistema de saúde daqui por diante”, comentou.

O projeto terá a coordenação operacional do Instituto Opnus de Pesquisa e Opinião, e a aplicação dos testes rápidos será dividida em três fases. Em cada uma, serão feitos 3.300 testes nos próprios domicílios, distribuídos em 39 bairros da Cidade. Os domicílios serão selecionados de forma sistemática e o morador será sorteado aleatoriamente entre os residentes. No caso dos menores de idade e incapazes, os testes serão feitos mediante autorização dos pais ou responsável.

A primeira fase da pesquisa terá início nesta terça-feira (02/06). As coletas serão realizadas por enfermeiros da SMS, com apoio de campo de Agentes Comunitários de Saúde e supervisores do Instituto Opnus. Como medida de segurança, todos os profissionais utilizarão Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e adotarão os protocolos recomendados pelos órgãos de saúde a fim de não expor a população e os profissionais ao risco de contágio.

Como reconhecer o pesquisador

Os pesquisadores portarão crachá de identificação, panfleto informativo da pesquisa, termos de consentimento para participação e panfleto informativo da pesquisa, bem como estarão paramentados com todos os equipamentos de segurança: touca, avental, óculos, máscara e luvas.

Sobre o teste

Será realizado o teste rápido, que se trata de uma simples picada na ponta do dedo, coletando uma gota de sangue, e em 15 minutos o resultado já estará disponível. Durante esse tempo, será aplicado o questionário com informações de sexo, idade, escolaridade, bem como sobre condições de saúde e possíveis sintomas que o morador tenha sentido recentemente.

Cronograma
Treinamento: 01 de junho
1ª fase de coleta - 02 a 12 de junho de 2020 – 3.300 testes
2ª fase - Coleta: 25 a 05 de junho de 2020 – 3.300 testes
3ª rodada – Coleta: 16 a 26 de julho de 2020 – 3.300 testes

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais
Publicado em Saúde
prefeito de perfil falando
"A redução na procura pelos Postos de Saúde, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e de casos graves só foi alcançada graças ao tempo do isolamento social", destacou o Prefeito

O prefeito Roberto Cláudio reforçou, em transmissão ao vivo na noite desta sexta-feira (29/05), que o isolamento social deve permanecer em Fortaleza. Conforme o Gestor, embora esteja prevista a retomada das atividades econômicas de menor risco sanitário a partir desta segunda-feira (01/06), o isolamento ainda segue sendo a melhor medida para conter a pandemia do novo coronavírus.

“A redução na procura pelos Postos de Saúde, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e de casos graves só foi alcançada graças ao tempo do isolamento social. É um esforço que traz preocupações, angústias e desconfortos, mas neste momento, o mundo tem caminhado nessa direção e, em Fortaleza, o isolamento tem se mostrado o melhor custo-benefício e mais eficiente para salvar a vida das pessoas”, enfatizou.

O Prefeito também ressaltou que o índice de redução de fluxo de carros no período de isolamento social rígido atingiu uma média diária de 51% na Capital, e a demanda do transporte público também caiu, em média, 79%. “A gente vai precisar continuar com esse esforço. Se a gente afrouxar, os casos voltam a subir de novo”, disse.

Mais detalhes sobre a nova etapa de isolamento social deverão ser divulgadas neste sábado (30/05), após reunião com representantes do Governo do Estado do Ceará.

Ações sociais

Roberto Cláudio destacou que já foram mais de 2 milhões de máscaras distribuídas gratuitamente por meio do programa Máscara Para Todos. A ação, resultado de parceria com o Governo do Estado do Ceará e instituições privadas, beneficia costureiras comunitárias, tendo sido 80% delas já beneficiadas com os recursos da confecção. Ao longo do mês de junho, mais 1 milhão de máscaras ainda devem ser distribuídas em locais estratégicos, como terminais de ônibus e escolas.

Outra iniciativa que vem oferecendo auxílio aos fortalezenses mais vulneráveis é o programa Comida em Casa, que já distribuiu 6.500 toneladas de alimentos em toda a Cidade, seja por meio de cestas básicas ou kits de alimentação escolares. Na oportunidade, o Prefeito agradeceu aos órgãos municipais envolvidos no planejamento e execução da ação.

Mobilidade sustentável

Conforme Roberto Cláudio, um novo plano de mobilidade sustentável, que será apresentado a partir da próxima semana, será imprescindível para a adaptação dos serviços públicos, de forma progressiva, à nova realidade pós-pandemia da Covid-19.

O planejamento engloba a diversificação no funcionamento do transporte público baseada em novos horários de atividades econômicas; o aumento da malha cicloviária permanente e temporária, bem como da rede Bicicletar, visando criar uma maior adesão como meio de transporte para o trabalho; e o incentivo da caminhada como meio de locomoção para trajetos curtos, com segurança e iluminação.

“Em vários locais do mundo, criaram-se facilidades para esse processo de retomadas. A vida tem que ser adaptada à nova realidade até o aumento da imunidade a 60% da população ou até o surgimento da vacina”, explicou.

Edital Somos Um

O Prefeito também destacou a abertura do novo edital pela instituição de terceiro setor Somos Um, em parceria com a Unifor e a Prefeitura de Fortaleza. O intuito é identificar startups e ideias criativas que utilizem a tecnologia para auxiliar a retomada da economia na Capital.

Postos abertos neste fim de semana

Por fim, Roberto Cláudio ressaltou que, neste fim de semana (30 e 31/05), a Prefeitura seguirá mantendo o funcionamento de 12 Postos de Saúde. A medida expande as portas de entrada para o sistema público de saúde e reforça as ações em execução direcionadas ao combate à Covid-19 no âmbito municipal.

Clique e confira a lista dos Postos

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais
Publicado em Saúde
enfermeiro em pé em posto de saúde atendendo senhor sentado usando máscara e utilizando oxímetro
Os Postos contarão com equipes da Estratégia de Saúde da Família (ESF), incluindo médicos e enfermeiros

A Prefeitura de Fortaleza mantém o funcionamento de 12 Postos de Saúde na Capital neste fim de semana. Ao longo deste sábado (30/05) e domingo (31/05), a população segue assistida pela Atenção Primária em todas as Regionais. A medida expande as portas de entrada para o sistema público de saúde e reforça as ações em execução direcionadas ao combate à Covid-19 no âmbito municipal.

Clique e confira a lista dos Postos de Saúde que estarão funcionando neste fim de semana

Diante do quadro pandêmico, a medida tem como objetivo, sobretudo, garantir o atendimento primário a pacientes sintomáticos, assegurar diagnósticos adequados e possibilitar, precocemente, eventuais transferências hospitalares diante de quadros complexos.

Estratégia Saúde da Família (ESF)

Os Postos contarão com equipes da Estratégia de Saúde da Família (ESF), incluindo médicos e enfermeiros, que realizarão o acompanhamento e a triagem de pacientes com suspeita de Covid-19.

Oxímetros

Em virtude das possíveis complicações respiratórias ocasionadas pela Covid-19, a Prefeitura de Fortaleza vem monitorando a saturação de oxigênio no sangue de pacientes que procuram os Postos de Saúde apresentando os primeiros sintomas de infecção causada pelo novo coronavírus.

O atendimento e a avaliação do paciente pelo método seguem durante este fim de semana.

Serviço essencial

Em relação ao período de isolamento social rígido, estabelecido em decreto municipal até o dia ‪31 de maio‬, os Postos de Saúde seguem classificados como serviço essencial. O acesso do paciente, portanto, segue resguardado.

São recomendadas, no entanto, as medidas básicas de proteção e de higiene, como o uso adequado de máscaras e de álcool em gel.

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais
Publicado em Saúde

Uma parceria entre a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Participação Social (CEPS), e a Rede CE-Vida doará 10 mil máscaras para moradores dos bairros Barra do Ceará e Vicente Pinzon. Nesta terça-feira (02/06), às 15 horas, na sede da Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas do Ceará, as máscaras serão entregues para os Agentes de Cidadania, que serão os responsáveis pela distribuição.

Sociedade Cearense de Oftalmologia, Cooperativa dos Anestesistas do Ceará, Cooperativa dos Oftalmologistas do Ceará, Sociedade dos Anestesistas do Estado e Cooperativa dos Pediatras do Ceará fazem parte da campanha Rede CE-Vida, que tem como objetivo arrecadar dinheiro para compra de máscaras. A CEPS irá acompanhar os Agentes de Cidadania no recebimento das máscaras e coordenará a entrega nos territórios.

“As máscaras são de suma importância para a prevenção da Covid-19 e, por isso, é gratificante firmar parceria com pessoas empenhadas em combater essa doença junto conosco”, afirmou o coordenador especial de Participação Social, Gilberto Bastos. O coordenador ressaltou que esta parceria já beneficiou os moradores dos bairros Vila Velha, Cristo Redentor e Pirambu com 11 mil máscaras distribuídas neste mês de maio.

Serviço:
Entrega de 10 mil máscaras para Agentes de Cidadania
Data: 02/06 (terça-feira)
Hora: 15h
Local: Sede da Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas do Ceará (Rua João Carvalho, 800, salas 804/811 - Aldeota)

Publicado em Participação social
Educadores orientando a fila nas agências da Caixa
O atendimento será destinado aos educadores sociais do programa Ponte de Encontro que estão trabalhando durante o período da pandemia de Covid-19

A Prefeitura de Fortaleza promove, por meio da Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), a partir desta sexta-feira (29/01), o grupo de escuta e acolhimento psicológico para os (as) educadores (as) sociais do programa Ponte de Encontro.

A iniciativa é uma parceria com o Laboratório de Estudos dos Sistemas Complexos: casais, família e comunidade (Lesplexos), grupo de pesquisa vinculado ao programa de pós-graduação em psicologia da Universidade de Fortaleza (Unifor) e oferece apoio psicológico aos profissionais que continuam realizando atendimento externo durante a pandemia do coronavírus.

A presidente da Funci, Gloria Marinho, fala sobre a importância dos grupos de acolhimento diante do momento atual de pandemia. 

Os participantes serão divididos em dois grupos com datas iniciando no dia 29 de maio e 12 de junho; 05 e 19 de junho das 14h às 16h por meio de plataforma on-line. Uma palestra será realizada ao final, no dia 26 de junho, com a presença de todos os participantes e tendo como facilitadoras as psicólogas Normanda Morais e Sara Guerra, integrantes do Lesplexos/Unifor.

“O grupo de escuta será um momento de acolhida aos sentimentos e experiências emocionais durante esse período e pretende ser um espaço de fortalecimento coletivo”, conclui a psicóloga, Normanda Morais.

Os (as) educadores (as) do programa Ponte de Encontro seguem auxiliando as políticas públicas para a socialização de crianças e adolescentes que estejam em situação de mendicância, exploração econômica e trabalho infantil. O trabalho continua em regime especial de domingo a domingo, das 8h às 17h. Durante o período de 19 de março a 17 de maio, foram realizados 76 atendimentos, além do reforço na orientação da população para o distanciamento social nas agências da Caixa Econômica Federal.

banner do canal coronavírus fortaleza

Publicado em Social
um homem tocando piano
No último domingo, 16 hospitais foram contemplados, entre eles, Leonardo da Vinci, Batista, o hospital de campanha do estádio Presidente Vargas, entre outros

A Prefeitura de Fortaleza vai repetir, por meio da Secretaria Municipal do Turismo, a homenagem aos profissionais da saúde promovida no último domingo (24/05), com o Projeto Pôr do Sol Fortaleza. No próximo domingo (31/05), o pianista Felipe Adjafre se apresentará, a partir das 16h30, em cima de um caminhão, que passará em frente a oito unidades de saúde da Capital.

A apresentação terá início em frente ao Hospital César Cals. O concerto será transmitido pelos perfis no Instagram da Secretaria do Turismo de Fortaleza (@secretariadoturismodefortaleza) e do artista (@felipeadjafre), e pela página do pianista no Youtube, bem como pelas redes sociais do Sistema Verdes Mares.

No último domingo, 16 hospitais foram contemplados, entre eles, São Carlos, Clínica Gênesis, Leonardo da Vinci, Batista, o hospital de campanha do estádio Presidente Vargas, entre outros. Em todos eles, a recepção foi positiva e o sucesso também se repetiu nas redes sociais, gerando vários pedidos para que a ação fosse levada a outras unidades de saúde.

grupo de enfermeiras na frente do IJF
A recepção ao projeto foi bastante positiva

“Foi uma experiência muito emocionante, não só para quem estava envolvido com o projeto, mas por parte dos homenageados e do público de uma maneira geral”, relata o secretário municipal do Turismo, Alexandre Pereira.

“O sucesso foi supreendentemente acima do esperado. Houve momentos de mais de 3 mil pessoas acompanhando a live ao mesmo tempo no Instagram. No total, foram cerca de 40 mil visualizações no domingo, só nessa mídia social, sem contar com o YouTube e com os dias subsequentes. Por conta disso, vamos fazer mais dois domingos de homenagem”, conta.

O Pôr do Sol Fortaleza é um projeto realizado pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal do Turismo, e tem co-realização do Sistema Fecomércio-CE, e o apoio do Instituto Iracema, Convention Bureau, Del Paseo e Compromisso Verde. Nas edições especiais de homenagem aos profissionais da Saúde, também conta com a parceria do Sistema Verdes Mares, Normatel, Araruna Produções e Smart Luz.

Roteiro:

1- Hospital Geral Dr. Cesar Cals - 16h30
2- Hospital Universitário Walter Cantídio - 16h50
3- Maternidade Escola Assis Chateaubriand - 17h05
4- Instituto do Câncer do Ceará - 17h15
5- Hospital São José de Doenças Infecciosas - 17h40
6 - Hospital e Maternidade Dra. Zilda Arns Neumann (Hospital da Mulher) - 18h10
7- Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Autran Nunes - 18h40
8- Hospital Distrital Evandro Ayres de Moura (Frotinha do Antônio Bezerra) - 19h

Serviço:
Pôr do Sol Fortaleza – Edição Especial em Homenagem aos Profissionais da Saúde
Data: 31/05 (domingo)
Horário: 16h30

Publicado em Turismo
Peça gráfica

Os trabalhadores da Cultura que desejam receber o auxílio emergencial devem realizar o cadastro na plataforma online “Uma Força para a Cultura”, até domingo (31/05). A iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), beneficia profissionais do setor cultural de maior vulnerabilidade socioeconômica atingidos pelos efeitos da pandemia da Covid-19.

Faça o cadastro aqui

A ação concede um auxílio emergencial de R$ 200,00 para até 5 mil trabalhadores da cultura da capital cearense, totalizando um investimento de R$ 1 milhão. A iniciativa antecipa 25% do valor previsto para o IX Edital das Artes de Fortaleza, referente ao ano de 2020.

Para receber o auxílio, os profissionais devem atender aos critérios do regulamento e fazer o cadastro na página do Programa, informando todos os dados solicitados. A ação faz parte do programa de proteção social da Prefeitura de Fortaleza, que concede apoio aos profissionais autônomos da Cidade durante o período de isolamento social.

Mais de 2 mil pessoas beneficiadas
Na primeira fase de inscrição do projeto, que ocorreu de 12 a 19 de maio, 2.924 trabalhadores da Cultura realizaram o cadastro para adquirir o auxílio, deste total 2.134 foram aprovados em análise técnica.

Foram contemplados profissionais de 114 bairros da Capital cearense, distribuídos em todas as regionais da cidade. Entre os trabalhadores, 304 vivem na Regional I, 233 na Regional II, 321 na Regional III, 353 na Regional IV, 475 na Regional V, 383 na Regional VI e 66 no Centro.

Serviço
Inscrições para Programação de Auxílio "Uma Força Para Cultura"
Data: Até 31/05 (domingo)
Local: culturaemergencial.fortaleza.ce.gov.br

banner do canal coronavírus fortaleza

Publicado em Cultura
fachada do IJF com placas com nome do hospital, marcas da prefeitura e do governo do estado e o texto Covid-19
Nesta sexta-feira (29/05), o Instituto Doutor José Frota 2 (IJF2) recebe mais 10 leitos de UTI, completando um total de 90

Após reunião com a equipe de saúde do Município, o prefeito Roberto Cláudio fez, na noite desta quinta-feira (28/05), em transmissão pelas redes sociais, um balanço das ações de combate à Covid-19, da ocupação e criação de novos leitos na Capital.

Clique e assista ao vídeo na íntegra

O Gestor começou destacando o número de atendimentos do hospital de campanha do Estádio Presidente Vargas. “No hospital do PV nós já temos 924 admissões e tem mais 20 a caminho. Então chegaremos, nos próximos dias, à marca de 1000 pacientes atendidos e acolhidos na unidade, que tem trabalhado com a taxa de ocupação sempre acima de 80%. O fluxo de processos, o acesso a insumos e a equipamentos e a própria qualidade no manejo de pacientes está sendo aprimorada. Temos hoje 32 pacientes em máscaras com reservatório e 7 entubados numa área de pacientes com mais alto risco”, disse.

prefeito posando para a foto
“No hospital do PV nós já temos 924 admissões e tem mais 20 a caminho. Então chegaremos, nos próximos dias, à marca de 1000 pacientes atendidos", informou o Prefeito

Nesta sexta-feira (29/05), o Instituto Doutor José Frota 2 (IJF2) recebe mais 10 leitos de UTI, completando um total de 90, todos exclusivamente voltados a casos graves de Covid-19. "São leitos de alta complexidade para pacientes que demandam acesso central, hemodiálise. São pacientes que acabam agravando mais e precisam do suporte de equipes multiprofissionais, equipamentos modernos e remédios de ponta”, informou o Prefeito.

Roberto Cláudio anunciou, ainda, que a Prefeitura de Fortaleza, junto com a equipe de saúde do Governo do Estado e o Iprede visitaram, nesta quinta-feira (28/05), a estrutura do Centro de Formação Olímpica (CFO), que sediará uma Unidade de Acolhimento para pacientes que testam positivo para Covid.

“Esta unidade acolherá pacientes de áreas mais vulneráveis que tenham indicação para cumprir a quarentena fora de casa para evitar a contaminação dos demais familiares. A gente espera, já no mês de junho, passar a acolher estes pacientes. Essa é uma parceria da Fundação Itaú, Iprede, Prefeitura Municipal e Governo do Estado, e é a própria Atenção Primária do Programa Saúde da Família quem irá atender esses pacientes e irá recomendar a sua internação”, explicou.

Roberto Cláudio finalizou sua fala destacando a atuação de duas unidades complementares no enfrentamento ao novo coronavírus: o Frotinha do Antônio Bezerra e o Hospital da Mulher.

“Os dois hospitais operam hoje com suas UTIs na lotação máxima. A gente tem esses dois hospitais já com 100% de sua ocupação dos leitos de UTI e temos as suas enfermarias entre 80 e 90% ocupadas. Ambos estão cumprindo um papel complementar muito importante, principalmente o Frotinha do Antônio Bezerra porque está numa área que não tem hospitais de porta aberta para casos de Covid-19 nem UPAs, pois é mais distante, fazendo fronteira com Caucaia. Então, ele tem um papel importante porque possui emergência, leitos de UTI, leitos de UTU, que é uma semi-intensiva, mas com ventilação mecânica, e também enfermarias. É o pacote completo”, concluiu.

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais
Publicado em Saúde
prefeito falando para a foto
"Atividades bem específicas foram autorizadas a voltar, mas os demais precisarão cumprir algumas medidas, entre elas o isolamento social”, destacou o Prefeito

O prefeito Roberto Cláudio anunciou, nesta quinta-feira (28/05), em transmissão ao vivo pelas redes sociais, o plano de retomada de atividades econômicas e cotidianas em Fortaleza. Os parâmetros do plano ficaram definidos após reunião do gestor com o Governador Camilo Santana, especialistas, autoridades e representantes das equipes da Saúde do Estado e do Município.

Clique e assista ao pronunciamento na íntegra

De acordo com o Prefeito, a partir desta segunda-feira (01/06), Fortaleza passa a vivenciar uma fase de transição. “Atividades bem específicas de baixo impacto sanitário serão liberadas, até mesmo para fazermos um teste, acompanhar como será a adesão dessas empresas aos protocolos de segurança da saúde, como vai funcionar o transporte, os riscos de gerar aglomerações. Então é uma fase para avaliar e testar como vai ser a retomada”, disse.

Roberto Cláudio informou que um novo decreto será publicado em breve explicando que tipo de atividades estão liberadas e reforçou que o isolamento social continua. “Dia 1o de junho não vai mudar muita coisa. Atividades bem específicas foram autorizadas a voltar, mas os demais precisarão cumprir algumas medidas, entre elas o isolamento social”, destacou.

Durante a transição, haverá acompanhamento e monitoramento em diversas áreas. “O restante do plano e as atividades específicas que estão planejadas a serem retomadas a cada duas semanas só vão acontecer se tivermos a aprovação das autoridades sanitárias, do Estado e do Município, e se atingir os parâmetros de segurança e saúde que permitam que essa retomada ocorra”, disse.

O Gestor alertou, também, para casos de retomada em outras cidades e que não deram certo, lembrando que a população continue respeitando as orientações para não correr o risco de um novo pico.

“É importante que as pessoas entendam isso. Onde isso aconteceu, infelizmente, cidades e estados vivenciaram um outro pico, sem que as condições, inclusive de assistência, tivessem zeradas. Os nossos leitos de UTI têm 95% de ocupação. Se vem um novo pico sem que a gente esteja preparado, isso acaba trazendo um risco ainda maior. Então, se houver um primeiro sinal de algum risco que essa reabertura esteja trazendo, nossa atitude será de interromper o processo”, enfatizou.

Roberto Cláudio lembrou os últimos números registrados que apontam para uma queda na procura por atendimentos e a redução de casos graves e óbitos.

“Há duas coisas fundamentais para o cotidiano da Cidade. Uma, absolutamente prioritária e inegociável, que é defender a saúde e proteger a vida. A outra é retomar as atividades econômicas, das igrejas, do dia a dia. Mas lembro que é importante manter o isolamento, o distanciamento social, o uso de máscaras, a higiene das mãos, as responsabilidades com a quarentena. Todos precisam respeitar. Por isso que é uma doença tão complexa. Porque ela depende das autoridades de saúde, de prevenção, de assistência, mas depende, fundamentalmente, de cada um de nós”, concluiu.

arte escrito Fortaleza contra coronavírus, clique aqui e saiba mais
Publicado em Saúde
ilustração com crianças de máscara e abaixo o texto leite solidário

O Programa Leite Solidário, lançado esta semana pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Regional I, entrega, nos próximos dias, 500 kits alimentícios a famílias beneficiadas pelo Programa Cresça com Seu Filho/Criança Feliz que residem nos 15 bairros da Regional I e que foram atingidas pelos efeitos da Covid-19.

Os kits, compostos por leite, amido de milho, achocolatado, biscoito e máscara, estão sendo distribuídos pelos agentes comunitários de saúde (ACS) da área, nas moradias das famílias beneficiadas.

vários kits lado a lado contendo caixas de leite e máscaras dentro de um saco plástico transparente
Os kits são compostos por leite, amido de milho, achocolatado, biscoito e máscara

As primeiras doações foram realizadas por servidores da Secretaria Regional I, Movimento Supera Fortaleza e pela empresa Leite Jaguaribe. “São muitos os efeitos provocados pelo novo coronavírus na vida de diversas pessoas residentes em localidades com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Conversamos com equipes da Coordenadoria de Saúde da Regional I e do Gabinete da Primeira-dama e ponderamos encaminhar estes primeiros itens do Leite Solidário para as famílias atendidas pelo Cresça. É essencial que todos estejam unidos em grande corrente pela vida”, explica o secretário da Regional I, Rennys Frota.

O Programa Cresça com Seu Filho/Criança Feliz, idealizado pela primeira-dama Carol Bezerra, envolve o fortalecimento de vínculos familiares de crianças entre 0 e 3 anos e gestantes, desenvolvido a partir de visitas domiciliares de agentes comunitários de saúde em Fortaleza. O objetivo principal é realizar intervenção de apoio às famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica.

“Essa ação é um importante apoio às crianças e suas famílias diante de um momento tão desafiador imposto pela pandemia da Covid-19. Gostaria de agradecer a todos os parceiros que estão contribuindo para o fortalecimento do desenvolvimento infantil”, destaca a Primeira-dama.

Para realizar doações para o Programa Leite Solidário, basta entrar em contato com o número (85) 98513.5290. A equipe da Secretaria Regional I busca a doação ou repassa dados bancários para transferência da contribuição.

Publicado em Social
Página 1 de 28