Aluna da Rede Municipal com medalha

Mais uma vez a aluna da Rede Municipal Raquel Rebouças da Silva entra para a história da ginástica rítmica do Ceará e se torna a primeira ginasta cearense a conquistar medalha de ouro na etapa Nacional dos Jogos Escolares da Juventude, que ocorreu em Blumenau, Santa Catarina, entre os dias 26 e 30 de novembro. Além da medalha de ouro no aparelho corda, Raquel ainda conquistou o bronze no individual geral.

As conquistas históricas não param por aí. Raquel, da Escola da Escola Municipal Dom Aloisio Lorscheider (Distrito 2), juntamente com a ginasta Laíssa de Oliveira, do Colégio do Serviço Social do Comércio (Sesc), conquistaram a primeira medalha por equipe do estado, as duas foram bronze, colocando o Ceará entre os melhores da ginástica rítmica.

A aluna Raquel Rebouças faz parte do Projeto “Sonho em Movimento”, uma das iniciativas desenvolvidas pela Secretaria Municipal da Educação (SME), por meio da Coordenadoria de Ensino Fundamental (COEF), com alunas da EM Dom Aloísio Lorscheider, na Praia do Futuro. A jovem treina ginástica há sete anos no projeto e recebe da SME suporte (financeiro e de treinamento, incluindo acompanhamento especializado) para treinar e participar de competições locais e nacionais.

Depois dessa competição dos Jogos Escolares da Juventude, Raquel volta para casa com o título de campeã e mais duas medalhas de bronze para sua coleção. A professora da Rede e técnica Jordana Carneiro se emociona com o resultado da aluna, que participou pela segunda vez do evento. “Estamos emocionadas, felizes e muito gratas a todos que acreditam no nosso projeto, que torcem pela nossa ginasta e investem no esporte dentro da escola pública. Nosso agradecimento à Secretaria Municipal de Educação e à Prefeitura de Fortaleza, por todo apoio, por possibilitar que sonhos assim se tornem reais", comemora.

Jogos Escolares da Juventude
Maior competição estudantil do Brasil, os Jogos Escolares da Juventude reúnem jovens de 12 a 14 anos e de 15 a 17 anos, de escolas públicas e privadas de todo o país, em 14 modalidades. A competição foi criada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), em 2005. O formato do evento é dividido em três etapas regionais, destinadas a classificar as modalidades coletivas, e uma etapa nacional, com ambas as categorias, reunindo mais de seis mil atletas dos 26 estados mais o Distrito Federal.

Publicado em Educação

Inicia nesta terça-feira (26/11) a aplicação das provas do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (Spaece). Ao todo, participarão do processo avaliativo 49.926 alunos de 298 escolas da Rede Municipal. Realizado de forma censitária, o Spaece acontece todos os anos e abrange os alunos do Ensino Fundamental (2º, 5º e 9º anos).

O Spaece é uma avaliação que verifica a qualidade do ensino nos 184 municípios do Ceará e abrange as escolas públicas das redes estadual e municipal, avaliando os alunos da Educação Básica, desde as etapas de Alfabetização até o Ensino Médio. A avaliação tem como foco o domínio das competências e das habilidades esperadas nas disciplinas de Língua Portuguesa e de Matemática. No caso das crianças do 2º ano do Ensino Fundamental, na vertente Spaece-Alfa, a avaliação tem como base o nível de leitura.

Neste ano, as provas ocorrem sempre às 8h para os alunos que estudam no período da manhã, e às 14h para os alunos da tarde, de acordo com o seguinte cronograma:

26/11
9º ano
Provas de língua portuguesa e matemática, com duração de 2h10

27/11
5º ano
Provas de Língua Portuguesa e Matemática, com duração 2h10

28/11
2º ano
Prova de Língua Portuguesa (leitura), com duração de 2h

Caravana Aprender+

Ao longo do ano, a Secretaria Municipal de Educação (SME) realiza a Caravana Aprender+, com o objetivo de preparar os estudantes para o Spaece, assim como para outras avaliações externas e internas. A ação, realizada anualmente, visa promover a prática educativa voltada à melhoria da aprendizagem dos alunos, fortalecendo o trabalho pedagógico e a motivação destes.

Fortaleza no Spaece 2018

O município de Fortaleza continua avançando nos níveis de alfabetização da Educação Básica. É o que apontam os resultados do Spaece relativos ao ano de 2018. Os dados mostram que Fortaleza alfabetizou 92,4% dos alunos que finalizaram o 2º ano do Ensino Fundamental, dado superior ao registrado no Ceará, que é de 89,6%. Nessa edição do Spaece, Fortaleza avançou em todos os indicadores de desempenho, incluindo a proficiência de Língua Portuguesa e Matemática no 5º e no 9º ano.

Fortaleza ocupa agora a 103º posição no ranking da educação dos municípios do Ceará em relação ao Spaece-Alfa. Em 2012, a Capital ocupava a posição 184. Já em 2017, passou para o 110º lugar. Os números ganham mais destaque quando o ranking indica que os resultados foram a partir da avaliação de 14.491 alunos, quando os municípios que ocuparam os primeiros 10 lugares variaram entre 82 (mínimo) e 455 (máximo) estudantes participantes.

Publicado em Educação
fachada da academia do professor
O novo equipamento atenderá 13 mil professores da Rede Municipal de Ensino, oferecendo um conjunto de serviços de formação e qualificação

A Prefeitura de Fortaleza inaugura, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), nesta quinta-feira (24/10), às 10h, o Centro de Formação e Assistência aos Profissionais da Rede Municipal de Ensino em Fortaleza, a Academia do Professor Darcy Ribeiro. O equipamento, que compõe as ações do programa Juntos por Fortaleza, integra a política de formação e valorização dos profissionais da educação municipal. A solenidade de inauguração contará com a presença do prefeito Roberto Cláudio e do governador Camilo Santana, acompanhados da secretária da Educação de Fortaleza, Dalila Saldanha.

O novo equipamento atenderá 13 mil professores da Rede Municipal de Ensino, oferecendo um conjunto de serviços de formação e qualificação, além de assistência à saúde dirigida especialmente às necessidades dos profissionais. Totalizando uma área de 4.400m², a Academia do Professor conta com espaço cultural, auditório com mais de 300 lugares, piscina, ginásio poliesportivo, salas de aula homenageando professores, brinquedoteca, Sala de Inovação e biblioteca com acervo físico e digital, incluindo em seu material um manuscrito doado pelo Instituto Paulo Freire do próprio educador.

Além disso, o local terá um polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB), com a oferta de especializações de diversas áreas, espaços para a prática de pilates, treinamento funcional, dança, artes marciais e psicomotricidade. O espaço conta ainda com sala destinada ao Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Município de Fortaleza (Sindiute).

A implantação da Academia do Professor constitui o marco inicial do Programa Municipal de Promoção da Saúde Integral do Profissional da Educação (Prosipe), fruto de parceria entre Universidade de Fortaleza, Secretaria Municipal de Educação e Instituto de Previdência do Município (IPM). A Universidade de Fortaleza também participará das ações da Academia do Professor, por meio de atividades de ensino, pesquisa e extensão em prol da saúde de todos os profissionais de educação do município, com foco em três eixos prioritários: saúde mental, saúde vocal e saúde do movimento.

Na área de saúde vocal, a parceria com a Universidade de Fortaleza prevê a realização do programa E-Voice, ferramenta que apoia a gestão do uso da voz por profissionais da educação, grupos de aperfeiçoamento vocal e práticas de comunicação em sala de aula e triagem auditiva. Entre as ações voltadas para a saúde mental estão previstas oficinas e a formação de grupo de apoio psicológico. Já na área de saúde do movimento, o Prosipe prevê a implantação de programa de qualidade de vida, melhoria da saúde e bem-estar, aulas de dança, hidroginástica e ginástica, treinamento funcional e programas esportivos.

Localizado na Rua Dona Leopoldina (Centro), o novo espaço iniciará o funcionamento no dia 4 de novembro, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h, com a expectativa de atender cerca de 350 profissionais semanalmente. A programação dos próximos meses incluirá oficinas de saúde preventiva e treinamento funcional.

A Academia, que é resultado de um convênio da Prefeitura de Fortaleza com o Governo do Estado, orçado em R$ 4,4 milhões, conta com o apoio da Unifor, do Instituto de Previdência do Munícipio (IPM), e do Centro Internacional de Análise Relacional (Ciar).

Mês do professor na Rede Municipal
A inauguração da Academia do Professor é uma das principais ações do Outubro Docente, programação especial dedicada ao mês do professor na Rede Municipal de Ensino. Assim como nos anos anteriores, a programação disponibiliza uma agenda, ao longo do mês, com atividades e ações focadas na valorização dos profissionais da educação.

A programação deste ano traz também a Quarta Docente, Campanha "Meu Professor, Minha Inspiração", Seminário Municipal “Trajetórias de Sucesso na Sala de Aula", Salão Outubro Docente, sessão solene em homenagem a professores, além do show cultural "Paulo Freire Vive".

Para além das homenagens realizadas durante o mês de outubro, o município de Fortaleza coloca em prática uma política de valorização do magistério durante todo o ano. Além do diálogo permanente com a entidade representativa da categoria, as iniciativas implementadas, desde o início da gestão do prefeito Roberto Cláudio, trouxeram reconhecimento, melhores condições de trabalho para os profissionais da Educação e intervenções para a melhoria da infraestrutura de escolas e creches, além da entrega de novos equipamentos.

Serviço:
Inauguração da Academia do Professor Darcy Ribeiro
Data: 24/10 (quinta-feira)
Horário: 10h
Endereço: Rua Dona Leopoldina, 907- Centro

 

 

Publicado em Educação
marca do evento

A Prefeitura de Fortaleza realiza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), a edição 2019 do Outubro Docente, programação dedicada ao mês do professor na Rede Municipal de Ensino de Fortaleza. A agenda inclui um conjunto de ações, que ocorre ao longo do mês, com a participação dos profissionais da educação.

A programação inclui show cultural, inauguração da Academia do Professor, Quarta Docente, Campanha "Meu professor, Minha Inspiração", Seminário Municipal Trajetórias de Sucesso na Sala de Aula", Salão Outubro Docente, sessão solene em homenagem a professores, entre outros momentos.

Nesta semana, as atividades do Outubro Docente iniciam com a Quarta Docente, que ocorre nesta quarta-feira (09/10), durante todo o dia, no auditório Deputado Murilo Aguiar, na Assembleia Legislativa do Ceará. A iniciativa traz na parte da manhã, a partir de 8h30, a palestra “Multiletramento e o ensino de Língua Portuguesa nos anos iniciais do Ensino Fundamental”, ministrada pelo professor e doutor Antonio Felipe Aragão dos Santos, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), durante o 2º Seminário Trajetórias de Sucesso em Sala de Aula.  

À tarde, a partir das 13h30, a Quarta Docente segue com roda de conversa com a participação de quatro professores convidados compartilhando práticas vivenciadas nas unidades da Rede Municipal. A iniciativa é uma série de encontros para promover a troca de experiências entre professores.

Show cultural

Um dos destaques da programação do Outubro Docente 2019 é o show cultural "Paulo Freire Vive", no dia 14 de outubro, véspera do Dia do Professor, no Náutico Atlético Cearense. Voltado a profissionais da educação de Fortaleza, as atrações confirmadas são Zeca Baleiro, Banda Acaiaca e Os Transacionais. O show é uma realização em parceria com o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Município de Fortaleza (Sindiute).

Publicado em Educação
Alunos da Rede Municipal na cerimônia de abertura da Feira de Ciências e Cultural 2019
Cerimônia de abertura da feira ocorreu na Seara da Ciência da UFC e reuniu alunos, professores e demais profissionais da Rede Municipal

A edição 2019 da etapa municipal da Feira de Ciências e Cultura de Fortaleza iniciou na tarde desta terça-feira (10/09), durante cerimônia de abertura na Seara da Ciência da Universidade Federal do Ceará (UFC). Nos próximos dois dias (11 e 12/09), 60 equipes de alunos do 5º ao 9º e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Rede Municipal apresentam pesquisas científicas desenvolvidas em sala de aula. Ao longo do evento, cerca de 1.500 estudantes das escolas municipais visitam a feira, possibilitando maior intercâmbio científico e cultural entre os alunos. As exposições ocorrem também na Seara da Ciências.

Na sexta-feira (13/09), será o encerramento e a premiação da IX Feira de Ciências, com o anúncio dos 12 trabalhos mais bem avaliados pela comissão avaliadora, formada por mestrandos e doutorandos da Universidade Estadual do Ceará (Uece). Esses finalistas serão classificados para a etapa regional do Ceará Científico, realizado pela Secretaria da Educação do Ceará (Seduc).

O secretário adjunto da Educação, Jefferson Maia, participou da cerimônia de abertura e destacou o papel da Feira de Ciências de Fortaleza ao longo dos nove anos de realização. “A feira traz um pouco dos trabalhos científicos desenvolvidos nas escolas municipais. As pesquisas evidenciam a qualidade e competência de nossos alunos e profissionais. Este ano, tivemos mais de 360 trabalhos inscritos, destes 120 foram para a etapa distrital e 60 estão na etapa municipal. A cada ano a nossa feira cresce mais", enfatizou.

Quem representou os alunos na abertura foi a aluna Maria Eduarda Amorim Lima, do 7º ano da Escola Municipal Aldaci Barbosa, no Edson Queiroz (Distrito da Educação 2). Ela participou da feira em 2018 e, neste ano, representou a Secretaria Municipal da Educação (SME) na I Mostra Nacional de Feiras de Ciências, que ocorreu junto com a Feira de Tecnologias, Engenharia e Ciências, em julho, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

Na abertura, Maria Eduarda falou da experiência de iniciar no universo da pesquisa científica ainda na educação básica e se apresentar em um evento nacional. “Ter participado da feira foi uma experiência muito legal. Quando soube que ia pra longe apresentar o meu trabalho fiquei bem feliz. Em Mato Grosso, fiz amigos de outros lugares e foram dias inesquecíveis. Agradeço meu professor que me incluiu no trabalho e minha mãe que sempre me apoiou. Digo que todos somos capazes. É difícil, mas basta a gente acreditar”, discursou.

Participaram da cerimônia de abertura também o diretor da Seara da Ciência, Ilde Guedes, coordenadores dos Distritos da Educação, equipes da SME e demais profissionais da Rede Municipal.

Experiência
Na visão do professor da Rede Municipal Diego Rodrigues, a feira é uma forma de valorizar a produção de conhecimento das escolas municipais. Ele ressalta o valor da experiência para os alunos de se apresentar na Seara da Ciência. "A maior parte dos alunos pouco conhece a universidade. A feira é uma oportunidade de inserir os estudantes logo cedo no meio acadêmico. Além dos trabalhos produzidos nas escolas serem valorizados. Afinal, produzir conhecimento em uma instituição pública é um desafio. Estou feliz de participar deste momento com os alunos", comenta.

Feira
A Feira de Ciências e Cultura de Fortaleza é realizada pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), e conta com a parceria da Seara da Ciência e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O evento promove o intercâmbio cultural e científico entre os estudantes, incentivando a criatividade, inovação e letramento científico.

Publicado em Educação

Logo marca do #EunoIFCE

A Prefeitura de Fortaleza realiza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), neste sábado (10/08), às 8h, o quarto aulão do projeto #EUNOIFCE, que tem por objetivo fortalecer os conhecimentos e habilidades exigidas no processo seletivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

A ação, desenvolvida por meio da Coordenadoria de Ensino Fundamental/Célula de Desenvolvimento Curricular, Distritos de Educação e Unidades Escolares e em parceria com os professores da rede municipal de ensino e do Projeto Integração Turmas Avançadas, tem como público os estudantes do 9º ano e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA IV).

Os aulões acontecem em polos por Distrito de Educação e em todas a unidades escolares que atendem ao público alvo dessa ação pedagógica. Os estudantes participarão de aulas dos seguintes componentes curriculares: Língua Portuguesa, Produção Textual, Matemática, Química, Física, Biologia, História e Geografia.

#EuNoIFCE

O projeto #EuNoIFCE faz parte do Aprender Mais, iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), voltado aos estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental. Além de acompanhar e direcionar os alunos em todas as fases do processo seletivo do IFCE em diferentes etapas, da emissão dos documentos ao processo de efetivação da matrícula, o Aprender Mais também tem como foco uma melhor preparação dos alunos para o Ensino Médio, por meio do projeto #PartiuEnsinoMédio, e para avaliações externas como o Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (Spaece).

Confira abaixo os polos de cada Distrito de Educação para o aulão deste sábado:

- Distritos de Educação 1 e 3
Auditório Eng. Cândido Pamplona do Centro de Tecnologia – UFC / Campus do Pici, Bloco 712 (Av. Humberto Monte, s/n - Pici)

- Distrito de Educação 2
Casa José de Alencar (Av. Washington Soares, 6055 - José de Alencar)

- Distrito de Educação 4
ETI Filgueiras Lima (Av. dos Expedicionários, 3910 - Jardim América)

ETI Hildete Brasil de Sá Cavalcante (Rua E, s/n - Conj. Arvoredo - Mondudim)

- Distrito de Educação 5
ETI Maria José Ferreira Gomes (Rua Cônego de Castro, 8617 - Parque Presidente Vargas)

- Distrito de Educação 6
ETI Maria Odete da Silva Colares (Rua Coronel João de Oliveira, 687 - Messejana)

Publicado em Educação