A Prefeitura de Fortaleza dá seguimento, nesta segunda-feira (30/03), por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), à campanha de vacinação contra a gripe H1N1, H3N2 e influenza b nas escolas municipais e Postos de Saúde de forma antecipada.

"São pouco mais de 90 mil doses que chegaram e vão fazer a gente antecipar a retomada da campanha. Então, segue no fim de semana o serviço Drive Vacina e de segunda a sexta-feira em postos e escolas para alcançarmos o maior número possível de pessoas do grupo prioritário", explicou o prefeito Roberto Cláudio.

Confira a lista de escolas e Postos de Saúde

A imunização será retomada nos 113 Postos de Saúde e nas escolas municipais selecionadas. A estratégia de descentralização é atender aos idosos de 60 a 79 anos evitando aglomerações. Além das pessoas acima de 60 anos, a campanha atende aos profissionais da área da Saúde. Com a proteção da vacina e a consequente diminuição dos casos de influenza H1N1, H3N2 e influenza b, é mais fácil diagnosticar possíveis casos do novo coronavírus em caso de sintomas gripais fortes.

Já neste sábado (28/03) e domingo (29/03), o Drive Vacina segue, das 9h às 16h, nos estacionamentos dos shoppings Riomar Papicu, Riomar Kennedy, North Shopping Fortaleza, North Shopping Jóquei, Via Sul e Iguatemi. O serviço permite a aplicação da vacina sem a necessidade de sair do veículo. Cada ponto conta com uma equipe de 10 profissionais, entre enfermeiros e técnicos. Na primeira etapa da campanha, 11.180 idosos foram atendidos utilizando o serviço, segundo a SMS.

A campanha de vacinação em domicílio também continua normalmente. Idosos acima de 80 anos ou entre 60 e 79 anos que estejam acamados têm o direito de receber a vacina em casa. O prefeito Roberto Cláudio comemorou os números que já foram alcançados só na primeira fase da campanha. "A gente conseguiu bater a meta em três dias, foi um grande sucesso. Isso se deve a um grande esforço de mobilização e comunicação, do trabalho dos servidores e à conscientização da cidade também. Esperamos que aconteça o mesmo no decorrer dessa próxima semana", disse.

Publicado em Saúde
homens lavando frente de upa com mangueira jorrando água
UPA do Cristo Redentor

Na noite desta sexta-feira (27/03), equipes da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos iniciaram o trabalho de higienização em equipamentos de saúde por meio da lavagem, com hipoclorito de sódio, em todo o entorno das unidades de saúde.

O primeiro equipamento a passar pelo processo de higienização foi a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Cristo Redentor, na Avenida Leste Oeste.

A meta é que o trabalho seja feito em todas as unidades que têm atendido os casos suspeitos de coronavírus.
A estratégia é ampliar o conjunto de medidas que o Município já vem adotando, mesmo antes da confirmação dos primeiros casos do Covid-19 na Capital.

A Prefeitura de Fortaleza já havia elaborado planos de contingência e aprovado ações com o objetivo de resguardar a saúde da população.

Publicado em Saúde
leitos hospitalares
O prefeito Roberto Cláudio anunciou o aumento de 621 leitos que estão sendo construídos e serão inaugurados entre os meses de abril e maio

A Prefeitura de Fortaleza está adotando uma ampla série de medidas de diversos setores da administração municipal como forma de combater e prevenir a propagação do Covid-19, buscando assegurar serviços públicos essenciais à população. Antes mesmo da confirmação dos primeiros casos do Covid-19, a Prefeitura de Fortaleza tem elaborado planos de contingência e aprovado medidas com o objetivo de resguardar seus habitantes.

Saúde

Como forma de ampliar a rede de saúde para reforçar o enfrentamento ao novo coronavírus, o prefeito Roberto Cláudio anunciou o aumento de 621 leitos que estão sendo construídos e serão inaugurados entre os meses de abril e maio. Os leitos funcionarão no último andar do IJF2, em prédios anexos às UPAS municipais e no hospital temporário que está sendo construído no Estádio Presidente Vargas.

O hospital temporário contará com 500 profissionais de saúde e possui capacidade de 204 leitos, podendo chegar até 306 leitos, dependendo da demanda. Serão leitos de internamento que podem ser adaptados para leitos de UTI. Com expectativa de entrega para o dia 20 de abril, o equipamento está sendo montado em uma área de 3.500m² e possuirá base em concreto, com estrutura hidrossanitária, hidráulica e elétrica, além da rede para gases medicinais.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) também está realizando a readequação da logística de EPIs e insumos, comprando em parceria com o Governo do Estado.

A Prefeitura de Fortaleza também realizou a compra de 15 mil testes rápidos para o coronavírus que devem chegar na próxima semana.

A SMS também continua reforçando e capacitando sua equipe médica para atender possíveis casos. Além de uma capacitação realizada com profissionais de referência dos 113 Postos de Saúde do Município, foram contratados 75 novos médicos para atuar nestas unidades.

Os novos profissionais estão atuando desde a última quinta-feira (26/03) através do Programa Médico Família Fortaleza.
Para auxiliar no diagnóstico dos casos do novo coronavírus, foi montado um esquema especial de imunização contra a gripe H1N1, H3N2 e influenza b. São 113 Postos de Saúde, 200 escolas municipais e drive vacina em estacionamento de seis shoppings disponíveis para o público-alvo da campanha para evitar aglomerações.

Clique e confira a lista de Postos de Saúde e escolas

A vacina domiciliar é voltada aos idosos acamados ou acima de 80 anos. Através do cadastro nos programas Melhor em Casa e Saúde da Família, estão sendo agendadas visitas domiciliares. Quem se encaixa no grupo e não possui o cadastro pode solicitar a vacinação com cadastro pelo telefone (85) 9989-4799 ou pelo site https://vacineja.sepog.fortaleza.ce.gov.br. Com o reforço na campanha e a ampliação dos pontos de vacinação, Fortaleza garantiu a aplicação do primeiro lote em tempo recorde e já aplicou cerca de 140 mil doses da vacina.

Os idosos também estão recebendo medicamentos de uso contínuo em casa para evitar deslocamento até os postos.

Educação

A Prefeitura de Fortaleza suspendeu as aulas das escolas municipais até o dia 31 de março, buscando evitar aglomerações. Para garantir a segurança nutricional das crianças, estão sendo distribuídos kits alimentares aos responsáveis dos alunos em todas as unidades escolares do Município. No total, serão contemplados 230 mil alunos que receberão um kit que contém 1kg de açúcar, 2 kg de arroz branco, 1 pacote de macarrão espaguete, 1 pacote de biscoito, 1kg de feijão, 1 garrafa de óleo de soja, 1 kg de sal, 1 kg de farinha de mandioca e 1 pacote de farinha de milho.

Academia ENEM

Para os alunos do Academia Enem, as aulas estão sendo ministradas por meio da plataforma online, garantindo o conteúdo aos alunos que se preparam para o Exame Nacional do Ensino Médio. Para acessar é só se inscrever na plataforma Youtube e buscar por Juv.tv.

Fiscalização

A Agência de Fiscalização (Agefis) e o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) estão realizando fiscalização continua de preços de produtos utilizados como prevenção ao novo coronavírus, como álcool em gel e máscaras. A operação visa coibir a venda desses produtos a preços elevados sem justa causa, além da comercialização fora das condições sanitárias adequadas ou em estabelecimentos não autorizados.

A Agefis também vem atuando diariamente no cumprimento do que determina o Decreto Nº 33.519/2020, publicado pelo Governo do Ceará, com relação às feiras e atividades em espaços públicos, como festas em vias públicas e bares.

Trânsito

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) tem atuado na fiscalização de veículos. Do dia 16 de março até o fim do mês, os caminhões de carga estarão liberados para circular em quaisquer horários. O objetivo é otimizar o abastecimento de mercadorias e a circulação de produtos. O prazo de credenciais de estacionamento de idosos e pessoas com deficiência também foi prorrogado por 60 dias.

Mobilidade

A Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) tem realizado uma operação especial, por meio da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), para garantir um menor número de passageiros dentro dos transportes públicos. Veículos extras estão posicionados nos terminais de integração e podem ser utilizados para as linhas que apresentem maior demanda. A oferta da frota de ônibus está sendo avaliada diariamente pela Etufor a partir da demanda dos usuários.

A Prefeitura também está garantindo o reforço de higienização, incluindo a limpeza diária dos veículos. Desde o dia 18 de março, já foram distribuídos 436 litros de álcool em gel nos sete terminais e disponibilidade de água e sabão nos banheiros, bem como novas pias estão sendo instaladas nas plataformas dos terminais Antônio Bezerra, Siqueira, Conjunto Ceará, Papicu, Parangaba, Lagoa e Messejana.

interior do restaurante popular
O Restaurante Popular está atendendo em sua sede e no Ginásio da Parangaba

Assistência Social

A Secretaria de Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (Sdhds) inaugurou dois novos abrigos temporários para a população em situação de rua (Rua Dr. José Roberto Sales, 830, na Barra do Ceará e Rua Solon Pinheiro, 898, no Centro), com um total de 150 vagas.

Além destes, dois novos abrigos para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, com total de 30 vagas, foram abertos na Messejana e Sapiranga.

Todas as unidades voltadas para atendimento assistencial à população de rua e para acolhimento institucional de crianças e adolescentes de Fortaleza continuam funcionando.

Também estão sendo entregues 600 refeições para quem não consegue chegar às unidades de assistência como Centros Pop e Centro de Convivência. O refeitório e o restaurante popular passaram a entregar quentinhas em suas portas, buscando evitar aglomerações.

 

https://www.fortaleza.ce.gov.br/images/09/01_01_CAMPANHA_VACINACAO_IDOSOS_2020_POSTOS_E_ESCOLAS.pdf.pdf
Publicado em Saúde
idoso sendo vacinado dentro de carro por mulher com jaleco, máscara e touca
O serviço volta a ser disponibilizado no estacionamento dos shoppings Riomar Papicu, Riomar Kennedy, North Shopping Fortaleza, North Shopping Jóquei, Via Sul e Iguatemi

A Prefeitura de Fortaleza retoma, neste fim de semana, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), a campanha de vacinação contra a gripe H1N1, H3N2 e influenza b, depois de receber uma nova remessa de vacinas.

O serviço Drive Vacina volta a ser disponibilizado neste sábado (28/03) e domingo (29/03), das 9h às 16h, no estacionamento dos shoppings Riomar Papicu, Riomar Kennedy, North Shopping Fortaleza, North Shopping Jóquei, Via Sul e Iguatemi.

A partir de segunda-feira (30/03), a vacinação estará disponível nos 113 Postos de Saúde e 200 escolas municipais selecionadas. A estratégia de descentralização tem como objetivo atender aos idosos de 60 a 79 anos, evitando aglomerações.

Clique e confira a lista de Postos de Saúde e escolas

O Drive Vacina é um serviço que permite a aplicação da vacina sem a necessidade da população sair do veículo. Cada ponto contará com uma equipe de 10 profissionais, dentre eles enfermeiros e técnicos.

Além disso, a Guarda Municipal e a Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) estarão no local. Todos os profissionais estarão utilizando máscaras, além da constante higienização das mãos com álcool em gel.

O esquema especial de imunização contra a gripe H1N1, H3N2 e influenza b no Drive Vacina atendeu, na primeira etapa da campanha, 11.180 idosos. “Os idosos não precisam sair do carro para receber a vacina, apenas baixar o vidro, e isso permite que eles fiquem protegidos dentro do carro, sem aglomeração, com ar-condicionado”, explicou a técnica de imunização Renata Dias, da equipe da SMS.

Público-alvo

Vale lembrar que, para receber a vacina, é necessário fazer parte do público-alvo e apresentar um documento oficial com foto.

Além das pessoas acima de 60 anos, a primeira fase da campanha também atende aos profissionais da área da saúde.

Com a proteção da vacina e a consequente diminuição dos casos de influenza H1N1, H3N2 e influenza b, é mais fácil diagnosticar possíveis casos do novo coronavírus em caso de sintomas gripais fortes.

Na última quarta-feira (25/03), a Prefeitura de Fortaleza alcançou a meta de cobertura na primeira etapa de vacinação, contemplando cerca de 140 mil doses, aplicadas com o primeiro lote destinado à população com mais de 60 anos.

A rede de atendimento funcionou distribuída nos 113 Postos de Saúde, 200 escolas municipais e pontos de vacinação do Drive Vacina, em regime de drive thru em estacionamentos de shoppings.

Publicado em Saúde
prefeito sentado à mesa falando
Prefeito salientou a responsabilidade e a seriedade do momento que está sendo enfrentado

O prefeito Roberto Cláudio realizou, na noite desta quinta-feira (26/03), mais uma transmissão ao vivo pelas redes sociais. Na ocasião, comentou sobre a confirmação dos primeiros óbitos causados pelo coronavírus em Fortaleza e se solidarizou com as famílias das vítimas, salientando a responsabilidade e a seriedade do momento que está sendo enfrentado.

"Estamos levando esse assunto muito a sério no Estado do Ceará. A gente tem a prioridade de proteger a vida humana e é o que temos tentado fazer aqui por meio do Comitê de Enfrentamento em parceria com o Governo do Estado", destacou o Prefeito.

Além do acolhimento de pacientes em leitos de UTI nos hospitais estaduais, Roberto Cláudio reforçou a iniciativa da Prefeitura em ampliar a capacidade das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e do Instituto Dr. José Frota 2 (IJF 2) para receber as vítimas do coronavírus, bem como a nova estrutura hospitalar que está sendo construída no Estádio Presidente Vargas.

“Todo esse plano discutido vai exatamente ao encontro do momento em que a epidemia chegar nos bairros mais pobres, por isso estamos garantindo a estrutura para a gente acolher as eventuais vítimas na Cidade”, disse.

Rede assistencial

O Prefeito também anunciou, durante a transmissão, a ampliação das ações de assistência à população em situação de rua. Em caráter emergencial, dois novos abrigos temporários foram abertos nesta quarta-feira (25/03), com 150 vagas. As unidades estão localizadas na Barra do Ceará (Rua Dr. José Roberto Sales, 830) e no Centro (Rua Solon Pinheiro, 898). Todos os outros locais de acolhimento continuam funcionando, embora com horários flexibilizados e sem atividades de aglomeração.

Em relação às crianças e adolescentes em situação de rua ou de vulnerabilidade, a Prefeitura de Fortaleza continua garantindo a proteção integral durante o período de quarentena, recebendo demandas e prestando atenção psicossocial. A expectativa é inaugurar, ainda nesta semana, dois novos abrigos temporários para crianças e adolescentes, localizados na Sapiranga e em Messejana.

Além disso, o Refeitório Social, o Restaurante Popular e os Centros Pop seguem distribuindo mais de 2 mil refeições por dia. Segundo Roberto Cláudio, foi elaborado um esquema de distribuição de quentinhas para evitar aglomerações nas dependências da estrutura. Além disso, por meio do Movimento Supera Fortaleza, serão distribuídas, ao todo, 600 refeições para quem não conseguir chegar às unidades de assistência, como os Centros Pop e o Centro de Convivência.

Clique para saber mais sobre as ações de assistência à população de rua

Confira os serviços para o atendimento de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade

Meta batida

Outro ponto destacado pelo prefeito Roberto Cláudio foi o alcance da meta de 140 mil doses da vacina contra a gripe H1N1, cujo primeiro lote foi iniciado no último fim de semana e aplicado em pessoas de 60 a 79 anos. Até a chegada do segundo lote, a ser enviado brevemente pelo Ministério da Saúde, a vacinação em Fortaleza segue sendo realizada apenas em regime domiciliar, imunizando pessoas com mais de 80 anos e idosos com idade entre 60 e 79 anos que estejam acamados ou tenham dificuldade de locomoção para ir até o local de vacinação. “Assim que o novo lote chegar, teremos tempo para distribuir as vacinas em postos e escolas e cobrir toda a população”, garantiu o Prefeito.

Publicado em Saúde
homem com máscara hospitalar segurando cesta básica fazendo legal com a mão para a foto
Para que o processo de entrega transcorra da melhor forma, sem aglomerações, apenas o pai ou responsável deve comparecer à unidade escolar

A Prefeitura de Fortaleza já realizou, até esta quinta-feira (26/03), por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), a entrega de mais de 102 mil kits de alimentação aos alunos da Rede Municipal de Ensino. Ao todo, cerca de 230 mil alunos de Centros de Educação Infantil, creches conveniadas e escolas municipais receberão o kit individual. A iniciativa tem o objetivo de complementar a alimentação dos alunos durante o período de suspensão das aulas, em decorrência do enfrentamento e prevenção à pandemia do novo coronavírus.

A distribuição ocorre desde a última segunda-feira (23/03). Conforme organização das unidades escolares, com apoio e supervisão da SME, as famílias são informadas sobre a data disponível para a retirada dos kits. A entrega iniciou pelos alunos da Educação Infantil e segue para o Ensino Fundamental e a Educação de Jovens e Adultos.

Para que o processo de entrega transcorra da melhor forma, sem aglomerações, apenas o pai ou responsável deve comparecer à unidade escolar, onde o aluno está matriculado, no dia e horário marcados para retirada do kit.

“Seguimos algumas medidas de segurança importantes. O agendamento para receber o kit é uma forma de evitar qualquer tipo de aglomeração. Ao chegar na unidade, os pais recebem orientações para lavar as mãos, com água e sabão, ou utilizar o álcool gel. De imediato, sem contato com equipamentos das escolas, os pais recebem os kits e saem. Nossa ação vem acontecendo de forma organizada e respeitosa aos protocolos de higiene e segurança para a prevenção ao coronavírus”, explica o secretário adjunto da SME, Jefferson Maia.

Vale ressaltar que os mesmos cuidados são tomados pelos profissionais da Educação envolvidos na ação. Para isso, as unidades de ensino receberam equipamentos de proteção para uso durante a entrega do kit de alimentação, como máscaras e álcool gel.

Os kits são compostos pelos seguintes alimentos não perecíveis: 1kg de açúcar, 2 kg de arroz branco, 1 pacote de macarrão espaguete, 1 pacote de biscoito, 1kg de feijão, 1 garrafa de óleo de soja, 1 kg de sal, 1 kg de farinha de mandioca e 1 pacote de farinha de milho. Segundo Brenda Marques, nutricionista da Célula de Alimentação Escolar da SME, o kit possibilita garantir a segurança nutricional dos alunos neste período sem aulas. “Os gêneros alimentícios do kit alimentação ofertam carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais, que vão colaborar com a imunidade dos nossos alunos”, explica. Para a secretária da Educação, Dalila Saldanha, “o programa de alimentação escolar é um componente importantíssimo para o desenvolvimento integral dos estudantes”.

A ação de distribuição de kits alimentícios faz parte da campanha “Educação pela vida: coronavírus não”, iniciativa da SME que tem o objetivo de contribuir com a disseminação de informações e orientações para os alunos da Rede Municipal Ensino e seus familiares, envolvendo a comunidade escolar de uma forma geral.

Publicado em Educação
Profissionais no carro
Equipe do programa Ponte de Encontro saindo para atendimento

A Prefeitura de Fortaleza continua garantindo, por meio da Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), a proteção integral de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade durante o período de quarentena em decorrência novo coronavírus (Covid-19).

Programa Ponte de Encontro

Auxilia às políticas públicas para a socialização de crianças e adolescentes que estejam em situação de mendicância, exploração econômica e trabalho infantil. O trabalho continua em regime especial de domingo a domingo, das 8h às 17h, uma equipe plantonista composta por quatro educadores sociais, um técnico de referência e dois motoristas para atendimento de denúncias e garantia da continuidade dos serviços, realizando os devidos encaminhamentos para a rede de proteção, junto ao serviço de garantias de direitos e Conselho Tutelar. Para mais informações e denúncias entre em contato pelo número (85) 3433.1414.

Programa Rede Aquarela

Desenvolve ações de enfrentamento e atendimento para crianças e adolescentes vítimas de abuso e exploração sexual. O trabalho continua em regime especial com os profissionais dos eixos Disseminação, Atendimento DCECA, Atendimento Psicossocial e Atendimento 12ª Vara sobreaviso diariamente. A equipe de prevenção está prestando orientações aos órgãos da rede de proteção em casos de violência sexual infantojuvenil. Durante o período de quarentena, a equipe de atendimento psicossocial permanece nas dependências da delegacia especializada de combate à exploração de crianças e toda equipe multidisciplinar de atendimento continuado encontra-se sobreaviso na sede do órgão para contenção de demandas de emergência.

O programa Rede Aquarela possui quatro eixos de trabalho:

1 - Disseminação (preventivo) – Leva informações para a comunidade com a participação de instituições governamentais, não governamentais e profissionais da rede de proteção através de palestras e oficinas educativas em todas Regionais. É no eixo preventivo que acontece o trabalho inicial de informar para que possíveis casos que envolvam crianças e adolescentes sejam percebidos e as providências sejam tomadas.
Contato: (85) 3433.1419 / (85) 3105.3424

2 – Atendimento na Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (DCECA) – Equipe presente na Delegacia que acolhe e presta atendimento humanizado às vítimas de violência sexual e familiares.
Contato: (85) 3433.9568 / (85) 3101.2044

3 - Atendimento Psicossocial - Após a ida à Delegacia, vítima e família são encaminhadas para a Casa da Infância e da Adolescência (Rua João Tomé, 261 – Monte Castelo), para o atendimento psicossocial realizado com uma equipe multidisciplinar constituída por psicólogos, advogados, educadores e assistentes sociais, que juntos realizam um trabalho com várias estratégias até que a violência seja superada.
Contato: (85) 3238.1682 / (85) 3433.1421

4 - Atendimento na 12ª Vara Criminal – Equipe presente na sala de depoimento especial do Fórum Clóvis Beviláqua, uma parceria entre o Tribunal de Justiça e a Prefeitura Municipal de Fortaleza.
Contato: (85) 3492.8710

Conselho Tutelar

Os Conselhos Tutelares estão funcionando durante 24 horas, em regime de plantão, das 8h às 20h e das 20h às 8h, com dois conselheiros, um profissional de apoio em cada período e dois motoristas. O Plantão Central dos Conselhos Tutelares está operando no recebimento das denúncias por meio dos números (85) 98970.5479 / (85) 3238.1828.

Publicado em Social
prefeito falando sentado à mesa
Roberto Cláudio também agradeceu a solidariedade desprendida em Fortaleza por meio de atitudes individuais e coletivas

A Prefeitura de Fortaleza segue intensificando os esforços necessários ao combate à pandemia causada pelo novo coronavírus. Na noite desta quarta-feira (25/03), o prefeito Roberto Cláudio anunciou novas ações de enfrentamento no âmbito do Município.

A assistência à saúde da população vem sendo reforçada por meio de uma série de medidas. Em virtude do atual cenário epidemiológico, composto pelos crescentes casos confirmados de infecção por coronavírus e por outros quadros virais, incluindo as arboviroses, os leitos municipais serão estrategicamente expandidos.

A Prefeitura está reforçando em cinco UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) do Município a implantação de estruturas anexas.

De acordo com o cronograma divulgado, serão 140 leitos adicionais instalados ao longo do mês de abril, contemplando, gradativamente, as UPAs do Bairro Edson Queiroz, do Bom Jardim, do Vila Velha, do Jangurussu e do Itaperi. 

infográfico de dados

75 novos médicos nos postos de saúde da Cidade

A partir desta quinta-feira (26/03), a Rede de Atenção Primária à Saúde da Capital será fortalecida pelo Programa de Saúde da Família (PSF). Serão 75 novos médicos atuando nos postos de saúde da Cidade instalados, sobretudo, em áreas vulneráveis.

A iniciativa conta com a parceria do Governo do Estado do Ceará.

Aquisição de 15 mil exames rápidos

Durante o anúncio, o prefeito Roberto Cláudio ainda destacou a aquisição de 15 mil testes rápidos para a detecção do novo coronavírus. A chegada dos materiais está prevista para o início de abril e vai contemplar, também, os profissionais de Saúde atuantes da Rede Municipal. A iniciativa objetiva, além do aumento do cuidado ao profissional, a minimização da contaminação hospitalar.

Novos insumos e materiais

O prefeito Roberto Claudio agradeceu o empenho e dedicação dos profissionais de saúde e também reconheceu os esforços adotados pelo Governo do Estado.

Ele garantiu a atuação do Município para complementar a aquisição de novos insumos e materiais. Dentre eles, equipamentos de proteção individual e respiradores.

Em decorrência da alta demanda mundial, a logística para compra e recebimento será gradativamente efetivada ao longo do mês de abril.

Nova estrutura no Estádio Presidente Vargas

Conforme previamente anunciado, o Estádio Presidente Vargas será equipado até o dia 20 de abril, com pelo menos 204 leitos. De acordo com o prefeito, as obras seguem em ritmo acelerado e irão fortalecer a assistência aos acometidos pelo Covid-19. O número de leitos pode ser ampliado, de acordo com a necessidade, para até 306 leitos.

Na oportunidade, Roberto Cláudio garantiu que, ao final da crise vigente, a estrutura do estádio será devidamente recuperada. “Neste momento, nosso propósito é o de salvar vidas. Passado este momento, atenderemos à demanda de torcedores e dos atletas. O gramado será recuperado nos melhores padrões para servir do futebol amador e profissional”, apontou.

Instituto Doutor José Frota (IJF 2)

Os atendimentos de alta complexidade serão fortalecidos por meio da implantação de 175 novos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) no IJF2 até o fim do mês de maio.

Rede de solidariedade

O prefeito Roberto Cláudio agradeceu a solidariedade desprendida em Fortaleza por meio de ações individuais e coletivas, destacando a ação da FIEC por meio do esforço Salvando Vidas e reconhecendo a importância da iniciativa Supera Fortaleza, que reúne esforços da sociedade civil e de bancos comunitários, visando à assistência da população mais vulnerável da Cidade.

Publicado em Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza informa que já alcançou a meta de cobertura na primeira etapa de vacinação contra a gripe H1N1, iniciada no último final de semana, contemplando cerca de 140.000 doses, aplicadas com o primeiro lote destinado à população com mais de 60 anos.

A rede de atendimento funcionou distribuída nos 113 Postos de Saúde, 200 escolas municipais e pontos de vacinação em regime de drive thru em estacionamentos de shoppings e campus universitário.

Clique e confira a lista de Postos de Saúde e escolas

Nesta quinta-feira, a vacinação será realizada apenas no regime domiciliar, imunizando pessoas com mais de 80 anos e os idosos com idade entre 60 a 79 anos que estejam acamados.

Esse tipo de atendimento acontece mediante o cadastro feito no Posto de Saúde da área.

Para realizar o cadastro, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) está disponibilizando um número de WhatsApp que também servirá para agendamentos e confirmações de datas e horários das visitas.

Número para cadastro e agendamento: (85) 9.9989-4799.

A SMS trabalha com a previsão de que na próxima semana já deverá receber um segundo lote de vacinas.

Publicado em Saúde
fachada do refeitório social com placa e pessoas na porta
Refeitório Social mudou a execução de funcionamento e elaborou um esquema de distribuição de quentinhas para evitar que as refeições sejam feitas nas dependências da estrutura

A Prefeitura de Fortaleza está executando novas ações, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), para atender a população de rua de Fortaleza, seguindo as orientações das autoridades de saúde diante da disseminação do coronavírus. Para isso, dois novos abrigos temporários foram abertos, nesta quarta-feira (25/03), em caráter emergencial, com total de 150 vagas.

Os abrigos estão localizados na Barra do Ceará (Rua Dr. José Roberto Sales, 830) e no Centro (Rua Solon Pinheiro, 898). Todas as unidades voltadas para atendimento assistencial à população de rua de Fortaleza continuam funcionando, embora com os horários flexibilizados e sem as atividades de aglomeração.

O Refeitório Social mudou a execução de funcionamento e elaborou um esquema de distribuição de quentinhas para evitar que as refeições sejam feitas nas dependências da estrutura. Além disso, por meio do Movimento Supera Fortaleza serão distribuídos, ao todo, 600 refeições para quem não conseguir chegar às unidades de assistência como Centros Pop e Centro de Convivência.

A expectativa é inaugurar, ainda nesta semana, dois novos abrigos temporários para crianças e adolescentes, localizados na Sapiranga e em Messejana.

“Estamos tomando todas as providencias e recebendo apoio de entidades e empresários para garantir a proteção dessas pessoas em situação de rua. A sociedade civil também pode ajudar para reduzir os impactos do coronavírus em Fortaleza”, afirmou o secretário titular da SDHDS, Elpídio Nogueira.

Confira os horários de funcionamento da rede assistencial para pessoas em situação de rua em Fortaleza:

- Refeitório Social: Rua Padre Mororó, 686 – Centro
10h às 13h – Almoço
16h às 17h30 - Sopas diariamente

- Restaurante Popular: Rua Carlos Amora, 07 - Parangaba
10h às 13h - Segunda a sexta-feira

- Centro Pop Centro: Rua Jaime Benévolo, 1059 - Centro
9h às 15h - Segunda a sexta-feira

- Centro Pop Benfica: Av João Pessoa, 4180 – Damas
9h às 15h - Segunda a sexta-feira

- Centro de Convivência passou a ser abrigo temporário: Rua Solon Pinheiro 898 – Centro
24h diariamente

Publicado em Social
Página 1 de 5