03 de setembro de 2018 em Infraestrutura

Prefeito Roberto Cláudio visita obras do IJF2 e do Vila do Mar

O andar térreo do Hospital será entregue em setembro para receber os primeiros pacientes


prefeito roberto cláudio conversa com duas operárias da obra do IJF
Atualmente, cerca de 45% da obra está pronta e a entrega total está prevista para o final de 2019
O prefeito Roberto Cláudio, acompanhado das secretárias da Saúde, Joana Maciel, e da Infraestrutura, Manoela Nogueira, visitou nesta segunda-feira (03/09), as obras do Instituto Doutor José Frota 2.

O térreo da unidade que contém 59 leitos está em fase final de acabamento para, ainda em setembro, iniciar o atendimento aos pacientes e, assim, zerar os leitos de corredor do Hospital.

“Essa é uma obra de grande valor humano em virtude da importância regional do IJF, já que ele recebe pacientes de todo o Ceará. A entrega colocará fim a angústia e a desumanidade das pessoas que passam dias a espera de uma cirurgia ou internamento em condições ideais”, pontuou Roberto Cláudio.

Do total de pacientes atendidos na unidade, cerca de 51% são da Região Metropolitana e interior do Estado e 49% são de Fortaleza. A previsão é de que até o final do ano, o primeiro andar do IJF2 também seja entregue totalizando assim, cerca de 130 leitos que contribuirão para aumentar a capacidade clínica e cirúrgica do hospital, especialmente na urgência e emergência.

Atualmente, cerca de 45% da obra está pronta e a entrega total está prevista para o final de 2019. Os próximos serviços incluem a finalização das instalações, do elevador e da passarela que interliga as duas unidades. Quando concluída a intervenção, serão ao todo 664 leitos, além de novas salas cirúrgicas e central de exames especializados.

Só em leitos de UTI (Unidades de Terapia Intensiva), o acréscimo será de 91%. Em leitos de pós-operatório, o aumento será de 82%. As enfermarias também serão reforçadas com uma ampliação de 41% no número de leitos.

O IJF2 é resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado. A unidade amplia em 13.237m² o complexo hospitalar. Dotado de cinco pavimentos, o novo prédio terá duas guaritas, estacionamentos em subsolo, área de convivência, enfermarias, UTIs, Centros Cirúrgicos e salas de recuperação pós-anestésica. A estrutura também permitirá a instalação dos novos serviços de Ressonância Magnética e Hemodinâmica, hoje inexistentes no IJF e de grande importância para o tratamento de vítimas de traumas graves.

Em paralelo a obra, 591 novos profissionais de saúde irão compor o quadro do IJF2. As equipes multiprofissionais serão reforçadas com cargos de nível superior e técnico.

várias pessoas andando no meio de um canteiro de obras
As 240 unidades da primeira etapa do Vila do Mar serão entregues em outubro

Vila do Mar

Em seguida, o prefeito Roberto Cláudio visitou as obras habitacionais do Vila do Mar III, projeto do antigo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). As 240 unidades da primeira etapa do empreendimento serão entregues em outubro. No fim do ano, os outros 260 apartamentos também ficarão prontos. O conjunto habitacional reassentará famílias da área de risco do litoral Oeste da Cidade.

Prefeito Roberto Cláudio visita obras do IJF2 e do Vila do Mar

O andar térreo do Hospital será entregue em setembro para receber os primeiros pacientes

prefeito roberto cláudio conversa com duas operárias da obra do IJF
Atualmente, cerca de 45% da obra está pronta e a entrega total está prevista para o final de 2019
O prefeito Roberto Cláudio, acompanhado das secretárias da Saúde, Joana Maciel, e da Infraestrutura, Manoela Nogueira, visitou nesta segunda-feira (03/09), as obras do Instituto Doutor José Frota 2.

O térreo da unidade que contém 59 leitos está em fase final de acabamento para, ainda em setembro, iniciar o atendimento aos pacientes e, assim, zerar os leitos de corredor do Hospital.

“Essa é uma obra de grande valor humano em virtude da importância regional do IJF, já que ele recebe pacientes de todo o Ceará. A entrega colocará fim a angústia e a desumanidade das pessoas que passam dias a espera de uma cirurgia ou internamento em condições ideais”, pontuou Roberto Cláudio.

Do total de pacientes atendidos na unidade, cerca de 51% são da Região Metropolitana e interior do Estado e 49% são de Fortaleza. A previsão é de que até o final do ano, o primeiro andar do IJF2 também seja entregue totalizando assim, cerca de 130 leitos que contribuirão para aumentar a capacidade clínica e cirúrgica do hospital, especialmente na urgência e emergência.

Atualmente, cerca de 45% da obra está pronta e a entrega total está prevista para o final de 2019. Os próximos serviços incluem a finalização das instalações, do elevador e da passarela que interliga as duas unidades. Quando concluída a intervenção, serão ao todo 664 leitos, além de novas salas cirúrgicas e central de exames especializados.

Só em leitos de UTI (Unidades de Terapia Intensiva), o acréscimo será de 91%. Em leitos de pós-operatório, o aumento será de 82%. As enfermarias também serão reforçadas com uma ampliação de 41% no número de leitos.

O IJF2 é resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado. A unidade amplia em 13.237m² o complexo hospitalar. Dotado de cinco pavimentos, o novo prédio terá duas guaritas, estacionamentos em subsolo, área de convivência, enfermarias, UTIs, Centros Cirúrgicos e salas de recuperação pós-anestésica. A estrutura também permitirá a instalação dos novos serviços de Ressonância Magnética e Hemodinâmica, hoje inexistentes no IJF e de grande importância para o tratamento de vítimas de traumas graves.

Em paralelo a obra, 591 novos profissionais de saúde irão compor o quadro do IJF2. As equipes multiprofissionais serão reforçadas com cargos de nível superior e técnico.

várias pessoas andando no meio de um canteiro de obras
As 240 unidades da primeira etapa do Vila do Mar serão entregues em outubro

Vila do Mar

Em seguida, o prefeito Roberto Cláudio visitou as obras habitacionais do Vila do Mar III, projeto do antigo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). As 240 unidades da primeira etapa do empreendimento serão entregues em outubro. No fim do ano, os outros 260 apartamentos também ficarão prontos. O conjunto habitacional reassentará famílias da área de risco do litoral Oeste da Cidade.